A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Possibilidades de Apoio do BNDES à Eficiência Energética Alexandre Siciliano Esposito Gerente de Estudos Setoriais Área de Infraestrutura do BNDES.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Possibilidades de Apoio do BNDES à Eficiência Energética Alexandre Siciliano Esposito Gerente de Estudos Setoriais Área de Infraestrutura do BNDES."— Transcrição da apresentação:

1 Possibilidades de Apoio do BNDES à Eficiência Energética Alexandre Siciliano Esposito Gerente de Estudos Setoriais Área de Infraestrutura do BNDES

2 Apoio do BNDES ao Setor Elétrico 2

3 Operações do Setor Elétrico com Crédito Aprovado 2003 a 2014 (1º Semestre) R$ mil Segmento Capacidade InstaladaProjetos Financiamento do BNDES Investimento Associado 1. Geração50.130,03 MW Hidrelétricas33.525,42 MW Termelétricas6.578,24 MW PCH2.340,09 MW Biomassa1.958,90 MW Eólicas5.727,38 MW Transmissão km Distribuição Racionalização TOTAL

4 Políticas Operacionais para Eficiência Energética 4

5 Fundo Nacional sobre Mudança do Clima Comitê Gestor: Financiamentos Reembolsáveis Financiamentos Não - Reembolsáveis $$ 5

6 Fundo Nacional sobre Mudança do Clima  Finalidade: financiar projetos que visem à mitigação e à adaptação à mudança do clima.  Orçamento: até 60% da Participação Especial sobre o lucro do petróleo destinada ao MMA, doações, entre outros.  Governança: Comitê Gestor, presidido pelo MMA, com 20 membros, entre eles: 10 ministérios, BNDES e representantes da sociedade civil.  Agente Operador:  MMA: recursos não-reembolsáveis  BNDES: recursos reembolsáveis, sendo possível repasse a agentes financeiros públicos. 6

7 Fundo Clima: Aplicação dos Recursos Reembolsáveis  Diretrizes para Aplicação: MMA estabelece as diretrizes para aplicação por meio do Plano Anual de Aplicação de Recursos.  Programa BNDES Fundo Clima: Foram escolhidos nove setores a partir das diretrizes do MMA: 7 Mobilidade Urbana Energias Renováveis Carvão Vegetal Resíduos Sólidos Máquinas e Equipamentos Eficientes Gestão e Serviços de Carbono Cidades Sustentáveis e Mudança do Clima Florestas Nativas Combate à Desertificação

8 Modais de Transporte Eficientes Empreendimentos Apoiáveis 1)Aquisição de ônibus elétricos, híbridos, outros modelos com tração elétrica ou movidos a biocombustíveis; 2)Capacidade produtiva para a fabricação de ônibus elétricos, híbridos ou outros modelos com tração elétrica e material rodante para transporte urbano de passageiros sobre trilhos; 3)Apoio a componentes de projetos de Transporte urbano de passageiros sobre trilhos; 4)Apoio a módulos de projetos de Bus Rapid Transit (BRT’s), 5)Implantação de infraestrutura cicloviária e sistemas de aluguel de bicicletas. Taxa de Juros: Entre 4,3% e 7,5% a.a. 8

9 Máquinas e Equipamentos Eficientes Itens Financiáveis 1)Máquinas e equipamentos, novos e nacionais, cadastrados no Credenciamento de Fabricantes Informatizado do BNDES e no Programa Brasileiro de Etiquetagem - com classificação A ou B, quando aplicável; ou 2)Máquinas e equipamentos, novos e nacionais, cadastrados no Credenciamento de Fabricantes Informatizado do BNDES e que contribuam notoriamente, a critério do BNDES, para a eficientização do sistema. Taxa de Juros Entre 1,4% e 4,6% a.a. 9

