A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Introdução à Engenharia de Software Wolley W. Silva

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Introdução à Engenharia de Software Wolley W. Silva"— Transcrição da apresentação:

1 Introdução à Engenharia de Software Wolley W. Silva

2 Objetivo Entender o que é Engenharia de Software e qual a sua importância;

3 Os Softwares então em todos os lugares!

4 Introdução : O que é um software? Instruções (programa de computador) que, quando executadas, fornecem características, funções e desempenho desejados; Estruturas de dados que possibilitam aos programas manipular informações adequadamente; E informações que descrevem a operação e uso dos programas;

5 Introdução: A crise do Software O termo “crise do software” vem sendo usado na indústria de software desde 1968, quando pela primeira vez se reconheceu as dificuldades no setor. – Projetos com orçamento estourado; – Projetos entregues fora do prazo; – Software com baixa qualidade; – Software que não atingem os requisitos; – Projetos ingerenciaveis e difícil de manter;

6 Introdução : A natureza do software 1.Software é desenvolvido ou passa por um processo de engenharia; não é fabricado no sentido clássico; 2.Software não “se desgasta”, mas se deteriora; 3.A maioria dos software são construídos de forma personalidade (sob encomenda); Pressman, 2011

7 Introdução : A natureza do software 1.Software é desenvolvido ou passa por um processo de engenharia; não é fabricado no sentido clássico; Produção em Serie, Atividade repetitiva Não se faz duas vezes o mesmo software, Paga-se pela engenharia.

8 Introdução : A natureza do software 2.Software não “se desgasta”, mas se deteriora; Hardware com o tempo Se desgasta fisicamente Com o tempo deixa de atender as necessidades Do usuário

9 Introdução : A natureza do software 3.A maioria dos software são construídos de forma personalidade (sob encomenda);

10 Engenharia de Software Sommerville, 2011 – É uma disciplina de engenharia cujo foco está em todos os aspectos da produção de software, desde os estágios iniciais da especificação do sistema até sua manutenção, quando o sistema já está sendo utilizado.

11 Engenharia de Software Camadas da engenharia de software. Pressman, 2011

12 Processo Define uma metodologia que deve ser estabelecida para a entrega efetiva de um produto de software; A base para o controle do gerenciamento de projetos; Define os artefatos a serem produzidos: modelos, documentação, relatórios, etc...

13 Processo Processo evolucionário Processo incremental Processo espiral Processo cascata

14 Métodos Os métodos envolvem uma ampla gama de tarefas, que incluem: – Comunicação, – Análise de requisitos, – Modelagem de projeto, – Construção de programa, – Testes – Suporte

15 Métodos Método Estruturado Método Orientado a Objetos Métodos Ágeis – Scrum – XP

16 Ferramentas Fornecem suporte automatizado ou semiautomatizado para o processo e para os métodos. – Ambientes de Modelagem – Ambientes de Programação – IDEs (Integrated Development Environment)

17 Qualidade de Software O software que satisfaz os requisitos solicitados pelo usuário. Deve ser fácil de manter, ter boa performance, ser confiável e fácil de usar.

18 Aplicações da Engenharia Não existe técnicas e métodos universais na engenharia de software adequados a todos os ambientes e todas as empresas. Existem muitos tipos diferentes de aplicações.

19 Aplicações da Engenharia Aplicações stand-alone – Executadas em computador local. Ex. Pacote Office. Aplicações Web – Múltiplos usuários. Ex. Internet Banking Aplicações de controle embarcados – Controle de dispositivos de hardware. Ex. microcontroladores Sistemas de processamento em Lote – Processam grande quantidade de dados. Ex. Sistemas de cobrança e de pagamentos. Entre outros....

20 Fundamentos da Engenharia de Software Apesar de diferentes aplicações, existem fundamentos que se aplicam a todos os tipos de sistemas de software.

21 Fundamentos da Engenharia de Software Desenvolvidos em um processo gerenciado e compreendido. – Ter ideia clara do que será produzido e quando estará finalizado. Confiança e desempenho. – Se comportar conforme o esperado, sem falhas e estar disponível. Gerenciar a especificação e os requisitos (o que o software deve fazer). – Saber o que os clientes e usuários esperam e gerenciar suas expectativas. Possibilitar o reuso. – Reutilizar o sistema já desenvolvido, em vez de escrever um novo

22 Conclusão A engenharia de software engloba processos, métodos e ferramentas que possibilitam a construção de um sistema complexo dentro do prazo e com qualidade.


Carregar ppt "Introdução à Engenharia de Software Wolley W. Silva"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google