A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Deslumbrante Desfile das Escolas do Rio em 2011 Música: Samba Enredo da Beija-Flor By Ney Deluiz Canta: Neguinho da Beija-Flor Ligue o Som As interpretações.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Deslumbrante Desfile das Escolas do Rio em 2011 Música: Samba Enredo da Beija-Flor By Ney Deluiz Canta: Neguinho da Beija-Flor Ligue o Som As interpretações."— Transcrição da apresentação:

1

2 O Deslumbrante Desfile das Escolas do Rio em 2011 Música: Samba Enredo da Beija-Flor By Ney Deluiz Canta: Neguinho da Beija-Flor Ligue o Som As interpretações dos enredos foram baseadas em divulgações das próprias escolas de samba Foto: Marlene Bergamo

3 Antonio Lacerda 9ª Colocada – São Clemente Enredo: "O seu, o meu, o nosso Rio, abençoado por Deus e bonito por natureza" Deus um dia convocou todos os santos, anjos e arcanjos e institui o Conselho Deliberativo da Criação Divina, que tinha como objetivo construir o mundo dos homens em sete dias. São Clemente

4 Tasso Marcelo São Clemente E Deus disse aos membros do Conselho que dos sete dias para a criação do mundo, Ele utilizaria dois deles para criar uma cidade linda, esculpida pela própria natureza.

5 E convocou São Clemente e São Sebastião para serem os responsáveis pela obra desta cidade única: o Rio de Janeiro. Mas primeiro alguém tinha de descobrí-la. Marcos de Paula São Clemente

6 8ª Colocada – Porto da Pedra Maria Clara Machado viveu a vida perseguindo os sonhos que, para muitos, não passavam de utopia. Marcos Arcoverde Enredo: "O sonho sempre vem pra quem sonhar... " Porto da Pedra

7 Ela transformou a realidade em fantasia e fez o seu fantasminha Pluft flutuar na imaginação das pessoas. Caio Guatelli Porto da Pedra Wilton Júnior

8 Suas personagens conquistaram a alma das crianças e da “criança” que todo adulto guarda dentro de si. Porto da Pedra Danilo Verpa

9 Depois da última glaciação, uma estrela incandescente trouxe luz e calor e fez a vida explodir em fartura. Rafael Andrade 7ª Colocada – Padre Miguel Enredo: "Parábola dos Divinos Semeadores" Padre Miguel

10 Saindo então das cavernas, nossos ancestrais deixaram de ser caçadores e se tornaram semeadores. Padre Miguel Rafael Andrade

11 O caminho foi longo e nem sempre foi fácil mas, graças àquela estrela, a neve derreteu e a folia começou. Padre Miguel Marcos de Paula

12 Para mostrar que sambar faz bem à saúde, a Imperatriz nos levou a passear pela história da Medicina. Sergio Moraes 6ª Colocada – Imperatriz Leopoldinense Enredo: "A Imperatriz Adverte: Sambar Faz Bem à Saúde" Imperatriz Leopoldinense

13 Começou com a Velha África, nos primórdios da existência humana, passando pelo Egito, Grécia, Roma... Imperatriz Leopoldinense Marlene Bergamo

14 ... e finalizou com as contribuições dadas à medicina por Oswaldo Cruz, Carlos Chagas, Vital Brazil e Pitanguy. Imperatriz Leopoldinense Antonio Lacerda

15 O continente perdido de Atlântida teria afundado na baía de Guanabara. Mito? Delírio? Alucinação? Tasso Marcelo Enredo: "Salgueiro apresenta: o Rio no cinema" 5ª Colocada – Salgueiro Salgueiro

16 Mas não foi a Atlântida mitológica que afundou e sim a Atlântida cinematográfica, fundada no Rio em Marcos Arcoverde Salgueiro

17 Para localizar o tesouro cinematográfico incalculável que desapareceu com a Atlântida carioca, teremos que seguir as pistas encontradas no mundo do cinema. Antonio Lacerda Salgueiro

18 Segundo os indianos, o universo teve início com a tecedura dos cabelos de Shiva, um deus transformador. Celso Pupo 4ª Colocada – Vila Isabel Enredo: "Mitos e Histórias - Entrelaçadas pelos Fios de Cabelo" Vila Isabel

19 Antonio Scorza Tranças indicam submissão, como provam as tranças dos chineses, das mulheres russas e até as de Rapunzel.

