A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Propriedade Intelectual: uma experiência em biotecnologia Marcos Silveira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Propriedade Intelectual: uma experiência em biotecnologia Marcos Silveira."— Transcrição da apresentação:

1 Propriedade Intelectual: uma experiência em biotecnologia Marcos Silveira

2 Pele Nova Biotecnologia : Overview

3 PROPRIEDADE INTELECTUAL: A Pele Nova Biotecnologia detém conhecimento de ponta em regeneração tecidual, protegido por 5 patentes depositadas no Brasil, Estados Unidos, Europa e demais países signatários do PCT Transformação Societária em SA 1 a Capitalização da SA Out a Capitalização da SA Lançamento comercial do BIOCURE Junho 2004 CONSTITUIÇÃO SOCIETARIA 3 a Capitalização da SA Desenvolvimento de novas aplicações Abril 2005 Fonte: Áreas Jurídica e Financeira – Pele Nova Biotecnologia SA Fundação da Pele Nova Biotecnologia Ltda. Cessão e transferência da titularidade da patente I Abr 2002 Fábrica Laboratório Administração e Vendas Inicio das pesquisas com látex da Hevea brasiliensis – Dra. Fatima Mrue - Deposito inicial da patente I - Biomembrana 1993 – 1996 PRINCIPAL INDICAÇÃO: Cicatrização de ulceras flebopáticas, diabéticas, e de decúbito.

4 Silicone Colágeno Fonte(1) : TAKIMOTO e col. Long-term follow-up of the experimental replacement of the esophagus with a collagen-silicone composite tube. ASAIO J 1993, 39: PRÓTESE DE TAKIMOTO (1) Reparação de Esôfago O inicio do desenvolvimento tecnológico da BIOMEMBRANA data de 1993, quando se buscava um material alternativo ao silicone para a constituição de próteses esofágicas utilizadas no tratamento de câncer de esôfago Câncer no trato esofágico – Reparação através de próteses (2) Fonte (2) : Mrue F, Substituição de esôfago cervical por prótese biossintetica de látex, estudo experimental em cães, FMRP – USP 1996

5 A utilização de proteses esofágicas à base de latex mostraram resultados surpreendentes indicando que o material era indutor de neoformação tecidual. Esôfago neo-formado: aspecto após 3 meses Corte histológico comparativo: original versus neo-formado Original Neo-formado Fonte: Mrue F, Substituição de esôfago cervical por prótese biossintetica de látex, estudo experimental em cães, FMRP – USP 1996

6 74 anos, diabetes tipo 2 há 30 anos. Ulceração pré-tibial direita, pós trauma local. Tratamento anterior com antibióticos e pomadas há 2 meses sem evolução. Biocure® 8 semanas A neo-formação tecidual tem como base o estimulo ao crescimento vásculo-endotelial proporcionado pelo látex e suas proteínas. Essa propriedade foi rapidamente aplicada ao tratamento de úlceras crônicas. Angiogenese ou crescimento vásculo-endotelial (1) Paciente submetido a tratamento com Biomembrana – Biocure (2) Fonte (1): Fonte (2) : Malerbi D., Avaliação do tratamento de úlceras neuropáticas em pacientes diabéticos com a utilização da biomebrana vegetal, 2005

7 Paciente: L.T.S., Feminino, 65 anos, Hipertensa e Diabética C S Escola dr.Vitor Araújo Homem de Melo - DIR I Tempo de Tratamento: 8 semanas PREOCUPAÇÃO SOCIAL: Salvando o Pé Diabético. Evitar o trauma ainda maior de uma amputação e ou invalidez permanente. Fonte: Malerbi D., Avaliação do tratamento de úlceras neuropáticas em pacientes diabéticos com a utilização da biomebrana vegetal, 2005 Paciente: A. D. F.., Masculino, 46 anos, Diabético, ferida decorrente de amputação do hálux direito Hospital Brigadeiro – São Paulo Tempo de Tratamento: 10 semanas

8 Paciente: 74 anos, diabetes tipo 2 há 30 anos. Ulceração pré-tibial direita, pós trauma local. Tratamento anterior com antibióticos e pomadas sem evolução. Tempo de Tratamento: 8 semanas Aplicações de Biocure em Pacientes Fonte: Malerbi D., Avaliação do tratamento de úlceras neuropáticas em pacientes diabéticos com a utilização da biomebrana vegetal, 2005 Paciente: 41 anos, diabetes tipo 2 há 15 anos. Ulceração na fase medial do hálux há 12 meses - Centro de Preservação e Adaptação de Membros Tempo de Tratamento: 7 semanas

9 Estratégia de Criação de Valor

10 Mercado de Tratamento de Feridas: os Materiais Bio-Ativos são os que apresentam maior tendência de crescimento Fonte: The Global Market for Advanced Wound Care, 2007 – Espicom Business Intelligence Medical Device Principio ativo Medical Device Principio ativo

