A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1.(Udesc 2011) O imperialismo, ou neocolonialismo, como também é conhecido, é constituído por práticas dos Estados Nacionais, que pretendem colocar-se.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1.(Udesc 2011) O imperialismo, ou neocolonialismo, como também é conhecido, é constituído por práticas dos Estados Nacionais, que pretendem colocar-se."— Transcrição da apresentação:

1

2 1.(Udesc 2011) O imperialismo, ou neocolonialismo, como também é conhecido, é constituído por práticas dos Estados Nacionais, que pretendem colocar-se como expansores de seus domínios, controlando outras nações supostamente imaginadas como mais frágeis e mesmo até menos civilizadas. Sobre o imperialismo das últimas décadas do século XIX, é correto afirmar que: a)o Brasil foi colaborador da política imperialista na África. b) os países latino-americanos, no final do século XIX, em sua maioria ainda colônias das metrópoles, também sofreram com o neocolonialismo. c) os Estados Unidos foram o Estado mais ostensivo em sua política imperialista no período citado. d) as investidas dos países europeus na expansão de seus domínios foram centradas sobretudo na África e Ásia. e) Alemanha e Itália, países há muito tempo constituídos como Estados Nacionais, tiveram papel de destaque no imperialismo do final do século XIX.

3 1.(Udesc 2011) O imperialismo, ou neocolonialismo, como também é conhecido, é constituído por práticas dos Estados Nacionais, que pretendem colocar-se como expansores de seus domínios, controlando outras nações supostamente imaginadas como mais frágeis e mesmo até menos civilizadas. Sobre o imperialismo das últimas décadas do século XIX, é correto afirmar que: d) as investidas dos países europeus na expansão de seus domínios foram centradas sobretudo na África e Ásia.

4 2.(G1 - ifce 2011) A supremacia britânica, na Europa e no mundo, foi indiscutível no século XIX,atingindo seu apogeu entre 1850 e O desenvolvimento econômico, o progresso social e a estabilidade política geraram as condições necessárias para a formação de um vasto império colonial na América, na África e na Ásia, no qual se dizia que o sol nunca se punha. O texto acima se refere ao período da história inglesa, conhecido como: a)Revolução Comercial. b) Revolução Gloriosa. c) Era Puritana. d) Era Vitoriana.

5 2.(G1 - ifce 2011) A supremacia britânica, na Europa e no mundo, foi indiscutível no século XIX,atingindo seu apogeu entre 1850 e O desenvolvimento econômico, o progresso social e a estabilidade política geraram as condições necessárias para a formação de um vasto império colonial na América, na África e na Ásia, no qual se dizia que o sol nunca se punha. O texto acima se refere ao período da história inglesa, conhecido como: d) Era Vitoriana.

6 3.(Pucmg 2009) As mudanças do sistema capitalista a partir de 1870/1880, nas sociedades mais industrializadas, tiveram como característica principal: a)Fortalecimento da democracia como regime mais racional na condução dos povos civilizados. b) Fortalecimento das práticas de livre-cambismo devido à concorrência perfeita desenvolvida no capitalismo da época. c) Aumento da concentração e da centralização do capital monopolista dentro da lógica do imperialismo. d) Aparecimento de uma nova esquerda, fundadora de uma ética mais humanista e voltada para os interesses populares.

7 3.(Pucmg 2009) As mudanças do sistema capitalista a partir de 1870/1880, nas sociedades mais industrializadas, tiveram como característica principal: c) Aumento da concentração e da centralização do capital monopolista dentro da lógica do imperialismo.

8 TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO: No século XIX, surgiu um novo modo de explicar as diferenças entre os povos: o racismo. No entanto, os argumentos raciais encontravam muitas dificuldades: se os arianos originaram tanto os povos da Índia quanto os da Europa, o que poderia justificar o domínio dos ingleses sobre a Índia, ou a sua superioridade em relação aos indianos? A única resposta possível parecia ser a miscigenação. Em algum momento de sua história, os arianos da Índia teriam se enfraquecido ao se misturarem às raças aborígenes consideradas inferiores. Mas ninguém podia explicar realmente por que essa idéia não foi aplicada nos dois sentidos, ou seja, por que os arianos da Índia não aperfeiçoaram aquelas raças em vez de se enfraquecerem? (Adaptado de Anthony Pagden, Povos e impérios. Rio de Janeiro: Objetiva, 2002, p )

9 4.(Unicamp simulado 2011) Segundo o texto, podemos concluir que o pensamento racistado século XIX : a)era incoerente, pois os britânicos se consideravam superiores aos indianos, porém ambos possuíam a mesma origem racial; além disso, o racismo não explicava por que a miscigenação enfraqueceu as raças superiores e não fortaleceu as inferiores. b) era um modo de explicar as diferenças entre os povos a partir de sua origem racial e da miscigenação, a qual poderia levar tanto ao fortalecimento dos povos considerados inferiores quanto ao enfraquecimento dos considerados superiores. c) era uma forma de legitimar o domínio dos ingleses sobre os indianos a partir de suas diferentes origens raciais; porém não explicava por que a miscigenação entre ingleses e indianos não levara ao aperfeiçoamento das raças consideradas inferiores. d) era incoerente porque explicava a superioridade e o domínio dos ingleses sobre os indianos pelo fato de ambos terem a mesma origem em povos arianos; porém não explicava por que a miscigenação não fortaleceu as raças considerada superiores.

