A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Marco A. Silveira 14/ Março/2012 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem e Capital Humano.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Marco A. Silveira 14/ Março/2012 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem e Capital Humano."— Transcrição da apresentação:

1 Marco A. Silveira 14/ Março/2012 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem e Capital Humano

2 Eu sou eu e minhas circunstâncias Ortega Y Gasset

3 Níveis Organizacionais de atuação do GAIA

4 Eu sou eu e minhas circunstâncias... ?

5 ?

6 ?

7 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem & Capital Humano Importância da Inovação na nova Economia Aprendizagem como base da Inovação Ser humano e os processos de conhecimento Saúde mental e as organizações Impactos da saúde mental na sustentabilidade Projeto GAIA: “Saúde mental e inovação em empresas paulistas”

8 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem & Capital Humano Importância da Inovação na nova Economia Aprendizagem como base da Inovação Ser humano e os processos de conhecimento Saúde mental e as organizações Impactos da saúde mental na sustentabilidade Projeto GAIA: “Saúde mental e inovação em empresas paulistas”

9 Inovação e a Nova Economia Os Mercados Atuais Trazem Muitos Desafios (são competitivos, complexos e dinâmicos)

10 ATUAÇÃO EM MERCADOS COMPETITIVOS (se no segmento de mercado da empresa) Oferta > Demanda A Empresa precisa gerar “Vantagens Competitivas” (em relação às demais forças competitivas)

11 ATUAÇÃO EM MERCADOS COMPETITIVOS (se no segmento de mercado da empresa) Oferta > Demanda A Empresa precisa gerar “Vantagens Competitivas” (em relação às demais forças competitivas) Inovação e a Nova Economia Nos mercados atuais a Inovação é um dos principais meios para obter vantagens competitivas sustentáveis!

12 PLANO BRASIL MAIOR (P.B.M.) Inovar para competir. Competir para crescer.

13 É a atual política nacional em continuidade da: Política Industrial, Tecnológica e de Comércio Exterior (PITCE) de 2004; e, Política de Desenvolvimento Produtivo (PDP) de Objetivo do P.B.M. ( ): aumentar a competitividade da indústria nacional, a partir do incentivo à inovação tecnológica e à agregação de valor. em especial com o Desenvolvimento sustentável e Adensamento produtivo e tecnológico de cadeias de valor.

14 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem & Capital Humano Importância da Inovação na nova Economia Aprendizagem como base da Inovação Ser humano e os processos de conhecimento Saúde mental e as organizações Impactos da saúde mental na sustentabilidade Projeto GAIA: “Saúde mental e inovação em empresas paulistas”

15 Aprendizagem: Base da Inovação O QUE / PORQUE / COMO

16 GANHO DE COMPETITIVIDADE Resulta em INOVAÇÃO Aprendizagem: Base da Inovação O QUE / PORQUE / COMO

17 GANHO DE COMPETITIVIDADE Resulta em INOVAÇÃO Impulsiona APRENDIZAGEM (ganho de competência) Aprendizagem: Base da Inovação O QUE / PORQUE / COMO

18 Aprendizagem: Base da Inovação O QUE / PORQUE / COMO - A Nova Economia - ATIVOS TANGÍVEIS (Terra + Capital + Trabalho) e ATIVOS INTANGÍVEIS (Capital Intelectual) decorrentes do conhecimento aplicado

19 Capital Intelectual é o conhecimento que gera valor econômico (riquezas). OUTRAS DEFINIÇÕES: “é o conhecimento que pode ser convertido em lucro” (HARRISON e SULLIVAN) “é a diferença entre o valor financeiro e o valor de mercado de uma organização” (BRENNAN e CONNELL) “é o valor econômico de duas categorias de ativos intangíveis de uma empresa: (1) o capital organizacional (‘estrutural’); e o (2) capital humano” (PETTY e GUTHRIE) “é igual à soma do capital humano e capital estrutural de uma organização” (EDVINSSON e MALONE) Aprendizagem: Base da Inovação O QUE / PORQUE / COMO

20 Aprendizagem é a fonte de capital intelectual. Aprender = Ganhar Conhecimento Capital Intelectual é o conhecimento que gera valor econômico (riquezas). Aprendizagem: Base da Inovação O QUE / PORQUE / COMO