11 Preço Unitário (US$) Eficácia Alginato Entre os Materiais Bio-Ativos estão os fatores de crescimento e substitutos de pele Hidrocoloide Hidrogel Carvão Ativado Prata 4050 Fator de Crescimento / Substituto de Pele 1000 Fonte: Pesquisa de Mercado – Ger. Comercial – Pele Nova Tradicionais Leito Seco Leito Úmido Anti-Microbial Ativos Medical Device Principio ativo

12 Identificando e Isolando o Principio Ativo Ultra - Centrifugação Concentração/ Cromatografia Diálise/ Liofilização Principio Ativo Isolado Soro – B 25% Borracha 27% Soro - C 48% Novas aplicações Novas composições Novas formulações Novo processo Látex CentrifugaçãoCura do isopreno Testes In-Vitro Proof of Concept Patentes de uso Processo Molécula Rota 1 – Medical Device Rota 2 – Medicamento

13 Principio Ativo: Proteína Angiogênica QUANTIFICAÇÃO RELATIVA DOS VASOS SANQÜÍNEOS NAS IMAGEMS CROMATOGRAFIA DO SORO DO LÁTEX NATURAL EM DEAE-CELULOSE Proteína Angiogenica Identificada

14 Desenvolvimento Médio/ Longo Prazo Curativos ativos para queimaduras de 2o grau Aplicação dermatológica: anti-idade Aplicação dermatológica: anti-queda capilar Osteoindução/ osteointegracao Stent Coronariano revestido de polimero biocompativel e inibidor de re- estenose Desenvolvimento Curto/ Médio Prazo A Pele Nova Biotecnologia S/A deverá investe em Programa de P&D para testar o principio ativo em novas aplicações: queimadura, osteoindução, anti-queda capilar e anti-idade. FOCO Pele Nova

15 EVENTOS PATENTÁRIOS Utilizando a Propriedade Intelectual como forma de assegurar o retorno sobre investimentos na estratégia de agregação de valor. Out 2003 Inicio da Pele Nova SA Abr 2002 Inicio da Pele Nova Ltda Deposito Patente I - INPI Out 1996 Depósito Patente I - PCT Out 1997 Biomembrana Agosto 2004 Deposito Patente II - PCT Micro-porosa Dezembro 2004 Deposito Patente III - PCT Uso Interno Outubro 2005 Deposito - Patente IV Creme Dermato- Cosmético Deposito - Patente V Uso da Proteína angiogênica em novas aplicações Rota de purificação da Proteina Fonte: Áreas Jurídica e Financeira – Pele Nova Biotecnologia SA Novembro 2006 Concessão da Carta Patente – EUROPA (EPO) (Patente I) PCT – Patentes IV e V Gestão da PI pelos pesquisadores Equity para pesquisadores versus Cessão de Patente 1 Patente Drive: Custo Medical Device Gestão de PI pela Empresa Contrato com pesquisadores prevendo royalties sobre novas descobertas e aplicações 4 Novas patentes + 2 depósitos (2007) Drive: Criação de Valor – Principio ativo – Medicamentos – Licenciamento e co-desenvolvimento depósitos a caminho

16 Muito Obrigado! Marcos Silveira Tel. No. +55 (11)

17 Estudos Clínicos Documentação apropriada para submeter ao registro pela ANVISA Aprovação em CEPs Aprovação em CONEP Aproveitamento dos resultados para marketing – FASE IV ( Multi – centrico). Utilizar formadores de opinião no mercado alvo Tempo de Estudo e Recursos Financeiros Atividade ChaveDesafio

18 População Alvo Estase Venosa (79%) Arterial (9%) Mista (5%) Diabética (7%) Fonte: Organização Mundial de Saúde - WHO Tipo de úlcera; quantidade de pacientes; % do total No Brasil, cerca de 2 milhões de pacientes são portadores de algum tipo de úlcera de perna. Úlceras por pressão atingem mais de meio milhão de pessoas.

19 O produto BIOCURE é uma das aplicações da BIOMEMBRANA ®, um material biocompatível, produzido a partir da polimerização do poliisopreno de origem vegetal. A BIOMEMBRANA ® possui uma microarquitetura particular, que apresenta uma importante propriedade de indução do processo cicatricial, capaz de promover angiogênese local, com neoformação vascular e regeneração dos tecidos lesados. PRINCIPAL INDICAÇÃO: Cicatrização de ulceras flebopáticas, diabéticas, e de decúbito. INOVAÇÃO EM PRODUTO: BIOMEMBRANA – BIOCURE: curativo para cicatrização de ulceras crônicas. Apresentação de Biocure Estrutura microscópica de Biocure Fonte: Área Médica – Pele Nova Biotecnologia SA


Carregar ppt "Propriedade Intelectual: uma experiência em biotecnologia Marcos Silveira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google