A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A B c D E f G h i J K L M n O p Q R s T U v X Z Marketing Pessoal para Corretores.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A B c D E f G h i J K L M n O p Q R s T U v X Z Marketing Pessoal para Corretores."— Transcrição da apresentação:

1

2 A B c D E f G h i J K L M n O p Q R s T U v X Z Marketing Pessoal para Corretores

3  Definindo e distinguindo Marketing Pessoal  Dimensões do Indivíduo  Planejamento Estratégico de Marketing Pessoal ou Plano de Desenvolvimento Pessoal para Corretores

4 Nossa sociedade, baseada na competição torna – se desumana, excludente, visto que em seus fundamentos está a negação do outro, o fechamento para a possibilidade de partilha, de solidariedade e de ascensão de todas as pessoas. Nesta sociedade, a felicidade é um direito restrito e o futuro da humanidade, incerto. (Robson Santarém)

5 Pesquisa da fundação Dom Cabral feita com 952 profissionais das 500 maiores empresas indicou a maior angústia dos executivos: A busca do equilíbrio entre vida profissional e familiar!

6 “A crescente incoerência entre os ideais e valores pessoais e o tradicional processo de exploração no mundo dos negócios vem levando um número cada vez maior de profissionais de responsabilidade a questionar antigos pressupostos e comportamentos, na defesa de sua integridade e de seu respeito por si mesmos.” John Renesch

7 Modelos Mentais Modelos mentais são pressupostos profundamente arraigados, generalizações, ilustrações, imagens ou histórias que influem na nossa maneira de compreender o mundo e nele agir. (Peter Senge) Privilegia-se o material e o racional e negligencia-se a dimensão emocional e espiritual; Privilegia-se o econômico e despreza-se os valores éticos que fundamentam a convivência; Não se aprende a juntar os saberes, a integrar e a contextualizar; Deixa-se de ser sujeito para ser objeto

8 Equívoco: marketing pessoal não é um aprendizado de Etiqueta Pessoal. Etiqueta, comportamento educado é importante; o que usar no momento certo, postura, tudo ok, mas isso faz parte da “embalagem”. Embalagem sem conteúdo, sem consistência, sem estratégia não resiste às intempéries do mercado, da concorrência, da exigência do novo Consumidor. Você se sentiria constrangido ao se considerar, se tratar como um “PRODUTO” ? MARCA? EMPRESA? O FOCO DO MARKETING PESSOAL É O SUCESSO, ou seja, o AJUSTAMENTO PERFEITO DO INDIVÍDUO EM SUA FORMA, CONSISTÊNCIA, COERÊNCIA. Por isso, aplicamos as estratégias do marketing para a melhoria do VOCÊ S.A

9 “O fenômeno celebridade tem se espalhado por todos os setores da nossa vida. Tão grande é o valor da visibilidade que a produção e o marketing de imagens atingem agora o mundo dos executivos, os profissionais do entretenimento, a religião, as artes, a política, a sociedade científica, a medicina e o direito. Visibilidade é o que todo executivo principiante quer e o que todo profissional desconhecido almeja...” Philip Kotler

10  VOCÊ é um produto que atende a alguma demanda de mercado?  Que mercado é esse? Que demanda é essa? Quem é o seu público?  VOCÊ se sente confortável em promover suas qualidades?  Qual o seu valor de mercado?

11 O que faz o marketing pessoal? Utilizando as ferramentas mercadológicas auxilia o profissional a avaliar-se e ressignificar-se constantemente, buscando superação e excelência em tudo o que realiza... O que faz o marketing pessoal? Utilizando as ferramentas mercadológicas auxilia o profissional a avaliar-se e ressignificar-se constantemente, buscando superação e excelência em tudo o que realiza...

12 MARKETING PESSOAL Aumentar a aceitação e fortalecer a imagem de uma pessoa pelo público em geral ou por determinado segmento deste público. Projetar uma imagem de marca em relação a você mesmo, tomando a si próprio como se fora um produto ou serviço. Fazer de você uma MARCA, MAIS QUE CONHECIDA: RECONHECIDA! Todo profissional de sucesso cria uma MARCA PESSOAL NO UNIVERSO onde atua. Essa MARCA é o patrimônio individual único, que deve ser cuidado, pois não basta PARECER. Tem que SER.

