A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED NEURODYN 10 Canais. TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Corrente Russa (2.500 Hz) Corrente Aussie (1.000 Hz e 4.000 Hz) Eletrolipólise.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED NEURODYN 10 Canais. TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Corrente Russa (2.500 Hz) Corrente Aussie (1.000 Hz e 4.000 Hz) Eletrolipólise."— Transcrição da apresentação:

1 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED NEURODYN 10 Canais

2 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Corrente Russa (2.500 Hz) Corrente Aussie (1.000 Hz e Hz) Eletrolipólise ELETROESTIMULAÇÃO 10 canais de saída

3 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED GANHO DE FORÇA MUSCULAR E TONIFICAÇÃO MELHORA DO CONTORNO CORPORAL ANALGESIA DRENAGEM LINFÁTICA LIPÓLISE Indicações Estética e Reabilitação

4 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Ganho de força muscular FRAQUEZA, ATROFIA E HIPOTONIA MUSCULAR Corrente elétrica Exercícios Ingestão Proteica FLACIDEZ

5 Fibras IFibras II aFibras II b Velocidade de contração lentaVelocidade de contração rápida Tempo de contração longoTempo de contração curto Resistência a fadiga muito altaResistência a fadiga altaResistência a fadiga baixa Número de fibras pequenoNúmero de fibras intermediárioNúmero de fibras grande Ordem de recrutamento primeiro Ordem de recrutamento intermediária Ordem de recrutamento última Tensão tetânica baixaTensão tetânica intermediáriaTensão tetânica alta Diâmetro pequenoDiâmetro médioDiâmetro grande Muitos capilares Pouco capilares Atividade oxidativa altaAtividade oxidativa meio altaAtividade oxidativa baixa Atividade glicolítica baixaAtividade glicolítica alta Propriedades fisiológicas da fibras

6 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Fortalecimento Muscular Contração Voluntária assíncrona (menor fadiga) fibras lentas, menor limiar, são ativadas primeiro (segue o sistema do tamanho de Heneman. São primeiro ativadas fibras menores e depois as maiores). motoneurônios alfa através do SNC Contração Mecânica síncrona (maior fadiga), mais abrupta (sobrecarga) fibras rápidas, maior limiar, são ativadas primeiro (são mais superficiais) ativa-se motoneurônios alfa através da corrente elétrica Inevitavelmente estimulam-se fibras sensoriais Efeito imediato

7 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED CONTRAÇÃO VOLUNTÁRIA Recrutamento de UM s ocorre de forma assincrônica CONTRAÇÃO VOLUNTÁRIA Recrutamento de UM s ocorre de forma assincrônica CONTRAÇÃO EENM Recrutamento de UM s ocorre de forma sincrônica CONTRAÇÃO EENM Recrutamento de UM s ocorre de forma sincrônica 30%CIVM 60%CIVM 90%CIVM Delitto, A ; Snyder-Mackler,L.,. Two Theories of Muscle Strength augmentation using percutaneous electrical stimulation. Physical Therapy. 70(3): , ELETROESTIMULAÇÃO

8 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Analgesia * Fibras mielínicas (A-beta): Grande calibre e Rápida condução – Via da Corrente elétrica * Fibras amielínicas (A-delta e C): Pequeno calibre e Lenta condução – Via da dor * Fibras mielínicas (A-beta): Grande calibre e Rápida condução – Via da Corrente elétrica * Fibras amielínicas (A-delta e C): Pequeno calibre e Lenta condução – Via da dor CÉLULA T (Medula) Excitatório (+)Inibitório (-) *Fibras A-delta e C nociceptivas (dor) *Fibras A-beta Não nociceptoras (impulso elétrico) Teoria da Comporta (Mecanismo ascendente) SG CÓRTEX CEREBRAL Fechamento da comporta (dor não atinge ao córtex) DOR

9 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Analgesia Liberação de beta endorfina (Mecanismo descendente) CEREBRO TRONCO ENCEFALICO MEDULA Inibição do neurônio de 2a ordem ANALGESIA Liberação de opióides endógenos

10 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Drenagem de Edema/Linfática Desintoxicar Relaxar Nutrir a pele e músculos Evitar ou diminuir o edema Melhorar o sistema imunológico Devolver a homeostasia ao organismo

11 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Drenagem de Edema/Linfática Corrente elétrica promove drenagem linfática por meio da estimulação dos músculos lisos ao redor dos vasos linfáticos (linfangions). Drenagem ocorre também por meio da contração dos músculos esqueléticos com estimulação do membro de distal para proximal.

