A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade Federal Rural de Pernambuco Departamento de Letras e Ciências Humanas Disciplina: Estudos Linguísticos II.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade Federal Rural de Pernambuco Departamento de Letras e Ciências Humanas Disciplina: Estudos Linguísticos II."— Transcrição da apresentação:

1 Universidade Federal Rural de Pernambuco Departamento de Letras e Ciências Humanas Disciplina: Estudos Linguísticos II

2 EQUIPE

3 TEMA Estratégias de Processamento Textual

4 Segundo KOCH: “ Ao produzir um discurso, o homem se apropria da língua, não só com o fim de veicular mensagens, mas, principalmente, com o objetivo de atuar, de interagir socialmente”. KOCH, 2004:19

5 LEÃO DO NORTE: Sou coração do folclore nordestino Eu sou Matheus e Bastião do boi-bumbá Sou um boneco de Mestre Vitalino Dançando uma ciranda em Itamaracá Eu sou um verso de Carlos Pena Filho Num frevo de Capiba ao som da Orquestra Armorial Sou Capibaribe num livro de João Cabral Sou macambira de Joaquim Cardozo Banda de pife no meio do canavial Na noite dos tambores silenciosos Sou o calunga revelando o carnaval Sou a folia que desce lá de Olinda O homem da meia-noite, eu vou puxando esse cordão Sou jangadeiro na festa de Jaboatão Sou mamulengo de São Bento do Una Vindo num baque solto de um maracatu Eu sou um auto de Ariano Suassuna no meio da feira de Caruaru Sou Frei Caneca nos Pastores do Faceta Levando a flor da Lira na Nova Jerusalém Sou Luiz Gonzaga, eu sou mangue também Eu sou mameluco, sou de Casa Forte Sou de Pernambuco, eu sou o leão do Norte

6 Formulativa Sou coração do folclore nordestino Eu sou Matheus e Bastião do boi-bumbá Sou um boneco de Mestre Vitalino Dançando uma ciranda em Itamaracá Eu sou um verso de Carlos Pena Filho Num frevo de Capiba ao som da Orquestra Armorial Sou Capibaribe num livro de João Cabral Eu sou mameluco, sou de Casa Forte Sou de Pernambuco, eu sou o leão do Norte Ilustrações ou exemplificações Formulativa Inserções Repetição

7 Estratégias textual-discursiva de construção de sentido Estratégias: Formulativas Metaformulativas Metadiscursivas Inserções Repetições e parafraseamentos retóricos Deslocamento de constituintes

8 Metadiscursivas  Metaformulativas  Modalizadoras  Metaenunciativas

9 Estratégia Metadiscursiva Metaenunciativa

10 Estratégia metaenunciativa

11 Repetições Formulativas Metaenunciativa

12 Dengue: um mal cada vez mais incidente A dengue é uma doença infecciosa e febril, que ocorre com maior intensidade no verão, podendo, no seu início, ser confundida com a gripe devido à semelhança dos sintomas. Ela é causada por um vírus que é transmitido pelo mosquito, o Aedes Aegypti. Apenas as fêmeas do mosquito infectam as pessoas. Normalmente, as picadas acontecem no começo e no fim do dia. Apesar de uma vida curta (em torno de três meses), um único mosquito pode infectar centenas de pessoas. São conhecidos 4 tipos diferentes de dengue, os sorotipos:1, 2, 3, e 4. Por isso uma pessoa pode até ter três episódios da doença. Porém, no Brasil, não existem registros do quarto sorotipo. Não é muito difícil reconhecer o mosquito transmissor da dengue. Ele é menor do que um pernilongo comum, possui dois pares de asas, já as larvas do mosquito são difíceis de observar, pois medem poucos milímetros e são translúcidas. Os principais sintomas dessa doença são:dores musculares e articulares, dor de cabeça, dor de garganta, diversas manchas e coceiras pelo corpo. Diarréia, náuseas, vômitos, falta de apetite, fraqueza e febre. Já nos casos de maior urgência, conhecidos com dengue hemorrágica, o paciente pode apresentar também, sintomas mas graves como dor forte na região do abdômen, pressão muito baixa, pulso rápido e fino e hemorragias pelo corpo.

13 Normalmente, o tratamento é realizado de acordo com a gravidade do caso e com os sintomas que o paciente apresenta. Os medicamentos utilizados devem ser cuidadosamente receitados, pois alguns deles podem favorecer o aparecimento das hemorragias. Além disso, o paciente deve fiar em repouso e bem hidratado. O tratamento médico adequado é fundamental, pois a dengue é uma doença séria, que quando não tratada corretamente pode até matar. Ainda não existe vacina contra a dengue; por isso, a prevenção é o melhor remédio. É necessário evitar a intensa reprodução do mosquito, acabando com os seus criadouros. Para que isso não aconteça, toda a população tem que estar ciente desse fato, não deixando água limpa e parada em vasos de plantas, pneus, bacias, garrafas, baldes, telhados, piscinas, caixas d’água destampadas ou em qualquer outro lugar que possa ser um ambiente favorável para a reprodução do mosquito. Evite esse mal, faça a sua parte e proteja-se!

14 Conclusão Todo texto constitui-se de estratégias de processamento textual, e é de muita importância para nós futuros professores, conhecermos essas estratégias para facilitar a compreensão textual.

15 Referência bibliográfica KOCH, Ingedore G. Villaça “introdução à linguística textual”. São Paulo: Martins Fontes, 2004 KOCH, Ingedore G. V. Argumentação e linguagem 9 ed. São Paulo: Cortez, 2004 Artigo de opinião: Laís Bittencourt de Moraes - FISIOTERAPEUTA. - Pós-graduada em Fisioterapia Ortopédica, Traumatológica e Reumatológica (UNOESTE-SP). - Pós-graduada em Metodologia do Ensino Superior (UNIGRAN- MS). Tirinha de Joaquim Salvador Lavado – Quino Música Leão do Norte de Lenine

16 OBRIGADA!


Carregar ppt "Universidade Federal Rural de Pernambuco Departamento de Letras e Ciências Humanas Disciplina: Estudos Linguísticos II."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google