A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

3 Março 2005 Portugal Telecom Resultados Anuais 2004 Miguel Horta e Costa Presidente Executivo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "3 Março 2005 Portugal Telecom Resultados Anuais 2004 Miguel Horta e Costa Presidente Executivo."— Transcrição da apresentação:

1 3 Março 2005 Portugal Telecom Resultados Anuais 2004 Miguel Horta e Costa Presidente Executivo

2 [ 2 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Safe Harbour A presente apresentação contêm declarações viradas para o futuro (“forward looking statements”) no sentido que lhe é atribuído pela U.S. Private Securities Litigation Reform Act of Essas declarações baseiam-se nas convicções e nos pressupostos da nossa administração e nas informações ao dispor da administração no momento em que as prestou. Os forward looking statements incluem informações respeitantes aos eventuais ou supostos resultados futuros das nossas operações, ganhos, condições do sector, procura e preços dos nossos produtos, assim como outros aspectos da nossa actividade. Essas declarações não constituem garantias de desempenho futuro e envolvem riscos e incertezas difíceis de prever. Além disso, determinados forward looking statements baseiam-se em pressupostos quanto a acontecimentos futuros que podem não se revelar exactos. Consequentemente, os efeitos e resultados que efectivamente se verificarem podem ser essencialmente diferentes dos planos, objectivos, expectativas, estimativas e intenções expressas e implícitas nessas declarações viradas para o futuro. Os forward looking statements reportam-se apenas à data em que são feitas, não assumindo nós qualquer obrigação de as actualizar à luz de novas informações ou desenvolvimentos futuros nem de explicar as razões por que os resultados efectivamente verificados são eventualmente diferentes. Fica o aviso para que não seja depositada excessiva confiança em quaisquer forward looking statements, e encorajamo-los a consultar o nosso relatório anual Form 20-F, assim como as nossas actuais apresentações feitas no Form 6-K junto da Securities and Exchange Commission dos EUA.

3 [ 3 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Agenda A Portugal Telecom Os Nossos Clientes Evolução dos Resultados Consolidados Rede Fixa Multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil Remuneração Accionista Conclusão

4 [ 4 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A Portugal Telecom Outras Multimedia Móvel Receitas por Região Rede Fixa Portugal Brasil Receitas por Negócio > Operador integrado de telecomunicações com oferta de voz, vídeo e dados em Portugal > Elevada exposição a activos móveis > Estratégia internacional focada no negócio móvel no Brasil

5 [ 5 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A Portugal Telecom Os Nossos Clientes Evolução dos Resultados Consolidados Rede Fixa Multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil Remuneração Accionista Conclusão Agenda

6 [ 6 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Forte crescimento dos clientes em todos os negócios Rede Fixa Móvel [milhares] TV por Subscrição Banda Larga [milhares] % % +7.7% % [milhares]

7 [ 7 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A aposta na banda larga está a ser um sucesso Clientes de Banda Larga da PT [milhares] + 78 % Fonte: JP Morgan; 2004E Penetração de Banda Larga em casas com PC [%]

8 [ 8 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Liderança clara no móvel em Portugal e no Brasil Clientes Móveis Totais Clientes no Brasil Clientes em Portugal [milhares] % % % [milhares]

9 [ 9 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Crescente penetração de clientes de TV por subscrição Penetração de TV por Subscrição Fonte: Baskerville, Kagan [%] TV por Subscrição [milhares] + 10 % CAGR Cabo DTH

10 [ 10 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A Portugal Telecom Os Nossos Clientes Evolução dos Resultados Consolidados Rede Fixa Multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil Remuneração Accionista Conclusão Agenda

11 [ 11 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Crescimento das receitas e do EBITDA em 2004 Receitas Consolidadas EBITDA [milhões de euros] Capex Margem EBITDA [milhões de euros] [%] % % % pp

12 [ 12 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Negócios em Portugal apresentam forte desempenho % % % pp Receitas Consolidadas EBITDA [milhões de euros] Capex Margem EBITDA [milhões de euros] [%]

13 [ 13 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Receitas Consolidadas Crescimento das receitas suportadas no negócio móvel e multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil OutrasMultim.Rede Fixa [milhões de euros] Estrutura das Receitas % [%] Móvel Portugal Móvel Brasil Rede Fixa Multimedia Outras 2004 com FX %

14 [ 14 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Receitas de dados e video impulsionaram crescimento das receitas de retalho Taxa de Crescimento Receitas de Retalho Receitas Fixas TráfegoADSLInternet p/ Cabo TV por Subscr. [milhões de euros] [%] * inclui ADSLe Internet por Cabo % Voz Voz + ADSL Voz + Dados* Voz + Video + + Dados

15 [ 15 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Dados e video já representam quase um terço da receita média por lar Voz Video Dados , % Receita média por Lar (ARPH) [Euro] 42,0 Estrutura do ARPH [%]