12 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Corrente Russa Década de 70, Kots sugeriu pela primeira vez o uso de uma corrente alternada com freqüência na faixa de 2,5 kHz aplicada em Bursts retangulares de 10ms com freqüência de 50Hz. Kots reportou com o uso da corrente elétrica, ganho de força superior a 40% em atletas de elite Russos. Corrente despolarizada de média frequência. Promove ganho de força muscular, aumento do volume e tônus muscular. Corrente despolarizada de média frequência. Promove ganho de força muscular, aumento do volume e tônus muscular.

13 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Corrente Russa

14 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Parâmetros Corrente Russa CONT: Manutenção do estímulo durante todo tempo de tratamento, sem intervalo. Todos os canais ao mesmo tempo. Sem rampa de contração. SINC: Períodos de estímulo intercalados com períodos de relaxamento. Todos os canais ao mesmo tempo. Com rampa de contração. REC: Períodos de estímulo intercalados com períodos de relaxamento. Canais intercalados (1 ao 5 – 6 ao 10). Com rampa de contração. SEQ: de um canal para outro de maneira sequencial: 1 ao 10. Mínimo de 4 canais. O ciclo se repete. DES: de um canal para outro de maneira sequencial decrescente.

15 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Estimulação motora: 50Hz Drenagem Linfática: 10 Hz Analgesia: 100 Hz Parâmetros Corrente Russa

16 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Parâmetros Corrente Russa ON OFF RISE DECAY

17 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Depende da condição metabólica de cada paciente Quando realizada a eletroestimulação associada a contração ativa, geralmente o tempo é reduzido Parâmetros Corrente Russa

18 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Intensidade de acordo com a sensibilidade e tolerância de cada paciente. OBS: Estímulo motor - visualizar a contração. Estímulo sensorial - sensação de formigamento. Parâmetros Corrente Russa

19 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Prof. PHd Alex Ward, University of La Trobe, Melbourne Australia Senior Lecturer, Coordinator of Biophysical Sciences CORRENTE AUSSIE

20 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED CORRENTE AUSSIE FORMA DE ONDA: Corrente Russa: bursts de longa duração (2,5 KHz – 10ms) Corrente Aussie - bursts de curta duração (1kHz -2ms e 4kHz - 4ms)

21 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED ESTIMULAÇÃO MOTORA: Frequência portadora - 1kHz Duração dos Bursts - 2ms Frequência de modulação dos Bursts - 50Hz FORTALECIMENTO E TONIFICAÇÃO MUSCULAR CORRENTE AUSSIE

22 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED ESTIMULAÇÃO SENSORIAL: Frequência portadora - 4kHz Duração dos Bursts - 4ms Frequência de modulação dos Bursts - 10Hz (drenagem) e 100 a 120Hz (analgesia) DRENAGEM LINFÁTICA E ANALGESIA CORRENTE AUSSIE

23 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Em 2004, PhD Alex Ward et al. (Austrália) mensuraram a produção de torque bem como o desconforto produzido por correntes alternadas de freqüência de (500Hz a 20kHz). Os autores encontraram que para a produção de torque máximo, a freqüência de pulso de 1KHz e a duração de Bursts de ms foram as melhores. CORRENTE AUSSIE

24 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Em 2007, Ward et al. também encontraram após pesquisas que para um desconforto mínimo, a freqüência de 4KHz com duração de Bursts de 4- 5ms são os melhores parâmetros. CORRENTE AUSSIE

25 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Corrente Aussie

26 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Parâmetros Corrente Aussie CONT: Manutenção do estímulo durante todo tempo de tratamento, sem intervalo. Todos os canais ao mesmo tempo. Sem rampa de contração. SINC: Períodos de estímulo intercalados com períodos de relaxamento. Todos os canais ao mesmo tempo. Com rampa de contração. REC: Períodos de estímulo intercalados com períodos de relaxamento. Canais intercalados (1 ao 5 – 6 ao 10). Com rampa de contração. SEQ: de um canal para outro de maneira sequencial: 1 ao 10. Mínimo de 4 canais. O ciclo se repete. DES: de um canal para outro de maneira sequencial decrescente.

