A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

3º Domingo do Advento COLETA NACIONAL DA CAMPANHA PARA A EVANGELIZAÇÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "3º Domingo do Advento COLETA NACIONAL DA CAMPANHA PARA A EVANGELIZAÇÃO."— Transcrição da apresentação:

1

2 3º Domingo do Advento

3 COLETA NACIONAL DA CAMPANHA PARA A EVANGELIZAÇÃO

4 VIVEI SEMPRE ALEGRES

5 Irmãos e irmãs, a liturgia deste terceiro Domingo do Advento faz

6 uma pausa para um breve toque de alegria: é o chamado Domingo

7 “Gaudete” – Domingo da Alegria. O cristão é chamado a ser

8 sempre alegre, pois é na espera do Senhor que já antecipamos a

9 sua presença salvadora.Por isso, somos SIM felizes por já o termos em

10 nosso meio. Hoje, celebramos uma data muito feliz em nossa

11 Diocese de São José dos Campos: em festa e cheios de gratidão

12 façamos desta celebração preces e ação de graças a Deus pela

13 Ordenação Episcopal de nosso Bispo Dom Moacir

14 Silva. Iniciemos nossa celebração, cantando!

15

16 Canto de Entrada

17

18 Saudação

19 Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

20 A graça e a paz de Deus, nosso Pai,

21 e de Jesus Cristo, nosso Senhor,

22 estejam convosco.

23 Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo.

24

25 Ato Penitencial

26 No início desta celebração eucarística,

27 peçamos a conversão do coração,

28 fonte de reconciliação e comunhão

29 com Deus e com os irmãos e irmãs. (Silêncio)

30 Senhor, que vindes visitar vosso povo na paz,

31 tende piedade de nós.

32 Senhor, tende piedade de nós.

33 Cristo, que vindes salvar o que estava perdido,

34 tende piedade de nós.

35 Cristo, tende piedade de nós.

36 Senhor, que vindes criar um mundo novo,

37 tende piedade de nós.

38 Senhor, tende piedade de nós.

39 Deus todo- poderoso tenha compaixão de nós,

40 perdoe os nossos pecados

41 e nos conduza à vida eterna. Amém.

42

43 Hino de Louvor (omite-se)

44

45 Oração da Coleta

46 Ó Deus de bondade, que vedes o vosso povo

47 esperando fervoroso o natal do Senhor,

48 dai chegarmos às alegrias da Salvação

49 e celebrá-las sempre com intenso júbilo na solene liturgia.

50 Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,

51 na unidade do Espírito Santo.

52 Amém.

53

54 As leituras que vamos ouvir têm por finalidade nos transformar. Isso é ser cristão, pois,

55 Deus em sua Palavra nos chama e nos convida pela liberdade interior, e não há outro Deus

56 que se revela assim a nós. Ouçamos sua Palavra.

57

58 PRIMEIRA LEITURA Is 61,1-2a

59 Leitura do Livro do profeta Isaías:

60 1 O espírito do Senhor Deus está sobre mim,

61 porque o Senhor me ungiu;

62 enviou-me para dar a boa-nova aos humildes,

63 curar as feridas da alma,

64 pregar a redenção para os cativos

65 e a liberdade para os que estão presos;

66 2a para proclamar o tempo da graça do Senhor.

67 10 Exulto de alegria no Senhor

68 e minha alma regozija-se em meu Deus;

69 ele me vestiu com as vestes da salvação,

70 envolveu-me com o manto da justiça

71 e adornou-me como um noivo com sua coroa,

72 ou uma noiva com suas joias.

73 11 Assim como a terra faz brotar a planta

74 e o jardim faz germinar a semente,

75 assim o Senhor Deus fará germinar a justiça

76 e a sua glória diante de todas as nações.

77 Palavra do Senhor. Graças a Deus!

78

79 SALMO RESPONSORIAL Lc 1,

80 A minha alma se alegra no meu Deus.

81

82 1. A minha alma engrandece ao Senhor,

83 e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador,

84 pois ele viu a pequenez de sua serva,

85 desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita.

86 A minha alma se alegra no meu Deus.

87 2. O Poderoso fez por mim maravilhas,

88 e Santo é o seu nome!

89 Seu amor, de geração em geração,

90 chega a todos que o respeitam.

91 A minha alma se alegra no meu Deus.

92 3. De bens saciou os famintos

93 e despediu, sem nada, os ricos.

94 Acolheu Israel, seu servidor,

95 fiel ao seu amor.

96 A minha alma se alegra no meu Deus.

97

98 SEGUNDA LEITURA 1Ts 5,16-24

99 Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Tessalonicenses

100 Irmãos: 16 Estai sempre alegres!

101 17 Rezai sem cessar.

