A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Banco Itaú S.A. Rio de Janeiro 4 de junho de 2002.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Banco Itaú S.A. Rio de Janeiro 4 de junho de 2002."— Transcrição da apresentação:

1 Banco Itaú S.A. Rio de Janeiro 4 de junho de 2002

2 1 Diferenciais Competitivos Performance Segmentação Seguros, Previdência e Capitalização Crédito com Qualidade Internacionalização BEG e Sudameris Expansão Consistente Foco na Rentabilidade Por quê investir nas ações do Itaú?

3 2 Política de Dividendos Foco na Liquidez Programa de Recompra de Ações Valorização Crescimento sem aumento de capital Histórico de Performance Oportunidade Criação de Valor para os Acionistas Relações com Investidores

4 3 Política de Dividendos 34,7% 25,1% 50,2% 38,9% 32,2% 34,1% 33,7% R$ Milhões DividendosR$ 119 milhões Lucro LíquidoR$ 504 milhões 23,6% 1º Trimestre de 2002

5 4 Crescimento sem Aumento de Capital M2002 Ano Patrimônio Líquido Lucro Líquido Aumento de Capital Dividendos/ JCP 1.783% 1.477% 480% 1.158% 2.708% 910% 15% 9% 8% 2% 20% 10% 1,5% Inflação Anual O Itaú não efetua subscrição de ações há mais de 11 anos. No mesmo período distribuiu mais de R$ 4 bilhões em dividendos. R$ Milhões (exceto onde indicado)

6 5 Programa de Recompra de Ações BilhõesR$/Mil Ações CAGR = -2,2% Aquisição de ações próprias sem redução do capital social para posterior cancelamento CAGR (LPA) = 30,1% CAGR (Lucro) = 27,9%

7 6 ADRs Nível II na NYSE Foco na Liquidez ADRs Nível II na NYSE Em 21 de fevereiro de 2002, o Itaú lançou seu programa de ADRs (American Depositary Receipts), com uma listagem Nível II na Bolsa de Valores de Nova Iorque (New York Stock Exchange – NYSE); Os ADRs são negociados sob o símbolo ITU; Cada ADR representa 500 ações PN do Itaú; O banco depositário é o Bank of New York; O custodiante é o próprio Banco Itaú. Itaú reafirma seu compromisso com a valorização de suas ações O ADR Nível I é negociado desde Jul/01 no OTC

8 7 Volume Financeiro*em Milhares de Reais Foco na Liquidez Volume Financeiro* em Milhares de Reais (*) Média diária NYSE (ADR Nível II) Bovespa OTC (ADR Nível I) De 21 fev/01 a 20 fev/02De 21 fev/02 a 31/mar/02 Listagem na NYSE (21/fev/2002) +83% +165% Aumento da Liquidez Criação de Valor

9 8 Correlação Linear: 95,63059% Correlação LPA x Cotação da Ação PN - Trimestral Valorização Correlação LPA x Cotação da Ação PN - Trimestral

10 9 Histórico de Performance As ações do Itaú foram as que mais se valorizaram em dólares nos últimos 20 anos (20,1% a.a. vs. 9,6% do IBovespa) Banco Opportunity - Projeto Ibovespa Em outubro de 2001 As ações do Itaú estão entre as 10 ações da Bovespa que mais geraram riqueza (criaram valor além da valorização dos papéis) de Dez-98 a Dez-01, pelo WAI (Índice de Geração de Riqueza). O grupo é considerado detentor das melhores práticas de governança corporativa e transparência em relações com investidores do mercado brasileiro. Stern Stewart & Co. – publicado na Gazeta Mercantil Em 27 de maio de 2002

11 10 Histórico de Performance As ações do Itaú foram as que mais se valorizaram em dólares nos últimos 20 anos (20,1% a.a. vs. 9,6% do IBovespa) Banco Opportunity - Projeto Ibovespa Em outubro de 2001 As ações do Itaú estão entre as 10 ações da Bovespa que mais geraram riqueza (criaram valor além da valorização dos papéis) de Dez-98 a Dez-01, pelo WAI (Índice de Geração de Riqueza). O grupo é considerado detentor das melhores práticas de governança corporativa e transparência em relações com investidores do mercado brasileiro. Stern Stewart & Co. – publicado na Gazeta Mercantil Em 27 de maio de 2002 Das 57 ações que compõem a carteira teórica atual do Ibovespa apenas a ação do Itaú superou a valorização do índice por 6 anos desde 1995 Valorização Anual Média acima do Ibovespa desde 1995: 42% Índice Beta - 60 meses: 0,84

