A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

HOSPITAL SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE CAMPO MOURÃO AUDIÊNCIA PÚBLICA DO DIA 15/07/2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "HOSPITAL SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE CAMPO MOURÃO AUDIÊNCIA PÚBLICA DO DIA 15/07/2013."— Transcrição da apresentação:

1 HOSPITAL SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE CAMPO MOURÃO AUDIÊNCIA PÚBLICA DO DIA 15/07/2013

2 SERVIÇOS OFERECIDOS Pronto atendimento/Urgência/Emergência Clínica geral Clínica cirúrgica Clínica obstétrica Tráumato ortopedia Neurologia Cirurgia vascular Urologia Oncologia Quimioterapia Radioterapia

3 SERVIÇOS OFERECIDOS Maternidade Risco habitual Risco intermediário Alto risco Setor de imagem Tomografia Ultrassonografia Mamografia Raio X

4 SERVIÇOS OFERECIDOS UTI Adulto Neonatal Laboratório de análises clínicas Banco de sangue Serviços de apoio Nutrição dietética, nutrologia, psicologia, fisioterapia, fonoaudiologia e assistência social.

5 QUADRO FUNCIONAL ATUAL - CELETISTAS SetoresQuant.Custo (JUN/2013) RH/RECEPÇÃO610.697,00 SEGURANÇA DO TRABALHO24.865,00 FATURAMENTO1324.910,00 CAPTAÇÃO DE RECURSOS26.278,00 CONTABILIDADE310.410,00 COMPRAS24.483,00 FINANCEIRO48.440,00 SAME11.569,00 SUPERINTENDÊNCIA110.670,00 COZINHA2634.142,00 LIMPEZA2635.454,00 LAVANDERIA1621.233,00 MANUTENÇÃO713.100,00 RECEPÇÃO3044.830,00

6 QUADRO FUNCIONAL ATUAL - CELETISTAS SetoresQuant.Custo (JUN/2013) FARMÁCIA2543.100,00 SETOR IMAGEM1230.650,00 ENFERMAGEM218448.000,00 MULTIDISCIPLINAR39.550,00 FISIOTERAPIA412.950,00 MÉDICOS325.140,00 INFORMÁTICA12.272,00 OUVIDORIA11.832,00 DEMITIDOS NO MÊS (reposição)1223.780,54 LICENÇA713.871,98 TOTAL425842.227,52 REAJUSTE SALARIAL7,00%901.183,45

7 QUADRO FUNCIONAL ATUAL - MÉDICOS Esporádicos não contemplados EspecialidadesQuant.Custo ANESTESISTA448.000,00 OBSTETRA/GINECOLOGIA1048.800,00 INTENSIVISTA UTI ADULTA775.400,00 INTENSIVISTA UTI NEO862.202,00 UROLOGIA224.800,00 VASCULAR224.000,00 CLÍNICO GERAL366.400,00 CIRURGIA GERAL548.000,00 NEUROCLINICA/CIRURGIA448.000,00 ORTOPEDIA1252.802,00 TOTAL57498.404,00

8 ÁREA CONSTRUÍDA Metragem atual 8.340,00 m2 Ampliação4.216,09 m2 Maternidade2.754,94 m2 Pronto Socorro 906,04 m2 Particular 555,11 m2 Metragem total com ampliação 12.556,09 m2

9 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Maternidade Convênio 62/2009 + aditivo 3.903.726,77 Aditivo em andamento 52.000,00 Recurso total 3.955.726,77 Gastos 2009 a 2013 3.099.029,96 Recurso a aplicar 856.696,81

10 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Maternidade Recurso a aplicar 856.696,81 Obra (piso) 177.620,78 Equipamentos 679.076,03 Laudo SEOP de conclusão da obra94,00% Prazo estimado de conclusão da obra dez/13

11 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Pronto Socorro Convênio 61/2009 + aditivo 1.582.591,70 Gastos 2009 a 2013 1.229.538,24 Recurso a aplicar 353.053,46

12 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Pronto Socorro Recurso a aplicar 353.053,46 Obra 29.459,58 Equipamentos 323.593,88 Laudo SEOP de conclusão da obra89,00% Prazo estimado de conclusão da obra dez/13

13 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Resumo Convênios + aditivos 5.538.318,47 Gastos 2009 a 2013 4.328.568,20 Recurso a aplicar 1.209.750,27 Obra 207.080,36 Equipamentos 1.002.669,91

14 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Observações Pronto Socorro: Obra com irregularidades segundo a Vigilância Sanitária. Aguardando orçamento para regularização da construção.

15 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Particular Recurso financiado BRDE 1.621.359,91 Gastos 2011 a 2013 1.088.006,60 Recurso a aplicar 533.353,31

16 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Particular Recurso a aplicar 533.353,31 Obra 50.000,00 Equipamentos 200.000,00 Capital de giro 283.353,31 Vistoria fiscal BRDE95,00% Prazo estimado de conclusão da obra set/13

17 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Observações Particular: Capital de giro – Recurso a ser liberado após conclusão da obra.

18 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Projeto Complementar + Passarelas de ligação entre os prédios + Pavimentações + Adequação da recepção + Instalação hidráulica e elétrica

19 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Projeto Complementar + Galerias de águas pluviais e esgoto + Iluminação + Grupo gerador de energia + Ajardinamento + Cercamento e guarita

20 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Projeto Complementar Processo em andamento para obtenção do recurso 3.500.000,00 Após liberação do recurso: 8 meses para execução da obra.

