A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Sistemas de Informação – Unidade 3. Educação a Distância – EaD Professor: Flávio Brustoloni Sistemas de Informação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Sistemas de Informação – Unidade 3. Educação a Distância – EaD Professor: Flávio Brustoloni Sistemas de Informação."— Transcrição da apresentação:

1 Sistemas de Informação – Unidade 3

2 Educação a Distância – EaD Professor: Flávio Brustoloni Sistemas de Informação

3 Cronograma: Turma EMD0119 Sistemas de Informação DataAtividade 24/01 2º Encontro 1ª Avaliação Disciplina 13/12 1º Encontro 07/02 4º Encontro 3ª Avaliação Disciplina (FINAL) 31/01 3º Encontro 2ª Avaliação Disciplina

4 Unidade 3 ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1/69

5 Objetivos da Unidade: Identificar os processos de administração e gerenciamento da informação dentro das organizações; 2/69 Compreender como são projetados e desenvolvidos os Sistemas de Informações para atender uma determinada área dentro das empresas; Identificar os benefícios que os Sistemas de Informação podem trazer às organizações e quais os critérios de segurança que são adotados para que a informação transite de forma segura.

6 TÓPICO 1 Administração e Gerenciamento da Informação 3/69

7 1 Introdução O gerenciamento da informação é a atividade mais importante para os níveis empresariais de tomada de decisão e estratégicos dentro de uma organização. Esse gerenciamento deverá ser executado por profissionais que tenham uma visão da tecnologia e da organização. (Estamos na página 117 da apostila) 4/69 Tópico 1

8 2 Planejamento da Informação na Empresa Uma das áreas que por suas características de complexidade e de importância precisa cada vez mais de planejamento é, sem dúvida, a de informações, tecnologia e informática. (Estamos na página 118 da apostila) 5/69 Tópico 1

9 2 Planejamento da Informação na Empresa 2.1 Princípios de Planejamento * Existência prévia de objetivos externos; * Reação ante mudanças ou previsões dos fatos; * Planejamento coerente com o planejamento estratégico da empresa; * Liberdade em replanejar; * Consideração aos envolvidos. (Estamos na página 118 da apostila) 6/69 Tópico 1

10 2 Planejamento da Informação na Empresa 2.2 Objetivos do Planejamento O planejamento de informática deve estar alicerçado no planejamento estratégico da empresa e deve fornecer à direção da empresa os conhecimentos adequados para fazer frente a tarefa de administrar. (Estamos na página 119 da apostila) 7/69 Tópico 1

11 2 Planejamento da Informação na Empresa 2.3 Componentes do Planejamento * Sistema de informação; * Estrutura Organizacional; * Sistema de Decisão. (Estamos na página 120 da apostila) 8/69 Tópico 1

12 2 Planejamento da Informação na Empresa 2.4 Planejamento Estratégico * Planejamento estratégico: de responsabilidade dos níveis mais altos da empresa e diz respeito tanto à formulação de objetivos quanto à seleção dos cursos de ação a serem seguidos para sua consecução, levando em conta as condições externas e internas à empresa e sua evolução esperada. (Estamos na página 121 da apostila) 9/69 Tópico 1

13 2 Planejamento da Informação na Empresa 2.4 Planejamento Estratégico * Planejamento tático: desenvolvido pelos níveis organizacionais intermediários, tendo como principal finalidade a utilização eficiente dos recursos disponíveis para a consecução de objetivos previamente fixados, segundo uma estratégia predeterminada, bem como as políticas orientativas para o processo decisório da empresa. (Estamos na página 121 da apostila) 10/69 Tópico 1

14 2 Planejamento da Informação na Empresa 2.4 Planejamento Estratégico * Planejamento operacional: é normalmente elaborado pelos níveis organizacionais inferiores, com foco básico nas atividades do dia a dia da empresa, pode ser considerado como a formalização, principalmente através de documentos escritos, das metodologias de desenvolvimentos e implantação estabelecidas. (Estamos na página 121 da apostila) 11/69 Tópico 1

15 3 Plano Diretor de Informática É um processo para determinar os objetivos a serem atingidos com o uso dos recursos computacionais e a indicação dos recursos necessários para o seu desenvolvimento, cuja finalidade é estabelecer diretrizes básicas que nortearão as atividades relacionadas com a informática da empresa. (Estamos na página 121 da apostila) 12/69 Tópico 1