21 Aprendizagem: Base da Inovação O QUE / PORQUE / COMO APRENDIZAGEM Nos Quatro Níveis Organizacionais

22 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem & Capital Humano Importância da Inovação na nova Economia Aprendizagem como base da Inovação Ser humano e os processos de conhecimento Saúde mental e as organizações Impactos da saúde mental na sustentabilidade Projeto GAIA: “Saúde mental e inovação em empresas paulistas”

23 Ser Humano: Centro dos Processos de Aprendizagem e Inovação

24 Que ser humano queremos? Restrito à sua dimensão de “mão de obra”? ou Com capacidade de gerar capital intelectual? Ser Humano: Centro dos Processos de Aprendizagem e Inovação

25 . Capital Estrutural: patentes, marcas, sistemas de gestão.... Capital de Relacionamento: gerado através das relações cooperativas. Capital Humano: gerado pelos próprios funcionários (base dos outros dois!) Componentes do “Capital Intelectual”

26 Capital Humano Trata-se do conhecimento e das competências dos colaboradores, colocados à serviço da empresa. - pertence ao indivíduo, mas o seu uso gera valor para as empresas. - a transformação do conhecimento tácito em explícito, aumenta a agregação de valor para a empresa (é um dos grandes desafios da Gestão do Conhecimento).

27 CONHECIMENTO ≠ INFORMAÇÃO

28 Informação CONHECIMENTO ≠ INFORMAÇÃO

29 Conhecimento só existe na mente humana! Conhecimento Informação

30 Competência Informação Conheci- mento

31 Competência Informação Conheci- mento A capacidade de uma empresa é definida pelo tanto que o ser humano consegue transformar as informações disponíveis em conhecimento útil, e mobilizá-los na forma de competência. Ou seja: pelo tanto que se consegue Aprender!

32 Que ser humano queremos? Pessoas saudáveis, com capacidade de: pensar criar conviver colaborar, contribuir.... Ser Humano: Centro dos Processos de Aprendizagem e Inovação

33 REGISTRO (estruturado) de uma observação = DADO DADOS com Organização = INFORMAÇÃO INFORMAÇÃO com Reflexão = CONHECIMENTO CONHECIMENTO + Habilidade + Atitude = COMPETÊNCIA INDIVIDUAL COMPETÊNCIA INDIVIDUAL + Trabalho em Equipe + Competência Estrutural COMPETÊNCIA ORGANIZACIONAL Domínio do Tecnológico APRENDIZAGEM: Domínio do Humano Domínio Híbrido: SocioTécno RELAÇÃO ENTRE CONCEITOS

34 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem & Capital Humano Importância da Inovação na nova Economia Aprendizagem como base da Inovação Ser humano e os processos de conhecimento Saúde mental e as organizações Impactos da saúde mental na sustentabilidade Projeto GAIA: “Saúde mental e inovação em empresas paulistas”

35 Que ser humano queremos? Saúde Mental e as Organizações “... É preciso amor prá poder pulsar, é preciso paz prá poder sorrir, é preciso chuva para florir.”

36  Transtornos de ansiedade Pânico Ansiedade (qualquer) Ansiedade generalizada Ansiedade por separação Fobia social Fobia específica Mania...  Transtornos de humor Depressão Bipolaridade Transtorno de humor  Transtornos de conduta Déficit de atenção Comportamento explosivo Comportamento impulsivo, descontrolado....  Uso de substâncias Uso abusivo de álcool Dependência alcoólica Uso abusivo de drogas Dependência de drogas  Comportamento Suicida A OMS estima que em 2020, o suicídio será a causa do óbito de 1,5 milhões de pessoas Você conhece alguém (na família, no trabalho...) com algum desses sintomas?

37 Pesquisa publicada em fev/2012 Na região metropolitana de São Paulo (RMSP), 30% das pessoas tem distúrbios mentais! RMSP possui 10% da população brasileira e é a 5ª maior população mundial com 20 milhões de habitantes; Apresenta a maior taxa de transtornos mentais que qualquer outra área do mundo; É um quadro epidêmico!

