A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PROJETO EDUCAÇÃO EM E PARA OS DIREITOS HUMANOS EM SC Realização: LEVIS – Laboratório de Estudos das Violências do.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PROJETO EDUCAÇÃO EM E PARA OS DIREITOS HUMANOS EM SC Realização: LEVIS – Laboratório de Estudos das Violências do."— Transcrição da apresentação:

1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PROJETO EDUCAÇÃO EM E PARA OS DIREITOS HUMANOS EM SC Realização: LEVIS – Laboratório de Estudos das Violências do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Santa Catarina. Equipe de Coordenação: Theóphilos Rifiotis Tiago Nogueira Hyra Chagas Rodrigues

2 Objetivo: orientar educadores e lideranças comunitárias para que estes se tornem multiplicadores das noções de educação em e para Direitos Humanos e oferecer condições para desenvolvimento e consolidação do Comitê Catarinense de Educação em Direitos Humanos. Formação dos educadores: cursos, desenvolvidos com abordagem geral e introdutória na concepção da Educação em e para Direitos Humanos como um conjunto de direitos fundamentais e universais, englobando: cursos, desenvolvidos com abordagem geral e introdutória na concepção da Educação em e para Direitos Humanos como um conjunto de direitos fundamentais e universais, englobando:

3 conceituação e princípios. conceituação e princípios. fundamentos filosóficos, sociais e políticos da EDH. fundamentos filosóficos, sociais e políticos da EDH. documentos e declarações internacionais sobre os Direitos Humanos. documentos e declarações internacionais sobre os Direitos Humanos. seus reflexos na legislação brasileira, principalmente a Constituição Federal de seus reflexos na legislação brasileira, principalmente a Constituição Federal de conjuntura internacional (Plano Global de Educação em Direitos da ONU). conjuntura internacional (Plano Global de Educação em Direitos da ONU). situação nacional, centrada no Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos. situação nacional, centrada no Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos.

4 No entanto, a ênfase do projeto está voltada para as experiências vivenciadas pelos estudantes no contexto da realidade escolar, onde efetivamente se opera a Educação em Direitos Humanos. As temáticas : referência ao universo do ensino e da escola, as relações entre alunos, entre estes e os professores, assim como as experiências e narrativas pessoais que pudessem ser trazidas para o ambiente da sala de aula e desenvolvidas sob uma perspectiva humanista. referência ao universo do ensino e da escola, as relações entre alunos, entre estes e os professores, assim como as experiências e narrativas pessoais que pudessem ser trazidas para o ambiente da sala de aula e desenvolvidas sob uma perspectiva humanista.

5 Abrangência da Proposta: Profissionais de educação do Estado de Santa Catarina (professores e gestores), lideranças comunitárias e os integrantes do Comitê Catarinense de Educação em Direitos Humanos. O curso foi ministrado para duas regiões do Estado em 2006: região metropolitana da capital (Florianópolis, Palhoça, São José e Biguaçu) região metropolitana da capital (Florianópolis, Palhoça, São José e Biguaçu) interior do Estado (Brusque, Canelinha, São João Batista e Tijucas). interior do Estado (Brusque, Canelinha, São João Batista e Tijucas). O curso de capacitação para a Educação em Direitos Humanos teve mais de 100 participantes, divididos nas duas edições, sendo que 80% das vagas foram destinadas às escolas da rede pública e 20% para profissionais de educação de escolas particulares. O curso de capacitação para a Educação em Direitos Humanos teve mais de 100 participantes, divididos nas duas edições, sendo que 80% das vagas foram destinadas às escolas da rede pública e 20% para profissionais de educação de escolas particulares.

6 Em 2008, participarão da capacitação 300 educadores da rede pública do Estado, da região da Grande Florianópolis e da Região de Itajaí. Serão contemplados também 50 lideranças comunitárias e os membros do Comitê Catarinense de EDH

7 Metodologia e abordagem: Ação I (Janeiro a Maio de 2008): Oficinas metodológicas para os cursos de formação de Educação em Direitos Humanos. Capacitar a equipe do projeto e o Comitê Catarinense de Educação em Direitos Humanos – contatos com núcleos de pesquisa, Secretarias de Educação, professores, profissionais. Capacitar a equipe do projeto e o Comitê Catarinense de Educação em Direitos Humanos – contatos com núcleos de pesquisa, Secretarias de Educação, professores, profissionais. Preparação das oficinas / Elaboração do material didático do curso. Preparação das oficinas / Elaboração do material didático do curso. Oficinas de capacitação para a equipe do projeto: os ministrantes dos cursos de capacitação, a equipe executora do projeto e integrantes do Comitê Catarinense de Educação em Direitos Humanos. Oficinas de capacitação para a equipe do projeto: os ministrantes dos cursos de capacitação, a equipe executora do projeto e integrantes do Comitê Catarinense de Educação em Direitos Humanos.

