A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

4º Domingo do Advento ELE SERÁ CHAMADO FILHO DE DEUS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "4º Domingo do Advento ELE SERÁ CHAMADO FILHO DE DEUS."— Transcrição da apresentação:

1

2 4º Domingo do Advento

3 ELE SERÁ CHAMADO FILHO DE DEUS

4 A expectativa do Advento do Messias cresce cada vez mais em nós, à

5 medida que se aproxima o grande dia do Natal. A cristandade

6 toda se prepara para celebrar esse grande fato histórico da nossa fé.

7 Maria tem papel preponderante em razão do seu sim ao projeto divino.

8 Participemos desta Eucaristia, na feliz expectativa do Advento do

9 Senhor e também na certeza de que Ele está presente no

10 meio de nós. Cantemos, para iniciar nossa celebração!

11

12 Canto de Entrada

13

14 Saudação

15 Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

16 O Senhor, que encaminha os nossos corações

17 para o amor de Deus e a constância de Cristo,

18 esteja convosco.

19 Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo.

20

21 Ato Penitencial

22 Irmãos e irmãs, reconheçamos as nossas culpas

23 para celebrarmos dignamente os santos mistérios. (Silêncio)

24 Senhor, que viestes ao mundo para nos salvar,

25 tende piedade de nós.

26 Senhor, tende piedade de nós.

27 Cristo, que continuamente nos visitais

28 com a graça do vosso Espírito,

29 tende piedade de nós.

30 Cristo, tende piedade de nós.

31 Senhor, que vireis um dia para julgar as nossas obras,

32 tende piedade de nós.

33 Senhor, tende piedade de nós.

34 Deus todo- poderoso tenha compaixão de nós,

35 perdoe os nossos pecados

36 e nos conduza à vida eterna. Amém.

37

38 Hino de Louvor (omite-se)

39

40 Oração da Coleta

41 Derramai, ó Deus, a vossa graça em nossos corações

42 para que, conhecendo pela mensagem do Anjo

43 a encarnação do vosso Filho,

44 cheguemos, por sua paixão e cruz,

45 à glória da ressurreição.

46 Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,

47 na unidade do Espírito Santo.

48 Amém.

49

50 Voltemos nosso olhar e nossos ouvidos à Palavra de Deus que cria, Palavra Redentora,

51 Palavra que comunica. No ato criador de Deus, onde ele expressa seu amor, há a

52 Palavra pronunciada, gesto comunicativo que faz a vida desabrochar em

53 meio ao caos. Em Jesus a Palavra nos transforma. Ouçamos.

54

55 PRIMEIRA LEITURA 2Sm 7,1-5.8b a.16

56 Leitura do Segundo Livro de Samuel:

57 1 Tendo-se o rei Davi instalado já em sua casa e tendo-lhe o Senhor dado a

58 paz, livrando-o de todos os seus inimigos, 2 ele disse ao

59 profeta Natã: “Vê: eu resido num palácio de cedro, e a arca

60 de Deus está alojada numa tenda!”

61 3 Natã respondeu ao rei: “Vai e faze tudo o que diz o

62 teu coração, pois o Senhor está contigo”.

63 4 Mas, nessa mesma noite, a palavra do Senhor foi

64 dirigida a Natã nestes termos: 5 “Vai dizer ao meu servo Davi:

65 ‘Assim fala o Senhor: Porventura és tu que construirás

66 uma casa para eu habitar? 8b Fui eu que te tirei do pastoreio, do

67 meio das ovelhas, para que fosses o chefe do meu povo, Israel.

68 9 Estive contigo em toda a parte por onde andaste, e exterminei

69 diante de ti todos os teus inimigos, fazendo o teu nome tão

70 célebre como o dos homens mais famosos da terra.

71 10 Vou preparar um lugar para o meu povo, Israel: eu o implantarei, de

72 modo que possa morar lá sem jamais ser inquietado. Os homens

73 violentos não tornarão a oprimi-lo como outrora, 11 no tempo em que

74 eu estabelecia juízes sobre o meu povo, Israel. Concedo-te

75 uma vida tranquila, livrando-te de todos os teus

76 inimigos. E o Senhor te anuncia que te fará uma casa.

77 12 Quando chegar o fim dos teus dias

78 e repousares com teus pais,

79 então, suscitarei, depois de ti, um filho teu,

80 e confirmarei a sua realeza.

81 14a Eu serei para ele um pai

82 e ele será para mim um filho.

83 16 Tua casa e teu reino

84 serão estáveis para sempre diante de mim,

85 e teu trono será firme para sempre’ ”.