16 3 Plano Diretor de Informática 3.1 Finalidade * Incrementar comunicação interna; * Melhorar previsão de necessidades futuras de informação; * Identificar oportunidades de aperfeiçoamento e redução de custos nas atividades de informática; * Justificar investimentos na área; * Adquirir maior visão de informática dentro da organização. (Estamos na página 122 da apostila) 13/69 Tópico 1

17 3 Plano Diretor de Informática 3.2 Aspectos Relevantes * Usuários insatisfeitos; * Negligência da alta administração; * Documentação falha e desatualizada; * PDI em desacordo com a empresa; (Estamos na página 122 da apostila) 14/69 Tópico 1

18 3 Plano Diretor de Informática 3.3 Etapas de Elaboração do PDI Primeiramente, devem fazer parte da elaboração do PDI os seguintes profissionais: gerentes técnicos, líderes de projeto ou gerentes de projeto, analistas de suporte, administrador do BD, empresa de consultoria externa. (Estamos na página 123 da apostila) 15/69 Tópico 1

19 3 Plano Diretor de Informática 3.3 Etapas de Elaboração do PDI * Conhecimento da empresa; * Levantamento da situação atual; * Estabelecimento dos objetivos; * Definição das necessidades; * Cronograma; * Orçamento; * Execução; * Acompanhamento / Revisão. (Estamos na página 124 da apostila) 16/69 Tópico 1

20 4 Organização da Informação É necessário que toda a informação seja apresentada de forma organizada e que interfira nos procedimentos ou nos processos organizacionais. Isto é função da O&M (Organização de Sistemas e Métodos). (Estamos na página 124 da apostila) 17/69 Tópico 1

21 4 Organização da Informação 4.1 Distribuição na Organização * Descentralização da produção; * Descentralização dos projetos; * Autonomia local. (Estamos na página 126 da apostila) 18/69 Tópico 1

22 4 Organização da Informação 4.2 Objetivos * Conhecimento do objeto principal da empresa; * Melhoria da qualidade, produtividade e efetividade; * Diminuição dos custos; * Aproximação clientes x envolvidos; * Maior retorno financeiro; * Satisfação recursos humanos; * Foco na atuação da empresa. (Estamos na página 126 da apostila) 19/69 Tópico 1

23 4 Organização da Informação 4.3 Gestão do Projeto de Informações Muitas empresas demandam grande quantidade de tempo e recursos para o desenvolvimento de aplicativos que visem a melhoria das mesmas como um todo, porém acabam esquecendo-se de sua atividade principal. (Estamos na página 127 da apostila) 20/69 Tópico 1

24 4 Organização da Informação Desafios O maior culpado pelo fracasso dos projetos em TI é a própria gerência, por ser multifuncional e não poder dedicar o tempo necessário ao projeto e também por não ter o apoio logístico necessário às áreas envolvidas. (Estamos na página 128 da apostila) 21/69 Tópico 1

25 4 Organização da Informação Gestão da Mudança Qualquer tipo de mudança (inclusive as tecnológicas) sempre vão provocar mudanças no ambiente social da empresa. (Estamos na página 128 da apostila) 22/69 Tópico 1

26 4 Organização da Informação A Eficácia do Projeto * Objetivos claros; * Metodologia adequada; * Equipe treinada e motivada; * Visão do Negócio. (Estamos na página 129 da apostila) 23/69 Tópico 1

27 4 Organização da Informação Desenvolvimento Gerencial * Estruturação do conhecimento; * Ampliação dos canais de informação; * Aumento da capacidade de utilização de ferramentas gerenciais; * Aumento de interação e circulação de gerentes. (Estamos na página 129 da apostila) 24/69 Tópico 1

28 4 Organização da Informação Tomada de Decisão Gerencial * Entender e definir o problema; * desenvolver alternativas; * avaliar alternativas; * tomar decisão e implementá-la; * avaliar os resultados da decisão. (Estamos na página 130 da apostila) 25/69 Tópico 1

29 4 Organização da Informação 4.4 Como administrar informações Para administrar a informação, as organizações devem utilizar, de forma sistematizada, os recursos de informações e profissionais para gerenciá-los, de modo que interligados às metas da organização possam atender as necessidades informacionais exigidas pela administração. Com a necessidade de administrar a informação de forma ordenada e trazer resultados com maior velocidade e precisão, as organizações constroem os Sistemas de Informação. (Estamos na página 130 da apostila) 26/69 Tópico 1