38  Transtornos de ansiedade 19,9% Pânico Ansiedade (qualquer) Ansiedade generalizada Ansiedade por separação Fobia social Fobia específica Agorafobia Estresse pós traumático Transtorno Obsessivo- Compulsivo Mania  Transtornos de humor 11% Depressão Bipolaridade Distimia Transtorno de humor  Transtornos de conduta 4,3% Comportamento desafiadora-oposição Déficit de atenção Comportamento explosivo Comportamento impulsivo, descontrolado Transtorno de conduta  Uso de substâncias 3,6% Uso abusivo de álcool Dependência alcoólica Uso abusivo de drogas Dependência de drogas  Comportamento Suicida A OMS estima que em 2020, o suicídio será a causa do óbito de 1,5 milhões de pessoas Dados na Grande São Paulo (FAPESP, fev/2012)

39 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem & Capital Humano Importância da Inovação na nova Economia Aprendizagem como base da Inovação Ser humano e os processos de conhecimento Saúde mental e as organizações Impactos da saúde mental na sustentabilidade Projeto GAIA: “Saúde mental e inovação em empresas paulistas”

40 Que ser humano queremos? Saúde Mental e as Organizações

41 ? Impactos da Saúde Mental ? ? Que ser humano queremos?

42 Impactos da Saúde Mental Capital Humano Abundante Boas Condições de Trabalho

43 O Desafio É possível uma “nova empresa”, que seja ao mesmo tempo “competitiva nos mercados econômicos“ e “centrada no ser humano”? COMPETITIVA HUMANIZADA ?

44 Relação Simbiótica Empresa-Funcionário Funcionário Empresa Capital Humano Abundante Boas Condições de Trabalho

45 Relação Simbiótica Empresa-Funcionário Possível, Desejável e Necessário Funcionário Empresa

46 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem & Capital Humano Importância da Inovação na nova Economia Aprendizagem como base da Inovação Ser humano e os processos de conhecimento Saúde mental e as organizações Impactos da saúde mental na sustentabilidade Projeto GAIA: “Saúde mental e inovação em empresas paulistas”

47 Projeto GAIA-2012 Impacto dos transtornos mentais na capacidade inovativa das empresas de SP Núcleo do GAIA: “Gestão do Capital Humano para Sustentabilidade Organizacional”

48 Situação Atual: Transtornos Mentais  Na região metropolitana de São Paulo (RMSP), 30% tem distúrbios mentais;  RMSP possui 10% da população brasileira e é a 5ª maior população mundial com 20 milhões de habitantes;  RMSP apresenta a maior taxa de transtornos mentais que qualquer outra área do mundo;  Organização Mundial da Saúde ressalta que os transtornos mentais graves acometem entre 5 e 10% dos trabalhadores ocupados no mundo;  Transtornos mentais ocupam o 3º lugar entre as causas referentes à aposentadoria por invalidez e incapacidade definitiva para o trabalho;  Nos EUA, custo total de problemas de saúde é estimado em 250 bilhões de dólares por ano;

49  OIT afirma que são perdidos ao ano por doenças e agravos ocupacionais: 4% do PIB no mundo e 10% do PIB em países em desenvolvimento;  Segundo OMS (2010), 25% da população mundial terá algum tipo de transtorno mental durante a vida; Situação Atual: Transtornos Mentais

50  Estresse negativo no trabalho tem crescido exponencialmente ao longo dos anos: índice de estresse chegou a 46% em 1999;  Nos EUA, estresse no trabalho gera $ 300 bilhões ao ano em despesas com saúde, absenteísmo e demissões;  Estresse e Burnout (estafa profissional) custa mais de $150 bilhões às organizações anualmente;  4,2% dos trabalhadores são acometidos pelo burnout Situação Atual: Estresse

51  A 1ª causa de afastamentos no trabalho e morte é a depressão.  A cada 5 minutos, um trabalhador é afastado por depressão.  10 milhões de brasileiros, 5% da população, sofre de depressão;  Depressão é maior fator de aumento dos custos médicos (70%);  Nos EUA, custos da depressão é de US$ 44 bilhões ao ano, sendo 55% referentes à redução da produtividade do paciente;  Segundo a OMS, a depressão será a 2º maior causa de incapacitação no trabalho no ano de 2020;  Para OMS, pacientes deprimidos passam 7 dias por mês incapacitados para trabalhar, enquanto o grupo de controle, apenas 1 dia; Situação Atual: Depressão