10 Energias Renováveis Empreendimentos Apoiáveis 1)Implantação de projetos de geração de energia eólica ou micro geração de energia hidráulica com até 1 MW de capacidade instalada em sistemas elétricos isolados que, em sua configuração normal, não estejam eletricamente conectados ao Sistema Interligado Nacional – SIN; 2)Implantação de projetos de geração de energia a partir da captura da radiação solar, energia dos oceanos (marés, ondas e outras) e da biomassa, exceto derivada da cana-de-açúcar, em sistemas isolados ou no SIN; 3)Implantação de projetos que visem ao desenvolvimento tecnológico dos setores de energia eólica, da biomassa, dos oceanos (marés, ondas e outras), solar ou hidráulica; e 4)Implantação de projetos da cadeia produtiva do setor de energia dos oceanos ou de energia solar, inclusive plantas de purificação de silício. Taxa de Juros Entre 2,3% e 5,5% a.a. 10

11 Cidades Sustentáveis e Mudança do Clima Empreendimentos Apoiáveis 1)Tratamento ou reciclagem de resíduos da construção civil; 2)Implantação de logística e manufatura reversa; 3)Eficiência energética em prédios públicos ou em iluminação pública quando os beneficiários forem entes públicos, e implantação da cadeia produtiva de lâmpadas de LED/OLED; 4)Implantação de centros de inteligência de informações que contemplem diferentes sistemas integrados, e que permitam a tomada de decisões e realização de ações; 5)Cadeia Produtiva de Equipamentos e Sistemas para Smart Grids. Taxa de Juros Entre 2,3% e 5,5% a.a. 11

12 Cartão BNDES Bandeiras: Visa, Mastercard, Cabal e Elo Instituições Financeiras Credenciadas: BB, Bradesco, Itaú, Caixa, BRDE, Banrisul, Sicoob e Sicredi Elegibilidade: Máquinas e Equipamentos, Serviços Associados, e Diagnóstico de Eficiência Energética Valor Máximo (crédito): R$ 1 milhão (por cartão, por banco) Taxa de Juros (fixa): 0,92% a.m. (agosto/2014) Prazo de amortização: 48 meses (prestações fixas) 12

13 BNDES Automático Operações até R$ 20 milhões Condições especiais para MPME: 90% de financiamento Custo Financeiro: TJLP + 1% + 0,1% intermediação + remuneração agente Garantias: FGI Prazo: negociável com o agente repassador 13

14 FINAME – MPME BK Operações acima de R$ 20 milhões Condições especiais para MPME: 90% de financiamento Custo Financeiro: TJLP + 0,9% + remuneração agente Prazo: negociável com o agente repassador (até 60 meses) 14

15 FGI Elegível para Operações Automáticas com MPMEs Aplicável em caso de insuficiência de garantia real ou de limite de exposição de crédito Fundo pode cobrir necessidade de garantia real ou pessoal até: R$ 10 milhões por cliente Até 80% do Financiamento Contragarantias do FGI: Pessoais: no caso de MPMEs pode ser de terceiros Reais: para operações acima de R$ 1 milhão 15

16 PROESCO Quem pode solicitar Empresas de Serviços de Conservação de Energia (ESCO) Usuários finais de energia Empresas de geração, transmissão e distribuição de energia Condições: 90% de financiamento Custo Financeiro: TJLP + 1% + remuneração de risco Prazo: 6 anos (carência de 2 inclusa) 16

17 PSI Incentivo à fabricação e comercialização de Bens de Capital Condições Financeiras mais atrativas: Taxas de Juros fixas: 4% a.a.: Máquinas e Equipamentos Eficientes BK Tecnologia Nacional 4,5% a.a.: Demais BKs para MPMEs 6% a.a.:Demais BKs para Grandes Empresas Participação: 100%: MPMEs BK Tecnologia Nacional 90%:Grandes Empresas Prazo: em geral até 10 anos Vigência: 31/12/

18 Portal do BNDES 18

19 Centrais de Atendimento Central Atendimento BNDES Ouvidoria

20 Obrigado!


Carregar ppt "Possibilidades de Apoio do BNDES à Eficiência Energética Alexandre Siciliano Esposito Gerente de Estudos Setoriais Área de Infraestrutura do BNDES."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google