A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ESTOMAGO e INTESTINO (Um casamento perfeito)! O maior incômodo gastrintestinal conhecido como indigestão, considerado sem muita importância, mas que muitas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ESTOMAGO e INTESTINO (Um casamento perfeito)! O maior incômodo gastrintestinal conhecido como indigestão, considerado sem muita importância, mas que muitas."— Transcrição da apresentação:

1 ESTOMAGO e INTESTINO (Um casamento perfeito)! O maior incômodo gastrintestinal conhecido como indigestão, considerado sem muita importância, mas que muitas vezes ocorre por abuso de ingestão de comida ou bebida alcoólica. Enquanto que outros, são de ordem intestinal, razão pela qual devemos aumentar nossos conhecimentos, não só da nossa digestão bem como cuidar de nosso organismo a partir da boca. DADOS E CURIOSIDADES DE NOSSO APARELHO DIGESTIVO : A saúde é = (alimentação perfeita, e eliminação correta). Os incômodos intestinais são freqüentes, tanto, que neste exato momento, um em cada cinco pessoas estão sentindo algum incômodo intestinal. Muitos destes, podem ser resultados, de uma incompreensão infantil. Educar as crianças o mais cedo possível, informando que o ato de defecar, ou os movimentos intestinais são uma coisa normal em nossa vida, e não algo incômodo, que as deixará complexadas, muitas vezes achando que parte de seu corpo está sendo perdida. E a indigestão, principalmente na correria do dia a dia, pode ser o resultado do comer rápido ou comida rápida (fast food), onde ou se come em velocidade ou em pé. Mas, se a indigestão for mais persistente, ela deve ser investigada como veremos a seguir.

2 O gás que passa pelo reto é chamado de flato, (que gera flatulência), diferente da sensação de saciez e empachamento do intestino, ou do arroto ou dos burburinhos do abdômen, podemos designar como eliminar gases. Devemos nos prevenir, pois a incidência de câncer de intestino não é baixo, cerca de um em cada 40 pessoas. Por isto, devemos nos alimentar corretamente e cuidar bem de nosso aparelho digestivo. ÁGUA, UM SANTO REMÉDIO: Apesar de o Brasil ser dono de 12% de todo a água doce do mundo e de um quinto da reserva global, o desperdício fez com que as tarifas aumentassem e seu tratamento ficasse aquém da qualidade que nós necessitamos, principalmente nos grandes centros. Pois o Brasil é um dos poucos países que esbanja água ao lavar carros, calçadas e dependências de casas e empresas. BALANÇO DE NOSSAS NECESSIDADES DE ÁGUA: Influxo diário de água Excreção diária Excreção diária (Toma-se normalmente) de água normal de água em temperaturas altas e exercício pesado Alimento: 1000 ml. Urina: 1250 ml. Urina: 500 ml. Líquidos: 1200 ml. Fezes:1000 ml. Fezes:100 ml. Metabolismo: 350 ml. Pele: 850 ml. Pele: 5000 ml. Pulmões 350 ml. Pulmões: 700 ml. Total: ml. Total: 2550 ml. Total: ml. Déficit: ml.

3 O Mundo tem 1,4 bilhões de quilômetros cúbicos de água (38 milhões de piscinas olímpicas por habitante), sendo 97,5% nos mares e oceanos (água salgada), e 2,5% em água doce; presentes 77,2% em geleiras e calotas polares, 0,36% em lagos, rios e pântanos. 22,4% em subsolo e 0,04% na atmosfera. E o curioso é que nosso corpo é basicamente constituído de água (60 a 75%), estando presente em músculo (70% em peso é água) e nas gorduras do corpo (50% em peso é água). HIPONATREMIA:. O que significa isto? É o resultado de: 1- Exercícios prolongados e de alta intensidade sob um clima quente; 2- Nível de aptidão precária associado com a produção de suor que contenha uma alta concentração de sódio, aumentando dessa forma a perda de sódio; 3- Início de atividade física em um estado de depleção de sódio em virtude de uma dieta isenta de sal ou pobre em sódio ou ao uso de medicação diurética para tratamento de hipertensão; 4- Ingestão freqüente e prolongado de líquido isento de sódio (só água por exemplo em atividades físicas). Ocasionando a perda de sais, principalmente, o íon de sódio, que podem ocasionar sintomas leves como cefaléias, confusão mental, mal-estar, náuseas e cãibras e, nos casos mais intensos, crises convulsivas, coma, edema pulmonar e levar até a morte.

4 Para evitar, estas complicações e mal-estar, devemos, nos casos acima, nos reidratarmos com soros caseiros (3 colheres de açúcar e uma pitada de sal em um litro de água), ou utilizar de repositores eletrolíticos, bem como tomar água de côco, principalmente a fim de evitar a desidratação e a Hiponatremia severa. INDIGESTÃO E ESTÔMAGO: A indigestão é um incômodo que muitas vezes ocasionam dor no peito ou abdome, sensação de queimação no peito, (queimação no estômago) frequentemente acompanhado de alimento ou liquido refluído ou voltando para a garganta ou o fundo da boca refluxo de gases (termo correto, eructação). Estes inconvenientes, estão sendo cada vez mais freqüentes, pois o nosso estomago e duodeno (1ª parte do intestino) não possuem dentes e a maioria das pessoas estão no termo da palavra, engolindo os alimentos sem mastigá-los e, uma vez que necessitamos de saliva e dos próprios dentes para que os mesmos exerçam a primeira da digestão. Assim sendo os alimentos estão chegando de forma quase inalterada e que sacrificarão os órgãos responsáveis por tal função. A fim de evitar problemas de indigestão, sem sacrificar nosso organismo, devemos mudar certos hábitos, como melhorar a mastigação dos alimentos e observar melhor o que passaremos a considerar a seguir:

