A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

E.M.E.F. Orlandina D'Almeida Lucas Ana Carolina Bravin Cabral Cinthia de Jesus Barboza Natalia de Souza Resende Milena Silva Araujo Vitória, 2014 O Sangue.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "E.M.E.F. Orlandina D'Almeida Lucas Ana Carolina Bravin Cabral Cinthia de Jesus Barboza Natalia de Souza Resende Milena Silva Araujo Vitória, 2014 O Sangue."— Transcrição da apresentação:

1 E.M.E.F. Orlandina D'Almeida Lucas Ana Carolina Bravin Cabral Cinthia de Jesus Barboza Natalia de Souza Resende Milena Silva Araujo Vitória, 2014 O Sangue

2 O sangue O sangue leva alimento, oxigênio e hormônios até as células e remove gás carbônico e outros resíduos do organismo. Mas o sangue não é somente um sistema de transporte de substâncias pelo corpo. Ele contém células que defendem o organismo contra infecções e ainda ajuda a distribuir o calor das partes mais quentes para as mais frias, regulando a temperatura do corpo.

3 Principais componentes do sangue e suas funções O sangue é formado basicamente por quatro componentes: Vamos conhecer cada um deles detalhadamente.

4 Vídeo → O Sangue

5 Hemácias: O transporte de oxigênio As hemácias, pegam o oxigênio nos pulmões e levam esse gás até as células. A hemoglobina transporta apenas uma pequena porção do gás carbônico. Boa parte desse gás é levada pelo plasma. As hemácias são produzidas na medula de certos ossos (costelas, vértebras, e alguns outros), de onde são lançadas no sangue. Circulam por cerca de 120 dias. Depois, já desgastadas (sua membrana sofre danos quando as hemácias passam pelos capilares estreitos), são destruidas no fígado e no baço.

6 Anemia Uma pessoa com anemia apresenta menos número de glóbulos vermelhos ou menor quantidade de hemoglobina em cada glóbulo. Consequentemente, há diminuição na quantidade de oxigênio que vai para os tecidos e as células, podem causar falta de ar, cansaço, dor de cabeça e tontura – entre outros sintomas. Em crianças de até 2 anos de idade, pode prejudicar o desenvolvimento do cérebro. Leucócitos Os leucócitos são responsáveis pela proteção do organismo (função imunológica), assim como a limpeza do organismo, através da destruição de células mortas. Plaquetas São responsáveis pela coagualação do sangue, fundamentais no processo de hemostasia (mecanismo do corpo para conter uma hemorragia)

7 A defesa por anticorpos Os anticorpos são proteínas que atuam na defesa do corpo contra os micro- organismos e substâncias estranhas, que são chamadas de antígenos. Essas proteínas ligam-se a um determinado antígeno e causam a sua destruição ou, então, fazem com que ele pare sua atividade. Leucemia Leucemia é um grupo de cânceres que afetam as células brancas do sangue e se desenvolvem na medula óssea. Existem quatro tipos principais de leucemia: Linfoide Aguda, Linfoide Crônica, Mielóide Aguda e Mielóide Crônica.

8 Os tipos de sangue Alguns indivíduos pertecem ao tipo de sangue A, sendo assim a membrana de suas hemácias possui determinada substância, outros são do tipo B, assim, a membrana de suas hemácias possui a substância B. No plasma de um indivíduo A encontram-se anticorpos contra a substância B, uma substância estranho ao organismo dele. O mesmo acontece com a plasma do indivíduo B. Se um indivíduo do grupo B recebe hemácias de um indivíduo A, os anticorpos presentes em sua plasma fazem as hemácias recebidas se reunirem em grupos que podem entupir vasos sanguíneos e interromper a circulação em certos órgãos, uma ação mortal.

9 A identificação dos grupos Os grupos sanguíneos são identificados por um teste, que ocorre da seguinte forma: duas gotas de uma amostra de sangue são postas em lâmina de vidro, uma em cada extremidade. A uma das gotas, adiciona-se soro com anticorpos anti-A e, à outra, anti-B. Mistura-se o sangue com o soro e observa-se se há aglutinação das hemácias. Se ocorrer, por exemplo, aglutinação com soro anti-A, e não com soro anti-B, significa que o sangue é do tipo A.

10 O sangue é vital para o seres humanos. Sem ele, não poderíamos realizar uma das ações mais importantes para a sobrevivência: o transporte de oxigênio. É através dele que o ser humano sobrevive já no primeiro momento de vida, assim que nascemos é de extrema importância saber qual seu tipo sanguíneo, descobrir logo nos primeiros momentos de vida é importante para a doação, seja doar para quem precisa ou receber em caso de necessidade.

11 Referências bibliográficas Google Imagens Ciências Nosso Corpo – 8º Ano


Carregar ppt "E.M.E.F. Orlandina D'Almeida Lucas Ana Carolina Bravin Cabral Cinthia de Jesus Barboza Natalia de Souza Resende Milena Silva Araujo Vitória, 2014 O Sangue."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google