86 Palavra do Senhor. Graças a Deus!

87

88 SALMO RESPONSORIAL Sl 88

89 Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor!

90

91 1. Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor,

92 de geração em geração eu cantarei vossa verdade!

93 Porque dissestes: “O amor é garantido para sempre!”

94 E a vossa lealdade é tão firme como os céus.

95 Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor!

96 2. “Eu firmei uma Aliança com meu servo, meu eleito,

97 e eu fiz um juramento a Davi, meu servidor.

98 Para sempre, no teu trono, firmarei tua linhagem,

99 de geração em geração garantirei o teu reinado!

100 Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor!

101 3. Ele, então, me invocará: ╬

102 ‘Ó Senhor, vós sois meu Pai, sois meu Deus,

103 sois meu Rochedo onde encontro a salvação!’

104 Guardarei eternamente para ele a minha graça

105 e com ele firmarei minha Aliança indissolúvel.

106 Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor!

107

108 SEGUNDA LEITURA Rm 16,25-27

109 Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos:

110 Irmãos: 25 Glória seja dada àquele que tem o poder de vos

111 confirmar na fidelidade ao meu evangelho e à pregação de

112 Jesus Cristo, de acordo com a revelação do mistério

113 mantido em sigilo desde sempre. 26 Agora este

114 mistério foi manifestado e, mediante as Escrituras proféticas,

115 conforme determinação do Deus eterno, foi levado ao conhecimento

116 de todas as nações, para trazê-las à obediência da

117 fé. 27 A ele, o único Deus, o sábio, por meio de Jesus Cristo,

118 a glória, pelos séculos dos séculos. Amém!

119 Palavra do Senhor. Graças a Deus!

120

121 Aclamação ao Evangelho

122

123 EVANGELHO Lc 1,26-38

124 O Senhor esteja convosco.

125 Ele está no meio de nós.

126 PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas

127 Glória a vós, Senhor.

128 Naquele tempo, 26 o anjo Gabriel foi enviado por Deus

129 a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré,

130 27 a uma virgem, prometida em casamento

131 a um homem chamado José.

132 Ele era descendente de Davi

133 e o nome da Virgem era Maria.

134 28 O anjo entrou onde ela estava e disse:

135 “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!”

136 29 Maria ficou perturbada com estas palavras

137 e começou a pensar

138 qual seria o significado da saudação.

139 30 O anjo, então, disse-lhe:

140 “Não tenhas medo, Maria,

141 porque encontraste graça diante de Deus.

142 31 Eis que conceberás e darás à luz um filho,

143 a quem porás o nome de Jesus.

144 32 Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo,

145 e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi.

146 33 Ele reinará para sempre

147 sobre os descendentes de Jacó,

148 e o seu reino não terá fim”.

149 34 Maria perguntou ao anjo:

150 “Como acontecerá isso,

151 se eu não conheço homem algum?”

152 35 O anjo respondeu:

153 “O Espírito virá sobre ti,

154 e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra.

155 Por isso, o menino que vai nascer

156 será chamado Santo, Filho de Deus.

157 36 Também Isabel, tua parenta,

158 concebeu um filho na velhice.

159 Este já é o sexto mês daquela

160 que era considerada estéril,

161 37 porque para Deus nada é impossível”.

162 38 Maria, então, disse:

163 “Eis aqui a serva do Senhor;

164 faça-se em mim segundo a tua palavra!”

165 E o anjo retirou- se.

166 Palavra da Salvação.

167 Glória a vós, Senhor!

168 “VINDE JESUS, FILHO DE DAVI!”

169

170 Profissão de Fé (Símbolo apostólico)

171 Creio em Deus Pai todo- poderoso, criador do céu e da terra.

172 E em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor,

173 que foi concebido pelo poder do Espírito Santo; nasceu da Virgem Maria;

174 padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado.

175 Desceu à mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia,

176 subiu aos céus; está sentado à direita de Deus Pai todo- poderoso,

177 donde há de vir a julgar os vivos e os mortos.

178 Creio no Espírito Santo;

179 na Santa Igreja Católica; na comunhão dos santos;

180 na remissão dos pecados;

181 na ressurreição da carne;

182 na vida eterna. Amém.

183

184 Oração da Comunidade

185 1. Senhor Jesus Cristo, que pelo mistério da Encarnação revelastes aos

186 seres humanos a glória da vossa divindade, dai

187 vida ao mundo com a vossa vinda.