102 18 Dai graças em todas as circunstâncias, porque essa é a

103 vosso respeito a vontade de Deus em Jesus Cristo.

104 19 Não apagueis o espírito!

105 20 Não desprezeis as profecias,

106 21 mas examinai tudo e guardai o que for bom.

107 22 Afastai-vos de toda espécie de maldade!

108 23 Que o próprio Deus da paz nos santifique totalmente, e que tudo aquilo

109 que sois — espírito, alma e corpo — seja conservado sem mancha

110 alguma para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo!

111 24 Aquele que vos chamou é fiel; ele mesmo realizará isso.

112 Palavra do Senhor. Graças a Deus!

113

114 Aclamação ao Evangelho

115

116 EVANGELHO Jo 1,

117 O Senhor esteja convosco.

118 Ele está no meio de nós.

119 PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo † segundo João

120 Glória a vós, Senhor!

121 6 Surgiu um homem enviado por Deus; seu nome era João. 7 Ele veio como

122 testemunha, para dar testemunho da luz, para que

123 todos chegassem à fé por meio dele. 8 Ele não era a

124 luz, mas veio dar testemunho da luz.

125 19 Este foi o testemunho de João, quando os judeus enviaram de

126 Jerusalém sacerdotes e levitas para perguntar: “Quem és tu?”

127 20 João confessou e não negou.

128 Confessou: “Eu não sou o Messias”.

129 21 Eles perguntaram: Quem és, então? És tu

130 Elias?” João respondeu: “Não sou”. Eles perguntaram:

131 “És o Profeta?” Ele respondeu: “Não”.

132 22 Perguntaram então: “Quem és, afinal? Temos de levar uma resposta

133 para aqueles que nos enviaram. O que dizes de ti mesmo?”

134 23 João declarou: “Eu sou a voz que grita no deserto:

135 ‘Aplainai o caminho do Senhor’” — conforme disse o profeta Isaías.

136 24 Ora, os que tinham sido enviados pertenciam aos fariseus 25 e

137 perguntaram: “Por que então andas batizando, se

138 não és o Messias, nem Elias, nem o Profeta?”

139 26 João respondeu: “Eu batizo com água; mas no meio de vós

140 está aquele que vós não conheceis, 27 e que vem depois de mim. Eu não

141 mereço desamarrar a correia de suas sandálias”.

142 28 Isto aconteceu em Betânia, além do Jordão,

143 onde João estava batizando.

144 Palavra da Salvação.

145 Glória a vós, Senhor!

146 DEUS VEM PARA A ALEGRIA DOS POBRES!

147

148 Profissão de Fé (Símbolo apostólico)

149 Creio em Deus Pai todo- poderoso, criador do céu e da terra.

150 E em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor,

151 que foi concebido pelo poder do Espírito Santo; nasceu da Virgem Maria;

152 padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado.

153 Desceu à mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia,

154 subiu aos céus; está sentado à direita de Deus Pai todo- poderoso,

155 donde há de vir a julgar os vivos e os mortos.

156 Creio no Espírito Santo;

157 na Santa Igreja Católica; na comunhão dos santos;

158 na remissão dos pecados;

159 na ressurreição da carne;

160 na vida eterna. Amém.

161

162 Oração da Comunidade

163 1. “Eles virão a Sião cantando louvores, com infinita alegria brilhando em

164 seus rostos”. Vós que fizestes da Igreja a Nova Sião, fazei que

165 a nossa alegria se manifeste em preces de ação de graças pelo aniversário

166 de ordenação episcopal de Dom Moacir. Rezemos ao Senhor.

167 Venha a nós o vosso Reino!

168 2. “Irmãos, não vos queixeis uns dos outros”. Concedei-nos

169 viver a caridade para com todos, mesmo com quem nos for mais difícil,

170 para sermos fiéis à vossa Palavra. Rezemos ao Senhor.

171 Venha a nós o vosso Reino!

172 3. “É o Senhor quem protege o estrangeiro. Ele ampara a viúva e o órfão”. Não

173 permitais que os menos favorecidos sofram por nossa omissão,

174 mas fazei-nos instrumentos de vossa Providência

175 para eles. Rezemos ao Senhor.

176 Venha a nós o vosso Reino!

177 4. “O que fostes ver no deserto? um caniço agitado pelo vento”? Fazei

178 de todos os membros da vossa Igreja testemunhas de vosso Filho,

179 para que não se deixem levar pelos ventos das ideologias pagãs, mas se

180 fixem sempre na verdade, que é Cristo. Rezemos ao Senhor.

181 Venha a nós o vosso Reino!

182 5. “O Senhor é fiel para sempre”. Manifestai

183 vossa fidelidade aos nossos irmãos falecidos e

184 concedei-lhes ver vossa face. Rezemos ao Senhor.