5 MELHORANDO NOSSOS HÁBITOS, A FIM DE EVITAR A INDIGESTÃO: 1- Alimentar-se mais pausadamente, mastigando bem os alimentos; 2- Não fumar; 3- Alimentos com mais fibras; 4- Não consumir bebida alcoólica; 5- Manter sempre a sua forma, tomando cuidado com o (IMC) e a cintura; 6- Evite o consumo de alimentos pesados: pimenta, sal e vinagre; 7- Cebola e tomate aumentam e pioram a queimação; 8- Diminua chás, cafés, que por possuírem cafeína, podem piorar a indigestão, na impossibilidade, tome chás e cafés descafeínisados e de preferência gelados; 9- Não coma demasiadamente antes de dormir; 10- Pessoas adultas, fazer 3 refeições ao dia, adolescentes podem se alimentar até 5 vezes ao dia; 11- Não coma gorduras e frituras; 12- Em vez de fritar as carnes e peixes, coma-os grelhados; 13- coma frutas e verduras; 14- tente diminuir seu stress e sua ansiedade.

6 MINHA INDIGESTÃO NÃO ESTÁ LEGAL, O QUE DEVO FAZER? Existem alguns sintomas que não são comuns em uma indigestão, o qual chamamos de sinistros, pois podem demonstrar um estado um pouco mais complicado e que requer a atenção médica, como: A-) Perda de peso sem explicação; B-) Dificuldade em engolir os alimentos; C-) Perda de apetite; D-) Vômitos de sangue ou na forma de borra de café; E-)Sangue nas fezes, caracterizado pelo odor fétido forte, pastoso e negro; F-) Indigestão quando na ingestão de antiinflamatórios não esteróides como a aspirina. Nestes casos, você deve procurar a assistência médica, para exames adequados, orientação e tratamentos. CONSTIPAÇÃO: A constipação séria ocorre principalmente em mulheres é quase inexistente em homens. Mas para evitar este incômodo de prisão-de-ventre, existem certas regras que podem ajudar a evitá-la como: > Nunca ignore a sensação de esvaziar o intestino, pois a vontade poderá retornar somente horas depois e você ficar constipado. > Tente estabelecer uma rotina, principalmente pela manhã e, de preferência, tente acordar meia hora a 1 hora antes de sair, a fim de poder estabelecer esta rotina; > Tome café da manhã sempre, se possível, comer cereais, frutas, fibras e pão integral;

7 > Deixe sempre os músculos das pernas e nádegas relaxados, a fim de haja uma evacuação espontânea, sem necessidade de força maior e, no caso de o vaso ser muito alto, colocar calços ou pilha de livros, par apoiar os pés. > Em caso de viagem, coma cereais, frutas e fibras em barras no último caso. DIARRÉIA: É um distúrbio caracterizado pela evacuação com quantidade excessiva de material fecal liquefeita, diferente de evacuar em tempos curtos ou por mais de uma vez ao dia, ocasionado por distúrbios emocionais, esforço físico, através de alimentos e líquidos contaminados, bem como reação a certos alimentos e medicamentos. U m único jato de fezes líquidas não é motivo de preocupação, mas se for repetidos e acompanhado de vômito, deve-se procurar a assistência de um médico, principalmente se houver sangue nas fezes, mal-estar, febre ou fezes preta (presença de sangue); Q uase todos os ataques são curados espontaneamente, se em caso de 3 a 4 horas com diarréia, mas sem apresentação dos quadros acima, pode se intervir com um antidiarreico devendo-nos reidratar, afim de evitar a desidratação e a hiponatremia. Síndrome do Cólon Irritável (SCI), quando não se sabe o agente causador, mas que causa sensações desagradáveis de empachamento e urgência em eliminar gases e de evacuar, que aparecem e desaparecem após horas ou dias. A melhor forma de tratar é mudar o seu estilo de vida.

8 CONCLUSÃO: Toda as medicações trazem algum transtorno, efeito colateral ou reação adversa normalmente. Onde podemos citar algumas existentes na: Indigestão: sonolência ou insônia, urticária, arritmia cardíaca, bronco espasmo, taquicardia, alterações de função hepática, convulsões e cólicas abdominais; A ntiácidos: Aumento da absorção de cálcio com diminuição de absorção de potássio, perigo para pessoas com insuficiência renal, podendo levar a depressão do sistema nervoso central, náuseas e vômito, desconforto no trânsito intestinal como a constipação; >Anti-úlceras: Tontura, agitação, confusão mental, diarréia, cansaço, erupções cutâneas, diminuição das células brancas, anemia, hepatite, insuficiência renal, cirrose hepática, pancreatite.febre, bronco espasmo, boca seca, constipação, disfunção hepática em geral flatulência, vertigem, distúrbios visuais e edema; Anti-hemorroidas: Alteração digestiva e neurovegetativa, queimação e erupções da pele.


Carregar ppt "ESTOMAGO e INTESTINO (Um casamento perfeito)! O maior incômodo gastrintestinal conhecido como indigestão, considerado sem muita importância, mas que muitas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google