12 11 Relações com Investidores Reuniões na ABAMEC - Participantes ABAMEC SP ABAMEC Rio ABAMEC Sul ABAMEC MG ABAMEC CO ABAMEC NE ABAMEC SP 2001 – 10 horas de duração 4 Apresentações de Áreas específicas Painel de Debates: Sistema Bancário Brasileiro Apresentação do Presidente do Banco sobre Estratégias Participantes Presença de Analistas do Brasil, EUA, Europa e Argentina Evol. 00/01 37,7% 6,7% 36,2% 15,0% 38,3% -27,5% Total ,8%

13 12 Governança Corporativa Tag Along Os acionistas aprovaram a proposta do Cons. de Administração Conceito: mais direitos aos acionistas preferencialistas Em caso de mudança no controle, aos acionistas preferencialistas é dado o direito às mesmas condições de preço que a lei confere aos acionistas minoritários ordinaristas – 80% do preço pago pelo controle A legislação confere o Tag Along apenas aos acionistas minoritários ordinaristas - O Itaú aumenta os direitos a TODOS os acionistas Respeito ao acionista minoritário Aumento nos direitos atrai investidores estrangeiros Criação de Valor ao Acionista

14 13 Profissionais altamente qualificados: Governança Corporativa Conselho Fiscal Gustavo Jorge L. Loyola PhD em Economia pela Fundação Getúlio Vargas Presidente do Banco Central do Brasil entre nov/92 a mar/93 e de jun/95 a ago/97 Alberto Sozin Furugem Pós-graduado em Economia pela Fundação Getúlio Vargas Ex-Diretor do Banco de Desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro e Ex- Delegado do Banco Central em São Paulo Iran Siqueira Lima Mestre e PhD em Contabilidade e Controladoria pela Universidade de São Paulo Diretor da Área de Mercado de Capitais (1984) e Diretor da Área de Fiscalização (1985) do Banco Central do Brasil Diretor Econômico-Financeiro da Telebrás e membro do Conselho de Administração do BNDES e Telesp Proteção para os acionistas minoritários Nova lei aumentou sua importância Criação de Valor para o Acionista

15 14 Eleição de Novos Conselheiros Independentes: Governança Corporativa Conselho de Administração Pérsio Arida Ex-Presidente do Banco Central do Brasil PhD pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT) Roberto Teixeira da Costa Foi o primeiro Presidente da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) Notória experiência e capacidade técnica Em Abril de

16 15 Reeleição dos membros anteriores e mais um Conselheiro Independente eleito: Alcides Lopes Tápias Ex-Ministro de Estado de Desenvolvimento, Indústria e Comércio; Ex-Presidente da Febraban; Presidente do Conselho de Administração da Camargo Corrêa; Membro do Conselho Monetário Nacional (CMN). Em Abril de Visão diferente dos controladores - contribuição Experiência, capacidade e reputação Criação de Valor ao Acionista Governança Corporativa Conselho de Administração

17 16 Reconhecida Governança Corporativa Animec é a associação dos acionistas minoritários no Brasil; Reconhece boas práticas de Governança Corporativa e respeito aos acionistas. Animec Selo Animec Companhias Abertas CLSA Melhor Governança Corporativa entre as maiores empresas da América Latina (valor em bolsa acima de US$ 3 bilhões) CLSA é a mundialmente reconhecida analista de mercados emergentes; O Itaú foi considerado a 5ª melhor companhia do mundo em práticas de governança corporativa. Dow Jones e Euromoney Membro do DJSI World Index (2 a vez) Mais de companhias avaliadas e 312 de 26 países selecionadas; Reconhece companhias capazes de criar valor para os acionistas no longo prazo observando boas práticas de governança corporativa e responsabilidade social e ambiental. A Investor Relations Magazine é a publicação de RI mais importante do mundo; Premiação baseada em pesquisa com mais de 250 analistas. Investor Relations Magazine – Maio de 2002 Menção Honrosa nas Categorias: Melhor Governança Corporativa na América Latina Melhor Relações com Investidores da América Latina Melhor Relações com Investidores do Brasil Melhor Rel. Anual da América Latina Melhor comunicação com o Mercado de Varejo da América Latina Prêmio Investor Relations Magazine (Maio de 2002): Melhor Web site de Relações com Investidores da América Latina