30 4 Organização da Informação Atingindo Metas Fazer as perguntas certas; conquistar as pessoas; ter visão do todo; planejar o futuro; antecipar as mudanças; operacionalizar as mudanças; conviver com o longo prazo; Ter paciência; não esquecer do agora; gerenciar a complexidade; tentar sempre. (Estamos na página 132 da apostila) 27/69 Tópico 1

31 4 Organização da Informação 4.5 Alguns Aspectos * Aspecto moral (certo e errado) * Aspecto Legal (regulamento social); * Aspecto Ético (princípios de julgamento). (Estamos na página 132 da apostila) 28/69 Tópico 1

32 LOUCOS POR COMPUTAD OR!!!!

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

46 TÓPICO 2 Desenvolvimento de Sistemas 29/69

47 1 Introdução Desde os primórdios da informática, a insatisfação dos usuários com o atendimento de suas necessidades de Sistemas de Informação é causa de transtornos para os profissionais da área que constroem os Sistemas de Informação. (Estamos na página 137 da apostila) 30/69 Tópico 2

48 2 Implementação de Sistemas A implementação é um processo que ocorre ao longo de todo o ciclo de vida do sistema. É um processo bastante longo e se caracteriza como uma mudança para a organização. (Estamos na página 138 da apostila) 31/69 Tópico 2

49 2 Implementação de Sistemas 2.1 Ciclo de Vida dos Sistemas O ciclo de vida do software é o período que vai de seu planejamento até sua morte. Nesse intervalo, há um retorno constante para algumas etapas, que faz com o software fique atendendo aos requisitos para o qual foi projetado, até por fim a sua morte. (Estamos na página 138 da apostila) 32/69 Tópico 2

50 2 Implementação de Sistemas 2.1 Ciclo de Vida dos Sistemas * Necessidades; * Análise; * Projeto; * Construção; * Instalação; * Produção; * Manutenção. (Estamos na página 139 da apostila) 33/69 Tópico 2

51 2 Implementação de Sistemas 2.2 Tipos de Implementação Por uma Equipe Interna Por Usuário Final Por Terceiros Através de Pacotes (Estamos nas páginas 140 a 142 da apostila) 34/69 Tópico 2

52 2 Implementação de Sistemas 2.3 Sucesso na Implementação * Domínio Técnico; * Domínio de Dados; * Domínio do Usuário; * Domínio Organizacional; (Estamos na página 142 da apostila) 35/69 Tópico 2

53 2 Implementação de Sistemas 2.4 Medidas de Sucesso na Implementação * Aceitação; * Uso; * Desempenho; * Satisfação; (Estamos na página 143 da apostila) 36/69 Tópico 2

54 3 Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas A Metodologia de desenvolvimento de Sistemas – MDS consiste em um roteiro que permite o uso de uma ou várias técnicas de construção de softwares e que deve auxiliar o desenvolvimento dos mesmos, atendendo as necessidades do usuário. (Estamos na página 143 da apostila) 37/69 Tópico 2

55 3 Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas 3.1 Fases da Metodologia Estudo Preliminar * Nominar a equipe; * Identificar diretrizes e necessidades; * Detalhar os requisitos funcionais; * Definir estratégia de análise do sistema atual; * Aprovar o estudo preliminar. (Estamos na página 144 da apostila) 38/69 Tópico 2

56 3 Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas 3.1 Fases da Metodologia Análise do Sistema Atual * Revisar o Estudo Preliminar; * Identificar ambiente atual; * Identificar os fatores críticos; * Diagramar o sistema atual; * Definir estratégia do projeto lógico; * Aprovar a análise. (Estamos na página 145 da apostila) 39/69 Tópico 2

57 3 Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas 3.1 Fases da Metodologia Projeto Lógico * Revisar a análise do sistema atual; * Elaborar macropastas; * Elaborar a lógica de programação; * Definir estratégia do projeto físico; * Aprovar o projeto lógico. (Estamos na página 145 da apostila) 40/69 Tópico 2

