A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tesouro Nacional MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria do Tesouro Nacional A Dívida Pública em 2003 Joaquim Vieira Ferreira Levy Secretário do Tesouro Nacional.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tesouro Nacional MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria do Tesouro Nacional A Dívida Pública em 2003 Joaquim Vieira Ferreira Levy Secretário do Tesouro Nacional."— Transcrição da apresentação:

1 Tesouro Nacional MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria do Tesouro Nacional A Dívida Pública em 2003 Joaquim Vieira Ferreira Levy Secretário do Tesouro Nacional Santiago, 26 de Janeiro de 2004 Joaquim Vieira Ferreira Levy Secretário do Tesouro Nacional Santiago, 26 de Janeiro de 2004

2 Tesouro Nacional Cenário em comeco de 2003 e sua evolucão

3 Tesouro Nacional Importante ajuste no balanco de pagamentos

4 Tesouro Nacional ,3 -11,0-10,8 -10,5 -7,4 -6,7 -6,2 -4,9 BRASIL Argentina UruguaiTailândiaMalásiaCoréiaMéxicoRússia 2003 Tipico efeito de ajuste de balanco de pagamentos em % do PIB

5 Tesouro Nacional Ajuste alcancado principalmente pelo AUMENTO de Exportacoes Fonte: IBGE. Elaboração: MF/SPE.

6 Tesouro Nacional Ajuste completado, permitindo recuperacao da atividade economica Fonte: IBGE. Elaboração: MF/SPE.

7 Tesouro Nacional Mas, que licões tirar desse ajuste, além de perceber que a economia do Brasil é flexível e o sistema de câmbio flutuante funciona?

8 Tesouro Nacional É o fiscal, estúpido! ®

9 Tesouro Nacional Resultado Fiscal (acumulado 12 meses) Superávit primário aumentado em ½ do PIB, para 4,25% do PIB, combate à inflacão (sistema de metas), cambio livre. A disciplina fiscal é a base da politica macro do novo governo

10 Tesouro Nacional Evolução das Expectativas DI Futuro: Swap 360 resultados… -Fortalecimento da LRF, com estabilidade a nível sub nacional -Uma politica monetaria que refletiu a queda das expectativas de inflacao a partir de meados de Taxas de juros futuras refletindo reducao do risco da divida e de inflacao. Expectativas de Inflação 12 meses a frente 5% 15%

11 Tesouro Nacional Embi+ e Embi Brasil Forte queda do prêmio de risco externo Políticas domésticas permitiram o Brasil se beneficiar amplamente da liquidez internacionalinclusive facilitanto o financiamento de empresas exportadoras e da Republica.

12 Tesouro Nacional Reversão da Tendência da Divida/PIB Nota: a relacão no final de 2003 representa uma melhora em relacao ao final de 2002 quando se ajusta para o efeito do IGPainda assim, ha uma deterioracao em relacao a 2001.

13 Tesouro Nacional … desde 2001 a STN publica o Plano Annual de Financiamento PAF. Em 2004 passou a publicar um relatório sobre o ano anterior, separado do PAF. … o Relatório explica como a estratégia do PAF foi executada, para melhorar a liquidez, precificacão e estrutura da dívida pública Relatório Anual da Dívida Pública 2003

14 Tesouro Nacional - Títulos prefixados - vencimentos coincidindo com datas de vencimento de contratos no mercado futuro (jan, abril, julho, out); - emissão das Notas do Tesouro Nacional, série F (NTN-F) com vencimento em 2008, e cupons destacáveis (strips), permitindo criar, pela primeira, vez uma estrutura a termo nominal de médio prazo. Títulos indexados a SELIC (LFT) - concentração de emissão com prazos mais longos (2008, próximo mandato) e com vencimento em meses diferentes daqueles estabelecidos para os títulos prefixados. Títulos indexados ao IPCA (NTN- B) - cupon semestral com vencimentos em trimestres alternados, com possibilidade de stripping 1) Criacão de Benchmarks

15 Tesouro Nacional 2) Resgates Antecipados & Trocas - Prefixados - resgate antecipado de títulos de curto prazo para redução do risco de refinanciamento. - Índice de Preços - programa de resgate competitivo de títulos de longo prazo para redução dos custos de transação e estimulo à liquidez; complementando o stripping dos papéis idexados ao IPCATrocas: - trocas de LFT de curto prazo por de longo prazo; de títulos pós- fixados por títulos vinculados a índices de preços (NTN-B e NTN-C);

16 Tesouro Nacional … resgates e trocas: efeito em 2003

17 Tesouro Nacional 3) Novo Sistema de Dealers Grupo de dealers primários: emissões primárias e operações no mercado monetário, com até 12 instituições; Grupo de dealers especialistas: operações no mercado secundário, com até 10 instituições Obtenção de maior liquidez no mercado secundário; Geração de maior concorrência no mercado de títulos públicos; Redução do custo de financiamento da dívida pública e melhoria de seu perfil; e Mais informação para Tesouro Nacional e Banco Central. ACAO COMPLEMENTAR: Incentivo à criação de uma clearing de ativos da BM&F, bem como a implantação do novo sistema eletrônico de negociação de títulos, previsto para o primeiro trimestre de 2004.

