A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Formação de Professores: compreender e revolucionar Bernardete A. Gatti Fundação Carlos Chagas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Formação de Professores: compreender e revolucionar Bernardete A. Gatti Fundação Carlos Chagas."— Transcrição da apresentação:

1 Formação de Professores: compreender e revolucionar Bernardete A. Gatti Fundação Carlos Chagas

2 Para refletir sobre essa questão Para refletir sobre essa questão : fugir das opiniões de senso comum representações forjadas nos limites da cotidianeidade distanciar-se das particularidades Perguntar-se sobre: Perguntar-se sobre: os porquês dessa formação se é necessária ou não, importante ou não quais componentes considerar e quais dinâmicas formativas Necessidade => constituição de algum referencial na contemporaneidade Posições fundamentadas: filosofia educacional perspectiva de sociedade experiências profissionais

3 Por quê formar professores? É preciso, é importante, formar professores? G. Gusdorf (1970) Ser um mestre é importante porque, cada existência firma-se e afirma-se em contato com as existências que a rodeiam, e, a relação professor-aluno pode ser algo singular, como uma relação mestre-discípulo, no sentido em que nessa relação pode-se constituir um sentido para a vida, para além dos conhecimentos, com a descoberta de valores essenciais. O papel do mestre é o de dar forma humana aos valores abrindo aos seus alunos a possibilidade de cada um construir-se como um ente cultural, assim construindo uma identidade própria. Professores-mestres é que dão sentido ao trabalho docente. Trabalho docente: conhecimentos + valores

4 Pressuposto Os professores, para serem profissionais e não repentistas, ensaístas ou quebra- galhos, necessitam ser portadores de conhecimentos sobre o campo educacional e sobre práticas relevantes a esse campo, e mais, necessitam de ter além de sua formação científica, uma formação humanista, de tal forma que possam tornar-se professores-mestres.

5  Para assumir esse pressuposto Necessidade de Superação de Concepções – “qualquer um pode ser professor “ - “dar aula é “fichinha” => banalização da atividade docente - (um pouco + sofisticada) – “quem tem conhecimento sabe ensinar” => desprezo pelo conhecimento pedagógico => desprezo pela pesquisa em educação e ensino => desconhecimento do trabalho escolar  Impactam as práticas de formação de professores  Desqualifica

6 A não valia associada à profissão docente: assenta-se em parte nessa representação, representação que é desafiada hoje diante do que ocorre nas escolas, em suas salas de aula, nos contextos não formais de educação, nas comunidades, na inquietação dos pais... Por em pauta: A formação necessária para que se possa ser um professor HOJE A formação necessária para que se possa ser um professor HOJE Professor: profissional que deve poder dialogar de modo efetivo com as novas gerações, com as crianças e jovens, despertando-as para os valores, os saberes e a riqueza dos conhecimentos que alimentam nossa civilização. Construção: Professor = Profissional ///// Superar: Representações arcaicas

7 Questão básica: Papel dos professores nas sociedades contemporâneas: ***diversidades sociais e culturais/desenvolvimento das ciências e seu papel no mundo atual/as demandas postas pela população/as demandas éticas / justiça social e educacional em relação a todos os segmentos sociais. => só boa vontade não basta => só bom senso não basta => só bom senso não basta ► formação sólida, específica, interdisciplinar, continuada: conhecimentos científico-culturais + constituídos no campo da educação + valores humanitários valiosos a uma vida social construtiva

8 Olhar de frente: como formamos professores Olhar para frente: Como queremos – ou como é necessário - que nossos professores sejam formados é uma discussão que não podemos mais adiar. Não podemos adiar mudanças radicais nessa formação POR QUÊ?

9 Como formamos professores? Hoje => pouca atenção às licenciaturas => dispersão curricular => separação radical entre as licenciaturas => foco maior: conhecimento de áreas específicas

10 Saviani (2009) => aponta o risco de que a formação universitária, ao invés de oferecer aos professores um preparo profissional mais consistente, possa comprometer a formação para as questões pedagógicas e o atendimento às especificidades da criança pequena, pelo predomínio, em nossa universidade, de um modelo que prioriza a cultura geral e os conteúdos de conhecimento. Arr oyo (2007) => as propostas se fundamentam nas diretrizes e normas como configurantes do real, tomando como referência modelos idealizados de docência que desconsideram a prática concreta dos professores e as suas condições de trabalho “superação dessa tradicional visão conformante e precedente das políticas, das diretrizes e dos currículos de formação”

11 Século XXI Como referenciar a formação de professores? Como referenciar currículos para essa formação nas diferentes licenciaturas? Quais conhecimentos são importantes para formar professores?

