A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Perfil do Trabalhador da Camargo Corrêa Na Camargo Corrêa, o trabalhador é de gênero predominantemente masculino e tem 35 anos em média.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Perfil do Trabalhador da Camargo Corrêa Na Camargo Corrêa, o trabalhador é de gênero predominantemente masculino e tem 35 anos em média."— Transcrição da apresentação:

1

2

3

4

5

6

7

8

9 Perfil do Trabalhador da Camargo Corrêa Na Camargo Corrêa, o trabalhador é de gênero predominantemente masculino e tem 35 anos em média. Podemos dizer que mais de 40% dos trabalhadores são caracterizados como pertencentes à “geração Y”.

10 A tendência é de diminuição do número de jovens na construção civil muito possivelmente devido ao aumento da escolarização e ao acesso a outras alternativas de trabalho. Na busca de melhora de seu nível educacional, o jovem brasileiro tem optado por começar a trabalhar mais tarde e escolhido ocupações menos braçais e mais qualificadas que as oferecidas no setor da construção (conforme pesquisa “Trabalho, Educação e Juventude na Construção Civil”). Há também um aumento no número de mulheres, apesar da fatia ser bastante pequena. De 2006 a 2008, 69 mil mulheres passaram a trabalhar nos canteiros de obras. Elas ocupam, normalmente, postos mais qualificados e, por isso, chegam a ter o salário individual médio 3x superior ao masculino. Gênero – Participação feminina (em milhares)Idade – Participação dos jovens Fonte: CPS/FGV a partir dos microdados da PNAD/IBGE Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e pelo Ministério do Trabalho Gênero e Idade – Tendências

11 Salário e Empregabilidade Salário de admissão dos trabalhadores da construção civil (R$ de março 2010) Desemprego do trabalhador na construção paulista O salário médio de admissão do trabalhador da construção civil era de R$ 874,00, em março de Os programas governamentais (ex: Minha Casa, Minha Vida), eventos internacionais (Copa do Mundo e Olimpíadas) e obras do PAC impulsionam a demanda por mão de obra e elevam os salários na construção civil, reduzindo a taxa de desemprego. Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e pelo Ministério do Trabalho Fonte: PNAD/IBGE.*Projeção FGV

12 Escolaridade Escolaridade dos trabalhadores da construção civil A escolaridade do trabalhador da Construção Civil em 2010 ainda era de 1 a 8 anos, porém pode-se perceber uma tendência de aumento de profissionais de escolaridade superior a 8 anos. O profissional da construção civil, em sua maioria(aprox. 80%), não possui curso de educação profissional, e os que possuem têm preferência por cursos específicos de qualificação, como os do Senai. Cursos de Educação Profissional Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e pelo Ministério do Trabalho Não Frequentou 82,2% (80,28%) Ensino Médio Técnico 2,41% (3,54%) Frequentou 17,8% (19,72%) Qualificação Profissional 15,29% (16,07%) Graduação Tecnológica 0,10% (0,11%) Fonte: CPS/FGV a partir dos microdados da PNAD/IBGE

13 Programas de Formação de Profissionais - Camargo Correa Programa de Operadores Polivalentes, tem o objetivo de capacitar os operadores de equipamentos pesados. Foram formados aproximadamente profissionais, e aproximadamente 5700 foram habilitados como polivalentes. Programa Geração Sustentável, realizado na região da Usina Hidrelétrica de Jirau. Foram atendidos mais de profissionais, das quais aproximadamente 8 mil foram formados. O projeto foi ganhador do Prêmio SESI Qualidade no Trabalho Programa de Treinamento e Valorização de Encarregados e Supervisores, que busca o aprimoramento da gestão do conhecimento operacional, reforçando os padrões da empresa e o papel de liderança do público-alvo. Já foram formados aproximadamente 2100 encarregados Capacitação profissional para funcionários e para pessoas das comunidades do entorno das obras por meio de parcerias com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – Plano Brasil Sem Miséria / Pronatec e com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior

14 Programas de Formação de Profissionais - Camargo Correa Programa de Operadores Polivalentes, tem o objetivo de capacitar os operadores de equipamentos pesados. Foram formados aproximadamente profissionais, e aproximadamente 5700 foram habilitados como polivalentes. Programa Geração Sustentável, realizado na região da Usina Hidrelétrica de Jirau. Foram atendidos mais de profissionais, das quais aproximadamente 8 mil foram formados. O projeto foi ganhador do Prêmio SESI Qualidade no Trabalho Programa de Treinamento e Valorização de Encarregados e Supervisores, que busca o aprimoramento da gestão do conhecimento operacional, reforçando os padrões da empresa e o papel de liderança do público-alvo. Já foram formados aproximadamente 2100 encarregados Capacitação profissional para funcionários e para pessoas das comunidades do entorno das obras por meio de parcerias com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – Plano Brasil Sem Miséria / Pronatec e com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior

15

16 A qualificação profissional foi efetivada por meio de aulas teóricas e práticas, desenvolvidas pelo SENAI. O aluno receberá um kit individual, contendo material didático/consumo e camiseta como uniforme. Os cursos tiveram o módulo de competências básicas e Específico:  QSMS – Qualidade, Segurança, Meio Ambiente e Social (20 H/A), que proporcionará ao aluno aprender a ser e a conviver no mundo do trabalho.  Habilidades Básicas (08 H/A), despertar novas habilidades para um bom relacionamento com a equipe de trabalho.  Específico na área com carga horária adequada ao curso. Metodologia

17 Centro de Treinamento – Dentro da Obra

18 Unidade Móvel – Fora da Obra

19 Centro de Excelência em Educação e Tecnologia Sebastião Camargo

20 Programas de Formação de Profissionais - Camargo Correa Programa de Operadores Polivalentes, tem o objetivo de capacitar os operadores de equipamentos pesados. Foram formados aproximadamente profissionais, e aproximadamente 5700 foram habilitados como polivalentes. Programa Geração Sustentável, realizado na região da Usina Hidrelétrica de Jirau. Foram atendidos mais de profissionais, das quais aproximadamente 8 mil foram formados. O projeto foi ganhador do Prêmio SESI Qualidade no Trabalho Programa de Treinamento e Valorização de Encarregados e Supervisores, que busca o aprimoramento da gestão do conhecimento operacional, reforçando os padrões da empresa e o papel de liderança do público-alvo. Já foram formados aproximadamente 2100 encarregados Capacitação profissional para funcionários e para pessoas das comunidades do entorno das obras por meio de parcerias com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – Plano Brasil Sem Miséria / Pronatec e com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior

21 Conceito do Programa - PROP

22 Objetivo do Programa - PROP

23 Simuladores - PROP

24 Programas de Formação de Profissionais - Camargo Correa Programa de Operadores Polivalentes, tem o objetivo de capacitar os operadores de equipamentos pesados. Foram formados aproximadamente profissionais, e aproximadamente 5700 foram habilitados como polivalentes. Programa Geração Sustentável, realizado na região da Usina Hidrelétrica de Jirau. Foram atendidos mais de profissionais, das quais aproximadamente 8 mil foram formados. O projeto foi ganhador do Prêmio SESI Qualidade no Trabalho Programa de Treinamento e Valorização de Encarregados e Supervisores, que busca o aprimoramento da gestão do conhecimento operacional, reforçando os padrões da empresa e o papel de liderança do público-alvo. Já foram formados aproximadamente 2100 encarregados Capacitação profissional para funcionários e para pessoas das comunidades do entorno das obras por meio de parcerias com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – Plano Brasil Sem Miséria / Pronatec e com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior

25 Material todo ilustrado e graficamente trabalhado para apresentar os assuntos de forma leve e clara. Na aplicação dos módulos, as atividades são lúdicas, facilitando a absorção dos conteúdos e a integração dos participantes. Conceito

26 26 Capas: Manual do Encarregado Fase 1, Fase 2 e Cartilha do SIGO Identidade Visual

27 Programas de Formação de Profissionais - Camargo Correa Programa de Operadores Polivalentes, tem o objetivo de capacitar os operadores de equipamentos pesados. Foram formados aproximadamente profissionais, e aproximadamente 5700 foram habilitados como polivalentes. Programa Geração Sustentável, realizado na região da Usina Hidrelétrica de Jirau. Foram atendidos mais de profissionais, das quais aproximadamente 8 mil foram formados. O projeto foi ganhador do Prêmio SESI Qualidade no Trabalho Programa de Treinamento e Valorização de Encarregados e Supervisores, que busca o aprimoramento da gestão do conhecimento operacional, reforçando os padrões da empresa e o papel de liderança do público-alvo. Já foram formados aproximadamente 2100 encarregados Capacitação profissional para funcionários e para pessoas das comunidades do entorno das obras por meio de parcerias com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – Plano Brasil Sem Miséria / Pronatec e com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior

28 Oportunidades e Vantagens com a Parceria Legado para a comunidade com a formação de mão de obra capacitada e aumento da empregabilidade; Atendimento do histograma de mão de obra do projeto; Redução nos custos com recrutamento e seleção; Estreitamento das relações da empresa com parceiros no Governo Federal; Utilização estratégica e alinhada em cadeia dos recursos públicos; Ganhos de imagem para a empresa; Não gera custo de capacitação para a Camargo Corrêa.

29 Principais Desafios Diferença entre o timing dos Órgãos Público e da empresa; Complexidade da Implantação da Parceria em cada localidade; Planejamento antecipado da empresa para casar a demanda de capacitação com períodos de Pactuação do MEC; Demanda do mercado maior que disponibilidade orçamentária do MEC, restringindo o número de vagas disponibilizadas para área de Infraestrutura.

30 Contato Carolina Righi De Stefano Gerente de Responsabilidade Social f: (11)


Carregar ppt "Perfil do Trabalhador da Camargo Corrêa Na Camargo Corrêa, o trabalhador é de gênero predominantemente masculino e tem 35 anos em média."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google