185 Venha a nós o vosso Reino!

186

187 Apresentação das Oferendas

188

189 Orai, irmãos e irmãs

190 para que o nosso sacrifício

191 seja aceito por Deus Pai todo- poderoso.

192 Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício,

193 para glória do seu nome,

194 para nosso bem e de toda a santa Igreja.

195

196 Oração sobre as Oferendas

197 Possamos, ó Pai, oferecer- vos sem cessar

198 estes dons da nossa devoção,

199 para que, ao celebrarmos o sacramento que nos destes,

200 se realizem em nós as maravilhas da salvação.

201 Por Cristo, nosso Senhor.

202 Amém.

203

204 Prefácio do Advento II: A dupla espera de Cristo

205 O Senhor esteja convosco.

206 Ele está no meio de nós.

207 Corações ao alto.

208 O nosso coração está em Deus.

209 Demos graças ao Senhor, nosso Deus.

210 É nosso dever e nossa salvação.

211 Na verdade, é justo e necessário,

212 é nosso dever e salvação

213 dar-vos graças, sempre e em todo o lugar,

214 Senhor, Pai santo,

215 Deus eterno e todo-poderoso,

216 por Cristo, Senhor nosso.

217 Predito por todos os profetas,

218 esperado com amor de mãe pela Virgem Maria,

219 Jesus foi anunciado e mostrado presente no mundo

220 por São João Batista.

221 O próprio Senhor nos dá a alegria

222 de entrarmos agora no mistério do seu Natal,

223 para que sua chegada

224 nos encontre vigilantes na oração

225 e celebrando os seus louvores.

226 Por essa razão, agora e sempre,

227 nós nos unimos aos anjos e a todos os santos,

228 cantando (dizendo) a uma só voz:

229 Santo, Santo, Santo,

230 Senhor, Deus do universo!

231 O céu e a terra proclamam a vossa glória.

232 Hosana nas alturas!

233 Bendito o que vem

234 em nome do Senhor!

235 Hosana nas alturas!

236 Oração Eucarística III

237 Na verdade, vós sois santo, ó Deus do universo,

238 e tudo o que criastes proclama o vosso louvor,

239 porque, por Jesus Cristo,

240 vosso Filho e Senhor nosso,

241 e pela força do Espírito Santo,

242 dais vida e santidade a todas as coisas

243 e não cessais de reunir o vosso povo,

244 para que vos ofereça em toda parte,

245 do nascer ao pôr-do-sol,

246 um sacrifício perfeito.

247 Santificai e reuni o vosso povo!

248 Por isso, nós vos suplicamos:

249 santificai pelo Espírito Santo

250 as oferendas que vos apresentamos

251 para serem consagradas,

252 a fim de que se tornem

253 o Corpo e † o Sangue de Jesus Cristo,

254 vosso Filho e Senhor nosso,

255 que nos mandou celebrar este mistério.

256 Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

257 Na noite em que ia ser entregue,

258 ele tomou o pão,

259 deu graças, e o partiu

260 e deu a seus discípulos, dizendo:

261 TOMAI, TODOS, E COMEI:

262 ISTO É O MEU CORPO,

263 QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS.

264

265 Do mesmo modo,

266 ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos,

267 deu graças novamente,

268 e o deu a seus discípulos, dizendo:

269 TOMAI, TODOS, E BEBEI:

270 ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE,

271 O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA,

272 QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E POR TODOS

273 PARA REMISSÃO DOS PECADOS.

274 FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM.

275

276 Eis o mistério da fé!

277 Anunciamos, Senhor, a vossa morte

278 e proclamamos a vossa ressurreição.

279 Vinde, Senhor Jesus!

280 Celebrando agora, ó Pai,

281 a memória do vosso Filho,

282 da sua paixão que nos salva,

283 da sua gloriosa ressurreição

284 e da sua ascensão ao céu,

285 e enquanto esperamos a sua nova vinda,

286 nós vos oferecemos em ação de graças

287 este sacrifício de vida e santidade.

288 Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!

289 Olhai com bondade a oferenda da vossa Igreja,

290 reconhecei o sacrifício

291 que nos reconcilia convosco

292 e concedei que, alimentando- nos

293 com o Corpo e o Sangue do vosso Filho,

294 sejamos repletos do Espírito Santo

295 e nos tornemos em Cristo

296 um só corpo e um só espírito.

297 Fazei de nós um só corpo e um só espírito!

298 Que ele faça de nós uma oferenda perfeita

299 para alcançarmos a vida eterna

300 com os vossos santos:

301 a Virgem Maria, Mãe de Deus,

302 os vossos Apóstolos e Mártires, N. (o santo do dia ou o padroeiro)

303 e todos os santos,

304 que não cessam de interceder por nós

305 na vossa presença.

