A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DIVERSIDADE RELIGIOSA BRASILEIRA. O Brasil é um país religiosamente diverso, porém com tendência à intolerância religiosa, para tanto foi criado o Dia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DIVERSIDADE RELIGIOSA BRASILEIRA. O Brasil é um país religiosamente diverso, porém com tendência à intolerância religiosa, para tanto foi criado o Dia."— Transcrição da apresentação:

1 DIVERSIDADE RELIGIOSA BRASILEIRA

2 O Brasil é um país religiosamente diverso, porém com tendência à intolerância religiosa, para tanto foi criado o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa (21 de janeiro), por meio da Lei nº 11,635, de 27 de dezembro de 2007.

3 A população brasileira é majoritariamente cristã (89%), sendo que maior parte católica. Herança da colonização portuguesa, o catolicismo foi a religião oficial do Estado até a constituição Republicana de 1981, que institui o Estado Laico.

4 Ainda no Brasil Colônia, a mão-de-obra escrava, vinda principalmente da África, trouxe suas próprias práticas religiosas, que sobreviveram à opressão dos colonizadores, dando origem às religiões afro-brasileiras.

5 Na segunda metade do século XIX, começa a ser divulgado o espiritismo no Brasil, que hoje é o país com maior número de espíritas no mundo.

6 Nas últimas décadas, as religiões protestantes tem crescido rapidamente em número de adeptos, alcançando atualmente uma parcela significativa da população

7 Religiões por Grupos em porcentagem

8 Distribuição das religiões

9 CRISTIANISMO

10 É uma religião histórica, pois se baseia em fatos reais, em acontecimentos históricos concretos e tem a Bíblia como Texto Sagrado É monoteísta por acreditar em um único Deus, e apóia-se na vida e nos ensinamentos de Jesus de Nazaré.

11 Ao longo da sua história, o cristianismo enfrentou várias divisões que atualmente são: Igreja Católica Apostólica Romana, a Igreja Ortodoxa e a Igreja Protestante.

12 CATOLICISMO

13 Desde o seu descobrimento em 1500, o Brasil por quase quatro séculos foi considerado um país oficialmente católico. O catolicismo só deixou de ser a religião oficial do país quando a monarquia foi substituída pelo regime republicano no final do século XX. Este foi então declarado laico.

14 Sua hierarquia é composta pelo papa, bispos e padres. Fundamenta-se na Bíblia como texto sagrado. Para o catolicismo o homem foi criado á imagem de Deus, portanto tem uma vida eterna, acredita na ressurreição.

15 Possuem alguns rituais, entre eles podemos destacar o: Batismo: é dado às crianças; Eucaristia (comunhão): o pão e o vinho após consagrados se tornam realmente o Corpo e o Sangue de Jesus Cristo. Matrimônio: é o sacramento que valida, a união de um homem e uma mulher.

16 Para os Católicos além do culto de adoração a Deus, existe também o culto de veneração dos Santos e à Virgem Maria. A Missa, ou celebração da eucaristia é a principal celebração religiosa da Igreja Católica.

17 Alguns símbolos que podemos destacar são: Círio Pascal: uma grande vela acesa no Sábado de Aleluia. O Cálice: taça destinada a conter o vinho consagrado na liturgia eucarística.

18 PROTESTANTES

19 O Protestantismo é o segundo maior segmento religioso do Brasil, caracteriza-se pela grande diversidade de denominações com livre interpretação da Bíblia. Todas fazem parte de um mesmo movimento religioso interno ao cristianismo, que começou com a Reforma Protestantes de Martinho Lutero.

20 Esse grupo compreende as igrejas clássicas formadas com a Reforma, destacam-se também a Presbiteriana, a Batista e a Metodista, as Pentecostais e as Neopentecostais.

21 Criada por Lutero, a LUTERANA é a primeira igreja saída da reforma. O fundador aboliu a confissão obrigatória, o culto aos santos e à Virgem e o jejum. Permite que os religiosos possam se casar.

22 O protestantismo pentecostal surge como um protesto cristão, em nome do Evangelho, contra escândalos do cristianismo, doutrinas e comportamentos que, segundo seus líderes, contradiziam o ensinamento de Jesus.

