A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade Luterana do Brasil Curso de Geografia Disciplina de Geografia Política Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Prof. Dr.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade Luterana do Brasil Curso de Geografia Disciplina de Geografia Política Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Prof. Dr."— Transcrição da apresentação:

1 Universidade Luterana do Brasil Curso de Geografia Disciplina de Geografia Política Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Prof. Dr. Dakir Larara M. da Silva dakirlarara.wordpress.com

2 Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões A expressão GEOGRAFIA POLÍTICA existe há séculos. Há inúmeros livros dos séculos XVII, XVIII e XIX com esse título. Mas considera-se que GEOGRAFIA POLÍTICA MODERNA, pelo menos tal como a entendemos hoje -- isto é, como um estudo geográfico da política, ou como o estudo das relações entre espaço e poder -- nasceu com a obra Politische Geographie [Geografia Política], de Friedrich RATZEL, publicada em 1897.

3 Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Ratzel, na verdade, não criou o rótulo "geografia política"; ela apenas redefiniu o seu conteúdo, apontando para o que seria um verdadeiro estudo geográfico da política, uma concepção de política que muito deve à leitura de Maquiavel. Antes dele era comum encontrar em obras com esse título a descrição dos rios ou montanhas de tal ou qual Estado - ou seja, qualquer fenômeno ligado ao Estado (o ser político por excelência) era tido como assunto de geografia política.

4 Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Ratzel mostrou que o estudo da geografia política só vai se preocupar com o meio ambiente - as características "naturais" do território, por exemplo (localização, formato, proximidade do mar, etc.) - desde que isso tenha relações com a vida política. Ele procurou estabelecer uma série de temas pertinentes à geografia política, que continuam a ser atuais (embora outros tenham surgido posteriormente): o que é o Estado e quais as suas relações com o território, soberania e território, o que é política territorial (uma expressão criada por ele), a questão das fronteiras, o que significa uma grande potência mundial, etc.

5 Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Com Ratzel inicia-se um estudo sistemático da dimensão geográfica da política, no qual a espacialidade ou a territorialidade do Estado era o principal objeto de preocupações. E com Ratzel a própria expressão geografia política, que era comumente empregada nos estudos enciclopédicos dos séculos XVII, XVIII e mesmo XIX (informações sobre tal ou qual Estado referentes a sua população, contornos territoriais, rios, montanhas, climas, cidades principais, etc.), ganha um novo significado. Ela passa a ser entendida como o estudo geográfico ou espacial da política e não mais como um estudo genérico (em "todas" as suas características) dos Estados ou países.

6 Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões A palavra Geopolítica, por sua vez, foi criada no início do século XX, mais precisamente em 1905, num artigo denominado As grandes potências, escrito pelo jurista sueco Rudolf KJELLÉN. Mas atenção: a palavra geopolítica é que foi criada por Kjellén, pois não há dúvida que essa temática é bem mais antiga, ou seja, as grandes preocupações geopolíticas não surgiram no início do século XX. => Preocupações sobre o que é e quem é uma potência mundial, como se dá a disputa mundial pelo poder entre os Estados, que estratégias seriam adequadas para tal ou qual Estado tornar-se a potência regional nesta ou naquela parte do globo, etc.<= já existia anteriormente, a partir de análises arespeito do poderio de cada Estado, das grandes potências mundiais ou regionais, com a importância ou o uso do espaço geográfico na guerra ou no exercício do poder estatal.

7 Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Normalmente se afirma -- em quase todas as obras sobre história da geopolítica -- que os geopolíticos clássicos, ou os grandes nomes da geopolítica, foram H.J. MacKinder, A.T. Mahan, R. Kjellén e K. Haushofer. Desses quatro nomes, dois deles (o geógrafo inglês Mackinder e o almirante norte-americano Mahan ) tiveram as suas principais obras publicadas antes da criação dessa palavra geopolítica por Kjellén e, dessa forma, nunca fizeram uso dela. O outro autor, o general alemão Karl Haushofer, foi na realidade quem popularizou a geopolítica, devido às circunstâncias (ligações, embora problemáticas, com o nazismo e possível contribuição indireta para a obra Mein Kampf, de Hitler), tornando-a tristemente famosa nos anos 1930 e 40, em especial através da sua Revista de Geopolítica [Zeitschrift für Geopolitik], editada em Munique de 1924 a 44.

