A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

AVALIAÇÃO EXTERNA DAS AÇÕES DE QUALIFICAÇÃO SOCIAL E PROFISSIONAL DOS PLANOS TERRITORIAIS DE QUALIFICAÇÃO - PLANTEQS/2006 SÍNTESE DOS RESULTADOS RELATIVOS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "AVALIAÇÃO EXTERNA DAS AÇÕES DE QUALIFICAÇÃO SOCIAL E PROFISSIONAL DOS PLANOS TERRITORIAIS DE QUALIFICAÇÃO - PLANTEQS/2006 SÍNTESE DOS RESULTADOS RELATIVOS."— Transcrição da apresentação:

1 AVALIAÇÃO EXTERNA DAS AÇÕES DE QUALIFICAÇÃO SOCIAL E PROFISSIONAL DOS PLANOS TERRITORIAIS DE QUALIFICAÇÃO - PLANTEQS/2006 SÍNTESE DOS RESULTADOS RELATIVOS À REGIÃO SUL

2 ESCLARECIMENTOS PRELIMINARES PNAD / 2005 = dados da Pesquisa Nacional por Amostragem de Domicílios. IBGE/2000: empregados porque dados mais recentes da PNAD/2005 não estavam disponíveis, ou estavam consolidados de forma não compatível com as necessidades da pesquisa. Sempre que relevante/possível, os resultados obtidos para a Região SUL foram confrontados com outros, mais abrangentes. GERAL = Dados consolidados de todas as regiões

3 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS PARTICIPANTES GERAL SUL Educandos: ,35% Educadores: ,49% Coordenadores de entidades executoras: ,87%

4 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCANDOS, POR REGIÃO

5 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCADORES, POR REGIÃO

6 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS COORDENADORES DE ENTIDADES EXECUTORAS, POR REGIÃO

7 COMPARAÇÃO ENTRE A DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCANDOS DOS PLANTEqS (GERAL), POR SEXO, E A QUE SE OBSERVAVA NA POPULAÇÃO BRASILEIRA (2005)

8 COMPARAÇÃO ENTRE A DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DE EDUCANDOS E DE EDUCADORES, SEGUNDO SEXO (SUL)

9 COMPARAÇÃO ENTRE AS DISTRIBUIÇÕES PERCENTUAIS DOS EDUCANDOS, EM CADA REGIÃO, SEGUNDO RAÇA/COR/ETNIA

10 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCANDOS, POR ETNIA (PNAD/2005, PNQ, SUL) Outra[1]Outra[1] = Inclui indígenas e orientais BrancaPretaParda Outra [1] PNAD49,96,343,20,6 PNQ34,313,248,14,4 SUL36,410,025,22,8

11 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCANDOS PORTADORES DE DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCANDOS PORTADORES DE DEFICIÊNCIA ATENDIDOS PELOS PLANTEQS (GERAL), EM COMPARAÇÃO À PORCENTAGEM DELES NA POPULAÇÃO BRASILEIRA (IBGE/2000)

12 PORCENTAGEM DE EDUCANDOS (SUL x GERAL) PORTADORES DE DEFICIÊNCIA AUDITIVA E VISUAL, ATENDIDOS PELOS PLANTEQS, EM COMPARAÇÃO À PORCENTAGEM DELES NO BRASIL (IBEGE/2000)

13 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DA FAIXA ETÁRIA DOS EDUCANDOS: SUL (2005 – 2006)

14 COMPARAÇÃO ENTRE AS MÉDIAS E AS MODAS DAS IDADES DOS EDUCANDOS NOS PLANTEQS: SUL x GERAL (2005 – 2006) Média PNQ2927 SUL3429 Moda PNQ1917 SUL2819

15 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DA ESCOLARIDADE DOS EDUCANDOS (SUL x GERAL)

16 SITUAÇÃO DOS EGRESSOS QUE NÃO ESTAVAM TRABALHANDO À ÉPOCA DA PESQUISA (SUL)

17 SITUAÇÃO DOS EGRESSOS QUE ESTAVAM TRABALHANDO À ÉPOCA DA PESQUISA: SUL x GERAL

18 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCANDOS SEGUNDO FAIXAS DE RENDA: SUL X GERAL

19 GRUPOS DE VULNERABILIDADE SÓCIO-ECONÔMICA 1. MULHER 2. PRETO, PARDO/ OU INDÍGENA 3. PESSOAS COM DEFICIÊNCIA FÍSICA QUE DIFICULTE A REALIZAÇÃO DO TRABALHO 4. MENORES DE 24 ANOS OU COM 60 ANOS OU MAIS 5. PESSOAS COM BAIXA ESCOLARIDADE 6. PESSOAS VULNERÁVEIS ECONOMICAMENTE 6.1. Não estava trabalhando [estava desempregado OU nunca havia trabalhado] OU tinha renda até ½ SM 6.2. Estava trabalhando [sem carteira assinada OU fazendo bico OU era cooperativado OU era trabalhador em negócio familiar sem salário] OU tinha renda até ½ SM