8 Ação II (Junho-Setembro 2008): Curso de capacitação em Educação em Direitos Humanos para Profissionais da Educação e Lideranças Comunitárias de SC. Experiência de dois cursos capacitação, com metodologia de separação do cotidiano dos profissionais da educação durante de dois dias. Experiência de dois cursos capacitação, com metodologia de separação do cotidiano dos profissionais da educação durante de dois dias. Oferecer oportunidade de convívio intenso e imersão nas temáticas, focalizando não conteúdos fechados a serem reproduzidos, mas reflexões, vivências e críticas. Oferecer oportunidade de convívio intenso e imersão nas temáticas, focalizando não conteúdos fechados a serem reproduzidos, mas reflexões, vivências e críticas. Palestras e oficinas, recursos audio-visuais, debates e troca de impressões: dinâmica entre teoria e prática. Palestras e oficinas, recursos audio-visuais, debates e troca de impressões: dinâmica entre teoria e prática. Realização de atividade devolutiva, pelos educadores beneficiados, em suas respectivas comunidades. Realização de atividade devolutiva, pelos educadores beneficiados, em suas respectivas comunidades.

9 Cronograma dos cursos: 1º Dia: 1º Dia: 8:00 – 8:30 – Abertura das atividades 8:00 – 8:30 – Abertura das atividades 8:30- 10:30 – Palestras e debate: 8:30- 10:30 – Palestras e debate: Formação didático-pedagógica para Educação em Direitos Humanos Palestrantes Regina Ingrid Bragagnolo e Raquel Barbosa Formação didático-pedagógica para Educação em Direitos Humanos Palestrantes Regina Ingrid Bragagnolo e Raquel Barbosa Direitos da Infância e adolescência – Palestrante Cleverton Elias Vieira Direitos da Infância e adolescência – Palestrante Cleverton Elias Vieira 10:30 – 11:00 – Intervalo 10:30 – 11:00 – Intervalo 11:00 – 12:30 – Debates em grupo/oficina 11:00 – 12:30 – Debates em grupo/oficina

10 14:00 –16:00 – Palestras e debate: 14:00 –16:00 – Palestras e debate: Violências – Palestrante Tiago Nogueira Hyra e Chagas Rodrigues Violências – Palestrante Tiago Nogueira Hyra e Chagas Rodrigues Gênero e Sexualidade – Rosa Maria Rodrigues Gênero e Sexualidade – Rosa Maria Rodrigues 16:00 – 16:30 - Intervalo 16:00 – 16:30 - Intervalo 16:30 – 18:30 – Debates em grupo/oficina 16:30 – 18:30 – Debates em grupo/oficina 18:30 – 20:00 – Jantar 18:30 – 20:00 – Jantar 20:00 – 22:00 – Projeção de filme (Quase Dois Irmãos de Lucia Murat) 20:00 – 22:00 – Projeção de filme (Quase Dois Irmãos de Lucia Murat)

11 2º Dia: 08:00 – 10:00 – Palestras e debate: Minorias étnicas e sociais – Palestrante Marta Magda Antunes Machado Meio ambiente – Palestrantes Alexandre Böck e Isaac Pedro 10:00 – 10:30 – Intervalo 10:30 – 12:30 – Debates em grupo/oficina