188 Vinde, Senhor Jesus!

189 2. Vós que sois fonte de graça, abençoai a fidelidade do Pe. Antônio

190 Aparecido Alves aos seus vinte e cinco anos de

191 sacerdócio e missão na Diocese.

192 Vinde, Senhor Jesus!

193 3. Vós, que assumistes a fragilidade da natureza

194 humana, concedei-nos a vossa misericórdia.

195 Vinde, Senhor Jesus!

196 4. Vós, que viveis eternamente e tudo governais com justiça, por

197 vossa bondade, fazei-nos alcançar a herança prometida.

198 Vinde, Senhor Jesus!

199

200 Apresentação das Oferendas

201

202 Orai, irmãos e irmãs

203 para que o nosso sacrifício

204 seja aceito por Deus Pai todo- poderoso.

205 Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício,

206 para glória do seu nome,

207 para nosso bem e de toda a santa Igreja.

208

209 Oração sobre as Oferendas

210 Ó Deus, que o mesmo Espírito Santo,

211 que trouxe a vida ao seio de Maria,

212 santifique estas oferendas

213 colocadas sobre o vosso altar.

214 Por Cristo, nosso Senhor.

215 Amém.

216

217 Prefácio do Advento II-A: Maria, a nova Eva

218 O Senhor esteja convosco.

219 Ele está no meio de nós.

220 Corações ao alto.

221 O nosso coração está em Deus.

222 Demos graças ao Senhor, nosso Deus.

223 É nosso dever e nossa salvação.

224 Na verdade, é justo e necessário,

225 é nosso dever e salvação

226 dar-vos graças, Senhor, Pai santo,

227 Deus eterno e todo-poderoso.

228 Nós vos louvamos, bendizemos e glorificamos

229 pelo mistério da Virgem Maria, Mãe de Deus.

230 Do antigo adversário nos veio a desgraça,

231 mas do seio virginal da Filha de Sião

232 germinou aquele que nos alimenta com o pão do céu

233 e garante para todo o gênero humano

234 a salvação e a paz.

235 Em Maria, é-nos dada de novo a graça

236 que por Eva tínhamos perdido.

237 Em Maria, mãe de todos os seres humanos,

238 a maternidade, livre do pecado e da morte,

239 se abre para uma nova vida.

240 Se grande era a nossa culpa,

241 bem maior se apresenta a divina misericórdia

242 em Jesus Cristo, nosso Salvador.

243 Por isso, enquanto esperamos sua chegada,

244 unidos aos anjos e a todos os santos,

245 cheios de esperança e alegria,

246 nós vos louvamos cantando (dizendo) a uma só voz:

247 Santo, Santo, Santo...

248

249 Oração Eucarística II

250 Na verdade, ó Pai, vós sois santo

251 e fonte de toda santidade.

252 Santificai, pois, estas oferendas,

253 derramando sobre elas o vosso Espírito,

254 a fim de que se tornem para nós

255 o Corpo e † o Sangue de Jesus Cristo,

256 vosso Filho e Senhor nosso.

257 Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

258 Estando para ser entregue

259 e abraçando livremente a paixão,

260 ele tomou o pão,

261 deu graças, e o partiu

262 e deu a seus discípulos, dizendo:

263 TOMAI, TODOS, E COMEI:

264 ISTO É O MEU CORPO,

265 QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS.

266

267 Do mesmo modo,

268 ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos,

269 deu graças novamente,

270 e o deu a seus discípulos, dizendo:

271 TOMAI, TODOS, E BEBEI:

272 ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE,

273 O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA,

274 QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E POR TODOS

275 PARA REMISSÃO DOS PECADOS.

276 FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM.

277

278 Eis o mistério da fé!

279 Todas as vezes que comemos deste pão

280 e bebemos deste cálice,

281 anunciamos, Senhor, a vossa morte,

282 enquanto esperamos a vossa vinda!

283 Celebrando, pois, a memória

284 da morte e ressurreição do vosso Filho,

285 nós vos oferecemos, ó Pai,

286 o pão da vida e o cálice da salvação;

287 e vos agradecemos

288 porque nos tornastes dignos

289 de estar aqui na vossa presença e vos servir.

290 Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!

291 E nós vos suplicamos

292 que, participando do Corpo e Sangue de Cristo,

293 sejamos reunidos pelo Espírito Santo num só corpo.

294 Fazei de nós um só corpo e um só espírito!

295 Lembrai-vos, ó Pai,

296 da vossa Igreja que se faz presente pelo mundo inteiro:

297 que ela cresça na caridade,

298 com o papa N., com o nosso bispo N.

