A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Artur Potiguara Carvalho Danilo Maia Rodrigues Yuri Moraes Mota.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Artur Potiguara Carvalho Danilo Maia Rodrigues Yuri Moraes Mota."— Transcrição da apresentação:

1 Artur Potiguara Carvalho Danilo Maia Rodrigues Yuri Moraes Mota

2 Índice Introdução RedMan Features Cronograma EAP Responsabilidades Atividades de Organização e Manutenção Recursos Processos Controle de Requerimentos Registros e Relatos

3 Introdução RedMan

4 Introdução Manutenção de um software já em Produção (por assim dizer); Possui funcionalidades não plenamente desenvolvidas (efetivas);

5 Introdução Feature 1: Transformar o módulo hbeat em um processo que desempenhe a mesma função mas seja escrito em C ou C++. Feature 2: Adicionar um teste funcional que o Red Man execute sobre a aplicação. RedMan enviará a solicitação de teste, a aplicação executará o teste solicitado e retornará uma resposta ao RedMan. RedMan comparará o resultado do teste com um valor pré-conhecido.

6 Cronograma

7 Estrutura Analítica do Projeto

8 Responsabilidades PapélResponsáveis DesenvolvedoresArtur, Danilo e Yuri Analista de TesteArtur e Danilo Gestor de Configuração e MudançaArtur e Yuri Analista de RequisitosDanilo e Yuri ArquiteturaArtur, Danilo e Yuri RefatoraçãoArtur, Danilo e Yuri

9 Medição 1) Tempo para compreender o programa 2) Tempo para projetar as mudanças (Feature 1, 2 e refatoração) 3) Tempo de Implementação (Feature 1, 2 e refatoração) 4) Tempo de Testes e Debugging (Feature 1, 2 e refatoração) *Valores já estimados e medidos para validação;

10 Papéis e responsabilidades do mantedor referentes à pré-entrega Implementação do Processo Estabelecer o Processo de Manutenção de Software Procedimentos para Relato de Problemas (RP) e Requisições de Mudança (RM)

11 Implementação do Processo Determinar baselines ou obter baselines relevantes através através da utilização do software, caso a documentação do mesmo esteja falha. Iniciar a documentação do software através de Engenharia Reversa, caso não exista. Avaliar relatos de problemas e requisições de mudança, caso existam. Determinar cronograma das possíveis mudanças. Implementar nova feature ou corrigir bugs discriminados previamente.

12 Estabelecer o Processo de Manutenção de Software Determinar o escopo da manutenção. Determinar a existência de alternativas organizacionais. Conduzir uma análise de recurso, estimando custos da manutenção. Designar tarefas à equipe de manutenção, a qual seguirá os procedimentos referentes à relato de problemas e requisições de mudança. Participar das atividades da Equipe de Manutenção, monitorando a implementação das tarefas designadas à equipe previamente.

13 Procedimentos para Relato de Problemas (RP) e Requisições de Mudança (RM) Numerar RP/RMs de acordo com a prioridade de implementação Seguindo os princípios de boa prática de programação, refatoração e documentação, implementar as RMs ou debugar os RPs

14 Atividades de Organização e Manutenção Papéis e responsabilidades do mantedor referentes à pós-entrega Implementação do Processo Análise de Problema e Modificação Implementação de Modificação Revisão/Aceitação da Manutenção

15 Implementação do Processo Executar a Análise de Problema e Modificação. Verificar se as mudanças e bugs foram implmentados ou corrigidos. Documentar dados referentes às mudanças. Treinar equipe de desenvolvimento, caso necessário. Aprimorar o processo

16 Análise de Problema e Modificação Considerando os documentos de RM/RP, Baseline, Documentação do Sistema, Requisitos Funcionais e outputs da pré-entrega, determinar o tipo (corretivo, melhoramento, preventivo ou adaptativo), o escopo (tamanho da modificação, custo envolvido, esforço) e se afetará diretamente na performance, segurança etc.

17 Análise de Problema e Modificação Para garantir que a RM/RP é aplicável, deve-se: Determinar se o Gerente de Mudanças estará disponível para gerenciar a mudança Determinar se o programa está devidamente debugado Determinar a prioridade Determinar o impacto em cronogramas existentes Determinar os possíveis riscos ao projeto e ao software resultantes da mudança

18 Implementação de Modificação Identificar os elementos a serem modificados no sistema. Identificar os elementos de interface modificados pela modificação. Identificar a documentação a ser atualizada Atualizar a documentação do software

19 Revisão/Aceitação da Manutenção Identificar as RMs/RPs implementados Verificar testabilidade do código Verificar conformidade com boas práticas de programação Verificar se somente o que foi especificado foi modificado Verificar se os novos componentes foram integrados devidamente Verificar se a documentação foi atualizada Realizar os testes por uma equipe distinta Documentar resultados do teste

20 Plano de Gerenciamento do Projeto Forma de manter a qualidade do Software durante o desenvolvimento Plano de Gerenciamento de Configuração Forma de manter a qualidade do Software enquanto se realiza alterações ou melhoras no projeto

21 Processos Cada processo influenciará não só o produto como também a documentação Boas práticas durante o processo geram bons artefatos e menos erros

22 Controle de Requerimentos É necessário que mantenha alto controle sobre as modificações requeridas Pois elas podem acarretar em fatos desagradáveis que dificultariam a manutenção posterior

23 Registros e Relatos É necessário documentar toda e qualquer atividade realizada na manutenção para que se tenha controle sobre o que está acontecendo com a estrutura do software

24


Carregar ppt "Artur Potiguara Carvalho Danilo Maia Rodrigues Yuri Moraes Mota."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google