12 14:00 –16:00 – Palestras e debate: 14:00 –16:00 – Palestras e debate: Conceitos, concepções e legislação em Direitos Humanos, Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos – Palestrante Dorian Ribas Marinho Conceitos, concepções e legislação em Direitos Humanos, Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos – Palestrante Dorian Ribas Marinho Direitos Humanos, direitos de todos: repensando estratégias de reconhecimento social – Palestrante Theóphilos Rifiotis Direitos Humanos, direitos de todos: repensando estratégias de reconhecimento social – Palestrante Theóphilos Rifiotis 16:00 – 16:30 - Intervalo 16:00 – 16:30 - Intervalo 16:30 – 18:30 – Debates em grupo/oficina 16:30 – 18:30 – Debates em grupo/oficina 18:30 – 20:00 – Jantar 18:30 – 20:00 – Jantar 20:00 – 22:00 – Avaliação dos trabalhos 20:00 – 22:00 – Avaliação dos trabalhos

13 Atividade de Retorno nas Comunidades: Atividades práticas de Direitos Humanos a serem realizadas pelos participantes do Curso nas respectivas comunidades e escolas, livres à escolha de cada participante, com o posterior envio de relatório à coordenação do projeto. Atividades práticas de Direitos Humanos a serem realizadas pelos participantes do Curso nas respectivas comunidades e escolas, livres à escolha de cada participante, com o posterior envio de relatório à coordenação do projeto. A intenção é que os participantes sejam multiplicadores do conhecimento adquirido durante o curso, e o socializem com sua comunidade, não como um conteúdo fixo a ser transmitido, mas sim adequado à realidade e preocupações mais próximas de cada comunidade. A intenção é que os participantes sejam multiplicadores do conhecimento adquirido durante o curso, e o socializem com sua comunidade, não como um conteúdo fixo a ser transmitido, mas sim adequado à realidade e preocupações mais próximas de cada comunidade.

14 Ação III (Fevereiro-junho 2008): Estruturação e fortalecimento do Comitê Estadual de Educação em Direitos Humanos. Reuniões com profissionais, entidades, organizações, que atuam na área dos Direitos Humanos: busca de parceiros para a estruturação do CCEDH. Reuniões com profissionais, entidades, organizações, que atuam na área dos Direitos Humanos: busca de parceiros para a estruturação do CCEDH. Criação de um Fórum de discussão. Criação de um Fórum de discussão. Levantamento e registro, por meio de cadastro, das experiências referenciais de Educação em Direitos Humanos no Estado. Levantamento e registro, por meio de cadastro, das experiências referenciais de Educação em Direitos Humanos no Estado. Consolidação do Comitê Catarinense de Educação em Direitos Humanos. Consolidação do Comitê Catarinense de Educação em Direitos Humanos.

15 Comitê Catarinense de EDH Em fase de formação Em fase de formação Programada Audiência Pública (para formalização do Comitê e aprovação de Regimento interno) para Junho/2008 Programada Audiência Pública (para formalização do Comitê e aprovação de Regimento interno) para Junho/2008 Dificuldades: principalmente políticas Dificuldades: principalmente políticas Desdobramentos a partir da formação: elaboração de PEEDH e autonomia para elaboração e implementação de projetos. Desdobramentos a partir da formação: elaboração de PEEDH e autonomia para elaboração e implementação de projetos.

16 Ação IV (Outubro e Novembro 2008): Avaliação Geral dos Trabalhos; Confecção de produtos (livro e DVD), e Relatório final. Avaliação geral dos trabalhos realizada ao final dos cursos com a função de conclusão dos trabalhos. Avaliação geral dos trabalhos realizada ao final dos cursos com a função de conclusão dos trabalhos. Elaboração do relatório final do projeto Elaboração do relatório final do projeto Elaboração e edição de DVD com as palestras e oficinas Elaboração e edição de DVD com as palestras e oficinas Elaboração e edição de livro sobre Educação em e para os Direitos Humanos Elaboração e edição de livro sobre Educação em e para os Direitos Humanos

17 Apoio e parceria: Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da Universidade Federal de Santa Catarina – PRCE/UFSC. Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da Universidade Federal de Santa Catarina – PRCE/UFSC. Secretaria de Estado da Educação, Ciência e Tecnologia do Estado de Santa Catarina. Secretaria de Estado da Educação, Ciência e Tecnologia do Estado de Santa Catarina. Comissão de Direitos Humanos da OAB-SC Comissão de Direitos Humanos da OAB-SC


Carregar ppt "UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PROJETO EDUCAÇÃO EM E PARA OS DIREITOS HUMANOS EM SC Realização: LEVIS – Laboratório de Estudos das Violências do."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google