A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Análise de Risco Processo para CONTROLAR situações onde Populações ou Ecossistemas possam ser expostos a um Perigo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Análise de Risco Processo para CONTROLAR situações onde Populações ou Ecossistemas possam ser expostos a um Perigo."— Transcrição da apresentação:

1 Análise de Risco Processo para CONTROLAR situações onde Populações ou Ecossistemas possam ser expostos a um Perigo

2 Análise de Risco Avaliação de Risco Gestão de Risco Comunicação de Risco

3 Avaliação de Risco Processo que avalia a Probabilidade de um Efeito Adverso (doença ou lesão) ocorrer como resultado da Exposição a um agente químico, físico ou biológico (EPA: Environmental Protection Agency)

4 Avaliação de Risco deve ser Planeada Focada Flexível Informativa

5 Avaliação de Risco não deve ser Análise Custo/Benefício Justificação para algo já planeado Recolha de dados não focados

6 Avaliação de Risco Histórico Saúde Humana EPA (1970) HHRA (1980) Ecológica Cerca de 10 anos antes de HHRA

7 Avaliação de Risco Saúde Humana Um organismo Todas as informações Concordância quanto ao efeito adverso As pessoas valorizam a sua saúde

8 Identificação do Perigo Ensaios in vitro Estudos Epidemiológicos (populações humanas) Estudos Toxicológicos em Animais

9 Ensaios in vitro Informação Mecanismos de acção Relação Dose administrada/Dose disponível Toxicocinética/Toxicodinamia

10 Estudos Epidemiológicos Consideram Variações da susceptibilidade humana Predisposição Genética Idade/Sexo Outros factores (nutrição; nível social) Desvantagem Escassez de dados Custo

11 Estudos em Animais Permitem Reduzir Falsos Negativos Identificar Parâmetros de Inocuidade

12 Parâmetros de Inocuidade ADI NOEL LOEL BMD NOAEL LOAEL

13 Avaliação de Risco Avaliação da informação importante Selecção de Modelos adequados Reconhecimento de Incertezas

14 Incertezas Dados Modelos Pressupostos Preencher lacunas nos dados Assegurar consistência Minimizar/eliminar manipulações MAS

15 Caracterização do Perigo Análise Dose – Resposta Inclui 2 tipos de extrapolação Inter-espécies Intra-espécie

16 Extrapolação Dose- Resposta Factores de Segurança Diminuição dos Erros Factor de Ordem 100 Factor 10 (inter- espécies) Factor 10 (intra- espécie)

17 Toxicidade Sem Limiares Com Limiares

18 Safety Assurance Usa a relação Dose-Resposta para definir um Sub-Limiar NOAEL

19 Avaliação da Exposição Quais as Exposições a que o Homem/Ecossistema está sujeito? Como se pode prever a Exposição em diferentes condições? Concentração/quantidade subst Natureza / tamanho pop exposta Duração da exposição

20 Elementos da exposição Fonte/OrigemViaReceptor

21 Caracterização do Risco Integração da Informação obtida Identificação do Perigo Caracterização do Perigo Avaliação da Exposição Estima a Probabilidade de ocorrência de Efeitos Adversos

22 Avaliação de Risco Ecológica vários organismos Menos informações acerca deles Dúvidas quanto ao efeito adverso Muitas pessoas subestimam o valor dos outros organismos

23 Ecotoxicidade Avaliação da provável Exposição ao Perigo, tendo em consideração Espécie alvo Tipo de utilização Método de administração Excreção Persistência no Ambiente Eliminação do tóxico/metabolitos (sp alvo)

24 Identificação dos Efeitos Adversos do Tóxico para o Ambiente Exposição Destino Efeito

25 Quociente de Risco QR« 1: Risco Aceitável QR>1: Risco Ambiental QR = PEC PNEC Predicted Environmental Concentration Predicted No Effect Concentration QR=1 PEC = PNEC Valor Máximo de Referência

26 Análise de Risco Sistema Europeu Sistema Americano

27 Sistema Europeu Mais conservador Princípio da Precaução Abordagem com limiares para carcinogénicos não genotóxicos

28 Sistema Americano Mais Liberal Visão mais realista Abordagem sem limiares para carcinogénicos Monitorização e Vigilância harmonizadas para todos os Estados

29 Gestão de Risco Processo de Ponderação das alternativas políticas à luz dos resultados Considera Factores Políticos Sociais Económicos Técnicos

30 Gestão de Risco Avaliação do Risco Análise das Opções de Gestão do Risco Implementação das decisões de Gestão Monitorização e Revisão

31 Política de Gestão do risco Avaliação e Revisão Opinião das partes interessadas

32 Serão os actuais modelos de Avaliação e Gestão de Risco correctos? Sim...

33 Decisão Avaliação Do Risco Opções de Gestão do risco Participação de todas as partes interessadas Protecção da Saúde Pública e/ou Ambiente Factores (custos; benefícios; exequibilidade...) Monitorização Da Eficácia da medida de controlo Do seu impacto no risco para a pop/ecossist exposto


Carregar ppt "Análise de Risco Processo para CONTROLAR situações onde Populações ou Ecossistemas possam ser expostos a um Perigo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google