58 3 Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas 3.1 Fases da Metodologia Projeto Físico * Revisar o projeto lógico; * Especificar o modelo de dados; * Definir a arquitetura; * Construir o sistema; * Finalizar o sistema; * Definir as estratégias de implantação; * Aprovar o projeto físico. (Estamos na página 146 da apostila) 41/69 Tópico 2

59 3 Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas 3.1 Fases da Metodologia Projeto de Implantação * Revisar o projeto físico; * Refinar planejamento de implantação; * Executar testes(*); * Avaliar resultados dos testes(*); * Finalizar o sistema; * Disponibilizar o sistema; * Acompanhar pós-implantação; * Aprovar o projeto final. (Estamos na página 146 da apostila) 42/69 Tópico 2

60 3 Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas 3.2 Metodologias de Engenharia e Qualidade * ISO * TQM – Total Quality Management; * CMM – Capability Maturity Model; * PSP – Personal Software Process; * TSP – Team Software Process; * QIP – Quality Improvement Paradigm; * SPICE – Software Process Improvement and Capability dEtermination. (Estamos na página 147 da apostila) 43/69 Tópico 2

61 3 Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas 3.3 Prototipagem de Sistemas de Informação A Prototipagem pode ser considerada um experimento no qual uma versão preliminar do sistema é disponibilizado para o(s) usuário(s) para avaliação ou demonstração, a fim de que eles entendam como será o sistema quando o mesmo estiver pronto. (Estamos na página 147 da apostila) 44/69 Tópico 2

62 TÓPICO 3 Sistemas de Informação nos Negócios 45/69

63 1 Introdução Inúmeras são as atividades que contribuem para que a tecnologia da informação possa realizar nas organizações seu relevante papel estratégico, que deva agregar valor aos produtos e/ou serviços da organização, auxiliando a promoção das inteligências competitiva e emrpesarial sobre seus concorrentes. (Estamos na página 151 da apostila) 46/69 Tópico 3

64 2 Questões Relevantes 2.1 Privacidade Com o uso da Tecnologia da Informação nada mais é como era antes: tanto podemos receber como enviar mensagens de todas as formas e gostos – a maioria contra o nosso gosto. (Estamos na página 152 da apostila) 47/69 Tópico 3

65 2.1.1 Hacking O hacking é o ato de invadir um sistema de informações para obter dados, destruí-los ou alterá-los sem autorização ou conhecimento do proprietário. É executado pelos hackers. Os crackers são hackers mau intencionados. (Estamos na página 152 da apostila) 48/69 Tópico 3

66 2.1.1 Hacking (Estamos na página 152 da apostila) 49/69 Tópico 3 Ilustração de um hacker

67 2.1.2 Jamming O jamming é o ato de invadir um sistema de informações e bloquear o acesso ao mesmo através de rotinas de software específicas. Assim, o sistema fica indisponibilizado e pode causar danos atingindo organizações e pessoas. (Estamos na página 153 da apostila) 50/69 Tópico 3

68 2.1.3 Sniffing O Sniffing é o ato de interceptar informações que trafegam por uma rede para depois usá-las de forma ilícita. (Estamos na página 153 da apostila) 51/69 Tópico 3

69 2.1.4 Spoofing O Spoofing consiste em obter informações passando-se por outros. No âmbito da internet, podem ser construídos sites falsos que enganam os usuários e obtêm dados de forma fraudulenta. (Estamos na página 154 da apostila) 52/69 Tópico 3

70 2.1.5 Spamming O Spamming é a prática de envio de s para alguém sem que essa organização ou pessoa tenha autorizado. É a maior “praga” do século no mundo das comunicações. (Estamos na página 154 da apostila) 53/69 Tópico 3

71 2 Questões Relevantes 2.2 Erros e Desperdícios * Descarte de equipamentos; * Utilização de recursos excessivos; * Tempo gasto pelos empregados; * Tempo gasto lendo . (Estamos na página 155 da apostila) 54/69 Tópico 3

72 2 Questões Relevantes 2.2 Erros e Desperdícios Erros de Informática: * Usuário com expectativas não esclarecidas ou falta de feedback; * Programa apresentando erro; * Entrada de dados incorreta. (Estamos na página 156 da apostila) 55/69 Tópico 3

73 2 Questões Relevantes 2.3 Questões Éticas As questões éticas lidam com aquilo que é considerado certo ou errado. (Estamos na página 156 da apostila) 56/69 Tópico 3