27 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED 1 kHz (estímulo motor) 4 kHz (estímulo sensorial – drenagem e analgesia) Parâmetros Corrente Aussie

28 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED 2ms: estímulo motor 4ms: estímulo sensorial – drenagem e analgesia Parâmetros Corrente Aussie

29 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Estimulação motora: 50Hz Drenagem Linfática: 10 Hz Analgesia: 100 Hz Parâmetros Corrente Aussie

30 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Parâmetros Corrente Aussie ON OFF RISE DECAY

31 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Depende da condição metabólica de cada paciente Quando realizada a eletroestimulação associada a contração ativa, geralmente o tempo é reduzido Parâmetros Corrente Aussie

32 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Intensidade de acordo com a sensibilidade e tolerância de cada paciente. OBS: Estímulo motor - visualizar a contração. Estímulo sensorial - sensação de formigamento. Parâmetros Corrente Aussie

33 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Mioenergética Ponto Motor TÉCNICA DE APLICAÇÃO FORTALECIMENTO ANALGESIA DRENAGEM Área a ser tratada deve estar posicionada entre os eletrodos Eletrodos posicionados no sentido do sistema linfático de distal para proximal no membro

34 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED FORTALECIMENTO Mioenergética

35 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED FORTALECIMENTO Mioenergética

36 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED FORTALECIMENTO Mioenergética

37 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Conhecimento prévio Localizar adequadamente os pontos FORTALECIMENTO Ponto Motor

38 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Deve ser utilizado somente no canal 1 do equipamento ELETROESTIMULAÇÃO FACIAL

39 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED PONTOS PARA ESTIMULAÇÃO FACIAL

40 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED ANALGESIA DorDor

41 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED DRENAGEM LINFÁTICA

42 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Aplicação de corrente elétrica alternada não específica, mas modulada em baixa frequência (5-30Hz) a qual atuará diretamente nos adipócitos. ELETROLIPÓLISE

43 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED MECANISMO DE AÇÃO Produção de calor local (aumento da vascularização) Drenagem Estimulação do sistema nervoso autônomo simpático Eletrolipólise

44 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED TÉCNICA DE APLICAÇÃO: Assepsia do local Colocação das agulhas (invasiva): subdérmica No mesmo canal as agulhas devem estar com 5 cm de distância entre elas e a região a ser tratada deve estar posicionada entre as agulhas. Eletrolipólise

45 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED CUIDADOS: Para evitar acidentes como queimaduras ou desconforto, deve-se isolar a pele da agulha e também do jacaré por meio da colocação de gaze absolutamente seca. O cabo pode ser fixo a pele por meio de esparadrapo ou micropore no local da fixação da agulha por questões de segurança durante o tratamento. Eletrolipólise

46 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED CONTRAINDICAÇÕES: Pacientes portadores de insuficiência cardíaca ou renal Marcapasso cardíaco Pacientes com diagnóstico de trombose venosa profunda Epilepsia Gestantes Usuários de medicação anticoagulante Eletrolipólise

47 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Cuidados e Contra indicações gerais Não aplicar em dores não diagnosticadas Dispositivo eletrônico implantado (marca passo) Pacientes cardíacos Tumores no local Gravidez Não estimular sobre os seios carotídeos Estimular com intensidades reduzidas as regiões do pescoço e da boca Aversão ao uso de eletro estimulação

48 TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Laboratório de Avaliação por Bioinstrumentação Pesquisa & Desenvolvimento IBRAMED Dúvidas e sugestões


Carregar ppt "TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED NEURODYN 10 Canais. TREINAMENTO AVANÇADO IBRAMED Corrente Russa (2.500 Hz) Corrente Aussie (1.000 Hz e 4.000 Hz) Eletrolipólise."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google