A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pertencem ao Reino Protoctista (Protista) Móveis (Maioria) Unicelulares Eucariontes Heterótrofos Vida livre, mutualísticas, comensais e parasitas Características.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pertencem ao Reino Protoctista (Protista) Móveis (Maioria) Unicelulares Eucariontes Heterótrofos Vida livre, mutualísticas, comensais e parasitas Características."— Transcrição da apresentação:

1

2 Pertencem ao Reino Protoctista (Protista) Móveis (Maioria) Unicelulares Eucariontes Heterótrofos Vida livre, mutualísticas, comensais e parasitas Características gerais

3 FISIOLOGIA Equilíbrio osmótico: Protozoários marinhos – isotônicos em relação ao meio. Protozoários dulcícolas – hipertônicos em relação ao meio. * Apresentam vacúolo contrátil - eliminação do excesso de água e de resíduos metabólicos (Uréia e amônia)

4 CLASSIFICAÇÃO De acordo com as estruturas de locomoção

5 Protozoários amebóides (rizópodas) Vida livre e parasitas Reprodução assexuada – cissiparidade Outros tipos de protozoários ameboides Presença de pseudópodes

6 Agente etiológico: Entamoeba histolytica (parasita intestinal) Protozoose: Amebíase ou disenteria amebiana Transmissão: ingestão de cistos em água e alimentos Sintomas: disenteria, anemia, ulcerações na parede intestinal, necroses hepáticas, pulmonares e cerebrais Profilaxia: saneamento básico, higiene pessoal, cuidados com água e alimentos

7 Ciclo da amebíase (oral-fecal)

8 Há outras amebas do gênero Entamoeba que podem ocorrer em humanos, por exemplo: E. gengivalis (boca) e E. Coli(intestino) Observações:

9 Protozoários flagelados (mastigóforas) Vida livre e parasitas Reprodução assexuada - cissiparidade Presença de flagelos

10 Agente etiológico: Trypanosoma cruzi Protozoose: Doença de Chagas Sintomas: cardiomegalia, fibrose cardíaca, redução da pressão sistólica, bradicardia Profilaxia: combate ao vetor, melhoria de moradias, controle de qualidade em bancos de sangue Transmissão: contato das fezes do percevejo barbeiro (Triatoma infestans) com o local de sua picada

11

12 Trypanosoma cruzi (plasma sanguíneo) Percevejo barbeiro (Triatoma infestans) Moradia de risco

13 Transfusão sanguínea Outras formas de transmissão Congênita ( Via Placenta) Amamentação Ingestão do parasita em alimentos (suco de açaí, caldo-de-cana)

14 Agente etiológico: Trypanosoma cruzi Protozoose: Doença de Chagas Transmissão: contato das fezes do percevejo barbeiro com o local de sua picada Tipos de Barbeiro: Rhodnius prolixus e Panstrongylus megistus

15 O barbeiro suga o sangue de animais ou pessoas contaminadas.No seu organismo, o protozoário se multiplica, alojando-se no intestino, onde será eliminado junto com as fezes quando o barbeiro picar uma pessoa sã. O protozoário penetra no organismo pelo orifício da picada. Ciclo de vida

16 Agente etiológico Leishmania chagasi (calazar - leishmaniose visceral) Leishmania brasiliensis (úlcera de Bauru) Protozooses: Leishmanioses Profilaxia: combate ao vetor, tratamento do doente, vacinas, eliminação de animais doentes Transmissão: picada da ♀ do mosquito palha (Phlebotomus e Lutzomyia)

17 Sintomas: Úlcera de Bauru: ulceras de difícil cicatrização, deformações em mucosas e cartilagens Calazar: lesões no baço, fígado, rins e intestinos, redução do tecido hematopoiético

18 Crianças com Leishmaniose cutânea (Úlcera de Bauru)

19 Lesões por Leishmaniose cutânea (Úlcera de Bauru)

20

21 Ciclo da leishmaniose

22 Cães com leishmaniose

23 Agente etiológico: Trichomonas vaginalis Protozoose: Tricononíase Transmissão: contato sexual, uso de sanitários e roupas íntimas em comum Sintomas: uretrite, prurido e leucorreia Profilaxia: preservativos, cuidados higiênicos

24 Ciclo da tricomoníase

25 Agente etiológico: Giardia lamblia (parasita intestinal) Protozoose: Giardíase ou lamblíase Transmissão: ingestão de cistos em água e alimentos Sintomas: diarréia, duodenite (lesões na parede intestinal), cólicas e fezes pastosas. Profilaxia: saneamento básico, higiene pessoal, cuidados com água e alimentos.

26 Ciclo da giardíase (oral-fecal)

27 Protozoários esporozoários: Toxoplasmose Agente etiológico: Toxoplasma gondii Transmissão: ingestão de cistos eliminados pelas fezes de gatos e ingestão de carnes contaminadas de porco, vaca e galinha Sintomas: cegueira, aborto, distúrbios neurológicos Profilaxia: cuidados com manipulação e destino das fezes de animais domésticos

28

29 Malária Agentes etiológicos: Reino: Protoctista Filo: Apicomplexa Gênero: Plasmodium Plasmodium vivax (1890) – terçã benigna Plasmodium falciparum (1897) – terçã maligna Plasmodium malariae (1881) – quartã benigna Plasmodium ovale (1922) – terçã benigna Bruce-Chwatt, 1985

30 Sintomas: febres intermitentes, icterícia, lesões nos vasos sanguíneos, degeneração de tecidos, calafrios, anemia (destruição de hemácias),

31 Profilaxia Combate ao parasita no organismo humano: Tratamento dos doentes Controle populacional do mosquito transmissor Evitar a picada do mosquito Transmissão: picada da ♀ do mosquito prego (Anopheles sp.)

32

33 Ciclo da malária Hospedeiro definitivo Hospedeiro intermediário

34 Vetor Mosquitos fêmea do gênero Anopheles, conhecidos também como mosquito prego ou carapanã Reservatório O homem é o único reservatório das espécies causadoras de malária humana Anopheles darlingi Bruce-Chwatt, 1985


Carregar ppt "Pertencem ao Reino Protoctista (Protista) Móveis (Maioria) Unicelulares Eucariontes Heterótrofos Vida livre, mutualísticas, comensais e parasitas Características."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google