13 Se...Marketing não é celebrização... Marketing não é solução milagrosa... Marketing não é apenas vendas... Marketing não é apenas propaganda... Logo, marketing pessoal é Desenvolver-se contínua e arduamente para afirmar ao mundo quem você é, o que você faz e o que pretende, tornando-se “top of mind” em seu círculo de atuação. Não deixe sua Marca formar-se acidentalmente!

14 Segundo Dulce Magalhães, “Não é divulgar uma imagem melhor de nós mesmos, mas nos tornarmos pessoas melhores...”

15 “O tamanho do sucesso está diretamente relacionado com nossa imagem pessoal. Independente de nossa idade, cargo ocupado ou função desempenhada, o marketing pessoal é ferramenta indispensável para a concretização do nosso projeto de vida.” Daniel Godri O objetivo é alcançar o sucesso. Mas o que é sucesso para você?

16 Aspectos a considerar do VOCÊ SA: Pontos fortes x pontos fracos Posicionamento Valores (Quais dimensões da vida eu considero mais?) Conhecimentos, Habilidades e Atitudes Imagem Pessoal Planejamento (foco no caminho)

17 Nós precisamos encontrar RAZÃO E SENTIDO para o que fazemos Estou fazendo a diferença? Estou fazendo algo que valha a pena? Ou estou vivendo no “piloto automático?”

18 FAZER o quê? SER o quê? ESTAR onde? Quando? Como? 1. Qual é o propósito e razão de ser da MINHA VIDA? 2. Quais valores dirigem MEU COMPORTAMENTO? LUCRO CRESCIMENTO PRESTÍGIO FELICIDADE SUCESSO

19 A PROPOSTA É CONSCIÊNCIA, INTEGRIDADE E SUCESSO PRIMEIRA PREMISSA: Cada pessoa é a melhor especialista sobre sua própria vida pessoal e profissional, porque só ela sabe quem ela quer e pode ser! SEGUNDA PREMISSA: Todas as pessoas são criativas, habilidosas, completas, porque a natureza NÃO cria lixo!

20 A chave: 1) Buscar equilíbrio entre os pilares que te sustentam: o Valores Familiares o Carreira e Vocação o Saúde e qualidade de Vida o Cultura e Lazer o Pertencer a um grupo ou comunidade o Bens materiais o Mente e espírito 2) Identificar os valores que são representativos para você: Dimensões: espiritual, familiar, mental, social-pessoal, física, profissional e financeira.

21 QUAL MINHA MISSÃO? ONDE QUERO CHEGAR? O QUE EM MINHA VIDA ESTÁ INCOMPLETO? O QUE FALTA PARA EU ME SENTIR REALIZADO? O QUE ainda PRECISO APRENDER? O QUE EU FARIA SE NÃO TIVESSE MEDO? QUAL O MEU LEGADO? 3) Traçar um plano de desenvolvimento pessoal respondendo às questões:

22 O que eu quero é POSSÍVEL! Eu sou CAPAZ! EU MEREÇO! No que realmente você acredita?

23 Valores Valores lhe auxilia na orientação, motivação e determinação de suas metas. Deve-se identificar quais os seus VALORES. São os VALORES o combustível das metas. É o que te dá energia para alcançá-las. As metas te levam do ESTADO ATUAL para o ESTADO DESEJADO. A mudança só acontece na AÇÃO: você sai com tarefas para serem realizadas.

24 PLANEJAMENTO: Estabelecer metas SMARTS ESspecíficas Mensuráveis Alcançáveis Relevantes. Temporais Positivas

25 QUESTIONAMENTO PODEROSO! O que te motiva? O que te impede? Como esse objetivo vai afetar sua vida? E sua ecologia? Quais os ganhos e as perdas? Os recursos que já disponho e os recursos que vou precisar; O que vou fazer para chegar lá?

26 Administração do tempo – quais os meus “ladrões” de tempo? Definir prioridades; Planeje-se para agir! Terceirize!

27 Toda ação inicia-se por uma palavra pensada; O foco é o que faz você se sentir bem ou mal: mude o estado! Você escolhe: focar na lata de lixo ou no vaso de flores! Toda crença torna-se em uma profecia auto-realizadora: você pode FUGIR DO NEGATIVO OU BUSCAR O POSITIVO. A ESCOLHA DA FRASE JÁ FAZ A DIFERENÇA! NÃO IMPORTA O QUE ACONTECE COM VOCÊ, MAS SIM, O QUE VOCÊ FAZ COM ISSO!