8 Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Normalmente se afirma -- em quase todas as obras sobre história da geopolítica -- que os geopolíticos clássicos, ou os grandes nomes da geopolítica, foram H.J. MacKinder, A.T. Mahan, R. Kjellén e K. Haushofer. Desses quatro nomes, dois deles (o geógrafo inglês Mackinder e o almirante norte-americano Mahan ) tiveram as suas principais obras publicadas antes da criação dessa palavra geopolítica por Kjellén e, dessa forma, nunca fizeram uso dela. O outro autor, o general alemão Karl Haushofer, foi na realidade quem popularizou a geopolítica, devido às circunstâncias (ligações, embora problemáticas, com o nazismo e possível contribuição indireta para a obra Mein Kampf, de Hitler), tornando-a tristemente famosa nos anos 1930 e 40, em especial através da sua Revista de Geopolítica [Zeitschrift für Geopolitik], editada em Munique de 1924 a 44.

9 Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Enfim, a palavra Geopolítica não é uma simples contração de Geografia Política, como pensam alguns, mas sim algo que diz respeito às disputas de poder no espaço mundial e que, como a noção de PODER já o diz (poder implica em dominação, via Estado ou não, em relações de assimetria enfim, que podem ser culturais, econômicas, repressivas e/ou militares, etc.), não é exclusivo da geografia. (Embora também seja algo por ela estudado). A Geografia Política, dessa forma, também se ocupa da Geopolítica, embora seja uma ciência (ou melhor, uma modalidade da ciência geográfica) que estuda vários outros temas ou problemas. Exemplificando, podemos lembrar que a geografia também leva em conta a questão ambiental, embora esta não seja uma temática exclusivamente geográfica (outras ciências -- tais como a biologia, a geologia, a antropologia, a história, etc. -- também abordam essa questão).

10 Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Enfim, a palavra Geopolítica não é uma simples contração de Geografia Política, como pensam alguns, mas sim algo que diz respeito às disputas de poder no espaço mundial e que, como a noção de PODER já o diz (poder implica em dominação, via Estado ou não, em relações de assimetria enfim, que podem ser culturais, econômicas, repressivas e/ou militares, etc.), não é exclusivo da geografia. (Embora também seja algo por ela estudado). A Geografia Política, dessa forma, também se ocupa da Geopolítica, embora seja uma ciência (ou melhor, uma modalidade da ciência geográfica) que estuda vários outros temas ou problemas. Exemplificando, podemos lembrar que a geografia também leva em conta a questão ambiental, embora esta não seja uma temática exclusivamente geográfica (outras ciências -- tais como a biologia, a geologia, a antropologia, a história, etc. -- também abordam essa questão).

11 Em síntese: =>1<= A Geopolítica seria dinâmica (como um filme) e a Geografia Política estática (como uma fotografia). Esta foi a interpretação de inúmeros geopolíticos anteriores à Segunda Guerra Mundial, dentre os quais, podemos mencionar Kjellén, Haushofer e vários outros colaboradores da Revista de Geopolítica, além do general Golbery do Couto e Silva e inúmeros outros militares no Brasil. Segundo eles, a Geopolítica seria uma nova ciência (ou técnica, ou arte) que se ocuparia da política ao nível geográfico, mas com uma abordagem diferente da geografia: ela seria mais dinâmica e voltada principalmente para a ação.

12 Em síntese: =>2<= A geopolítica seria ideológica (um instrumento do nazi-fascismo ou dos Estados totalitários) e a geografia política seria uma ciência. =>3<= A Geopolítica seria a verdadeira (ou fundamental) geografia. Esta foi a interpretação que Yves Lacoste inaugurou com o seu famoso livro- panfleto A Geografia - isso serve, em primeiro lugar, para fazer a guerra, de 1976, e que serviu como ideário para a revista Hérodote - revue de géographie et de géopolitique. Nessa visão, a geografia de verdade (a "essencial" ou fundamental) não teria surgido no século XIX com Humboldt e Ritter, mas sim na antiguidade, junto com o advento dos primeiro mapas.

13 Em síntese: =>4<= A geopolítica (hoje) seria uma área ou campo de estudos interdisciplinar. Esta interpretação começa a predominar a partir do final dos anos 1980, sendo quase um consenso nos dias atuais. Não se trata tanto do que foi a Geopolítica e sim do que ela representa atualmente. E mesmo se analisarmos quem fez Geopolítica, os grandes nomes que teriam contribuído para desenvolver esse saber, vamos concluir que eles nunca provieram de uma única área do conhecimento: houve juristas (por exemplo, Kjellén), geógrafos (Mackinder), militares (Mahan, Haushofer) e vários outros oriundos da história, da ciência política, da economia, etc.


Carregar ppt "Universidade Luterana do Brasil Curso de Geografia Disciplina de Geografia Política Geografia Política e Geopolítica: Definições e Reflexões Prof. Dr."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google