18 17 Principais Reconhecimentos Melhor Administrador de Carteiras no Brasil Melhor Adm. de Cart. de Renda Fixa no Brasil Melhor Adm. de Cart. de Renda Var. no Brasil Abamec – São Paulo Prêmio Qualidade – 2001 e 2000 Profissional de Rel. com Investidores – 2000 Melhor Companhia Aberta – 2000/1999/1997 Abamec - Sul Profissional de Rel. com Investidores– 1999 IR Magazine Melhor Site de RI da America Latina – 2002 Revista América Economia Melhor Banco Latino Americano– 2001/2000/1999 Revista Euromoney Melhor Banco Latino Americano Melhor Banco Brasileiro – 2000/1999/1998 BrandChannel Marca do Ano 2001 Abamec - Nacional Companhia Aberta e Profisional de RI – 1999 Melhor Companhia Aberta Profissional de Rel. com Investidores Abamec - Nordeste Melhor Companhia Aberta Abamec – Minas Gerais Revista Global Finance Melhor Banco no Brasil – 2001 Melhor Banco na Internet do Brasil Revista Exame Dow Jones e Euromoney Membro do Sustainability Index since 2000 Latin Finance Magazine & MZ Consult Melhor Site de RI da América Latina – 2001 Melhor RAO da América Latina – 2001

19 18 Principais Reconhecimentos Melhor Administrador de Carteiras no Brasil Melhor Adm. de Cart. de Renda Fixa no Brasil Melhor Adm. de Cart. de Renda Var. no Brasil Abamec – São Paulo Prêmio Qualidade – 2001 e 2000 Profissional de Rel. com Investidores – 2000 Melhor Companhia Aberta – 2000/1999/1997 Abamec - Sul Profissional de Rel. com Investidores– 1999 IR Magazine Melhor Site de RI da America Latina – 2002 Revista América Economia Melhor Banco Latino Americano– 2001/2000/1999 Revista Euromoney Melhor Banco Latino Americano Melhor Banco Brasileiro – 2000/1999/1998 BrandChannel Marca do Ano 2001 Abamec - Nacional Companhia Aberta e Profisional de RI – 1999 Melhor Companhia Aberta Profissional de Rel. com Investidores Abamec - Nordeste Melhor Companhia Aberta Abamec – Minas Gerais Revista Global Finance Melhor Banco no Brasil – 2001 Melhor Banco na Internet do Brasil Revista Exame Dow Jones e Euromoney Membro do Sustainability Index since 2000 Latin Finance Magazine & MZ Consult Melhor Site de RI da América Latina – 2001 Melhor RAO da América Latina – 2001 Atlantic Rating: 5 vezes na lista dos eleitos como o Banco mais transparente do Brasil; em 2001, o Itaú recebeu o status de Hors-Concours Latin Finance: Bank of the Year in 2001; O Itaú também recebeu o status de Hors-Concours

20 19 Diferenciais Competitivos Performance Segmentação Seguros, Previdência e Capitalização Crédito com Qualidade Internacionalização BEG e Sudameris Expansão Consistente Foco na Rentabilidade Por quê investir nas ações do Itaú?

21 20 Indicadores Financeiros Consolidados(%) (*) Valores anualizados Em %

22 21 Demonstração do Resultado R$ Milhões (Exceto onde indicado) Margem Financeira Despesa de PDD Receitas de Prestação de Serviços Despesas Administrativas Outras Receitas / (Despesas) Resultado Extraordinário Lucro Líquido Ativos Totais 1º Trim./ (431) (1.567) (328) Var. (%) -1,5% -0,9% -2,3% 1,8% - 115,4% 4º Trim./ (435) (1.604) (334) (258) ,5%

