A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Escola Secundária com de S. João da Talha Psicologia 2011/2012 Tema 1 Genética Cérebro  Notas de síntese.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Escola Secundária com de S. João da Talha Psicologia 2011/2012 Tema 1 Genética Cérebro  Notas de síntese."— Transcrição da apresentação:

1 Escola Secundária com de S. João da Talha Psicologia 2011/2012 Tema 1 Genética Cérebro  Notas de síntese

2  O processo de construção do conhecimento resulta da articulação entre factores físico-biológicos e histórico- -culturais.  O modo como agimos e reagimos em diferentes situações resulta do contributo articulado e integrado de diversos factores.. Escola Secundária com de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

3  Vamos começar pelos factores biológicos, nomeadamente: 1.A hereditariedade; 2.O sistema nervoso. Escola Secundária com de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

4 Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/ A HEREDITAREDADE  A hereditariedade define-se como a totalidade de características e comportamentos biologicamente transmitidos pelos pais à sua descendência [a ciência que estuda o fenómeno da hereditariedade denomina-se Genética];  Cada um de nós começa por ser um ovo, isto é, uma primeira célula resultante da fecundação do óvulo pelo espermatozóide;

5 Como as demais células o ovo compõe-se de citoplasma e núcleo, no interior do qual se encontram os cromossomas. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

6 Os cromossomas transportam os genes (segmentos de ADN) Estes são a unidade biológica elementar que contém a informação necessária para codificar as nossas características. Os genes dividem-se em gene dominante e gene recessivo: Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

7  O gene recessivo é aquele que só produz efeito quando está presente nos dois cromossomas do par. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012  O gene dominante é aquele que produz efeito mesmo que esteja presente em apenas um dos cromossomas do par;

8 Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

9 Ao conjunto das características físicas e comportamentais que se manifestam como resultado do genótipo em interacção com o meio chama-se fenótipo. Ao conjunto dos genes que constituem o património hereditário de cada indivíduo chama-se genótipo. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

10  O programa genético do ser humano não é fechado como o da generalidade dos animais, isto é, os nossos comportamentos definem-se pela interacção entre o património genético, o meio ambiente e a disponibilidade para a aprendizagem.  O nosso programa genético é aberto e caracteriza- -se pela neotenia, isto é mantemos características juvenis, mesmo na idade adulta, o que nos permite aprender continuamente. Diz-se que somos inacabados biologicamente e tal inacabamento é a nossa vantagem face aos outros animais. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

11 2. O SISTEMA NERVOSO CENTRAL O Sistema Nervoso é uma complexa rede de células nervosas ligadas por circuitos neurais, distribuída por todo o corpo. Numa interacção perfeita com o sistema endócrino e imunológico, executa a maior parte das funções de regulação do organismo. Distingue-se por uma parte nervosa central, formada pelo encéfalo e medula espinal. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

12 O neurónio  Os neurónios são as unidades estruturais do sistema nervoso. São caracterizadas por possuírem um corpo celular, numerosos prolongamentos (dendrites) e um axónio (prolongamento mais longo que as dendrites, revestido por uma bainha de mielina). Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

13 As dendrites das células nervosas servem para estabelecer ligações com outras células, possibilitando a transmissão de impulsos electroquímicos – sinapses. Quanto maior o número de sinapses e quanto mais estimulado o encéfalo, mais ligações nervosas existirão e maior será a sua capacidade de crescer, transformar-se e funcionar. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

14 O Encéfalo O encéfalo pode dividir-se em três porções: o encéfalo posterior, encéfalo anterior e o encéfalo médio. Do encéfalo posterior, fazem parte o bolbo raquidiano e o cerebelo. O encéfalo anterior integra o tálamo, o hipotálamo e o sistema límbico. O sistema activador reticular constitui o encéfalo médio. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

15 Encéfalo Posterior Bolbo Raquidiano  O bolbo raquidiano é um pequeno órgão situado na cavidade occipital. Liga a medula espinal ao cerebelo e tem como funções o comando do ritmo cardíaco, respiração e pressão arterial. É também conhecido como cérebro primitivo. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

16 Cerebelo O cerebelo localiza-se atrás do tronco cerebral. Constituído por dois lobos laterais unidos, controla o equilíbrio, a motricidade voluntária e a coordenação de movimentos, memorizando exercícios repetidos. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

17 Encéfalo Anterior O tálamo, localizado na zona central do cérebro, é constituído por uma substância cinzenta. Lá, chegam a maior parte das fibras visuais, auditivas e tácteis, retransmitidas de imediato para as respectivas áreas do córtex cerebral. É responsável pela regulação do sono e dos estados de alerta. Tálamo Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

18 Hipotálamo  É formado por núcleos. Encontra-se sob o tálamo e em ligação à hipófise. Regula a temperatura do corpo, a fome, sede, circulação sanguínea e sistema endócrino. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

19 Sistema Límbico O sistema límbico é constituído pelo hipocampo, septo, amígdala e bolbo olfactivo e desempenha um papel importante nas emoções, motivações e no comportamento agressivo. O hipocampo converte a informação da memória de trabalho em memória de longo prazo, através de impulsos eléctricos, durante o sono R.E.M. (Rapid Eyes Movement), para o que necessita de uma média de oito horas diárias de sono. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

20  A amígdala, relacionada com a memória emocional, faz a triagem de toda a informação decidindo qual armazenar em memória de longo prazo. Para o seu bom funcionamento, é necessário o consumo mínimo de quatro copos de água diários. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

21 Encéfalo Médio Sistema Activador Reticular Estende-se por todo o tronco cerebral desde o bolbo raquidiano ao tálamo. É formado por uma fina rede de nervos, cuja função é despertar diversas áreas do cérebro para que estas possam descodificar os impulsos eléctricos e atribuir a resposta correcta. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

22 Está dividido em dois hemisférios. O hemisfério direito apreende os problemas no seu todo, não tem noção temporal, estando mais ligado ao domínio das artes (ritmo, espaço, sonhar acordado, …). Cérebro O hemisfério esquerdo lida apenas com partes do problema, tem noção de tempo, lógica, números, palavras e listas. Os dois hemisférios cerebrais encontram-se ligados pelo corpo caloso. O cérebro acomoda biliões de neurónios na sua região superficial – o córtex cerebral. Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

23 occipital (visão); temporal (audição); parietal (sensações); frontal (movimentos; elaboração do pensamento). Cada hemisfério apresenta quatro regiões ou lobos: Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012

24 Medula Espinal Escola Secundária de S. João da Talha Psicologia 2011/2012


Carregar ppt "Escola Secundária com de S. João da Talha Psicologia 2011/2012 Tema 1 Genética Cérebro  Notas de síntese."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google