10 4.(Unicamp simulado 2011) Segundo o texto, podemos concluir que o pensamento racistado século XIX : c) era uma forma de legitimar o domínio dos ingleses sobre os indianos a partir de suas diferentes origens raciais; porém não explicava por que a miscigenação entre ingleses e indianos não levara ao aperfeiçoamento das raças consideradas inferiores.

11 5.(Uem 2012) Sobre a Primeira Guerra Mundial (1914 – 1918), assinale a(s) alternativa(s) correta(s). 1)Chama-se Paz Armada às décadas anteriores ao conflito, no qual as grandes potências européias se lançaram numa política armamentista, alimentada pela rivalidade na corrida imperialista. 02) Derrotada na guerra, a Alemanha se submeteu às condições do Tratado de Versalhes, sendo obrigada a pagar pesadas indenizações aos países vencedores. 04) O nacionalismo e a exaltação patriótica do projeto da Grande Sérvia, do revanchismo francês, do pan-germanismo alemão e do pan- eslavismo russo alimentaram um “barril de pólvora” que estourou em ) No confronto iniciado em 1914, entre os dois blocos europeus, a Itália, rompendo seu acordo na Tríplice Entente, manteve-se inicialmente neutra, vindo, após, a combater ao lado da Tríplice Aliança. 16) Para a Tríplice Entente, a entrada dos Estados Unidos da América na guerra, em 1917, compensou a saída da Rússia, imersa em uma revolução socialista.

12 5.(Uem 2012) Sobre a Primeira Guerra Mundial (1914 – 1918), assinale a(s) alternativa(s) correta(s). 1)Chama-se Paz Armada às décadas anteriores ao conflito, no qual as grandes potências européias se lançaram numa política armamentista, alimentada pela rivalidade na corrida imperialista. 02) Derrotada na guerra, a Alemanha se submeteu às condições do Tratado de Versalhes, sendo obrigada a pagar pesadas indenizações aos países vencedores. 04) O nacionalismo e a exaltação patriótica do projeto da Grande Sérvia, do revanchismo francês, do pan-germanismo alemão e do pan-eslavismo russo alimentaram um “barril de pólvora” que estourou em ) No confronto iniciado em 1914, entre os dois blocos europeus, a Itália, rompendo seu acordo na Tríplice Entente, manteve-se inicialmente neutra, vindo, após, a combater ao lado da Tríplice Aliança. 16) Para a Tríplice Entente, a entrada dos Estados Unidos da América na guerra, em 1917, compensou a saída da Rússia, imersa em uma revolução socialista. Soma: 23

13 6.(Ufpel 2008) Artigos do Tratado de Versalhes (séc. XX): Art Alemanha cede à França a propriedade absoluta [...], com direito total de exploração, das minas de carvão situadas na bacia do rio Sarre. Art A Alemanha renuncia, em favor das potências aliadas, a todos os direitos sobre as colônias ultramarinas. Art Estão proibidas na Alemanha a fabricação e a importação de carros blindados, tanques, ou qualquer outro instrumento que sirva a objetivos de guerra. Art A Alemanha se compromete a reparar todos os danos causados à população civil das potências aliadas e a seus bens". MARQUES, Adhemar Martins et all. "História Contemporânea Textos e documentos". São Paulo: Contexto, 1999.

14 De acordo com o texto e com seus conhecimentos, é correto afirmar que o Tratado de Versalhes: A) Encerrou a 2a Guerra Mundial, fazendo com que a Alemanha perdesse as colônias ultramarinas para os países dos Aliados. b) Extinguiu a Liga das Nações, propondo a criação da Organização das Nações Unidas (ONU), em 1945, com o objetivo de preservar a paz mundial. c) Estimulou a competição econômica e colonial entre os países europeus, culminando na 1a Guerra Mundial. d) Permitiu que as potências aliadas dividissem a Alemanha no fim da 2a Guerra Mundial, em quatro zonas de ocupação: francesa, britânica, americana e soviética. e) Impôs duras sanções à Alemanha, no fim da 1a Guerra Mundial, fazendo ressurgir o nacionalismo e reorganizando as forças políticas do país.

