A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DOENÇA CORONARIANA EDUCAÇÃO MÉDICA CONTINUADA DO CREMESP PRESIDENTE PRUDENTE AGOSTO 2010.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DOENÇA CORONARIANA EDUCAÇÃO MÉDICA CONTINUADA DO CREMESP PRESIDENTE PRUDENTE AGOSTO 2010."— Transcrição da apresentação:

1 DOENÇA CORONARIANA EDUCAÇÃO MÉDICA CONTINUADA DO CREMESP PRESIDENTE PRUDENTE AGOSTO 2010

2 32,5 30,1 9,1 28,3 AVC HAS Outras Doença Arterial Coronariana % Principais causas de mortalidade no Brasil (M.S.2009)

3 Doença Arterial Coronariana - DAC Doença arterial coronariana é um processo de obstrução da luz das artérias coronárias por aterosclerose, caracterizada por depósito de placa de gordura (ateroma) no endotélio das coronárias, associado a processo inflamatório local, que pode levar a uma obstrução do vaso e interrupção total (necrose) ou parcial (isquemia) do fluxo sanguíneo ao músculo do ventrículo esquerdo. DEFINIÇÃO

4

5 Formação da placa de ateroma

6

7

8

9

10 TIPOS DE DAC ANGINA ESTÁVEL ANGINA INSTÁVEL IAM SEM SUPRA ST IAM COM SUPRA ST

11 TIPOS DE DAC DOR ANGINA ESTÁVEL= DOR PRECORDIAL AOS ESFORÇOS ANGINA INSTÁVEL= DOR INTERMITENTE MESMO EM REPOUSO IAM SEM SUPRA ST= DOR PERSISTENTE, MESMO EM REPOUSO, SEM SUPRA ST AO ECG IAM COM SUPRA DE ST= DOR PERSISTENTE, EM REPOUSO, COM SUPRA DE ST>2 MM AO ECG

12

13 OUTROS SINTOMAS MAL ESTAR DISPNÉIA SUDORESE NÁUSEAS VÔMITOS SÍNCOPE

14 EXAME FÍSICO PODE SER NORMAL SUDORESE, PALIDEZ HIPER OU HIPOTENSÃO TERCEIRA BULHA, TAQUICARDIA ESTERTORES PULMONARES

15 DIAGNÓSTICO

16

17

18

19

20 MARCADORES BIOQUIMICOS DE NECROSE MIOCÁRDICA CK-MB CK-MB ELEVA -SE EM H APÓS INÍCIO SINTOMAS E ELEVA -SE EM H APÓS INÍCIO SINTOMAS E NORMALIZA EM H NORMALIZA EM H DOENÇAS MUSCULARES, COCAÍNA, I R, CIRURGIAS CARDÍACAS, DOENÇAS CARDIOVASCULARES DOENÇAS MUSCULARES, COCAÍNA, I R, CIRURGIAS CARDÍACAS, DOENÇAS CARDIOVASCULARES TROPONINA TROPONINA MUITO ESPECÍFICO E SENSÍVEL PARA NECROSE MIOCARDICA MUITO ESPECÍFICO E SENSÍVEL PARA NECROSE MIOCARDICA ELEVA-SE EM 4-6HS E PERMANECE ELEVADA ATÉ 15 DIAS ELEVA-SE EM 4-6HS E PERMANECE ELEVADA ATÉ 15 DIAS

21 OUTROS EXAMES ECODOPPLERCARDIOGRAMA CINTILOGRAFIA MIOCARDICA ANGIOTOMOGRAFIA DAS ARTÉRIAS CORONÁRIAS

22

23

24

25

26

27 CINECORONARIOGRAFIA

28 Quem está sob risco de sofrer um infarto ou AVC? Colesterol elevado Pressão alta não controlada Fumantes Diabetes Obesidade Sedentarismo Antecedentes familiares Stress

29 Controle dos fatores de risco Parar de fumar 50% - risco de infarto 70% - risco de morte Perder peso e exercício 25%

30 Controle dos fatores de risco Controle do colesterol 33% - risco de infarto 25% - risco de morte 20% - risco de derrame Controle da pressão arterial 15% - risco de infarto 42% - risco de AVC

31 Mude os hábitos alimentares Mude os hábitos alimentares Limite a ingestão de gorduras Faça escolhas de alimentos saudáveis Não tenha problemas com o peso

32

33 TRATAMENTO ANTI ADESIVOS PLAQUETÁRIOS= AAS, TICLOPIDINA, CLOPIDROGEL CONTROLAR HAS E DM ANTI-TABAGISMO ESTATINAS

34 Estatinas Medicamentos chamados de Estatinas são uma das principais armas contra a a aterosclerose. São eficazes e seguros na redução do LDL colesterol. O uso de Estatinas reduz o risco de infarto, derrame, morte e necessidade de cirurgia do coração e angioplastia em cerca de 30%. As Estatinas vem sendo utilizadas há mais de 10 anos por milhões de pessoas em todo o mundo.

35 TRATAMENTO DO IAM TROMBOLITICOS= ESTREPTOQUINASE RTPA TNK

36

37

38

39 DITADO POPULAR PREVENIR É MELHOR QUE REMEDIAR......É MAIS BARATO...TEM MENOS EFEITOS COLATERAIS...É MAIS PRAZEROSO

40 OBRIGADO RENATO AZEVEDO JR.


Carregar ppt "DOENÇA CORONARIANA EDUCAÇÃO MÉDICA CONTINUADA DO CREMESP PRESIDENTE PRUDENTE AGOSTO 2010."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google