A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Reforma Ortográfica. A partir de janeiro de 2009, passou a valer o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, que introduziu mudanças em nosso idioma escrito.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Reforma Ortográfica. A partir de janeiro de 2009, passou a valer o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, que introduziu mudanças em nosso idioma escrito."— Transcrição da apresentação:

1 Reforma Ortográfica

2 A partir de janeiro de 2009, passou a valer o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, que introduziu mudanças em nosso idioma escrito.

3 Acceite: a reforma é um facto Si você fosse um brasileiro do começo do século XX, iria a uma pharmácia de primeira ordem tomar uma injecção ou adquirir o bemfazejo Lytophan para rheumatismo, sciatica e inflammações. Com outros casaes, levaria as creanças a bellas praças (que tinham mais protecção que as de hoje) e leria contos de mysterio à noite. Si lhe caísse no colo um texto em português do século XXI, comprehendería quasi tudo, mas algumas cousas lhe seriam estranhas.

4 Como vê, de lá para cá muitas letras foram supprimidas. Na época, várias pêssoas achavam que as mundanças orthográficas não iriam funccionar e que, de immediato, alguém acabaria annunciando o retorno ao antigo systhema. Não foi assim. Alguns apellaram, perderam o somno, mas tiveram que acceital-as. Quem somos nós para censural-os? Elles enfrentaram uma reforma orthográfica bem maior que a actual. Por fim, todos escaparam illesos e sem mágua.

5 Esclarecimentos 1)Quantos e quais países falam Português? Há 8 países na CPLP (Comunidade dos países falantes da Língua Portuguesa): Brasil, Portugal, Angola, Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Timor Leste.

6

7 Esclarecimentos 2) Quais as diferenças básicas da ortografia usada no Brasil e em Portugal? Ortografia não pode ser confundida com sotaque, sentido ou estrutura.

8 Estava a conduzir meu automóvel numa azinhaga com um borracho muito gira ao lado, quando em havendo um bufete à frente convidei a chavala a um copo. Botei o chiante na berma e ornamos ao criado de mesa, uma sande de fiambre em carcaça eu, e ela um miau. O panasqueiro, um chalado de pinha, embora nos tratando nas palminhas, trouxe-nos a sande com a carcaça esturrada (e sem caganitas!) e, faltando-lhe o miau,deu-nos um prego duro.

9 Eu dirigia meu carro por um caminho de pedras tendo ao lado uma gata espetacular, quando vi uma lanchonete e convidei a mina pra tomar um drinque. Coloquei o carro no acostamento e pedimos ao garçom sanduíche de presunto com pão de forma eu, e ela sanduíche de lombinho. O gozador, muito louco, embora nos tratando muito bem, trouxe o sanduíche com o pão queimado (e sem azeitonas!) e, não tendo sanduíche de lombinho, trouxe um de churrasquinho duro.

10 Voltando: Existiam duas ortografias oficiais da língua portuguesa: a do Brasil e de Portugal. A norma portuguesa é a que servia de referência para o ensino de português em outros países. Egipto / objecto. econômico (escrita brasileira) é escrita e lida económico em Portugal.

11 3) Por que é preciso padronizar o português? A unificação pode trazer benefícios para a economia dos países que falam português?

12 4) O que é necessário para que ocorram mudanças na língua portuguesa?

13 5) Quais foram as reformas na língua portuguesa anteriormente? O que elas mudaram de essencial na ortografia?

14 1943: sábbado pharmacia cor / côr

15 6) O acordo para unificação foi proposto em Por que só foi aprovado agora?

16 7) O que ocorrerá com o corretor ortográfico dos computadores?

17

18

19 Mudanças Alfabeto As letras k, w e y passam a fazer parte do alfabeto oficial. Exemplos: km, w, show, playground

20 Mudanças O trema é extinto: ANTESDEPOIS seqüestrosequestro tranqüilotranquilo EXCEÇÃO: nomes próprios, como Müller.

21 Mudanças Acentos agudos Deixam de ser acentuadas as paroxítonas com os ditongos abertos “ei” e “oi”: ANTES DEPOIS idéiaideia jibóiajiboia heróicoheroico

22 Mudanças Porém, os ditongos abertos “ei”,“oi” e “eu” continua a ser acentuado em oxítonas ou monossílabas: herói papéis céu dói

23 Mudanças Deixam de ser acentuadas as paroxítonas que tenham “i” ou “u” tônico depois de um ditongo: ANTESDEPOIS feiúrafeiura (baiuca, boiuna...)