23 22 Evolução da Margem Financeira R$ Milhões CAGR=14,9%

24 23 Evolução da Receita de Prestação de Serviços R$ Milhões CAGR=16,3%

25 24 Receita de Prestação de Serviços 4º Tri./01Var. % Fundos de Investimento Serviços de Conta Corrente Operações de Crédito Cartões de Crédito Outras Total Base de Clientes AtivosDez./01Dez./00 Banco Itaú e Outros Banerj Bemge Banestado BEG Itaú Buen Ayre Total 6,9 0,8 0,2 0,1 0,5 0,2 8,7 15,9% -1,0% 21,8% -1,6% -16,8% -0,9% 5,8 0,8 0,2 0,5 - 0,2 7,5 1º Tri./ Mar./02 7,0 0,8 0,2 0,1 0,5 0,2 8,8 R$ Milhões Milhões

26 CAGR trimestral = 5,7% Evolução do Total de Receitas (*) (*) Receitas: Resultado Bruto da Intermediação Financeira (não inclui despesas de PDD) + Receitas de Prestação de Serviços + Receitas de Seguros, Prev. e Cap. e Res. de Eq. Patrim. CAGR Anual = 20,6% R$ Milhões

27 26 Evolução das Despesas R$ Milhões

28 27 Evolução do Índice de Eficiência¹ Em %

29 28 Diferenciais Competitivos Performance Segmentação Seguros, Previdência e Capitalização Crédito com Qualidade Internacionalização BEG e Sudameris Expansão Consistente Foco na Rentabilidade Por quê investir nas ações do Itaú?

30 29 Operações de Crédito Operações de Crédito + Garantias * (*) Em 31 de Março de 2002 Empréstimos Op. de Leasing Outros Sub-total ACC / AEC Sub-total Garantias Total Dez Mar.02 R$ Milhões CAGR = 17,0% CAGR = 16,6%

31 30 R$ Milhões Operações de Crédito por Segmento 31/12/ Var Mar/02 x Dez/01 -9,0% 1,8% 2,9% -6,0% -5,1% -3,7% -12,9% -4,5% -5,1% 31/03/ Grandes Corporações Micro, Pequenas e Médias Empresas Pessoas Físicas Cartões de Crédito Subtotal Crédito Imobiliário PF PJ Subtotal Total Segmentos

32 31 Composição por Nível de Risco Operações de Crédito – Março 2002 Composição por Nível de Risco R$ Milhões Em % Níveis de Risco PF PJ AA – A B - D E - H ,5% 2,8% 66,3% 0,2% 2,0% 57,7% PortfólioSaldo de Provisão*Cobertura PF PJ PF PJ Total ,2%3,1% ,0% Total2.6689,5% PDD Adicional7152,5% AA-B: 78,4%

33 32 Índices de Non Accrual e Cobertura Índice de Cobertura (*) Total Non Accrual Non Accrual PF Non Accrual PJ (*) Provisão para Devedores Duvidosos / Non Accrual Índice de Non Accrual % 9,93 11,10 11,62 4,45 4,21 4,25 4,39 5,01 5,66 1,21 1,50 1,55 0,00 2,00 4,00 6,00 8,00 10,00 12,00 14,00 Dez/00Mar/01Jun/01Set/01 Dez/01Mar/02 193% Dez/00 190% Mar/01 189% Jun/01 186% Set/01 173% Dez/01 168% Mar/02

34 33 R$ Milhões Receita de Op. Crédito Despesa PDD Contrib. Líquida 969 (395) 708 (36) ºTri/2002 PFPJ (1.190) (255) PFPJ (587) (183) PFPJ 2000 Contribuição Líquida Operações de Crédito Contribuição Líquida

35 34 1º trimestre de 2002 Movimentação da Despesa de PDD 1º trimestre de 2002 Novas Operações Amortiz./Movimentação Liquidações (152) (460) 181 (431) 2,2% - 2,7% R$ Milhões (1.394) (6.804) (1.247) Despesa de PDD (a) (a) / (b) % Operações de Crédito (b)

36 35 Diferenciais Competitivos Performance Segmentação Seguros, Previdência e Capitalização Crédito com Qualidade Internacionalização BEG e Sudameris Expansão Consistente Foco na Rentabilidade Por quê investir nas ações do Itaú?