20 Os egípcios raspavam a cabeça por higiene e usavam perucas para se embelezar. Até mesmo as barbas dos faraós eram postiças. Vila Isabel Wilton Junior Sergio Moraes Marcos de Paula Sergio Moraes

21 Celso Pupo O homenageado Nelson Cavaquinho completaria 100 anos em Ele era da polícia montada e ao invés de patrulhar a favela da Mangueira a cavalo, ele preferia ficar bebendo lá com os amigos. 3ª Colocada – Mangueira Enredo: "Filho Fiel, Sempre Mangueira" Mangueira

22 São dele frases lindas como tire seu sorriso do caminho que eu quero passar com a minha dor. Hoje pra você eu sou espinho, espinho não machuca a flor. Ou, quando eu piso em folhas secas caídas de uma mangueira... Mangueira Danilo Verpa

23 Mangueira Danilo Verpa Ao ser criticado uma vez por amigos por ter feito uma tatuagem com o nome da amada, ele disse: Muita gente tem o corpo tão bonito e a alma toda tatuada. Nelson Cavaquinho era um poeta.

24 Marcos de Paula 2ª Colocada – Unidos da Tijuca Enredo: "Esta Noite Levarei Sua Alma" Pelos próximos séculos, o desejo da conquista espalhará luta e sofrimento. E o mundo se dividirá entre os homens da guerra e os homens da paz. Algozes e vítimas. Senhores e escravos. Unidos da Tijuca

25 Vençam suas batalhas, enfrentem suas assombrações, mas não se esqueçam de que elas sempre voltam. Unidos da Tijuca Wilton Júnior

26 Unidos da Tijuca Por mais que tentemos nos livrar, elas querem vingança e não desistirão. A maldição nunca será vencida. Tasso Marcelo Felipe Dana Antonio Lacerda Wilton Júnior

27 Unidos da Tijuca Ela ressurge quando já não se acredita que possa existir. Podemos até nos esconder, mas não vamos escapar. Wilton Júnior

28 Roberto Carlos levou seu sonho para a avenida numa viagem onde o tempo pediu passagem para ele mostrar as lembranças que traz na vida. Danilo Verpa Campeã – Beija-Flor Enredo: "A Simplicidade de um Rei" Beija-Flor

29 Voltou a ser criança outra vez, quando ainda o chamavam de Zunga no seu pequeno Cachoeiro. Beija-Flor Marlene Bergamo. Gustavo PellizzonDanilo Verpa Wilton Júnior

30 Beija-Flor E nos fez relembrar a Jovem Guarda, os calhambeques e seus shows anuais a bordo de um transatlântico. Tasso Marcelo

31 Ele diz que não é rei, mas sim amigo do Rei, um Ser de luz cuja claridade ilumina a sua simplicidade. Vanderlei Almeida Beija-Flor

32 O exemplo de superação que a Grande Rio deu este ano deveria servir como inspiração para todos nós. Wilton Júnior Exemplo de Superação – Grande Rio Enredo: "Y-Jurerê Mirim - A Encantadora Ilha das Bruxas (Um conto de Cascaes)" Grande Rio

33 A apenas um mês do desfile na Sapucaí, um incêndio destruiu completamente um trabalho árduo de meses. Barracões da Cidade do Samba

34 Grande Rio Marcos de Paula Mas a garra foi mais forte e vejam o espetáculo que eles deram na avenida, homenageando Florianópolis.

35 O conto A Ilha das Bruxas, de Franklin Cascaes (que viveu em Florianópolis) fala de uma ilha de magia, onde as bruxas que a habitavam eram boas e apenas assustavam para proteger seu folclore, suas etnias e crendices. Grande Rio Marcos de PaulaAntonio Scorza Marcos de Paula Gustavo Kuerten

36 A Portela homenageou os 100 anos do Porto do Rio, historicamente a porta de entrada marítima do Brasil. Não Competiu Por Causa do Incêndio - Portela Enredo: "Rio, Azul da Cor do Mar” Rafael AndradeFelipe Dana Portela

37 Patrícia Santos Rafael Andrade E fez isto falando sobre o comércio que ultrapassou os limites do Mediterrâneo e ganhou os sete mares.

38 A União da Ilha enalteceu a saga de Charles Darwin e a sua Teoria da Evolução das Espécies. Pablo Jacob Não Competiu Por Causa do Incêndio – União da Ilha Enredo: "Mistério da Vida" União da Ilha

39 Inclusive mencionando suas duas vindas ao Brasil durante a sua viagem de pesquisas, que durou cinco anos. União da Ilha Fim Rafael Andrade


Carregar ppt "O Deslumbrante Desfile das Escolas do Rio em 2011 Música: Samba Enredo da Beija-Flor By Ney Deluiz Canta: Neguinho da Beija-Flor Ligue o Som As interpretações."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google