299 e todos os ministros do vosso povo.

300 Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja!

301 Lembrai-vos também

302 dos (outros) nossos irmãos e irmãs

303 que morreram na esperança da ressurreição

304 e de todos os que partiram desta vida:

305 acolhei-os junto a vós

306 na luz da vossa face.

307 Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!

308 Enfim, nós vos pedimos,

309 tende piedade de todos nós

310 e dai-nos participar da vida eterna,

311 com a Virgem Maria, Mãe de Deus,

312 com os santos Apóstolos

313 e todos os que neste mundo vos serviram,

314 a fim de vos louvarmos e glorificarmos

315 por Jesus Cristo, vosso Filho.

316 Concedei-nos o convívio dos eleitos!

317 Por Cristo, com Cristo, em Cristo,

318 a vós, Deus Pai todo-poderoso,

319 na unidade do Espírito Santo,

320 toda a honra e toda a glória,

321 agora e para sempre. Amém.

322

323 Rito da Comunhão

324 Antes de participar do banquete da Eucaristia,

325 sinal de reconciliação

326 e vínculo de união fraterna,

327 rezemos, juntos, como o Senhor nos ensinou:

328 Pai nosso que estais nos céus,

329 santificado seja o vosso nome;

330 venha a nós o vosso reino,

331 seja feita a vossa vontade,

332 assim na terra como no céu;

333 o pão nosso de cada dia nos dai hoje;

334 perdoai-nos as nossas ofensas,

335 assim como nós perdoamos

336 a quem nos tem ofendido;

337 e não nos deixeis cair em tentação,

338 mas livrai-nos do mal.

339 Livrai-nos de todos os males, ó Pai,

340 e dai-nos hoje a vossa paz.

341 Ajudados pela vossa misericórdia,

342 sejamos sempre livres do pecado

343 e protegidos de todos os perigos,

344 enquanto, vivendo a esperança,

345 aguardamos a vinda do Cristo Salvador.

346 Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!

347 Senhor Jesus Cristo,

348 dissestes aos vossos Apóstolos:

349 Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz.

350 Não olheis os nossos pecados,

351 mas a fé que anima vossa Igreja;

352 dai-lhe, segundo o vosso desejo,

353 a paz e a unidade.

354 Vós, que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo.

355 Amém.

356 A paz do Senhor esteja sempre convosco.

357 O amor de Cristo nos uniu.

358 Irmãos e irmãs, saudai-vos em Cristo Jesus.

359

360 Cordeiro de Deus,

361 que tirais o pecado do mundo,

362 tende piedade de nós.

363 Cordeiro de Deus,

364 que tirais o pecado do mundo,

365 tende piedade de nós.

366 Cordeiro de Deus,

367 que tirais o pecado do mundo, dai-nos a paz.

368 Quem come minha Carne e bebe meu Sangue

369 permanece em mim e eu nele.

370 Eis o Cordeiro de Deus,

371 que tira o pecado do mundo.

372 Senhor, eu não sou digno(a)

373 de que entreis em minha morada,

374 mas dizei uma palavra e serei salvo(a).

375

376 Canto da comunhão

377

378 Oração depois da Comunhão

379 Ó Deus todo- poderoso,

380 tendo nós recebido o penhor da eterna redenção,

381 fazei que, ao aproximar-se a festa da salvação,

382 nos preparemos com maior empenho

383 para celebrar dignamente o mistério do vosso Filho.

384 Que vive e reina para sempre.

385 Amém.

386

387 Bênção e Despedida

388 O Senhor esteja convosco!

389 Ele está no meio nós.

390 Que o Deus onipotente e misericordioso vos ilumine

391 com o advento do seu Filho,

392 em cuja vinda credes

393 e cuja volta esperais,

394 e derrame sobre vós as suas bênçãos.

395 Amém.

396 Que durante esta vida ele vos torne

397 firmes na fé, alegres na esperança,

398 solícitos na caridade.

399 Amém.

400 Alegrando-vos agora

401 pela vinda do Salvador feito homem,

402 sejais recompensados com a vida eterna,

403 quando vier de novo em sua glória.

404 Amém.

405 Abençoe-vos Deus todo- poderoso,

406 Pai e Filho † e Espírito Santo.

407 Amém.

408 Em nome do Senhor, ide em paz, e o Senhor vos acompanhe.

409 Graças a Deus!

410

411 Canto Final

412


Carregar ppt "4º Domingo do Advento ELE SERÁ CHAMADO FILHO DE DEUS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google