37 36 Estrutura de Segmentação de Mercado Grandes Corporações Faturamento Anual > R$ 100 MM Poder Público Micro Empresas Faturamento Anual < R$ 500 M Private Investimentos > R$ 1 milhão Personnalité Itaú Renda > R$ Pessoas Físicas Renda > R$ Premium Investidor Empresário Individual Estruturas especializadas Com gerente de conta Sem gerente de conta Portador de Cartão Pessoas Empresas Unidades Pessoa Jurídica (UPJ) R$ 500 M < Faturam. Anual < R$ 10 MM Médias Empresas R$ 10 MM < Faturamento Anual < R$ 100 MM

38 37 Private Banking Ranking por Patrimônio Administrado Itaú* HSBC Unibanco Citibank Safra Outros R$ Milhões 30,08% 11,39% 7,50% 7,48% 7,37% 36,18% Março de 2002 PatrimônioMarket Share (%) Total do Mercado ,00% Dez/ Mar/02 Itaú Private Bank* Evolução Dez/ Dez/99 R$ Milhões (*) Fonte: Anbid. Não inclui Brascan e Private Bank Internacional (Banco Itaú Europa Luxembourg).

39 38 Banco Brascan Private Bank Aquisição do Private Bank do Banco Brascan Clientes Private Bank Principais profissionais de Private Bank do Banco Brascan se unem às equipes do Itaú Private Bank Vantagens Competitivas: Forte compromisso de atuação no setor de fundos de investimento; Agregar valor ao novo cliente através da oferta de produtos e serviços diferenciados; Fortalecimento da liderança entre gestores privados de recursos e segmento de Private Banking. Private7,137,38 + Recursos Administrados R$ Bilhões Líder

40 39 Personnalité Diferencial Competitivo Bancos de VarejoBancos Especializados + Distribuição Conveniência Preço Tecnologia Qualidade no Serviço Falta de segmentação Prestígio + Qualidade no Serviço Foco no Cliente Prestígio Upscale Distribuição Conveniência Tecnologia Segurança / Prestígio Qualidade no Serviço Personalização Distribuição Conveniência

41 40 Evolução Personnalité Agências Clientes Correntistas *Volume Médio dos Recursos de Captação( DAV + Fundos + Dep. a Prazo + Op. Tesouraria + Poupança + Previdência) + Empréstimos R$ Milhões

42 41 Percepção dos Clientes Personnalité Fonte: Pesquisa de Satisfação Semestral - Interscience Notas: Escala de de 0 a 10 Nível de Satisfação Elevado 8,86 Imagem 9,29 Agências9,14 Homebanking & Conveniência9,08 Assessoria8,93 Atendimentos8,90 Gerência8,86 Produtos de Investimento8,78 Pontos Fortemente Valorizados:

43 42 Segmentação de Canal Específico para Pequenas Empresas Segmentação de Negócios do Itaú Foco em Pessoa Jurídica 380 Gerentes Dedicados às Pequenas Empresas (Mai/02) 57,9 mil Empresas Clientes (Mai/02) Potencial de Acréscimo Significativo em Rentabilidade, Negócios e Relacionamento (vendas anuais) Corporate Acima de R$ 100 MM Middle Market R$ 10 MM a 100 MM Pequenas Empresas R$ 500 mil a 10 MM Segmento com S preads Relevantes Implantado em Abril de 2001

44 43 Unidade Pessoa Jurídica Operações de Crédito R$ Milhões CAGR mensal = 14,0% Recursos Administrados R$ Milhões CAGR mensal = 26,2%

45 Receita de Administração de Fundos Recursos Administrados CAGR = 18,5% Fundos de Investimentos Carteiras Administradas CAGR = 31,6% 847 R$ Bilhões 8,2 11,5 13,8 17,0 25,8 36,4 49,7 4,1 6,2 5,6 6,1 2,1 2,7 3,9 Dez/95Dez/96Dez/97Dez/98Dez/99Dez/00Dez/01 10,3 14,2 17,7 21,1 32,0 42,0 55,8 51,3 6,0 Mar/02 57,3 R$ Milhões

