A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Marcos Chiarion Vidiri n° 14457 Silas Galvão Cezar Fernandes n° 14470 Engenharia da Computação Prof. Dr. Élcio Rogério Barrak.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Marcos Chiarion Vidiri n° 14457 Silas Galvão Cezar Fernandes n° 14470 Engenharia da Computação Prof. Dr. Élcio Rogério Barrak."— Transcrição da apresentação:

1 Marcos Chiarion Vidiri n° Silas Galvão Cezar Fernandes n° Engenharia da Computação Prof. Dr. Élcio Rogério Barrak

2 Ácidos e bases de Arrhenius Ácidos: Substâncias que produzem íons H + em meio aquoso. HCl + H 2 O  H + + Cl - Bases: Substâncias que produzem íons OH - em meio aquoso. NaOH + H 2 O  Na + + OH -

3 Ácidos e bases de Brönsted-Lowry Conceito baseado na transferência de íon H + (próton) A interação do íon H + com água líquida forma o íon hidrônio: H 3 O + Ácido: Substância que pode doar um próton Base: Substância que pode receber um próton HCl + H 2 O  H 3 O + + Cl -

4 Pares ácido-base conjugados Base conjugada: Formada pela remoção de um próton de seu ácido conjugado. Ácido conjugado: Formado pela adição de um próton à sua base conjugada. NH 3 + H 2 O  NH OH - BaseÁcidoÁcido conjugadoBase conjugada Adicionar H + Remover H +

5 Forças relativas de ácidos e bases Quanto mais forte o ácido, mais fraca é sua base conjugada. Quanto mais forte a base, mais fraco é seu ácido conjugado.

6 Forças relativas de ácidos e bases ÁcidoBase HClCl - H 2 SO 4 HSO 4 - HNO 3 NO 3 - H3O+H3O+ H2OH2O HSO 4 - SO 4 2- HPO 4 2- PO 4 3- H2OH2OOH - O 2- H2H2 H-H- CH 4 CH 3 - Fraco Forte Desprezível

7 Auto-ionização da água Na presença de um ácido, a água age como receptor de próton Na presença de uma base, a água age como doador de próton Assim, uma molécula de água pode doar próton para outra molécula de água, processo chamado de auto-ionização da água A cada 10 9 moléculas de água, apenas duas acabam ionizadas

8 Produto iônico da água Como a auto-ionização da água é um processo em equilíbrio, a 25°C temos que: K w = [H + ][OH - ] = 1,0 x Uma solução na qual [H + ] = [OH - ] é conhecida como neutra

9 A escala de pH O pH (potencial hidrogeniônico) é uma grandeza físico- química que indica o grau de acidez, neutralidade ou alcalinidade de um meio qualquer. pH = -log[H + ] pOH = -log[OH - ] pH + pOH = 14 (a 25°C)

10 A escala de pH Relações entre [H + ], [OH - ] e pH a 25°C: Tipo de solução [H + ] (mol/L)[OH - ] (mol/L)Valor do pH Ácida> 1,0 x < 1,0 x < 7,00 Neutra= 1,0 x = 7,00 Básica< 1,0 x > 1,0 x > 7,00

11 A escala de pH Alguns Valores de pH SubstânciapHSubstânciapH Ácido de Bateria< 1.0Saliva (cancro) Suco Gástrico2.0Leite6.5 Suco de Limão2.4Água pura7.0 Cola (refrigerante)2.5Saliva Humana Vinagre2.9Sangue Sumo de laranja3.5Água do Mar8.0 Cerveja4.5Sabonete de mão Café5.0Amônia caseira11.5 Chá5.5Cloro12.5 Chuva Ácida< 5.6Hidróxido de Sódio13.5

12 Medindo o pH

13 Um indicador ácido-base é uma substância colorida que pode por si mesma existir na forma ácida ou básica, apresentando cores diferentes quando varia o pH. Exemplos: Papel de tornassol, alaranjado de metila, fenolftaleína.

14 Medindo o pH Faixa de pH para a variação de cor Violeta de metila Azul de Timol Alaranjado de metila Vermelgo de metila Azul de bromotimol Fenolftaleína Amarelo de alizarina R

15 Ácidos e bases fortes Os ácidos e as bases fortes são eletrólitos fortes, existindo em solução aquosa inteiramente como íons Os ácidos fortes mais comuns são: HCl, HBr, HI, HNO 3, HClO 3, HClO 4 e H 2 SO 4. E em uma solução aquosa o ácido é normalmente a única fonte significativa de íons H + As bases fortes mais comuns são da família dos metais alcalinos e alcalino-terrosos

16 Ácidos fracos A maioria das substâncias ácidas é acido fraco e ionizam- se parcialmente em soluções aquosas. Assim podemos quantificar o grau de ionização de um ácido pela constante de equilíbrio da reação Para um ácido fraco genérico (HA), temos: HA (aq)  H + (aq) + A - (aq)

17 Ácidos fracos Então para o equilíbrio temos a constante de dissociação ácida (K a ): K a = [H + ][A - ]/[HA] Quanto maior o valor de K a, mais forte o ácido

18 Ácidos fracos Muitos ácidos têm mais de um átomo de H ionizável, são conhecidos como ácidos polipróticos. Exemplo: H 2 SO 3(aq)  H + (aq) + HSO 3 - (aq) K a1 = 1,7x10 -2 HSO 3 - (aq)  H + (aq) + SO 3 2- (aq) K a2 = 6,4x10 -8 H 2 SO 3(aq)  2H + (aq) + SO 3 2- (aq)

19 Bases fracas As bases fracas reagem com água, abstraindo prótons da H 2 O. Desta forma temos, para uma base fraca genérica (B): B (aq) + H 2 O  HB + + OH - (aq) A expressão da constante de equilíbrio (K b ), fica: K b = [HB + ][OH - ]/[B] Muitas substâncias comportam-se como bases em água (amônia e aminas, por exemplo)

20 Relação entre K a e K b O produto da constante de dissociação ácida para um ácido e a constante de dissociação básica para a respectiva base conjugada é a constante do produto iônico da água K a  K b = K w

21 Propriedades Ácido-Base de soluções de sais pH do Sal em meio aquoso Ácido ForteÁcido Fraco Base ForteNeutroBásico Base FracaÁcidoÁcido/Básico

22 Comportamento ácido-base e estrutura química Fatores que afetam a força ácida:  Polaridade (H-C em CH 4, neutra)  Força das ligações (H-F)  Estabilidade da base conjugada (mais forte é o ácido quanto maior a estabilidade da base conjugada)

23 Ácidos e bases de Lewis Ácido de Lewis: É um receptor de par de elétrons Base de Lewis: É um doador de par de elétrons Esta definição aumenta o número de espécies que podem ser consideradas ácidos (BF 3, age como um receptor de par de elétrons mediante NH 3, que doa elétrons) H H HN:N:+B F F F  H H HNB F F F BaseÁcido

24 Referências bibliográficas Brown, LeMay, Bursten. Química: A Ciência Central, 9ª edição, Pearson


Carregar ppt "Marcos Chiarion Vidiri n° 14457 Silas Galvão Cezar Fernandes n° 14470 Engenharia da Computação Prof. Dr. Élcio Rogério Barrak."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google