A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – 1/21.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – 1/21."— Transcrição da apresentação:

1 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – 1/21

2 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – 2/21 O que é um processo Um processo pode ser entendido inicialmente como um programa em execução, só que seu conceito é mais abrangente. Este conceito torna-se mais claro quando pensamos de que forma os sistemas multiprogramáveis (multitarefa) atendem os diversos usuários (tarefas) e mantêm informações a respeito dos vários programas que estão sendo executados concorrentemente [MACHADO, 1997].

3 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – 3/21 Estrutura do Processo

4 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – 4/21 Contexto de Hardware O contexto de hardware é fundamental para a implementação dos sistemas time-sharing, onde os processos se revezam na utilização do processador, podendo ser interrompidos e, posteriormente, restaurados como se nada tivesse acontecido. A troca de um processo por outro na CPU, realizada pelo sistema operacional, é denominada mudança de contexto (context switching). A mudança de contexto consiste em salvar o conteúdo dos registradores da CPU e carregá-los com os valores referentes ao do processo que esteja ganhando a utilização do processador. Essa operação resume-se, então, em substituir o contexto de hardware de um processo pelo de outro.

5 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – 5/21 Contexto de Software O contexto de software especifica características do processo que vão influir na execução de um programa, como o número máximo de arquivos abertos simultaneamente ou o tamanho do buffer para operações de E/S. Essas características são determinadas no momento da criação do processo, mas algumas podem ser alteradas durante sua existência. O contexto de software define basicamente três grupos de informações de um processo: sua identificação, suas quotas e seus privilégios.

6 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – 6/21 Gerência de memória O espaço de endereçamento é a área de memória do processo onde um programa poderá ser executado, além do espaço para os dados utilizados por ele. Cada processo possui seu próprio espaço de endereçamento, que deve ser protegido do acesso dos demais processos.

7 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – Características da Estrutura de um Processo

8 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – Bloco de Controle do Processo (PCB)

9 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – Estados de um processo Estado de execução Um processo é dito no estado de execução (running) quando está sendo processado pela CPU. Estado de pronto Um processo está no estado de pronto (ready) quando apenas aguarda uma oportunidade para executar, ou seja, espera que o sistema operacional aloque a CPU para sua execução. Estado de espera Um processo está no estado de espera (wait) quando aguarda algum evento externo ou algum recurso para poder prosseguir seu processamento.

10 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – Mudança de estado

11 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – Processos Foreground e Background

12 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – Pipe

13 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – Processos CPU-bound x I/O-bound

14 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – Uso de Sinais

15 09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – Sinais, Interrupções e Exceções


Carregar ppt "09/03/10 20:13 Claudio de Oliveira – 1/21."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google