24 Mudanças Acentos circunflexos: Deixa de ser acentuado o hiato “oo”: ANTESDEPOIS vôovoo enjôoenjoo perdôoperdoo

25 Mudanças Deixa de ser acentuado o hiato “ee” nos verbos crer, dar, ler e ver e derivados: ANTESDEPOIS crêemcreem dêemdeem lêemleem vêemveem

26 Mudanças NO ENTANTO, nada muda na acentuação dos verbos ter, vir e seus derivados. Eles continuam com o acento no plural (eles têm, eles vêm).

27 Mudanças O acento diferencial deixa de ser usado nos seguintes casos: ANTESDEPOISpara (preposição) e pára (verbo)e para (verbo)

28 Mudanças ANTESDEPOIS pêlo (substantivo)pelo (substantivo)e pelo (preposição) Pólo/ polopolo/ polo Pêra/ perapera/ pera péla/ pelapela/ pela

29 Mudanças NO ENTANTO, obrigatoriamente continuarão recebendo o acento diferencial: pôr (verbo) e a preposição por; pôde (passado) também mantém o circunflexo para que não haja confusão com pode (o mesmo verbo no presente).

30 Mudanças O uso do acento diferencial será facultativo na oposição: fôrma/ forma.

31 Mudanças Casos do hífen: nunca houve regra fácil. Continua com alto grau de complexidade. Compare (ver diferença entre radical e prefixo): guarda-chuva couve-flor anti-semita auto-ajuda

32 Mudanças O hífen continua com os prefixos: além aquém recém sem exvice préprópós além-mar, recém-casado, sem-vergonha, ex-presidente, vice-diretor, pré-escola, pós-graduação.

33 Mudanças O hífen deixa de ser usado quando o PREFIXO termina em vogal e a segunda parte da palavra composta começar com “r” ou “s”: ANTESDEPOIS contra-regracontrarregra anti-socialantissocial

34 Mudanças anti-religiosoantirreligioso anti-semitaantissemita ante-salaantessala ultra-românticoultrarromântico contra-sensocontrassenso

35 Exceção: O hífen permanece nos compostos em que os prefixos super, hiper e inter aparecem combinados com elementos iniciados em r: hiper-rancoroso inter-racial super-revista

36 Mudanças O hífen também deixa de ser usado quando a vogal que encerra a primeira parte da palavra for diferente da vogal que inicia a segunda: ANTESDEPOIS auto-escolaautoescola extra-oficialextraoficial

37 Mudanças ANTESDEPOIS auto-estrada autoestrada auto-ajudaautoajuda auto-estimaautoestima infra-estrutura infraestrutura semi-ocular semiocular

38 Mudanças O hífen passa a ser usado quando a mesma vogal encerra a primeira parte da palavra e inicia a segunda: ANTES DEPOIS microondas micro-ondas antiinflamatório anti-inflamatório

39 Mudanças ANTES DEPOIS microorgânico micro-orgânico arquiinimigo arqui-inimigo

40 Mudanças EXCEÇÕES: prefixo “co” e palavras iniciadas por “o”: coordenar/ cooperar

41 Mudanças A palavra pára-quedas passa a se escrever paraquedas, sob a alegação que já se perdeu sua noção de composição. Pára-brisa e pára-choque conservam o hífen, mas perdem o acento: para-brisa, para-choque.

42 O que muda em Portugal Desaparecem o c e o p das palavras em que essas letras não são pronunciadas.

43 Meu para contato: Obrigada!


Carregar ppt "Reforma Ortográfica. A partir de janeiro de 2009, passou a valer o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, que introduziu mudanças em nosso idioma escrito."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google