12 Para bem compreender a situação formativa de professores para a educação básica, para propor revolucionamentos nessa formação: Necessária => uma perspectiva fundada: a)quanto à constituição do campo de conhecimentos relativos à educação b)quanto à educação escolar enquanto fato social, concretizado, portanto, visível em práticas sociais, no âmbito das escolas ou outros ambientes c)quanto aos novos meios de comunicação e a cultura que criam d)Quanto às novas condições societárias

13 PARA QUÊ?  Para a constituição de didáticas renovadas para a formação de professores  Para a constituição de didáticas renovadas para o trabalho escolar;

14

15

16 CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO  Origem nas práticas históricas Conjugação e a inter-relação duas vertentes \/  conhecimentos constituídos nas e pelas práticas educacionais (pela institucionalização em espaços profissionais diversos)  estudos científicos que as práticas e as demandas sociais suscitam NOSSA FACILIDADE: Ficar em abstrações NOSSA DIFICULDADE: Interseccionar áreas de conhecimento com formas de ação pedagógica junto a crianças, adolescentes e jovens

17 Em síntese: A. Novos formatos nas instituições => integrações B. Base comum formativa C. Renovação didática nas IES => novas dinâmicas formativas D. Conhecimentos das ciências da educação E. Conhecimento da disciplina para o ensino => comunicação F. Desafios da sociedade contemporânea

18 Desafios da sociedade contemporânea  Competitividade, individualismo, consumismo, marketing ▪ Dispersão ética e moral ▪ Multiculturalismo/Diversidades \/ ▪ Sentimentos de injustiça – as subjetividades e os subgrupos ▪ Inclusão – lutas/buscas \/ Busca de sentido = justiça social

19 EMERGENTE NOVO PARADIGMA EM EDUCAÇÃO “... UMA ESCOLA JUSTA E, PARA TER UMA ESCOLA JUSTA PRECISAMOS DE PROFESSORES QUE ASSUMAM ESSE COMPROMISSO.” (J. Tedesco, 2010)

20 ESCOLA JUSTA Qualifica Inclui Não exclui Qualifica Aquela escola em que os alunos aprendem e se educam para a vida como cidadãos se educam para a vida como cidadãos => Preparo dos professores => Preparo dos professores

21 Mizukami, 2013, p. 23 “A docência é uma profissão complexa e, tal como as demais profissões, é aprendida. Os processos de aprender a ensinar, de aprender a ser professor e de se desenvolver profissionalmente são lentos. Iniciam-se antes do espaço formativo das licenciaturas e prolongam-se por toda a vida, alimentados e transformados por diferentes experiências profissionais e de vida. Assim, por excelência, a escola constitui um local de aprendizagem e de desenvolvimento profissional da docência.”

22 DEMANDA DE: CONHECIMENTO SENSIBILIDADE COGNITIVA CAPACIDADE DE CRIAR RELACIONAMENTOS DIDÁTICOS DIDÁTICOS FRUTÍFEROS TER E CRIAR ATITUDES ÉTICAS

23 Estamos formamos de modo adequado os professores para a educação básica? => modo proposto no início do século XX => um século sem mudanças estruturantes É PRECISO MUDAR MAIS QUE ISSO: É PRECISO REVOLUCIONAR!

24 Pontos a considerar: 1.Renovação estrutural 2.Renovação curricular 3.Características e formação dos formadores 4.Renovação de posturas

25 Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova (Introdução – Fernando de Azevedo (Azevedo, 1932) “Todas as gerações que nos precederam... foram vítimas de vícios orgânicos de nosso “aparelhamento de cultura” cuja reorganização não se podia esperar de uma mentalidade política, sonhadora e romântica, ou estreita e utilitária, para a qual a educação nacional não passava geralmente de um tema para variações líricas ou dissertações eruditas.” - uma “alma antiga” em um “mundo novo” “A preparação dos professores é tratada entre nós de maneira inteiramente descuidada... como se a função educacional, de todas as funções públicas a mais importante, fosse a única para cujo exercício não houvesse necessidade de qualquer preparação profissional.”

26 Referências ARROYO, M. G. Condição docente, trabalho e formação. Em J. V. A. Souza, (Ed.) Formação de professores para a educação básica: dez anos da LDB. Belo Horizonte: Autêntica, AZEVEDO, F. et al. Manifestos dos Pioneiros da Educação Nova (1932) e dos Educadores (1959), Recife: Fundação Joaquim Nabuco; Editora Massangana, MIZUKAMI, M. G. N. Escola e desenvolvimento profissional da docência. In: Gatti, B.A; Silva Júnior, A. C.; Pagotto, M.D.S.; Nicoletti, M.G. Por uma política nacional de formação de professores. São Paulo: Editora Unesp, 2013, p.23 – 54. SAVIANI, D. Formação de professores: aspectos históricos e teóricos do problema no contexto brasileiro. Revista Brasileira de Educação, ANPED, v. 14 n. 40, p , jan./abr SHULMAN, L. S. The wisdom of practice: essays on teaching, learning and learning to teach. The Carnegie Foundation for the Advancement of Teaching, Jossey Bass, San Francisco, CA, USA, TEDESCO, J. Presentación. In: OLIVEIRA, D. A. et al. Políticas educativas y territórios. Modelos de articulación entre niveles de gobierno. IIPE/Unesco: Buenos Aires, 2010.


Carregar ppt "Formação de Professores: compreender e revolucionar Bernardete A. Gatti Fundação Carlos Chagas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google