A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Introdução.  Conceito ◦ É a interligação de micros e periféricos para permitir o compartilhamento de recursos (informações, programas, arquivos, banco.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Introdução.  Conceito ◦ É a interligação de micros e periféricos para permitir o compartilhamento de recursos (informações, programas, arquivos, banco."— Transcrição da apresentação:

1 1 Introdução

2  Conceito ◦ É a interligação de micros e periféricos para permitir o compartilhamento de recursos (informações, programas, arquivos, banco de dados, etc...)  Finalidade ◦ De um modo geral, a necessidade de implantação de uma rede de computadores, começa com o simples desejo de compartilhar uma única impressora entre dois PCs ou de mover um arquivo de uma pessoa para outra sem ter de gravá-lo em uma mídia e e levá-lo pessoalmente a seu destino. 2

3 3

4  Economia (recursos de dados e equipamentos)  Facilidade de uso  Produtividade  Confiabilidade (segurança)  Replicação 4

5 Ponto-a-Ponto e Cliente Servidor  Ponto-a-Ponto ◦ Usada em redes pequenas ◦ Baixo custo ◦ Fácil implementação ◦ Baixa segurança ◦ Não existe administrador de Redes 5

6 Ponto-a-Ponto e Cliente Servidor  Cliente Servidor ◦ Usada normalmente em redes com mais de 10 micros ou redes pequenas que necessitem de alto grau de segurança. ◦ Custo maior que o de redes ponto-a-ponto ◦ Maior segurança ◦ Manutenção Centralizada - > Administrador ◦ Existência de Servidores -> micros capazes de oferecer recursos aos demais micros da rede como impressão, armazenamento de arquivos, etc. 6

7  REDES LOCAIS (Local Area Networks – LANs) ◦ Permite a interconexão e equipamentos de comunicação de dados numa pequena região.  Altas taxas de transmissão  Baixas taxas de erros  Propriedade privada  Geograficamente limitadas 7

8  REDES METROPOLITANAS (Metropolitan Area Networks - MANs) ◦ Quando a distância entre os vários módulos processadores começa a atingir distâncias metropolitanas, chamamos esses sistemas não mais de Redes Locais, mas de redes metropolitanas (MANs).  Restrita a uma área metropolitana.  Geralmente privada. 8

9  Redes Geograficamente Distribuídas (Wide Area Networks - WANs) ◦ Por terem um custo bastante elevado, tais redes são em geral públicas, isto é, o Sistema de Comunicação, é mantido e gerenciado por grandes operadoras.  Meios de Transmissão (satélite, linhas telefônicas, microondas)  Custo elevado. 9

10  Podemos dizer que, a estrutura de comunicação entre vários processadores é um “arranjo topológico” ligado por enlace físico e organizados por regras claras de comunicação, os protocolos.  A topologia física é muitas vezes confundida com a topologia lógica. Podemos ter topologia lógica em anel mas ligados fisicamente em estrela (usando um concentrador denominado MAU). Essas combinações são possíveis principalmente devido aos equipamentos que dispomos hoje no mercado. 10

11  O canal é compartilhado entre todos os nós de rede. Quando um estação envia um sinal, este propaga-se em ambos os sentidos, atingindo todos os nós até chegar à extremidade do cabo. Essa topologia é considerada a mais simples e econômica. ◦ Vantagens:  Usa a menor quantidade possível de cabo  Fácil de incluir ou excluir um NÓ  Sem o armazenamento intermediário ◦ Desvantagens  É difícil identificar e isolar as falhas 11 Barramento

12  As máquinas são ligadas umas às outras formando um círculo, onde o tráfego de dados é percorrido pelos cabos. São capazes de transmitir e receber dados em qualquer direção, mas as configurações mais usuais são unidirecionais.  Vantagens: ◦ Menor consumo de cabos  Desvantagens: ◦ A falha de um único nó interrompe toda a rede. ◦ É difícil diagnosticar os problemas. 12 Anel

13  Cada nó é ligado a um concentrador (Hub), que transmite o sinal a todas as estações.  Vantagem: ◦ Fácil localização e reparos de erros. ◦ Fácil de incluir ou excluir um NÓ.  Desvantagem: ◦ Uma falha no nó central afeta toda rede. ◦ Maior consumo de cabos. 13 Estrela

14  Aproveitam as vantagens das demais topologias.  Exemplos de configuração: ◦ Anel-Estrela ◦ Barramento-Estrela ◦ Estrela-Anel 14 Híbrida

15  Windows Server 2003 – Senac  Guia Internet de Conectividade – Editora SENAC  Windows Server 2003 – Curso Completo – Julio Battisti       15


Carregar ppt "1 Introdução.  Conceito ◦ É a interligação de micros e periféricos para permitir o compartilhamento de recursos (informações, programas, arquivos, banco."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google