52  Previdência liberou mais de 350 mil auxílios-doença à dependentes químicos em 2 anos;  Gasto de R$107,5 milhões em 2011;  Número de usuários de drogas lícitas (álcool e cigarro) e ilícitas (cocaína, crack, anfetamina e maconha) cresceu em 8,5% entre 2009 e 2011;  Mais de 70 mil afastamentos foram pedidos nesse período;  Atendimentos pelo SUS teve aumento de 900% nos últimos 8 anos;  3,6% da Grande São Paulo sofre de transtornos mentais pelo uso de substâncias; Situação Atual: Uso de Substâncias

53 Saúde mental e Inovação em Empresas de SP Proposta do GAIA

54 Consolidar um grupo para coordenação de estudos em várias áreas do conhecimento visando: desenvolver conhecimentos que contribuam para minimizar os impactos dos transtornos mentais na capacidade inovativa e na competitividade de empresas; contribuir para minimizar este problema de saúde pública; apresentar dados confiáveis de como e quanto os transtornos mentais afetam o trabalhador e as organizações

55 1) Quais são os impactos dessa “epidemia” de transtornos mentais nas organizações? 2) Como as organizações estão aumentando esse problema? 3) O que pode ser feito no âmbito das organizações para minimizar o problema? Saúde mental e Inovação em Empresas de SP Questões Centrais

56 1.O problema deve se repetir em outras cidades, mesmo que com valores diferentes. 2.As organizações são impactadas negativamente com o problema, inclusive na sua capacidade inovativa. 3.Fatores emocionais impactam o sistema imunológico, o que agrava os problemas e os custos associados a afastamentos por problemas de saúde. 4.As organizações podem potencializar o problema. Saúde mental e Inovação em Empresas de SP Pressupostos Básicos

57 1.Os valores no extrato social que nos interessa (maior nível de escolaridade etc) devem ser diferentes 2.As organizações são impactadas negativamente com o problema, inclusive na sua capacidade inovativa. 3.Fatores emocionais impactam o sistema imunológico, o que agrava os problemas e os custos associados a afastamentos por problemas de saúde. 4.s organizações podem potencializar o problema 5.As inseguranças decorrentes do estresse no ambiente organizacional devem ativar os transtornos 6.As múltiplas insatisfações ligadas ao trabalho tendem a agravar os transtornos. 7.As organizações podem contribuir para minimizar o problema: as organizações tem capacidade de influência nas pessoas, em virtude da importância do emprego e da socialização inerente ao trabalho. 8.É importante que as melhorias pretendidas estejam efetivamente incorporadas ao dia-a-dia das organizações, para que produzam resultados significativos. Saúde mental e Inovação em Empresas de SP Pressupostos Básicos

58 ETAPA 1: Levantamento preliminar de dados secundários de interesse. Identificar relacionamentos críticos e ações prioritárias de curto prazo, através de levantamento de bases de dados disponíveis (em andamento). ETAPA 2: Levantamento preliminar de dados na Região de Campinas Pesquisa com profissionais das áreas de: a.Saúde mental b.Medicina do trabalho c.Recursos humanos Saúde mental e Inovação em Empresas de SP Primeiras Etapas

59 ETAPA 3: Elaboração de um plano de curto prazo para mobilização e integração de ações em andamento Mobilizar parceiros e integrar ações de interesse em andamento, através de instituições: – com interesse em sustentabilidade organizacional, aprendizagem e inovação – de Ensino e Pesquisa (IEPs) na área de saúde mental e medicina do trabalho – associações empresariais de interesse – entre outras Saúde mental e Inovação em Empresas de SP Primeiras Etapas

60 GRATO PELA ATENÇÃO


Carregar ppt "Marco A. Silveira 14/ Março/2012 Sustentabilidade Organizacional: Aprendizagem e Capital Humano."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google