A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IDENTIDADE x CONFUSÃO DE PAPEIS CONFIANÇA AUTONOMIA INICIATIVA APLICAÇÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IDENTIDADE x CONFUSÃO DE PAPEIS CONFIANÇA AUTONOMIA INICIATIVA APLICAÇÃO."— Transcrição da apresentação:

1

2 IDENTIDADE x CONFUSÃO DE PAPEIS CONFIANÇA AUTONOMIA INICIATIVA APLICAÇÃO

3 Ser como todos, mas diferente de todos; Ser como todos, mas diferente de todos; Ser a seu modo, ser singular e original;

4 Eleição de bons modelos e a modalidadde de trabalhá-los. Uma série ininterrupta de identificações; Uma série ininterrupta de identificações;

5 DEPENDE:

6 De possíveis desvios ao longo do caminho. De possíveis desvios ao longo do caminho. Da ajuda adequada dos adultos; Da ajuda adequada dos adultos; Da eleição de modelos bons e ricos;

7 está presente antes: está presente antes: Na rejeição sistemática de toda e qualquer frustração; Na rejeição sistemática de toda e qualquer frustração;

8 O modo de ser; O modo de ser; O modo de agir; O modo de agir; COMPROMETE:

9 A permanência e rendimento na ação e no estado de vida. A permanência e rendimento na ação e no estado de vida. Os aspectos profissional e vocacional; Os aspectos profissional e vocacional;

10 Passado, Presente e Futuro Quem fui Quem sou Quem serei

11 A Identidade constrói-se por meio de sínteses sucessivas e provisórias. No final da adolescência a pessoa precisa ser capaz de dizer: Quem sou EU?

12 Aprendeu a pôr os pés no chão. Aprendeu a pôr os pés no chão. Superou a fase da pura ilusão; Superou a fase da pura ilusão; Não aceita viver de fantasias; Não aceita viver de fantasias;

13 * Não joga tanto com aspectos externos: roupas, aparências, falsa auto-imagem;

14 * Projeta menos a culpa e assume mais. * Assume o processo autoformativo;

15 VIRTUDE VIRTUDEGESTADA: INSTITUIÇÃO DESCOBERTA:

16 E quando os pais não percebem a Crise?

17 E quando pais e educadores não percebem e não sabem ajudar? E quando pais e educadores não percebem e não sabem ajudar? E quando os pais não são modelos de identificação?

18 Dos aos anos

19 Superada a Crise de Identidade o jovem necessita de alguém com quem ter um relacionamento íntimo e poder partilhar projetos e ideais.

20 Vida, Projetos, Aspirações, Confidências e Ideais somente são partilhados por quem é capaz de intimidade.

21 Trata-se de intimidade de vida e de projetos; não pensar logo em intimidade sexual Trata-se de intimidade de vida e de projetos; não pensar logo em intimidade sexual(Erikson)

22 A Identidade é um requisito para a Intimidade e não uma conseqüência. Através da vivência da Intimidade a pessoa fortalece a própria Identidade.

23 O jovem adulto precisa sentir-se seguro de si; sentir-se seguro de si; ser capaz de expressar seu afeto; ser capaz de expressar seu afeto; sentir a coragem de ser como é e de apresentar-se como é. sentir a coragem de ser como é e de apresentar-se como é.

24 Virtude gestada: Instituição: AMAR e TRABALHAR é o que um adulto tem que ser capaz de fazer (Freud).

25 A Confusão de Papéis torna a pessoa incapaz de viver a intimidade e partilhar a vida. Isto significa ISOLAMENTO.

26 Aquele que pende para o Isolamento, pode usar o trabalho como esconderijo e autoproteção.

27 (Dos aos anos) Generatividade é a preocupação de criar e orientar a geração seguinte.

28 O sinal mais visível da generatividade é produzir a geração seguinte e criar uma família (Gallatin).

29 Sem o cuidado dos adultos, não é possível a criança criar o verdadeiro sentimento de confiança, autonomia, iniciativa, aplicação e Identidade.

30 Os adultos são necessários para assegurar o desenvolvimento dos que estão passando por estágios de maior dependência.

31 O cuidado dos filhos é uma forma, um instrumento de viver a generatividade.

32 Os seres humanos necessitam formar uma família e educar seus filhos, mas esta só pode educar uma criança na medida em que se deixa educar por ela. (Erikson)

33 O simples fato de gerar um filho não é suficiente para assegurar o sentimento de generatividade.

34 Os que têm filhos porque isso deveria ser feito, podem sentir-se oprimidos por um sentimento de estagnação. (Erikson)

35 A estagnação é a contrapartida negativa da generatividade. O medo da estagnação continua mantendo as pessoas produtivas.