306 Fazei de nós uma perfeita oferenda!

307 E agora, nós vos suplicamos, ó Pai,

308 que este sacrifício da nossa reconciliação

309 estenda a paz e a salvação ao mundo inteiro.

310 Confirmai na fé e na caridade a vossa Igreja,

311 enquanto caminha neste mundo:

312 o vosso servo o papa N.,

313 o nosso bispo N.,

314 com os bispos do mundo inteiro,

315 o clero e todo o povo que conquistastes.

316 Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja!

317 Atendei às preces da vossa família,

318 que está aqui, na vossa presença.

319 Reuni em vós, Pai de misericórdia,

320 todos os vossos filhos e filhas

321 dispersos pelo mundo inteiro.

322 Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!

323 Acolhei com bondade no vosso reino

324 os nossos irmãos e irmãs que partiram desta vida

325 e todos os que morreram na vossa amizade.

326 Unidos a eles, esperamos também nós

327 saciar-nos eternamente da vossa glória,

328 por Cristo, Senhor nosso.

329 A todos saciai com vossa glória!

330 Por ele dais ao mundo

331 todo bem e toda graça.

332 Por Cristo, com Cristo, em Cristo,

333 a vós, Deus Pai todo-poderoso,

334 na unidade do Espírito Santo,

335 toda a honra e toda a glória,

336 agora e para sempre. Amém.

337

338 Rito da Comunhão

339 O Senhor nos comunicou o seu Espírito.

340 Com a confiança e a liberdade de filhos, digamos juntos:

341 Pai nosso que estais nos céus,

342 santificado seja o vosso nome;

343 venha a nós o vosso reino,

344 seja feita a vossa vontade,

345 assim na terra como no céu;

346 o pão nosso de cada dia nos dai hoje;

347 perdoai-nos as nossas ofensas,

348 assim como nós perdoamos

349 a quem nos tem ofendido;

350 e não nos deixeis cair em tentação,

351 mas livrai-nos do mal.

352 Livrai-nos de todos os males, ó Pai,

353 e dai-nos hoje a vossa paz.

354 Ajudados pela vossa misericórdia,

355 sejamos sempre livres do pecado

356 e protegidos de todos os perigos,

357 enquanto, vivendo a esperança,

358 aguardamos a vinda do Cristo Salvador.

359 Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!

360 Senhor Jesus Cristo,

361 dissestes aos vossos Apóstolos:

362 Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz.

363 Não olheis os nossos pecados,

364 mas a fé que anima vossa Igreja;

365 dai-lhe, segundo o vosso desejo,

366 a paz e a unidade.

367 Vós, que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo.

368 Amém.

369 A paz do Senhor esteja sempre convosco.

370 O amor de Cristo nos uniu.

371 Irmãos e irmãs, saudai-vos em Cristo Jesus.

372

373 Cordeiro de Deus,

374 que tirais o pecado do mundo,

375 tende piedade de nós.

376 Cordeiro de Deus,

377 que tirais o pecado do mundo,

378 tende piedade de nós.

379 Cordeiro de Deus,

380 que tirais o pecado do mundo, dai-nos a paz.

381 Eu sou a luz do mundo;

382 quem me segue não andará nas trevas,

383 mas terá a luz da vida.

384 Eis o Cordeiro de Deus,

385 que tira o pecado do mundo.

386 Senhor, eu não sou digno(a)

387 de que entreis em minha morada,

388 mas dizei uma palavra e serei salvo(a).

389

390 Canto da comunhão

391

392 Oração depois da Comunhão

393 Imploramos, ó Pai, vossa clemência

394 para que estes sacramentos

395 nos purifiquem dos pecados

396 e nos preparem para as festas que se aproximam.

397 Por Cristo, nosso Senhor.

398 Amém.

399

400 Bênção e Despedida

401 O Senhor esteja convosco!

402 Ele está no meio nós.

403 Que o Deus onipotente e misericordioso vos ilumine

404 com o advento do seu Filho,

405 em cuja vinda credes

406 e cuja volta esperais,

407 e derrame sobre vós as suas bênçãos.

408 Amém.

409 Que durante esta vida ele vos torne

410 firmes na fé, alegres na esperança,

411 solícitos na caridade.

412 Amém.

413 Alegrando-vos agora

414 pela vinda do Salvador feito homem,

415 sejais recompensados com a vida eterna,

416 quando vier de novo em sua glória.

417 Amém.

418 Abençoe-vos Deus todo- poderoso,

419 Pai e Filho † e Espírito Santo.

420 Amém.

421 Glorificai o Senhor com vossa vida;

422 ide em paz, e o Senhor vos acompanhe.

423 Graças a Deus!

424

425 Canto Final

426


Carregar ppt "3º Domingo do Advento COLETA NACIONAL DA CAMPANHA PARA A EVANGELIZAÇÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google