A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Sessão Pública de Avaliação da Participação das Instituições no Projecto-Piloto Síntese e Recomendações Ano Lectivo 2005/2006.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Sessão Pública de Avaliação da Participação das Instituições no Projecto-Piloto Síntese e Recomendações Ano Lectivo 2005/2006."— Transcrição da apresentação:

1 Sessão Pública de Avaliação da Participação das Instituições no Projecto-Piloto Síntese e Recomendações Ano Lectivo 2005/2006

2 Grandes números em Acção Social no Ensino Superior…

3 Despesa Pública em Ensino e Acção Social Ano Despesa em educação (em % do PIB) Despesa total com ensino superior em (% do PIB) Despesa em ASE em % da Despesa total com Ensino Superior 19995,41,0212, ,41,0813, ,51,1311, ,31,379, ,31,297, ,01,338,5

4 Ano Despesa pública em ASE Despesa pública em bolsas de estudo % em bolsas % % % % % % % Despesa Pública em Acção Social

5

6 Enquadramento do Projecto Piloto A Lei do Financiamento estabeleceu um conjunto de princípios a que se deve subordinar a atribuição de bolsas de estudos a estudantes carenciados, determinando, quanto ao ensino superior não público, a sua extensão progressiva;

7 Enquadramento do Projecto Piloto Cabe à Direcção-geral do Ensino Superior através da Direcção de Serviços de Acção Social e do Fundo de Acção Social, de acordo com as suas atribuições orgânicas, “Gerir a atribuição de benefícios sociais aos estudantes do ensino superior não público”

8 Em 1997/1998 o projecto Piloto iniciou-se com 4 Instituições…. Instituto Superior de Gestão Universidade Autónoma de Lisboa Universidade Católica Portuguesa Universidade Lusíada

9 Em 2005/2006 o projecto Piloto envolve 33 Instituições….

10 Escola Superior Educação Almeida Garrett Instituto Estudos Superiores de Fafe Escola Superior Educação de Paula Frassinetti ISEIT – Almada Escola Superior Educação Jean Piaget Almada Escola Superior Educação J. Piaget de Canelas Instituto Superior Jean Piaget Viseu Instituto Superior Jean Piaget Nordeste Escola Superior Saúde Jean Piaget VN Gaia Escola Superior Saúde Ribeiro Sanches. Instituto Estudos Superiores de Contabilidade Escola Universitária de Artes de Coimbra - ARCA/EUAC Instituto Politécnico de Saúde do Norte (CESPU) Instituto Superior Bissaya Barreto Instituto Superior Administração e Gestão (ISAI e ISAG) Instituto Superior da Maia – ISMAI Instituto Superior de Gestão Instituto Superior Humanidades e Tecnologias Instituto Superior Línguas e Administração Instituto Superior de Línguas e Administração – Gaia Instituto Superior Psicologia Aplicada Beja Instituto Superior Psicologia Aplicada Lisboa Instituto Superior Saúde Alto do Ave Instituto Superior Serviço Social Porto Instituto Superior Miguel Torga Instituto Superior de Novas Profissões Universidade Autónoma de Lisboa Universidade Católica Portuguesa UCP -Centro Regional das Beiras UCP - Centro Regional de Braga UCP - Centro Regional do Porto UCP - Escola Superior de Biotecnologia UCP – Escola Superior de Biotecnologia (Caldas da Rainha) Universidade Fernando Pessoa – Porto Universidade Fernando Pessoa - P.Lima Universidade Lusíada de Lisboa Universidade Lusíada do Porto Universidade Lusíada de VN Famalicão Universidade Lusófona de Humanidade e Tecnologias Universidade Lusófona Porto Universidade Portucalense

11 Pontos Fortes…

12 Alguns dos pontos fortes do processo: Planeamento e gestão do processo de candidaturas através do sistema de gestão da qualidade (ISO 9001); Registo e aprovação de candidaturas on-line (ligação a um sistema central de todos os Serviços Académicos; Análise e introdução de candidaturas através de uma base de dados ligada em rede; Actualização de candidaturas on-line; Controlo e auditoria ao processo, através das visitas dos técnicos da DSAS e de mecanismos de formação continua; Pagamento electrónico das bolsas de estudo;

13 Condicionantes de sucesso…

14 sigilo e absoluto respeito pela legislação vigente para a protecção de dados pessoais; infra-estruturas que permitam aos técnicos realizar o seu trabalho com a confidencialidade e privacidade; os recursos informáticos e meios de comunicação;

15 recursos humanos suficientes para a boa prossecução do Projecto (prazos….) evidência objectiva do apoio de gestão de topo a este projecto, incluindo a disponibilização plena no projecto dos técnicos contratados para o efeito.

16 Desafios para amanhã…

17 Os desafios: Adaptação do sistema na sequência da implementação do “Processo de Bolonha”; A necessidade de internacionalização do sistema de ensino superior no contexto do espaço europeu de ensino; A evolução demográfica da população e os novos públicos;


Carregar ppt "Sessão Pública de Avaliação da Participação das Instituições no Projecto-Piloto Síntese e Recomendações Ano Lectivo 2005/2006."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google