28 Competências empreendedoras Independência e auto-confiança! A CONFIANÇA EM SI MESMO É O PRIMEIRO SEGREDO DO SUCESSO! (EMERSON) Liderança PAIXÃO

29 CORPO PALAVRAS LINGUAGEM PENSAMENTO FOCO: ATENÇÃO E INTENÇÃO ESTADO EMOCIONAL CRENÇAS E VALORES A tétrade

30 TER FAZER SER CONSCIÊNCIA SUCESSO INTEGRIDADE QUERER é muito bom, mas o FAZER me leva a TER! O QUE É PRECISO:

31 1. Como estou? 2. O que desejo? 3. O que vou fazer? 4. Como vou chegar lá? Como é a pessoa que eu gostaria de ser? Quem eu preciso ser? Para ser, eu preciso ser ÍNTEGRO, ou seja: integrar o que penso, o que falo e como ajo. FALO AJO PENSO

32 QUAIS OS ASPECTOS EM QUE EU NÃO ESTOU EM INTEGRIDADE? AUTO-GERENCIE-SE OU ENTÃO, PERCA ENERGIA!

33 COMO CRIAR VALOR E SE DIFERENCIAR? A maioria dos produtos e serviços começam a se tornar commodities e diferenciar-se da concorrência se dá em um campo “intangível” devido ao perfil do novo consumidor, com mais informação e expectativas maiores. Consumidores estão propensos a valorizarem mais a experiência obtida do que os atributos dos produtos e serviços consumidos. Todo ato de consumo envolve algum grau de experiência e será mais bem sucedido quem compreender que o processo tem que oferecer uma EXPERIÊNCIA ÚNICA A “Experience Economy” (Joseph Pine e James Gilmore, 1999; Alvin Toffler, 1971), aborda uma “indústria experimental” voltada a atender consumidores com tendência a destinar boa parte dos seus salários para viver experiências impressionantes.

34 CONTEÚDO - Desenvolva a sua essência! Saber Como se faz EU S.A. Saber fazer

35 Competências empreendedoras Ter iniciativa – comportamento proativo - e acabativa – habilidade de finalizar o que iniciou; Eficiência – fazer certo as coisas – e eficácia – fazer a coisa certa! Comprometimento! Honrar a palavra empenhada! Ousadia e correr riscos calculados Persistência e ambição! “A ambição é o caminho para o sucesso. A persistência, o veículo com o qual se chega lá!”

36 Criatividade! TER FOCO! Estabelecimento de metas Planejamento e monitoramento “Pessoas que falham em planejar, estão planejando falhar!” (GEORGE HEWELL) Administração do tempo: o que é urgente, o que é importante, o que é essencial? Competências empreendedoras Rede de contatos e persuasão

37

38 Quais são os comportamentos que eu posso: T - RANSFORMAR R - EALÇAR E - LIMINAR M - ANTER para gerar VALOR na minha vida?

39 Eficiência: Ênfase nos meios. Fazer corretamente as coisas. Resolver problemas. Salvaguardar recursos. Cumprir tarefas e obrigações. Treinar os subordinados. Manter as máquinas. Freqüentar a igreja. Rezar. Jogar futebol com arte. Eficácia: Ênfase nos resultados. Fazer as coisas certas. Atingir objetivos. Otimizar o uso de recursos. Obter resultados. Dar eficácia aos subordinados. Máquinas em funcionamento. Praticar valores religiosos. Ganhar o céu. Ganhar o jogo.

40 EMBALAGEM: O que você transmite às pessoas através de sua imagem? (neurolinguística) EU S.A.

41

42 Meu mapa tom de voz, ritmo, volume, silêncio, pausa, gestual, corporal emocional Valores e crenças Desejos e necessidades Ambiente externo conteúdo TRABALHAR O MAPA PERCEPTUAL!

43 COMUNICAÇÃO POSITIVA (CARACTERÍSTICAS DA PROATIVIDADE) - ATENÇÃO – para observar o todo e não perder os sinais; - SENSIBILIDADE – para “sentir o cliente, desenvolver rapport” -COMPROMISSO com o bem-estar do cliente e na entrega genuína do serviço; - OUSADIA E INOVAÇÃO, para sair da mesmice, do piloto automático e superar expectativas - INICIATIVA E ACABATIVA, para planejar, agir e finalizar a entrega do serviço; -BOM SENSO, para saber os limites – seu e de seu cliente.