20 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCANDOS SEGUNDO O NÚMERO DE GRUPOS DE VULNERABILIDADE EM QUE PODIAM SER ENGLOBADOS: SUL X GERAL (2005 – 2006)

21 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCANDOS, SEGUNDO RAZÕES PARA TER FEITO O CURSO (SUL) % Aumentar/atualizar conhecimentos em uma profissão66,0 Conseguir trabalho64,5 Obter certificado de qualificação profissional61,4 Obter informações sobre o mercado de trabalho24,6 Aumentar a renda23,8

22 ELEMENTOS E PROCEDIMENTOS PARA A CONSTRUÇÃO DE INDICADORES DE QUALIDADE SOCIAL E PEDAGÓGICA 2. Para cada indicador foi elaborado um conjunto de questões. 3. Cada resposta era considerada correta quando exprimia compatibilidade com um dado princípio sendo estudado. 1. Indicadores de qualidade social e pedagógica foram: 1.1. Contribuição para o conhecimento dos direitos do trabalhador 1.2. Contribuição para o exercício da cidadania 1.3. Valorização do conhecimento do educando 1.4. Contribuição para o desenvolvimento da capacidade crítica e da autonomia do educando 1.5. Emprego de práticas participativas e coletivas 1.6. Emprego de um sistema de avaliação compatível uma pedagogia problematizadora. 4. Indicadores contemplam porcentagem de acertos nas questões.

23 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DAS MÉDIAS COMPUTADAS PARA CADA UM DOS INDICADORES DE QUALIDADE PEDAGÓGICA: SUL x GERAL (EDUCANDOS) Média Indicador de contribuição para a capacidade crítica e autonomia 85,7 Indicador de práticas participativas84,1 Indicador de emprego de sistema de avaliação compatível 81,4 Indicador de valor. conh. acumulado79,4 Indicador de contribuição para o conhecimento dos direitos 67,4 Indicador de contribuição para exercício da cidadania 65,2

24 ) DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DAS PRINCIPAIS DIFICULDADES APONTADAS PELOS EDUCANDOS, PARA FAZER O CURSO (SUL X GERAL )

25 DIFICULDADES DOS EDUCANDOS, SEGUNDO EDUCADORES NNESESCOTotal Falta de escolaridade prévia 30,6818,339,4427,416,5 20,44 Cansaço devido jornada de trabalho intenso 11,6618,958,867,8713,8 12,88 Condições de vida, pessoais e familiares 19,8730,2234,322,922,5 25,97 Baixa auto-estima 14,7313,9930,427,820,3 20,42 Dificuldades de raciocínio 22,4322,1142,539,921,8 28,37 Distância que o aluno precisa percorrer 13,910,676,738,6418,2 11,96

26 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCADORES, POR RAÇA/COR/ETNIA: SUL X GERAL

27 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCADORES, SEGUNDO SEU GRAU DE ESCOLARIDADE: SUL X GERAL (2005 – 2006)

28 DISTRIBUIÇÃO DOS EDUCADORES, SEGUNDO TEMPO DE EXPERIÊNCIA EM AÇÕES DE QUALIFICAÇÃO SUL X GERAL (2005 – 2006)

29 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCADORES SEGUNDO A INCIATIVA DE SUA FORMAÇÃO ESPECÍFICA: SUL (2005 – 2006)

30 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DOS EDUCADORES, SEGUNDO O NÚMERO DE DIFICULDADES QUE APONTARAM NO CURSO (SUL X GERAL):

31 DISTRIBUIÇÃO PERCENTUAL DAS ENTIDADES EXECUTORAS, SEGUNDO NATUREZA DE SUA MANTENEDORA: SUL X GERAL (2005 – 2006)

32 TEMPO MÉDIO DE EXPERIÊNCIA DAS ENTIDADES EXECUTORAS (EM ANOS): SULGERAL ,617, ,813,6

33 PORCENTAGEM DAS ENTIDADES EXECUTORAS QUE CONTAM COM PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO DE EDUCADORES (SUL)

34 CONHECIMENTO DE DIRETRIZES DO PNQ (EDUCADORES)

35 CONHECIMENTO DE DIRETRIZES DO PNQ (*) (Entidades executoras)

36 CONTEÚDOS TRATADOS NOS CURSOS, SEGUNDO EDUCANDOS E EDUCADORES

37 CONTEÚDOS TRATADOS NOS CURSOS, SEGUNDO EDUCANDOS E EDUCADORES (CONT.)

38 VALORIZAÇÃO DO CONHECIMENTO DOS EDUCANDOS (EDUCADORES)


Carregar ppt "AVALIAÇÃO EXTERNA DAS AÇÕES DE QUALIFICAÇÃO SOCIAL E PROFISSIONAL DOS PLANOS TERRITORIAIS DE QUALIFICAÇÃO - PLANTEQS/2006 SÍNTESE DOS RESULTADOS RELATIVOS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google