A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Mais adaptados ao meio terrestre 7° ano – Profª Elisete.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Mais adaptados ao meio terrestre 7° ano – Profª Elisete."— Transcrição da apresentação:

1 Mais adaptados ao meio terrestre 7° ano – Profª Elisete

2 Características Gerais  Podem ser encontrados no meio terrestre, na água doce ou salgada.  Os répteis (do latim reptare, 'rastejar') abrangem cerca de 7 mil espécies conhecidas. Eles surgiram há cerca de 300 milhões de anos.  São heterotermos ou pecilotérmicos.  Com respiração pulmonar.  Pele seca, impermeável, rica em queratina que pode ser revestida por escamas, carapaças ou placas ósseas ou córneas.

3

4 O coração da maioria dos répteis apresenta dois átrios e dois ventrículos parcialmente divididos. Nos ventrículos ocorre a mistura do sangue venoso com o arterial.O coração da maioria dos répteis apresenta dois átrios e dois ventrículos parcialmente divididos. Nos ventrículos ocorre a mistura do sangue venoso com o arterial. Nos crocodilos, jacarés, os dois ventrículos estão completamente separados, mas o sangue venoso e arterial continuam se misturando, agora fora do coração. Nos crocodilos, jacarés, os dois ventrículos estão completamente separados, mas o sangue venoso e arterial continuam se misturando, agora fora do coração. Possuem sistema digestório completo que termina na cloaca. Possuem sistema digestório completo que termina na cloaca.

5 ter

6 Reprodução   São de sexos separados e de reprodução sexuada.   Com fecundação interna.   A maioria das espécies é ovípara, podem ser ovovivíparas (algumas cobras) ou vivíparas (alguns lagartos).   Os ovos são envolvidos por casca, o que os tornaram independentes da água.   Os jacarés e crocodilos são os únicos que cuidam de seus ovos.

7

8 Classificação (as ordens dos répteis )  Quelônios: Têm o corpo recoberto por duas carapaças.  Exemplos: As tartarugas são aquáticas e podem viver em água doce ou salgada; suas pernas têm a forma de nadadeiras, o que facilita a locomoção na água. Os jabutis são terrestres e seus dedos são grossos. Os cágados vivem em água doce e seus dedos são ligados por uma membrana que auxilia na natação

9

10  Crocodilianos: têm corpo alongado e recoberto por placas córneas.  Possuem quatro membros, que são usados para a locomoção terrestre e aquática.  Exemplos: Crocodilos e jacarés.

11  Escamados: Têm a pele recoberta por escamas e dividem-se em dois grupos menores: lacertílios e ofídeos.  Lacertílios, compreendem os lagartos, os camaleões e as lagartixas, répteis de corpo alongado, com quatro membros.

12 Ofídios, Compreendem as serpentes ou cobras, répteis que não têm pernas. A grande maioria desses animais possuem glândulas que fabricam veneno. Ofídios, Compreendem as serpentes ou cobras, répteis que não têm pernas. A grande maioria desses animais possuem glândulas que fabricam veneno.

13 Lacertílios

14 Diferenças entre cobras peçonhentas e não peçonhentas CabeçaCabeça  Peçonhenta: achatada, triangular e bem destacada. Não-peçonhenta: estreita, longa e pouco destacada.

15  Olhos e fosseta lacrimal Peçonhenta: olhos pequenos, com pupila em fenda vertical; a fosseta lacrimal está entre os olhos e as narinas. Não-peçonhenta: olhos grandes, com pupila circular; não possuem fosseta lacrimal.

16  Escamas do corpo Peçonhenta: alongadas, pontudas, imbricadas, com carena, apresentando um aspecto áspero. Não-peçonhenta: achatadas, sem carena, apresentando um aspecto liso e lubrificado.

17  Cauda Peçonhenta: é curta e afina bruscamente. Não-peçonhenta: é longa e afina gradualmente.

18  Atitude Peçonhenta: atacam quando são perseguidas. Não-peçonhenta: fogem quando são perseguidas.  Hábitos Peçonhenta: noturnas. Não-peçonhenta: diurnas.  Movimentos Peçonhenta: lento. Não-peçonhenta: rápido.

19 PICADAS DE COBRAS PEÇONHENTAS


Carregar ppt "Mais adaptados ao meio terrestre 7° ano – Profª Elisete."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google