74 2 Questões Relevantes Código de Ética Algumas organizações adotam o código de ética, que nada mais é do que um conjunto de regras de conduta que devem ser seguidas pelos usuários para evitar o comportamento fora dos padrões da organização. (Estamos na página 156 da apostila) 57/69 Tópico 3

75 2 Questões Relevantes Princípios Éticos Os princípios éticos podem ser vistos como essas frases que marcam a vida da gente, e que, muito antes de agirmos diante de alguma situação, temos o cuidado de analisá-los. (Estamos na página 157 da apostila) 58/69 Tópico 3

76 2 Questões Relevantes 2.4 A Qualidade de Vida Algumas características com ênfase no uso da Tecnologia da Informação têm levado a situações que colocam em risco a qualidade de vida e o desenvolvimento sustentável. Alguns exemplos: (Estamos na página 158 da apostila) 59/69 Tópico 3

77 2 Questões Relevantes 2.4 A Qualidade de Vida * Transformações no mundo do trabalho; * Desigualdade social; * Exclusão Digital; * Dependência Tecnológica; * Riscos para a saúde. (Estamos na página 159 da apostila) 60/69 Tópico 3

78 3 A Ilegalidade e o Controle As organizações devem ficar atentas ao uso inadequado dos recursos da mesma, prevenindo os erros e os enganos. (Estamos na página 159 da apostila) 61/69 Tópico 3

79 3 A Ilegalidade e o Controle 3.1 Crimes praticados pelo computador A capacidade do computador em processar milhões de dados em menos de um segundo pode ajudar um ladrão a roubar dados valendo milhões de dólares. (Estamos na página 160 da apostila) 62/69 Tópico 3

80 3 A Ilegalidade e o Controle Computador como ferramenta para o crime Criminosos deste tipo utilizam-se de senhas, login, e outros recursos tecnológicos para roubar quantias de contas eletrônicas ou então produzir falsificações. (Estamos na página 160 da apostila) 63/69 Tópico 3

81 3 A Ilegalidade e o Controle Computador como objeto do crime Um computador torna-se o objeto do crime todas as vezes que o acesso a um sistema é obtido ilegalmente, dados ou equipamentos de computação furtados ou destruídos, ou ainda quando um software é copiado ilegalmente. (Estamos na página 161 da apostila) 64/69 Tópico 3

82 3 A Ilegalidade e o Controle 3.2 Controles para comércio ilegal na Internet Organizações criminosas ligadas ao tráfico de drogas, terrorismo, fraudes financeiras e pedofilia têm utilizado a Tecnologia da Informação para ampliarem seus campos de atuação. (Estamos na página 162 da apostila) 65/69 Tópico 3

83 3 A Ilegalidade e o Controle 3.3 Auditoria de Sistemas de Informação Auditoria é o ato em que se pode identificar o grau de confiabilidade dos Sistemas de Informação pelos resultados obtidos em função do que foi proposto. (Estamos na página 163 da apostila) 66/69 Tópico 3

84 3 A Ilegalidade e o Controle Abordagem ao redor do computador Abordagem que requer que o auditor examine os níveis de anuência 1 associados à aplicação dos controles organizacionais. (Estamos na página 163 da apostila) 67/69 Tópico 3 ( 1 ) s.f. Ação ou efeito de anuir; aprovação, consentimento: isso foi feito com a anuência de todos.

85 3 A Ilegalidade e o Controle Abordagem através do computador Caracterizado pelo manuseio de dados, aprovação e registros de transações comerciais, sem deixar evidências documentais razoáveis através dos controles de programas construídos junto aos sistemas (Logs). (Estamos na página 163 da apostila) 68/69 Tópico 3

86 3 A Ilegalidade e o Controle Abordagem com o computador Os sistemas são auditados totalmente pelo computador. (Estamos na página 164 da apostila) 69/69 Tópico 3

87 Parabéns!!! Terminamos a Unidade.

88 PRÓXIMA AULA: Sistemas de Informação 4º Encontro da Disciplina 3ª Avaliação da Disciplina (AVALIAÇÃO FINAL sem consulta)


Carregar ppt "Sistemas de Informação – Unidade 3. Educação a Distância – EaD Professor: Flávio Brustoloni Sistemas de Informação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google