15 De acordo com o texto e com seus conhecimentos, é correto afirmar que o Tratado de Versalhes: e) Impôs duras sanções à Alemanha, no fim da 1a Guerra Mundial, fazendo ressurgir o nacionalismo e reorganizando as forças políticas do país.

16 7.(Ufc 2006) Analise as afirmações a seguir sobre a Grande Guerra de e suas consequências. I.Embora sua ação militar tenha ocorrido sobretudo na Europa, ela envolveu, direta ou indiretamente, grande parte do mundo, e americanos, canadenses, australianos, neozelandeses, indianos e africanos lutaram também na guerra, na Tríplice Entente. II. As grandes perdas humanas e a desestruturação da produção atingiram todos os países do mundo, provocando um enfraquecimento generalizado das economias e um vazio de poder, com o fim da hegemonia européia. III. Após a guerra, uma onda revolucionária atravessou a Europa que, nas décadas seguintes, vivenciou o colapso dos valores e instituições liberais, com a instalação de regimes autoritários. Com base nas três assertivas, é correto afirmar que somente: a) I é verdadeira. b) II é verdadeira. c) III é verdadeira. d) I e II são verdadeiras. e) I e III são verdadeiras.

17 7.(Ufc 2006) Analise as afirmações a seguir sobre a Grande Guerra de e suas consequências. I.Embora sua ação militar tenha ocorrido sobretudo na Europa, ela envolveu, direta ou indiretamente, grande parte do mundo, e americanos, canadenses, australianos, neozelandeses, indianos e africanos lutaram também na guerra, na Tríplice Entente. II. As grandes perdas humanas e a desestruturação da produção atingiram todos os países do mundo, provocando um enfraquecimento generalizado das economias e um vazio de poder, com o fim da hegemonia européia. III. Após a guerra, uma onda revolucionária atravessou a Europa que, nas décadas seguintes, vivenciou o colapso dos valores e instituições liberais, com a instalação de regimes autoritários. Com base nas três assertivas, é correto afirmar que somente: e) I e III são verdadeiras.

18 8.(Pucrs 2005) Dentre as características e tendências da ordem internacional conformada após o fim da Primeira Guerra ( ), NÃO é correto apontar: a)o fortalecimento progressivo da Liga das Nações, a organização supranacional criada pelo Tratado de Versalhes. b) a intensificação dos antagonismos entre as potências capitalistas, devido às duras condições impostas aos vencidos. c) a reformulação política radical da região balcânica mediante a aplicação do princípio de reconhecimento das nacionalidades. d) o declínio da hegemonia européia sobre o mundo, com o crescimento do poderio dos Estados Unidos e do Japão. e) a internacionalização crescente da questão operária devido à repercussão mundial da revolução socialista na Rússia.

19 8.(Pucrs 2005) Dentre as características e tendências da ordem internacional conformada após o fim da Primeira Guerra ( ), NÃO é correto apontar: a)o fortalecimento progressivo da Liga das Nações, a organização supranacional criada pelo Tratado de Versalhes.

20 TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO: “O darwinismo social tem origem na teoria da seleção natural de Charles Darwin, que explica a diversidade de espécies de seres vivos através do processo evolução. O sucesso da teoria da evolução motivou o surgimento de correntes nas ciências sociais baseadas na tese da sobrevivência do mais adaptado, da importância de um controle sobre a demografia humana. De acordo com esse pensamento, existiriam características biológicas e sociais que determinariam que uma pessoa é superior à outra e que as pessoas que se enquadrassem nesses critérios seriam as mais aptas. Geralmente, alguns padrões determinados como indícios de superioridade em um ser humano seriam o maior poder aquisitivo e a habilidade nas ciências humanas e exatas em detrimento das outras ciências, como a arte, por exemplo, e a raça da qual ela faz parte. Um conjunto de pensadores atribui a fonte do darwinismo social ao próprio Darwin, que na sua obra A Origem do Homem havia aplicado a sua teoria ao mundo social. Nesta obra, Darwin ocupa-se da evolução humana ao fazê-lo, aplica os mesmos critérios que utiliza em A Origem das Espécies. Entretanto, foi Herbert Spencer o autor que popularizou a ideia de que grupos e sociedades evoluem através do conflito e da competição. A teoria de Darwin diz também que no mundo sobrevive o mais adaptado, por isso há a evolução; que os seres vivos evoluem para continuarem vivos, e exemplo disso seria o homem.” 9. Com base no texto, relacione as expressões imperialismo, darwinismo social e missão civilizadora.


Carregar ppt "1.(Udesc 2011) O imperialismo, ou neocolonialismo, como também é conhecido, é constituído por práticas dos Estados Nacionais, que pretendem colocar-se."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google