44 COMUNICAÇÃO POSITIVA (INTERPESSOAL) - RAPPORT - ESCUTA ATIVA - EMPATIA -FEEDBACK - CANAIS DE COMUNICAÇÃO -PERGUNTAS DE EMPODERAMENTO

45 CUIDADO COM O MOMENTO DA VERDADE! A SATISFAÇÃO DO CLIENTE É UMA RELAÇÃO ENTRE EXPECTATIVA E PERCEPÇÃO. CUIDADO COM A PROMESSA! Só prometa o que pode cumprir; Certifique-se de que a promessa pode ser cumprida por você e com auxílio do seu cliente; Por segurança, dê sempre um prazo maior que o necessário para cumprir a entrega do serviço; Além do prometido, exceda! SEJA PRECISO – evite: eu acho, aproximadamente; talvez... ALINHE TODAS AS INFORMAÇÕES E CONFIRME (BACKTRACKING)

46 COMUNICAÇÃO POSITIVA (INSTITUCIONAL)  Logo  posicionamento e diferenciação ! Identifique qual o seu diferencial: qual habilidade, o que pode torná-lo único, exclusivo, admirado; Crie um estilo só seu, que fique marcado na lembrança das pessoas  Visibilidade: cartão de visita/website/redes sociais/ /boletim /papel Timbrado,  Eventos!  promoção do talento – produção de artigos, relações públicas  Mídia espontânea!

47 COMUNICAÇÃO POSITIVA (INSTITUCIONAL)  Rede de Contatos  Marketing de Relacionamento (CRM) e de Permissão  INDIQUE PARA SER INDICADO!  Recompense, premie, promova!

48 Comportamentos a empreender: Foco no cliente, na percepção, experiência. Só apresente o seguro até ter compreendido inteiramente as necessidades e objetivos do cliente; Assumir para si que você vende satisfação de necessidades, a expectativa de experiências de segurança e positividade e a solução de problemas; Realizar a ESCUTA ATIVA - ser mais um ouvinte ativo do que um falante ativo; Buscar diálogo e não monólogo; A apresentação do seguro deve se concentrar em aspectos que tenham alguma relação de importância para o cliente. Ao apresentar seus produtos, demonstre que os benefícios do seguro trarão solução para o cliente e certifique-se disso; Críticas e resistências dos clientes são sempre positivas na perspectiva do aprendizado sobre o cliente e na administração de objeções – lide com elas direta, objetiva e honestamente;

49 Comportamentos a empreender: Apresente sinais externos de um profissional “especialista” no seu negócio, mais com perfil técnico do que um vendedor – traga informações esclarecedoras, seguras que auxiliem no processo de tomada de decisão; torne-se num “influenciador” influente no processo de tomada de decisão de seus clientes; Aprofunde-se no domínio dos benefícios oferecidos pelos produtos correlacionando-os com as necessidades do cliente; Esteja sempre acessível e assuma que o MOMENTO DA VERDADE e o pós venda também é sua responsabilidade. O papel Consultor, orientador para aquisição de seguros e serviços relacionados. Opte pelo método centrado nas necessidades do cliente (ERA DA RELAÇÃO!): “Procuro conhecer os seus problemas e necessidades, para depois resolvê-los através dos benefícios que meus seguros e serviços oferecem”.

50 Levanto para vencer Sou movido a metas e objetivos Eu escolho as minhas atitudes Tenho controle sobre a minha vida Possuo foco Não desperdiço tempo Me supero todos os dias Privilegio as prioridades O medo não me domina Não desisto Tenho entusiasmo Todo dia aprendo algo

51 Agora, é reunir os recursos que você já possui; Organizá-los e... Tomar uma atitude!

52 MUITO OBRIGADA! (24)

53 Coaching Para performance, John Whitmore, Qualitymark. Coaching de Liderança, Marshall Goldsmith, Qualitymark. Líder Coach, Rhandy Di Stéfano, Qualitymark. Realidade Suplementar e a Arte de Curar, Zerca Moren, Agora. Coaching Evolutivo, Certificação Internacional, Incoaching. O poder da aprendizagem pela ação, Michael Marquardt, Senac. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS


Carregar ppt "A B c D E f G h i J K L M n O p Q R s T U v X Z Marketing Pessoal para Corretores."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google