A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SISTEMA ABO Karl Landsteiner, no início do século XX, fez reagir amostras de sangue de diversas pessoas, isolando as hemácias e fazendo diferentes combinações.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SISTEMA ABO Karl Landsteiner, no início do século XX, fez reagir amostras de sangue de diversas pessoas, isolando as hemácias e fazendo diferentes combinações."— Transcrição da apresentação:

1 SISTEMA ABO Karl Landsteiner, no início do século XX, fez reagir amostras de sangue de diversas pessoas, isolando as hemácias e fazendo diferentes combinações entre plasma e hemácias. Imagem: Autor desconhecido / Public domain.

2 São conhecidos, na espécie humana, cerca de 20 sistemas de classificação sanguínea. Os três principais utilizados na análise serão: ABO, MN e Rh. Esses 3 sistemas são transmitidos independentemente, pois os alelos estão em cromossomos não homólogos.

3 Dessa forma, foi descoberto que os seres humanos possuem três grupos sanguíneos: A, B e O Assim, foi explicado por que tantas pessoas morriam depois de transfusão sanguínea. O sangue AB, mais raro, foi descoberto anos depois por colaboradores de Landsteiner. Os grupos sanguíneos no sistema ABO são em número de quatro determinados geneticamente.

4 Os fenótipos são manifestados por três alelos: I A, I B, i. I deve-se à palavra Isoaglutinação. Da relação de Dominância entre os pares de alelos formados é que se obtém os diferentes tipos de Sangue formado (fenótipo). Como o alelo i só consegue manifestar fenótipo quando está em dose dupla ele é recessivo em relação à I A e I B. Grupo O é Homozigoto Recessivo. Porém quando os alelos I A e I B estão juntos, ocorre um caso de Co-dominância e o indivíduo será AB.

5 Sendo assim, indivíduos: I A I A ou I A i possuem antígeno A I B I B ou I B i possuem antígeno B I A I B possuem antígeno A e B i i não possuem antígenos

6 Qual a diferença entre o sangue A, B, AB ou O? O sangue humano possui uma parte líquida chamada de plasma, nela são encontradas as aglutininas (anti-A e anti-B), que atuam como anticorpos e reagem contra os aglutinogênios (A e B), presentes nas hemácias sanguíneas. SangueAglutinogênioAglutinina AAAnti-B BBAnti-A ABA e BNenhuma ONenhumAnti-A e anti-B

7 Qual a diferença entre o sangue A, B, AB ou O? O sangue humano possui uma parte líquida chamada de plasma, nela são encontradas as aglutininas (anti-A e anti-B), que atuam como anticorpos e reagem contra os aglutinogênios (A e B), presentes nas hemácias sanguíneas. Além do antígeno nas hemácias, encontra-se no plasma sanguíneo uma outra proteína atuando dessa vez como Anticorpo, conhecida como Aglutinina. A reação de antígeno-anticorpo é muito específica e no sistema sanguíneo pode causar a Aglutinação.

8 Existem 2 tipos de aglutininas que podem ocorrer no plasma. Anti-A que reage com o antígeno A Anti-B que reage com o antígeno B Sendo assim, pessoas com antígeno A não apresentam anticorpo Anti-A. Já nas pessoas com antígeno B, é o inverso, pois não apresem o anticorpo Anti-B. Logo indivíduos com antígeno A devem apresentar anticorpo Anti-B. O inverso ocorre com o antígeno B. Pessoas do grupo AB não possuem esses anticorpos, senão a aglutinação ocorria já internamente. Pessoas do grupo O por não apresentarem antígenos, possuem os dois anticorpos em seu plasma.

9 N° GAMETAS DIFERENTES 2 N DETERMINAÇÃO DO SISTEMA ABO O sangue depois de centrifugado se divide em duas partes distintas. Plasma: parte líquida e de menor densidade. Elementos Figurados: parte que se encontram as células ou pedaços delas, como por exemplo: Hemácias, Leucócitos e Plaquetas.

10 N° GAMETAS DIFERENTES 2 N No sistema ABO existem 2 tipos de proteínas atuando como antígenos conhecidos como Aglutinogênio e são determinados por um alelo. Aglutinógeno (Antígeno) A é determinado por alelo I A. Aglutinógeno (Antígeno) B é determinado por alelo I B. O alelo i não produz antígeno.

11 N° GAMETAS DIFERENTES 2 N TIPAGEM SANGUÍNEA – SISTEMA ABO Esse teste é feito para se descobrir qual o tipo sanguíneo de uma pessoa. O teste consiste em colocar em uma lâmina um pouco de soro Anti-A e um pouco de soro Anti-B sem misturar os dois. Depois é acrescentado um pouco da amostra de sangue da pessoa em cada um dos dois anticorpos. O resultado pode se encontrado de 4 formas:

12 N° GAMETAS DIFERENTES 2 N TRANSFUSÃO SANGUÍNEA Para que ocorra uma transfusão bem sucedida é necessário haver a compatibilidade de doador/receptor. Para isso o antígeno do doador não pode se ligar ao anticorpo do receptor causando Aglutinação. Um exemplo com sangue do tipo A. Seu antígeno é o A e seu anticorpo é Anti-B. Se ele doar para um indivíduo de sangue B irá ocorrer a aglutinação, pois o anticorpo do B é o Anti-A. O doador do tipo O pode doar para qualquer outro tipo pois não possuí antígeno nas hemácias. Por isso o denominamos Doador Universal. Já o do tipo AB pode receber de qualquer um pois não possui nenhum anticorpo no plasma. Conhecido como Receptor Universal.

13 N° GAMETAS DIFERENTES 2 N TRANSFUSÃO SANGUÍNEA


Carregar ppt "SISTEMA ABO Karl Landsteiner, no início do século XX, fez reagir amostras de sangue de diversas pessoas, isolando as hemácias e fazendo diferentes combinações."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google