46 Receita de Administração de Fundos Recursos Administrados CAGR = 18,5% Fundos de Investimentos Carteiras Administradas CAGR = 31,6% 847 R$ Bilhões 8,2 11,5 13,8 17,0 25,8 36,4 49,7 4,1 6,2 5,6 6,1 2,1 2,7 3,9 Dez/95Dez/96Dez/97Dez/98Dez/99Dez/00Dez/01 10,3 14,2 17,7 21,1 32,0 42,0 55,8 51,3 6,0 Mar/02 57,3 R$ Milhões * Inclui recursos aplicados em terceiros Varejo Personnalité Corporate+Middle Market Inv. Institucionais Private* Reservas Técnicas Total Dez/ Mar02Segmentação

47 46 Receita de Serviços de Cartões de Crédito (R$ Milhões) Quantidade de Cartões de Crédito CAGR = 27,9% CAGR = 35,5% (*) 1º Trimestre de 2002

48 47 Cartões de Crédito Market Share por Faturamento (%) Itaucard Credicard Bradesco Banco do Brasil Unibanco 9,7% n.d. 10,2% 8,8% 9,7% 9,4% n.d. 10,1% 10,3% 26,8% 11,6% 10,5% 9,2% 11,4% 24,8% 12,0% 11,5% 9,2% 13,0% 23,8% 10,9% 12,1% 8,6% ,9% 20,0% 10,8% 11,1% 19,4% 2002* Market Share por Quantidades Particip. Itaú na Credicard de 33% 13,0% 23,0% 10,9% 12,0% 8,6% 2002 * * 1º Trimestre de 2002

49 48 Itaucard Financeira Mudança do Foco de Atuação Data de Criação : 01/04/2002 Diretor Executivo Hélio de Mendonça Lima Ex-Presidente da Credicard, da Prever e da Amex 70 funcionários Itaucard Administradora de Cartões Itaucard Financeira Grande Vendedora de Cartões Continuar sendo Grande Vendedora, porém com maior foco na Administração Fidelização Financiamento Mais serviços agregados Rentabilidade Captação de Recursos Indireta através dos Titulares CDI + spread bancário Captação Direta Apenas CDI

50 49 Diferenciais Competitivos Performance Segmentação Seguros, Previdência e Capitalização Crédito com Qualidade Internacionalização BEG e Sudameris Expansão Consistente Foco na Rentabilidade Por quê investir nas ações do Itaú?

51 50 Clientes BFB Milhões Banco del Buen Ayre mar/02

52 51 Pontos de Venda Caixas Eletrônicos Agências + PABs BFB Banco del Buen Ayre mar/02

53 52 PC & Internet Banking Quantidade de Transações e Clientes * Acumulado no 1º Trimestre de 2002

54 53 Práticas Conservadoras 31 de Março de 2002 Total R$ 3,8 bilhões Ágio das Aquisições R$ 2,07 bilhões Provisão Adicional p/ Créditos de Liquidação Duvidosa (PDD) R$ 715 milhões Diferença: Valor de Mercado x Contábil (Líquido da PDT) R$ 600 milhões Provisão Adicional p/ Desvalorização de Títulos e Valores Mobiliários (PDT) R$ 408 milhões Totalmente amortizado no Itaú Consolidado

55 54 Diferenciais Competitivos Performance Segmentação Seguros, Previdência e Capitalização Crédito com Qualidade Internacionalização BEG e Sudameris Expansão Consistente Foco na Rentabilidade Por quê investir nas ações do Itaú?

56 55 Com a aquisição do BEG, o Itaú assume a liderança no número de agências no Estado de Goiás e na cidade de Goiânia Participação dos Maiores Bancos em Goiás Pós-Privatização 28,7% Número de Agências (em Goiás) Benefícios do BEG para o Itaú

57 56 Sumário da Aquisição do BEG A aquisição do BEG pelo Banco Itaú justifica-se estratégica e financeiramente com uma administração adequada de risco: Liderança no Estado de Goiás Aquisição de 471 mil novos clientes Taxa interna de retorno atrativa sobre investimento Impacto positivo nos resultados do Banco Itaú Estimamos um Lucro Líquido anual no BEG de R$ 60 milhões em 2003, e em 2004 de R$ 80 milhões. Aquisição sem diluição dos acionistas atuais Totalmente Integrado

58 57 Sudameris - Sumário da Aquisição Transação: Aquisição do Sudameris Brasil pelo Banco Itaú; Valor da transação: US$ 925 milhões + Patrimônio Líquido de 31/12/2001 ajustado por uma Due Diligence ; Participação adquirida: 94,68% das ações; Amortização do Ágio: O critério de amortização será definido até o final do exercício. No consolidado em US GAAP levará em conta as recentes normas estabelecidas pelo FASB; Forma de Pagamento: O Banco Itaú pagará 50% do valor à vista e 50% em dívida subordinada, com vencimento de 10 anos; Due Dilligence : O processo de Due Diligence está sendo realizado.