21 CRONOGRAMA FÍSICO/FINANCEIRO Observações Projeto Complementar: Sem a aprovação deste recurso, as obras da Maternidade e Pronto Socorro ficam impossibilitadas para atendimento.

22 CAPACIDADE INSTALADA SetorLeitos atuaisAmpliação Total c/ampliação Ambulatório (PA)629 35 Clínica médica130 Clínica médica – cirúrgica110 Clínica oncológica150 Clínica oncológica – cirúrgica110 Pediatria120 UTI adulto (10 SUS + 3 contrat.)130 UTI neonatal505 UTI pediátrica303 Maternidade251540 Unidades cuidados intermed.404 Particulares e convênios241438 Total (115 SUS + 27 outros)14258200

23 CAPACIDADE INSTALADA

24

25 INDICADORES DE DESEMPENHO Base abril a junho de 2013 Quant. de atendimentos realizados no PA:14.427 (exames, consultas...) Média mensal 4.809 Quant. de internamentos realizados: 2.620 Média mensal 873

26 INDICADORES DE DESEMPENHO Base abril a junho de 2013 Setor Média paciente dia Média permanência Taxa ocupação dos leitos Ambulatório (PA)6,921,32115,38% Subtotal6,921,32115,38% Clínica médica11,002,1984,62% Clínica médica – cirúrgica9,752,6288,61% Clínica oncológica11,122,1474,14% Clínica oncológica – cirúrgica3,652,0533,17% Pediatria8,622,5571,79% UTI adulto15,993,46122,99% UTI neonatal5,7810,96115,60% UTI pediátrica1,248,0741,39% Maternidade20,862,3183,43% UCI2,688,4167,03% Particulares e convênios16,741,1969,73% Subtotal107,422,2578,98%

27 INDICADORES DE DESEMPENHO Base abril a junho de 2013 SetorÓbitosTaxa mortal. Ambulatório (PA)132,73% Subtotal132,73% Clínica médica91,97% Clínica médica – cirúrgica30,89% Clínica oncológica245,08% Clínica oncológica – cirúrgica10,62% Pediatria00,00% UTI adulto5613,30% UTI neonatal510,42% UTI pediátrica17,14% Maternidade20,24% Unidades cuidados intermed.00,00% Particulares e convênios30,23% Subtotal1042,39%

28 INDICADORES DE DESEMPENHO Base abril a junho de 2013 ProcedimentosSUSParticular/Convênios Mamografia7702 Tomografia735157 Ultrassonografia63140 Raio X3.359187 Laboratório19.252

29 INDICADORES DE DESEMPENHO Base abril a junho de 2013

30 INDICADORES DE DESEMPENHO Base abril a junho de 2013

31 DÍVIDAS Fornecedores 2012 13.301,82 1º trimestre 2013 59.122,13 2º trimestre 2013 609.732,50 01/07 a 15/07 240.617,67 Total 922.774,12

32 DÍVIDAS Médicos – Pessoa física 2012 1.311,78 1º trimestre 2013 0,00 2º trimestre 2013 30.385,51 01/07 a 15/07 2.412,47 Total 34.109,76

33 DÍVIDAS Médicos – Pessoa Jurídica 2012 0,00 1º trimestre 2013 702,52 2º trimestre 2013 640.259,00 01/07 a 15/07 141.065,12 Total 782.026,64

34 DÍVIDAS Médicos – RPA 2012 1.965,24 1º trimestre 2013 21.666,00 2º trimestre 2013 165.198,08 01/07 a 15/07 19.935,63 Total 208.764,95

35 DÍVIDAS Outros Convênios 41.330,68 Compensação 39.582,73 Laboratório 117.851,84 Total 198.765,25 Total geral 2.146.440,72

36 PLANO DE AÇÃO REALIZADAS Ações de conclusão dos projetos de obras. Readequação das verbas salariais pagas aos funcionários, gerando redução de 11%. Retomada de relacionamento com sindicato. Solicitação de comprovação de pendências de fornecedores. Levantamento de dívidas com fornecedores e prestadores de serviços.

37 PLANO DE AÇÃO REALIZADAS Revisamos e renegociamos as condições contratuais com prestadores de serviços. Profissionalizamos a gestão hospitalar com a contratação de uma Administradora Hospitalar com mais de trinta anos de experiência. Instituímos um conselho médicos para apoio nas decisões na área médica.

38 PLANO DE AÇÃO REALIZADAS Reorganizamos processos visando economia e melhores controles. Realizamos visitas de levantamento melhores práticas em outros hospitais filantrópicos em Maringá, Londrina e Cascavel. Terceirizamos a Cantina, com o objetivo único de viabilizar economicamente, uma vez que esta não é uma atividade fim da entidade.

39 PLANO DE AÇÃO REALIZADAS Abrimos o diálogo com as entidades publicas municipais, estaduais e federais. Também com associações diretamente envolvidas com o Hospital. Contratação de um Engenheiro para acompanhamento das obras e elaboração dos projetos complementares para conclusão das obras e consequentemente disponibilidade de uso.

40 PLANO DE AÇÃO A REALIZAR Reimplantação de software. Readequação e manualização das rotinas administrativas, financeiras, recursos humanos e operacionais. Alocação de despesas por centro de custo. Alocação de receitas por tipo de entrada. Treinamento e desenvolvimento do quadro funcional da empresa (comportamental e técnica).


Carregar ppt "HOSPITAL SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE CAMPO MOURÃO AUDIÊNCIA PÚBLICA DO DIA 15/07/2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google