16 [ 16 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Multimédia e móvel Portugal suportam crescimento do EBITDA do grupo EBITDA Móvel Portugal Móvel Brasil OutrosMultim.Rede Fixa [milhões de euros] Estrutura do EBITDA % [%] 2004 com FX % Móvel Portugal Móvel Brasil Rede Fixa Multimedia Outras

17 [ 17 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Capex Aumento do Capex devido a forte crescimento do móvel Brasil e da banda larga em Portugal Móvel Portugal Móvel Brasil OutrosMultim.Rede Fixa [milhões de euros] Estrutura do Capex [%] Móvel Portugal Móvel Brasil Rede Fixa Multimedia Outros %

18 [ 18 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Evolução do EBITDA menos Capex reflete maior investimento no crescimento do grupo EBITDA menos Capex Móvel Portugal Móvel Brasil OutrosMultim.Rede Fixa [milhões de euros] Estrutura do EBITDA menos Capex % [%] 2004 com FX % Móvel Portugal Móvel Brasil Rede Fixa Multimedia Outros

19 [ 19 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Forte crescimento do resultado líquido Excluindo Curtailment Reportado [milhões de euros] Resultado Liquido % %

20 [ 20 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Manutenção de uma sólida situação financeira Evolução da Dívida Líquida [milhões de euros] Cobertura do EBITDA [x] Divida Líquida/EBITDA [x] Equity swaps relacionados com sharebuyback (190 M€ )

21 [ 21 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A Portugal Telecom Os Nossos Clientes Evolução dos Resultados Consolidados Rede Fixa Multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil Remuneração Accionista Conclusão Agenda

22 [ 22 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Destaques da rede fixa % % % pp Receitas Consolidadas EBITDA [milhões de euros] Capex Margem EBITDA [milhões de euros] [%]

23 [ 23 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Inversão da tendência na rede fixa Evolução Homóloga das Receitas [milhões de euros] Evolução Homóloga do EBITDA [milhões de euros]

24 [ 24 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A Portugal Telecom Os Nossos Clientes Evolução dos Resultados Consolidados Rede Fixa Multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil Remuneração Accionista Conclusão Agenda

25 [ 25 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Destaques da multimedia % % % pp Receitas Consolidadas EBITDA [milhões de euros] Capex Margem EBITDA [milhões de euros] [%] [milhões de euros]

26 [ 26 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Aumento significativo do negócio de TV por subscrição Margem EBITDA da TV por subscrição [%] + 5,7 pp + 23,6 pp

27 [ 27 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A Portugal Telecom Os Nossos Clientes Evolução dos Resultados Consolidados Rede Fixa Multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil Remuneração Accionista Conclusão Agenda

28 [ 28 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Destaques do móvel Portugal % % % pp Receitas Consolidadas EBITDA [milhões de euros] Capex Margem EBITDA [milhões de euros] [%] [milhões de euros]

29 [ 29 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Crescimento da receita de cliente compensa pressão na interligação Receitas de Serviço EBITDA [milhões de euros] % %

30 [ 30 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A Portugal Telecom Os Nossos Clientes Evolução dos Resultados Consolidados Rede Fixa Multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil Remuneração Accionista Conclusão Agenda

31 [ 31 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Destaques do móvel Brasil % % % pp Receitas Consolidadas EBITDA [milhões de reais] Capex Margem EBITDA [milhões de reais] [%] [milhões de reais]

32 [ 32 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Aposta no crescimento do mercado, consolidando a posição de liderança Clientes Móvel Brasil (Vivo) Quota Mercado % [milhares] [%] Claro TIM VIVO Oi Outros

33 [ 33 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A Portugal Telecom Os Nossos Clientes Evolução dos Resultados Consolidados Rede Fixa Multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil Remuneração Accionista Conclusão Agenda

34 [ 34 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Total Shareholder Return superior ao sector e ao mercado português em 2004 Fonte: Bloomberg

35 [ 35 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 Elevado nível de remuneração accionista Dividendo por Acção [Cêntimos de Euro] + 52 % CAGR Remuneração aos Accionistas [Milhões de Euros]

36 [ 36 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 A Portugal Telecom Os Nossos Clientes Evolução dos Resultados Consolidados Rede Fixa Multimédia Móvel Portugal Móvel Brasil Remuneração Accionista Conclusão Agenda

37 [ 37 ] Resultados Anuais 2004 | Portugal Telecom | Março 2005 > Forte desempenho operacional e financeiro > Investimento no crescimento do negócio doméstico e do móvel no Brasil > Manutenção do esforço de racionalização de custos com vista a uma melhor eficiência operacional nos vários negócios > Continuação de uma política de remuneração accionista atractiva Conclusão


Carregar ppt "3 Março 2005 Portugal Telecom Resultados Anuais 2004 Miguel Horta e Costa Presidente Executivo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google