A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Principais Grupos de Protozoários e Metazoários em que há Parasitos do Homem ou seus Vetores Prof. Ricardo Laino 1.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Principais Grupos de Protozoários e Metazoários em que há Parasitos do Homem ou seus Vetores Prof. Ricardo Laino 1."— Transcrição da apresentação:

1 Principais Grupos de Protozoários e Metazoários em que há Parasitos do Homem ou seus Vetores Prof. Ricardo Laino 1

2 Nomenclatura Científica Surge da enorme variedade dos seres vivos Regras precisas e capaz de assegurar a distinção clara entre uma espécie e outra Espécie: ▫Coleção de indivíduos (atuais ou que viveram no passado) que se assemelham entre si como os seus ascendentes e descendentes ▫Semelhanças por possuírem o mesmo patrimônio genético 2

3 Designação de cada espécie Linneu ▫Norma de designar cada espécie com dois nomes: nomenclatura binominal:  Primeiro – gênero  Segundo – espécie ▫Utilização de palavras latinas ▫Nome do gênero sempre com inicial maiúscula grifado ou em itálico ▫Nome da espécie com inicial minúscula grifado ou itálico 3

4 Exemplificação Nomenclatura Nome comum: lombriga do homem ▫Ascaris lumbricoides Nome comum: lombriga do porco ▫Ascaris suun No mesmo texto mencionado várias vezes; ▫A. lumbricoides 4

5 Espécie compreende duas ou mais sub espécies: ▫ Acrescentar o nome da sub espécie depois da espécie:  Trypanosoma brucei gambiense  Trypanosoma brucei rhosiense Exemplificação Nomenclatura mosca tsé-tsé (Glossina) Doença do sono africana. Forma rodesiana (do leste) é aguda Forma gambiense (oeste) é mais crônica 5

6 Espécies próximas são reunidas em um mesmo GÊNERO: ▫Vários agentes da malária humana no gênero Plasmodium:  Plasmodium falciparum, Plasmodium vivax, Plasmodium malariae e Plasmodium ovalae. Plasmodium spp. ▫Refere-se a espécies do gênero Plasmodium sem mencioná-las individualmente Nomenclatura Científica 6

7 Os gêneros afins são colocados em uma mesma FAMÍLIA e as famílias que mostram certo parentesco, em uma ORDEM. As ordens por sua vez, agrupam-se em CLASSES e as classes afins em FILOS. O conjunto de todos os filos constitui um REINO: ▫Por exemplo o reino Animalia. Nomenclatura Científica 7

8 8

9 PROTOZOÁRIOS (REINO PROTISTA, SUB-REINO PROTOZOA) Os Flagelados ▫Subfilo MASTIGOPHORA As amebas ▫Subfilo SARCODINA Os esporozoarios ▫Filo APICOMPLEXA Os ciliados ▫Filo CILIOPHORA 9

10 PROTOZOÁRIOS (REINO PROTISTA, SUB-REINO PROTOZOA) Organismos Unicelulares Eucariotas 10

11 espécies identificadas ▫Cerca de correspondem a parasitos Protozoários ▫Divididos em sete filos ▫Três de maior importância:  Sarcomastigophora  Apicomplexa  Ciliphora PROTOZOÁRIOS (REINO PROTISTA, SUB-REINO PROTOZOA) 11

12 Filo Sarcomastigophora Protozoários que se locomovem por meio de flagelos, de cílios ou de pseudópodes Possuem um ou mais núcleos, sempre de um só tipo Reprodução geralmente assexuada Subfilos onde se encontram os parasitos humanos: ▫Mastigophora ▫Sarcodina 12

13 FLAGELADOS (SUBFILO MASTIGOPHORA, CLASSE ZOOMASTIGOPHOREA) Protozoários que apresentam um ou mais flagelos Multiplicam-se assexuadamente por divisão binária Desconhecido em muitos grupos formas de reprodução sexuada. 13

14 FLAGELADOS (SUBFILO MASTIGOPHORA, CLASSE ZOOMASTIGOPHOREA) Família Trypanosomatidae ▫Gêneros Trypanosoma e Leishmania  Infecções graves e doenças consumptivas de animais domésticos  No homem:  Tripanossomíase americana ou doença de chagas – Trypanosoma cruzi  Tripanossomíases africanas ou doença do sono – Trypanosoma brucei gambiense ou T. brucei rhodesiense  Leishmanioses cutâneas e mucocutâneas – L. brazilienses, L. mexicana, L. peruviana, L. tropica, etc.  Calazar – L. donovani, L. infantum, etc. 14

15 Trypanosoma cruzi Barbeiro Doença de Chagas Leishmanioses cutâneas Leishmania 15

16 FLAGELADOS (SUBFILO MASTIGOPHORA, CLASSE ZOOMASTIGOPHOREA) Outros Flagelados parasitos do homem (mais importantes): ▫Giardia intestinalis – habita o intestino delgado podendo ocasionar diarréias Espécies do gênero Trichomonas, Pentatrichomonas e Dientamoeba ▫Encontradas no aparelho digestório ou genitourinário 16

17 AS AMEBAS (SUBFILO SARCODINA. CLASSE LOBOSEA) Protozoários que se movem por meio de pseudópodes ou mediante fluxo de citoplasma, sem formação de pseudópodes evidentes. Em alguns casos há também flagelos, presentes apenas em determinados períodos do ciclo evolutivo 17

18 AS AMEBAS (SUBFILO SARCODINA. CLASSE LOBOSEA) Entamoeba histolytica – responsável por várias formas da amebíase ▫Colite amebianas, disenterias e abscessos amebianos do fígado, pulmão, etc. 18

19 OS ESPOROZOÁRIOS (FILO APICOMPLEXA, CLASSE SPOROZOEA) Agrupamento bastante homogêneo de protozoários cujas formas infectantes trazem na extremidade anterior um complexo de organelas destinadas a penetração nas células de seus hospedeiros, o complexo apical ou conóide. Apresentam reprodução assexuada e sexuada, com produção de oocistos (ou esporocistos) que dão origem a formas infectantes denominada esporozoítos 19

20 ESPOROZOÁRIOS Esporocistos 20

21 OS CILIADOS (FILO CILIOPHORA, CLASSE KINETOFRAGMINOPHOREA) Protozoários com dois tipos de núcleo: ▫Macronúcleo e micronúcleo Possuem cílios simples ou organelas compostas que estão tipicamente presentes em pelo menos uma fase do ciclo evolutivo. Única espécie capaz de infectar o homem e produzir disenteria semelhante a da amebíase: Blantidium coli – habitual do porco 21

22 Blantidium coli 22


Carregar ppt "Principais Grupos de Protozoários e Metazoários em que há Parasitos do Homem ou seus Vetores Prof. Ricardo Laino 1."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google