18 Tesouro Nacional A construção da estratégia de financiamento do Tesouro Nacional relativa ao exercício de 2003 adotou como diretrizes: - Alongamento dos prazos médios dos títulos emitidos em oferta pública; - manutenção do percentual da dívida vincenda em 12 meses em níveis prudentes; - aumento da participação de prefixados e índices de preços em detrimento das cambais e titulos remunerados pela taxa SELIC. 4) Estratégia para a estrutura da dívida

19 Tesouro Nacional 5) Resultados Alcançados Alongamento de prazos e redução de custos de emissão. -Títulos Pós-fixados: - aumento dos prazos de emissão dos títulos remunerados pela taxa SELIC, que passaram de 6 meses no início do ano para 56 meses em dezembro; e - forte trajetória de queda do custo de emissão de LFT, como percentual do CDI e em termos nominais, passando de 2,12% ao ano em 2002 para 0,23% em dezembro (níveis não observados desde junho de 2001).

20 Tesouro Nacional Prazo Médio de Emissão da LTN alongamento dos prazos, culminando com o lançamento, em dezembro, das NTN-F, com prazo de 4 anos, o título prefixado mais longo da história recente do país; e redução dos prêmios pagos ao longo do ano não somente em relação às taxas nominais, mas também no que se refere ao próprio ágio em relação ao DI de prazo equivalente. Taxa Média aceita nos leilões de LTN Títulos Prefixados

21 Tesouro Nacional Melhora dos indicadores de vulnerabilidade Dívida Cambial Interna (Inclui Swap) % da DPF vencendo em até 12 meses Recuperacão do Colchão de Liquidez, permitindo governo passar 4-6 meses do mercado, sem contar recursos do resultado primário

22 Tesouro Nacional Melhor da estrutura e composicão da dívida

23 Tesouro Nacional Resultados para a Dívida Pública mobiliária Federal Interna – DPMFi (2003) Fonte: STN/COGEPFonte: STN/COGEP … Resultados Alcançados

24 Tesouro Nacional Resultados para a Dívida Pública Federal – DPF (2003) Fonte: STN/COGEP Integracão com Divida Externa

25 Tesouro Nacional Mais liquidez, estimulando os mercados de capitais … Resultados Alcançados

26 Tesouro Nacional 6) Avanços Institucionais - -ESTRUTURA INSTITUCIONAL: front, middle e back offices segregados e estruturados; - -PROGER Visa consolidar a estrutura organizacional e reforçar a governança do Tesouro Nacional; implantar e aperfeiçoar os mecanismos de análise de riscos e ferramentas de gerenciamento da carteira de ativos e passivos do Tesouro Nacional; integrar e aperfeiçoar os sistemas de registro, análise e informações de ativos e passivos atualmente existentes (reforcando o GAP); - -GERIR: Subsidiar a elaboração e análise de estratégias alternativas de emissão de dívida pública & stress test; - - CODEX (implantado em jan 2004): integracão da dívida externa, permitindo transicão do processo de emissão do BACEN para STN

27 Tesouro Nacional Métodos At Risk Cash-flow at Risk Cost at Risk Budget at Risk Análise de Sensitividade Stress tests –Multiplas estratégias podem se avaliadas pelos modelos disponiveis Modelos de GAP e Análise de Risco

28 Tesouro Nacional Compre títulos do Tesouro, Direto Total de Investidores Cadastrados no Tesouro Direto de jan/02 a dez/03 … Avanços Institucionais

29 Tesouro Nacional Olhando para frente … A diminuicão dos juros reais de médio e longo prazo incentiva o investimento físico

30 Tesouro Nacional Crescimento em 2004 bem encaminhado Juros reais em queda Real questão é perspectiva para 2005 Investimento é a prioridade # 1 quadro regulatório PPP & investimento público qualidade do gasto Olhando para frente …


Carregar ppt "Tesouro Nacional MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria do Tesouro Nacional A Dívida Pública em 2003 Joaquim Vieira Ferreira Levy Secretário do Tesouro Nacional."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google