59 58 1,308 milhões de clientes, notadamente de alta renda; 1,202 milhões de clientes PF; 106 mil clientes PJ; 267 mil cartões de crédito; Carteira de operações de crédito de R$ 8,4 bilhões; Grande potencial de venda de produtos; 111 mil clientes de renda equivalente a nossa base Personnalité. Sudameris - Motivadores

60 59 Sudameris - Visão Estratégica Aspectos Operacionais (Itaú x Sudameris) Dezembro de 2001 ItaúSudameris Itaú + Sudameris Agências Funcionários Var. % 12% 15% Ativos Empréstimos Depósitos Recursos Admin % 28% 17% 15% R$ Milhões Mov. De Câmbio Export. Import. Financeiro Interfinanceiro % 63% 53% US$ Milhões

61 60 Grande potencial de venda de produtos: Não-bancários (seguros, fundos, capitalização, previdência) Bancários (crédito pré-aprovado, novos serviços eletrônicos) Consistência estratégica: consolidação em São Paulo, que representa o maior mercado do Brasil com mais de 30% do PIB: A grande maioria das agências do Sudameris está concentrada no Estado de São Paulo. Retorno atrativo para os acionistas: Não haverá emissão de novas ações Potencial de sinergias Sudameris - Motivadores

62 61 Diferenciais Competitivos Performance Segmentação Seguros, Previdência e Capitalização Crédito com Qualidade Internacionalização BEG e Sudameris Expansão Consistente Foco na Rentabilidade Por quê investir nas ações do Itaú?

63 62 Presença Internacional Março, 2002 * Itau Bank Itaú 53.8 Agência New York Grand Cayman Branch Banco Itaú Buen Ayre S.A. Ativos PL * 296,4 111,0 *, Repres. Frankfurt Repres. Miami Ativos PL * 701,1 55,2 Agência Grand Cayman Ativos PL * 3.744,9 946,7 Banco del Paraná Ativos PL * 22,5 5,0 IFE Bemge Uruguay S.A. Ativos PL * 336,1 38,8 Itau Bank, Ltd Ativos PL 747,9 347,3 Banco Itaú Europa S.A. Ativos PL * 1.641,7 180,0 BIELuxembourg Ativos PL * 137,0 27,6 Junho de 2002 Corretora * Patrimônio Líquido * US$ Milhões PL Financeiras PL Não-Financeiras PL Total 1.711,6 242, ,2 Consolidado Ativos 7.275,4

64 63 Presença Internacional Março, 2002 * Itau Bank Itaú 53.8 Agência New York Grand Cayman Branch Banco Itaú Buen Ayre S.A. Ativos PL * 296,4 111,0 *, Repres. Frankfurt Repres. Miami Ativos PL * 701,1 55,2 Agência Grand Cayman Ativos PL * 3.744,9 946,7 Banco del Paraná Ativos PL * 22,5 5,0 IFE Bemge Uruguay S.A. Ativos PL * 336,1 38,8 Itau Bank, Ltd Ativos PL 747,9 347,3 Banco Itaú Europa S.A. Ativos PL * 1.641,7 180,0 BIELuxembourg Ativos PL * 137,0 27,6 Junho de 2002 Corretora * Patrimônio Líquido * US$ Milhões PL Financeiras PL Não-Financeiras PL Total 1.711,6 242, ,2 Consolidado Ativos 7.275,4 BIE: Investment Grade desde 2000 Moody´s e Fitch IBCA

65 64 Financial Holding Company Foi concedido status de Financial Holding Company ao Banco Itaú pelo FED. Esta certificação é atribuída a 660 bancos em todo o mundo. Apenas 27 não são Norte Americanos. Análise de importantes fatores Nova gama de oportunidades no mercado financeiro norte-americano Melhora a percepção dos investidores norte-americanos Qualifica preliminarmente o Itaú a exercer todo tipo de atividade financeira em Território Americano alto nível de capitalização qualidade superior da administração Corretora de Valores – Junho de 2002