36 A virtude gestada neste estágio é o cuidado, a generosidade, o zelo, arma natural para ajudar os imaturos a chegar à maturidade.

37 É o complemento da Identidade. A Identidade vai do berço ao túmulo.

38 A grande necessidade deste estágio é dar significado e continuidade à própria experiência.

39 Para as pessoas bem integradas, é o estágio mais produtivo da vida. Para as pessoas bem integradas, é o estágio mais produtivo da vida. Vivenciam um sentimento de fertilidade e plenitude.

40 A pessoa idosa passou por dificuldades e crises, as enfrentou e aprendeu a dar significado e sentido tanto ao sucesso quanto ao fracasso. A pessoa idosa passou por dificuldades e crises, as enfrentou e aprendeu a dar significado e sentido tanto ao sucesso quanto ao fracasso.

41 Aprendeu a assumir lideranças e renunciar a elas, quando necessário. O sentimento de integridade leva a pessoa a viver a fase do declínio com certa serenidade, sem sobressaltos, angústias e culpas.

42 Na ausência da integridade, surge a desesperança: vivencia medo, abandono, pavor da doença e da morte.

43 A virtude gestada: Descobre a instituição da involução. Neste estágio, percebe-se o grau de integração ou desintegração de cada pessoa.

44 IDENTIDADEIDENTIDADECONFIANÇA AUTONOMIA AUTONOMIAINICIATIVAAPLICAÇÃO INTIMIDADE GENERATIVIDADE INTEGRIDADE

45 CONFUSÃOCONFUSÃO DEPAPÉISDEPAPÉIS DESCONFIANÇA VERG. DÚVIDA CULPA INFERIORIDADE ISOLAMENTO ESTAGNAÇÃO DESESPERA.

46

47 ESTÁGIOSVIRTUDES INTEGRID. CONFIANÇ.FÉ e ESPER. AUTONOM VONTADE INSTIT. RELIGIÃO AUTORIDD INICIATIVRETIDÃOR. de OURO APLICAÇ.COMPETEN.TRABALHO IDENTIDD.GRUPO INTIMIDD.AMORCASAMENTO GENERATI.GENEROSIDD.FAMÍLIA SABEDORIAINVOLUÇÃO FIDELIDADE

48 Como educador(a), consigo ajudar crianças e adolescentes a se articularem diante de todos esses desafios? Como articulo os aspectos débeis de minha Identidade? Como articulo os aspectos débeis de minha Identidade?

49 Se os adultos de hoje marcassem mais as crianças e os jovens por sua estrutura harmônica: A juventude teria menos problemas; A juventude teria menos problemas; Necessitaria de menos sucedâneos compensatórios para abafar o vazio; Necessitaria de menos sucedâneos compensatórios para abafar o vazio;

50 Esta é a verdadeira formação à cidadania. Este é o verdadeiro patrimônio que a geração jovem de hoje, exige que lhe deixemos!

51 Se você não souber seu lugar no mundo e o significado de sua vida, deve saber que algo é responsável por isso; e não é o sistema social, nem o seu intelecto, mas o modo pelo qual você vem orientando seu intelecto. (Tolstoi)

52 Convençamo-nos de que apenas os valores naturais e imanentes não bastam e não realizam a vida humana; Demos ao mundo o testemunho da vivência de valores e de ideais.

53 Se compreenderdes isso e o pratircardes, felizes sereis. Se compreenderdes isso e o pratircardes, felizes sereis. (Jo. 13, 17) Só os grandes homens abrem caminho para os que vêm depois (Alberto Garcia).

54

55 TAREFA 01 : Montar um projeto formativo para ser aplicado na comunidade educativa (para toda ou para parte dela), visando ajudar as pessoas dentro dos conteúdos apresentados (formação da auto- identidade), aplicando os conteúdos, socializando-os e, assim, enriquecer sua comunidade educativa.

56 TAREFA 02: Assistir o vídeo Fé, Crer para Ver. Fazer uma discussão grupal, aplicando o conteúdo do mesmo à temática estudada.


Carregar ppt "IDENTIDADE x CONFUSÃO DE PAPEIS CONFIANÇA AUTONOMIA INICIATIVA APLICAÇÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google