A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PROJETO O BALANÇO DE CARBONO NOS RESERVATÓRIOS DE FURNAS CENTRAIS ELÉTRICAS S.A (2003) COORDENAÇÃO JOSÉ LUIZ STECH.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PROJETO O BALANÇO DE CARBONO NOS RESERVATÓRIOS DE FURNAS CENTRAIS ELÉTRICAS S.A (2003) COORDENAÇÃO JOSÉ LUIZ STECH."— Transcrição da apresentação:

1 PROJETO O BALANÇO DE CARBONO NOS RESERVATÓRIOS DE FURNAS CENTRAIS ELÉTRICAS S.A (2003) COORDENAÇÃO JOSÉ LUIZ STECH

2 OBJETIVOS ESTIMAR A EMISSÃO DE GASES DE EFEITO ESTUFA (GHG) POR RESERVATÓRIOS DO CERRADO IDENTIFICAR ROTAS DO CICLO DO CARBONO E NITROGÊNIO E AS VARIÁVEIS AMBIENTAIS ENVOLVIDAS AVALIAR A INFLUÊNCIA DOS FATORES OPERACIONAIS E GEOMORFOLÓGICOS DOS RESERVATÓRIOS NA EMISSÃO DE GHG ELABORAR MODELOS ECOHIDRODINÂMICOS DE EMISSÃO DE GHG

3 JUSTIFICATIVA O Brasil, ao ratificar a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças do Clima, comprometeu-se a elaborar e atualizar inventários de suas fontes de emissão, bem como das remoções por sumidouros dos principais gases de efeito estufa: gás carbônico, metano e óxido nitroso. O conhecimento dessas fontes e sumidouros é o primeiro passo na busca de medidas mitigadoras. A partir da última década, a comunidade científica tem questionado se os reservatórios destinados à geração hidrelétrica contribuem substancialmente para o aumento do efeito estufa. Assim, tornam-se necessárias investigações nessa área. Além disso, é importante que o setor elétrico nacional verifique as opções disponíveis para redução das emissões de gases de efeito estufa por unidade de energia gerada, de modo que possa se qualificar para o mercado mundial dos Certificados de Redução de Emissões. O presente projeto constitui a etapa inicial na realização do balanço de carbono de FURNAS CENTRAIS ELÉTRICAS S.A., onde as emissões originadas dos reservatórios das usinas hidrelétricas poderão ser comparadas às emissões produzidas pela geração termelétrica e, então, contrastadas com o carbono fixado por meio dos projetos de reflorestamento da Empresa.

4 Inicio: julho de 2003 Fim: julho de 2008 ÁREAS DE ESTUDO Ano-1: UHE Serra da Mesa e APM Manso Ano-2: UHE Itumbiara e UHE Corumbá Ano-3: UHE Marimbondo e UHE Porto Colômbia Ano-4: UHE Leopoldo C.B. de Carvalho, UHE Mascarenhas de Morais e UHE Furnas UHE Mascarenhas de Morais e UHE Furnas Ano 5: UHE Funil e APM Manso

5 DIVISÃO DE ESFORÇOS Universidade Federal do Rio de Janeiro - COPPE Estimativa de fluxos de GHG na interface água-atmosfera e determinação do aporte e das taxas de sedimentação de carbono Universidade Federal de Juiz de Fora Determinações da produção primária, metabolismo bacteriano e concentrações de nutrientes na coluna dágua Instituto Internacional de Ecologia e Gerenciamento Ambiental Estimativas de fluxos de GHG e das concentrações de carbono e nutrientes na interface água-sedimento Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais Organização de um banco de dados do projeto, instalação de plataformas telemétricas de dados ambientais, estimativa de fluxos de GHG na interface água-atmosfera, análise isotópica (CENA-USP) e modelagem dos fluxos de emissão de GHG

6 RESULTADOS ESPERADOS A) MODELOS ECOHIDRODINÂMICOS APLICADOS B) DISPONIBILIZAÇÃO DE MODELOS E DADOS NA INTERNET C) DESENVOLVIMENTO DE TÉCNICAS COMPUTACIONAIS DE ANÁLISE DE SINAIS AMBIENTAIS D) INCENTIVO DA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA NO PAÍS E) CAPACITAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS COM ATIVIDADES ACADÊMICAS DE PESQUISA

7 EQUIPE ARCILAN TREVENZOLI ASSIREU (DSR-HIDRO/LAC) CLÁUDIO CLEMENTE FARIA BARBOSA (DPI) EVLYN MÁRCIA LEÃO DE MORAES NOVO (DSR-HIDRO) FERNANDO MANUEL RAMOS (LAC-NUSASC) IVAN BERGIER TAVARES DE LIMA (DSR-HIDRO/LAC) JOÃO ANTONIO LORENZZETTI ( DSR-HIDRO) JOÃO CARLOS CARVALHO (DSR-HIDRO/LAC) JOSÉ LUIZ STECH (DSR-HIDRO) REINALDO ROBERTO ROSA (LAC-NUSASC) WATERLOO PEREIRA FILHO (UFSM)

8 FASE ATUAL Desde de janeiro de 2004 estão sendo monitorados os reservatórios de Serra da Mesa (GO) e Manso MT) Foram realizados três trabalhos de campo em cada reservatório, novembro (2003), abril e junho/julho

9 PROXIMA FASE No mês de janeiro de 2005,o SIMA de Manso será transferido para Corumbá. Será fundeado um novo SIMA em Itumbiara No mês de novembro foi realizado um trabalho de campo nos Reservatórios de Corumbá e Itumbiara, com o objetivo de realizar medidadas de fluxo de gas.

10

11

12 VARIAVEIS MONITORADAS Meteorológicas: Vento (direção e intensidade), Temperatura, Umidade, Radiação, Pressão atmosferica Limnológicas: Temperatura (4 niveis), pH, Oxigenio dissolvido, Turbidez, Clorofila, Condutividade, Corrente (direção e intensidade)

13 Environmental parameters collected from SIMA at Manso reservoir, Brazil: (top) Water Temperature at 2m Depth; (middle) Dissolved Oxygen Concentration; (bottom) pH factor

14

15 Trabalhos apresentados: Foram apresentados tres trabalhos no congresso da SIL (Sociedade Internacional de Limnologia), na Finlandia. Dois trabalhos estão sendo publicados em revistada especializada Alunos de mestrado: Tem dois alunos desenvolvendo dissertações de mestrado no ambito do projeto. Um no CENA outro no LAC


Carregar ppt "PROJETO O BALANÇO DE CARBONO NOS RESERVATÓRIOS DE FURNAS CENTRAIS ELÉTRICAS S.A (2003) COORDENAÇÃO JOSÉ LUIZ STECH."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google