A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DIRETORIA PARA O QUINQUÊNIO março de 2008 a março de 2013 Presidente:Iedyr Gelape Bambirra Vice-Presidente:José Corrêa Maduro Secretário GeralIvan Dutra.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DIRETORIA PARA O QUINQUÊNIO março de 2008 a março de 2013 Presidente:Iedyr Gelape Bambirra Vice-Presidente:José Corrêa Maduro Secretário GeralIvan Dutra."— Transcrição da apresentação:

1 DIRETORIA PARA O QUINQUÊNIO março de 2008 a março de 2013 Presidente:Iedyr Gelape Bambirra Vice-Presidente:José Corrêa Maduro Secretário GeralIvan Dutra Doehler Segundo SecretárioJosé Antonio Nunes Silva TesoureiroAntonio Rocha Segundo TesoureiroUilson Vicente L. de Freitas

2 REPRESENTANTES DA CONFENAPA CONEB - Conferência Nacional da Educação Básica Titular: Iedyr Gelape Bambirra Suplente: José Corrêa Maduro FUNDEB no âmbito da UNIÃO Titulares: José Corrêa Maduro Espírito Santo Maria Vitória Boucas Bahia Silva Maranhão Suplentes: Hilton Martins Durães Pará Maria das Graças Ferreira Lobino Espírito Santo Vice- Presidente do FUNDEB no âmbito da União José Corrêa Maduro

3 FUNDADA EM 1993, SUA SEDE É EM BELO HORIZONTE. ESTADOS QUE POSSUEM ASSOCIAÇÃO DE PAIS NO BRASIL: RS, PA, MA, CE, PI, GO, SP, MG e ES.

4 Gestão Democrática das Escolas e dos Sistemas de Ensino: relação entre sujeitos e as instâncias de participação Maria das Graças Ferreira Lobino

5  COMO REDIMENSIONAR A ESCOLA COMO UM ESPAÇO EDUCADOR E NÃO ESCOLAR?  EM QUE BASES A EDUCAÇÃO BRASILEIRA SE ALICERÇA?  EM QUE PILARES SE SUSTENTA A GESTÃO DEMOCRÁTICA ?  POR QUE OS COMUNIDADE LOCAL TEM DIFICULDADE EM PARTICIPAR DOS CONSELHOS DAS ESCOLAS? APARÊNCIA x ESSÊNCIA VAMOS PENSAR UM POUCO?

6 EXPERIÊNCIA DE VITÓRIA  Ação interdisciplinar no cotidiano escola;  Instalação dos Conselhos de Escola num processo de construção ascendente Lei 3.776/92;

7 CF/88: Art. 206: O ensino será ministrado com base nos seguintes princípios: VI – gestão democrática do ensino público, na forma da Lei. LDB/96: Art. 3º.: O ensino será ministrado com base nos seguintes princípios: VIII – gestão democrática do ensino público, na forma desta Lei e da legislação dos sistemas de ensino. Art. 14º: Os sistemas de ensino definirão as normas de GD (...): I – participação dos profissionais da educação na elaboração da proposta pedagógica; II – participação das comunidades escolar e local em conselhos escolares ou equivalente. Art. 15º: Os sistemas de ensino assegurarão às escolas progressivos graus de autonomia pedagógica, administrativa e de gestão financeira. Gestão Democrática na Legislação

8 GESTÃO  LATIM LEVAR SOBRE SI, CARREGAR, CHAMAR A SI, EXECUTAR, EXERCER E GERAR.  GESTATIO TRAZ EM SI ALGO NOVO E DIFERENTE.  RAIZ ETIMOLÓGICA GER = FAZER BROTAR, GERMINAR, FAZER NASCER. GESTÃO DEMOCRÁTICA

9 DEMOCRÁTICA GESTÃO DEMOCRÁTICA DEMOCRACIA REAL DEMOCRACIA FORMAL  A democracia, modelada pelo mercado e sobre a desigualdade sócio-econômica, é um a farsa bem sucedida, visto que mecanismos por ela acionadas destinou-se apenas a conseçar a impossibilidade efetiva da democracia. Se a tradição do pensamento democrático, democracia significa: a) igualdade, b) soberania popular,c) preenchimento de exigências constitucionais,d) reconhecimento do direito da maioria,e) liberdade, torna- se óbvia a fragilidade democrática no capitalismo.” CHAUÍ, 1997,p.: 141.

10 REFLEXÃO GRAMSCIANA A IMPORTÂNCIA DE UMA DESCOBERTA NÃO SER ORIGINAL. É MAIS CORAJOSO OU NOBRE O FATO DE DIFUNDIR UMA VERDADE JÁ CONHECIDA E POUCO SOCIALIZADA DO QUE DESCOBERTAS ORIGINAIS. ASSIM A GESTÃO SERIA UM NOVO MODO DE ADMINISTRAR UMA REALIDADE EM SI MESMO, DEMOCRÁTICA, QUE SE TRADUZ PELA COMUNICAÇÃO, PELO ENVOLVIMENTO COLETIVO E PELO DIÁLOGO. GESTÃO DEMOCRÁTICA

11 CONSTITUÍÇÃO FEDERAL DE 1946 LEI Nº /61 Estratégia : Conciliação na “democracia restrita” SITUANDO A GESTÃO DEMOCRÁTICA NA LEGISLAÇÃO BRASILEIRA “A estratégia da conciliação na instauração da democracia restrita” (Saviani).