66 65 Evolução da Rede e Funcionários Banco Itaú Buen Ayre Evolução da Rede e Funcionários Nº de Func AgênciasPABs Caixas Eletrônicos

67 66 Liquidez / Depósitos Banco Itaú Buen Ayre Liquidez / Depósitos Valores em P$ Milhões Disponibilidades Aplicações Interfinanc. de Liquidez TVM Mar/02Dez/01Set/01Mar/01Dez/00Jun/01 Total de Depósitos (b) Total de Liquidez (a) Liquidez / Depósitos (a) / (b) (%) 81%47%45%40%37%41%

68 67 Composição do Ativo e Passivo por Moeda Banco Itaú Buen Ayre Composição do Ativo e Passivo por Moeda Total do Ativo Total do Passivo (*) Paridade peso/dólar em 31/03/2002: US$ 1,00 = P$ 3,0061 1º Trimestre de 2002 Ativo - Passivo Pesos* (136) US$ Total Milhões

69 68 Banco Itaú Buen Ayre Operações de Crédito Pessoa Física Pessoa Jurídica Total Operações de Crédito e Arrendamento Mercantil Pessoa Física Pessoa Jurídica Total (19) (1) (20) (1) (0) (1) (20) (1) (21) (29) (3) (33) Breakdown PesosUS$Total Mar/02 Dez/01 Provisão para Devedores Duvidosos US$ Milhões Breakdown PesosUS$Total Mar/02 Dez/01

70 69 Composição da Carteira de Crédito por Nível de Risco (%) Banco Itaú Buen Ayre Composição da Carteira de Crédito por Nível de Risco (%) Março de 2002 Carteira – PF Carteira – PJ Carteira – Total PDD PDD Excedente PDD – Total AA-A 60% 40% B-D 86% 39% 54% 14% 100% 71% 14% 1% E-H 6% 86% 29%

71 70 Índices de Atraso da Carteira Banco Itaú Buen Ayre Índices de Atraso da Carteira Mês Março/2002 Dezembro/2001 Setembro/2001 Junho/2001 Carteira Non Accrual 1,60% 1,69% 4,74% 4,09% R$ Mil

72 71 Diferenciais Competitivos Performance Segmentação Seguros, Previdência e Capitalização Crédito com Qualidade Internacionalização BEG e Sudameris Expansão Consistente Foco na Rentabilidade Por quê investir nas ações do Itaú?

73 72 Seguros Vida 32% Transportes 6% Patrimonial 9% Outros 9% Veículos 44% Composição de Prêmios Ganhos (%) Índice de Sinistralidade (%) Março de 2002

74 73 Índice Combinado (%) Seguros 95,0 101,4 99,9 97,7 92,3

75 74 Itaú Previdência e Seguros S.A. Patrimônio Líquido Total de Ativos Provisões Técnicas ,24% 91,88% 6,94% 2000 Variação 01/00 % Dez/96Dez/97Dez/98Dez/99Mar/02 Portfólio em Número de Contratos Dezembro de Milhares R$ Milhões Dez/00Dez/01 Variação no Período 760% CAGR anual = 50,7%

76 75 Patrimônio Líquido Total de Ativos Provisões Técnicas Planos de Capitalização Fundos de Investimento ,15% -19,72% 8,27% 8,92% -91,30% 2000 Variação 01/00 % Dezembro de R$ Milhões Itaú Capitalização S.A. Provisões Técnicas Planos de Capitalização R$ Milhões Variação no Período 68,5% CAGR anual = 10,5%

77 76 Valorização de US$ 100 Investidos em Março de 1992 (*) Excluído reinvestimento de dividendos Performance das Ações Plano Real Crise Russa Crise Asiática Crise Mexicana Desvalorização do Real US$ Bovespa Banco Itaú * 100 Valorização Anual. 10 anos (média) 24.4%. 5 anos (média) 13.9%. Últimos 12 meses 6.8% % M M2002 Crise Argentina

78 Banco Itaú S.A. Rio de Janeiro 4 de junho de 2002


Carregar ppt "Banco Itaú S.A. Rio de Janeiro 4 de junho de 2002."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google