12 CONSTITUÍÇÃO FEDERAL DE 1967 LEI Nº / LEI Nº /71 Estratégia: “autoritarismo desmobilizador”... Dormia a nossa pátria mãe tão distraída sem perceber que era subtraída em tenebrosas transações Seus filhos erravam cegos pelo continente, levavam pedras feito penitentes.Erguendo estranhas catedrais Meu Deus, vem olhar, vem ver de perto uma cidade a cantar. Evolução da liberdade até o dia clarear...

13 CONSTITUÍÇÃO FEDERAL DE 1988 LEI Nº /06 Estratégia: “Estado Mínimo” Artifício: flexibilização. Democracia “real” x Democracia “formal” DESCENTRALIZAÇÃO, FLEXIBILIZAÇÃO E AUTONOMIA.

14 GESTÃO DEMOCRÁTICA E REALIDADE ESCOLAR  Ascensão do estado neoliberal e o fenômeno da globalização nos anos 90, há um deslocamento do paradigma da época anterior: do crescimento e desenvolvimento para prioridade à educação;  Até os anos 80 o empresariado exigia do Estado apenas trabalhadores alfabetizados passa a exigir agora profissionais não apenas com anos de escolaridade – ens. Fundamental e Médio – mas também com novos conteúdos e métodos de ensino: conhecimentos, valores e habilidades que vão além da memorização e dos conhecimentos tradicionalmente transmitidos pela escola ou do simples adestramento para a profissão.

15 COMO CONSTRUIR A GESTÃO DEMOCRÁTICA ENTRE SUJEITOS E AS INSTÂNCIAS DE PARTICIPAÇÃO ? Protagonismo do professor GESTÃO DEMOCRÁTICA AUTONOMIA E DESCENTRALIZAÇÃO REGIME DE COLABORAÇÃO Política Educacional e Financiamento Público da Educação CONSTRUÇÃO DO PPP Participação da Comunidade CONSELHO ESCOLAR

16 “À CONSOLIDAÇÃO DA DEMOCRACIA COM VALOR ONDE A PARTICIPAÇÃO É PARADIGMA DA PRÁTICA SOCIAL. INSTÂNCIA PEDAGÓGICA, CONCEBIDA COMO PROCESSO DE CONSTRUÇÃO COLETIVA DOS DIFERENTES SABERES” (GRAÇA LOBINO p50). “UM PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO NÃO NEGA O INSTITUÍDO NA ESCOLA, QUE É SUA HISTÓRIA, OS SEUS CURRÍCULOS, OS SEUS MÉTODOS, O CONJUNTO DE SEUS ATORES INTERNOS E EXTERNOS E OS SEUS MODOS DE VIDA.” (GADOTTI.1992). COMO CONSTRUIR A GESTÃO DEMOCRÁTICA ENTRE SUJEITOS E AS INSTÂNCIAS DE PARTICIPAÇÃO ?

17 Proposta Curricular do Estado. Comissão Interinstitucional de EA. Estabelece os conhecimentos mínimos comuns e as linhas gerais da educação nacional. Estabelece as adequações necessárias a realidade sócio ambiental do estado. Sucessivas adequações à realidade local e a cada unidade escolar, incluindo suas características específicas e visando a integração com a comunidade. Proposta Municipal Agenda 21 Local A educação ambiental inserida no Projeto Político Pedagógico da UE, como tema transversal. Currículo Básico Nacional LDB/96 e Diretrizes Curriculares nacionais: Lei Política Nacional de Educação Ambiental PARTICIPAÇÃO, CONTROLE SOCIAL E QUALIDADE DE VIDA

18 TRANSVERSALIDADE VERTICAL Ética, saúde, pluraridade cultural, orientação sexual TEMAS TRANSVERSAIS PROCESSODEFORMAÇÃOPROCESSODEFORMAÇÃO CICLOSESCOLARESCICLOSESCOLARES Eixo Integrador Educação Ambiental A Transversalidade, como estratégia da transdisciplinaridade, desde uma perspectiva de construção do conhecimento contextualizado, baseado na cotidianidade do sujeito da educação. ÁREAS DE CONHECIMENTO MININNI – MEDINA, 1998

19 GESTÃO DEMOCRÁTICA DE QUALIDADE SOCIAL GESTÃO DEMOCRÁTICA Conhecimento emancipatório Participação e Controle Social CIDADANIA SÓCIO AMBIENTAL EA

20 QUE EDUCAÇÃO QUEREMOS? EDUCAÇÃO DIREITO MERCADORIA

21 SUBORDINAÇÃO ? EMANCIPAÇÃO ? EDUCAÇÃOREALIDADE MANUTENÇÃO ? TRANSFORMAÇÃO ? MUDANÇA ? QUE EDUCAÇÃO QUEREMOS?

22 CIDADANIA PARTICIPAÇÃO A EDUCAÇÃO ESCOLAR É UMA DIMENSÃO FUNDANTE DA CIDADANIA E TAL PRINCÍPIO É INDISPENSÁVEL PARA PARTICIPAÇÃO DE TODOS NOS ESPAÇOS SOCIAIS E POLÍTICOS E PARA (RE)INSERÇÃO QUALIFICADA NO MUNDO PROFISSIONAL DO TRABALHO.

23 Novas Democracias são aquelas...cuja construção ocorre em meio às condições políticas de uma transição na qual foi impossível a completa eliminação do passado autoritário [...] em conseqüência as novas democracias estão tomando formas institucionais peculiares que enfatizam mais a delegação do que a representação (ou a participação). Weffort (1992,p.91)


Carregar ppt "DIRETORIA PARA O QUINQUÊNIO março de 2008 a março de 2013 Presidente:Iedyr Gelape Bambirra Vice-Presidente:José Corrêa Maduro Secretário GeralIvan Dutra."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google