23 A partir dos anos 70 surge no Brasil uma reorganização dos cultos pentecostais ou, em outras palavras, um novo avivamento. A origem dos cultos neopentecostais é norte americana. As igrejas pregam a Teologia da Prosperidade, pela qual o cristão está destinado à prosperidade terrena.

24 A hierarquia das igrejas protestantes pode variar, mas respeitam basicamente a seguinte ordem: pastor, presbitero, membro. Possuem alguns rituais como: Batismo, Casamento e Santa Ceia. Algumas acreditam no julgamento, na condenação (céu ou inferno) e na eternidade da alma.

25 ESPIRITISMO

26 Surgiu na França no século XIX e encontrou no Brasil um solo fértil para a doutrina sendo este o país com maior número de adeptos.

27 O espiritismo tem em Allan Kardec seu grande codificador, divulgou o princípios dessa religião por vários países, estimulando a criação de novos centros e escreveu as obras que fundamentam a doutrina espírita,as quais compõem o chamado Pentateuco Kardeciano.

28 Dentre eles estão: o livro dos espiritas (1857); o livro dos Médiuns (1861); o evangelho segundo o espiritismo ( 1864); A base de sua doutrina é a caridade, sem a qual não seremos verdadeiramente humanos. Acreditam na reencarnação e que as vidas passadas explicam nossa atual situação e condições aqui na Terra.

29 RELIGIÕES DE MATRIZ AFRICANA

30 Quando os escravos chegaram no Brasil, trouxeram alguns costumes os quais deram origens ao Candomblé e a Umbanda, que tem muitos seguidores, principalmente entre a população negra, descendente de africanos.

31 Estas religiões foram perseguidas, hoje são consideradas como religiões legais do país, mas mesmo assim, muitos de seus seguidores sofre algum tipo de descriminação, muitas vezes por falta de conhecimento.

32 CANDOMBLÉ

33 O Candomblé chegou ao Brasil entre 1600 e 1900 com o tráfico de escravos negros da África Ocidental. Sofreu grande repressão dos colonizadores portugueses que o consideravam feitiçaria. Para sobreviver às perseguições, os adeptos passaram a associar os orixás aos santos católicos, ocorrendo o sincretismo religioso.

34 Os orixás Iemanjá (força das águas) e Iansã (raios, tempestades, ventos) são associados a Nossa Senhora da Conceição e Santa Bárbara, respectivamente. Nossa Senhora da Conceição Iemanjá

35 No candomblé não há incorporação de entidades ou espíritos de mortos, sendo que o filho de santo manifesta a vibração do orixá ou dos encantados, que são forças da natureza. Para eles morrer é passar para outra dimensão e permanecer junto como os outros espíritos, orixás e guias.

36 UMBANDA

37 Nasceu no antigo Estado de Niterói, hoje município do Rio de Janeiro. Seu fundador foi Zélio de Morais, a partir de contato mediúnicos com o caboclo das sete encruzilhada.

38 Sincretismo religioso entre Cristianismo, religiões nativas brasileiras, espiritismo e religiões orientais, principalmente as indianas. Do cristianismo herdou a estrutura organizacional, o culto aos santos e alguns elementos ritualisticos.

39 Das africanas herdou o culto aos orixás; Das nativas, adotou o conhecimento medicinal das plantas. Das orientais recebeu influência na área do misticismo e também dos rituais.

40 Na Umbanda, os rituais são chamados de sessões. Os espíritos são os pretos velhos, espíritos de antigos escravos que simbolizam a humildade e ajuda aos sofredores, os caboclos, que simbolizam a energia e vitalidade da vida.

41 O índio que não aceita as condições de vida precárias do povo, as crianças simbolizando a pureza e inocência, que ajudam a purificar a vida das energias negativas, e o exú, que se constitui num princípio doutrinal controverso, ou seja o bem e o mal. Os exus femininos são chamados de pomba-gira.

42 RELIGIÕES NATIVAS

43 As religiões nativas são chamadas de xamanismo ou animismo. Compreendemos como religiões nativas aquelas de pequena escala como tribos e culturas indígenas. Alguns membros das tribos são: Pajé, Cacique.

44 Se destacam por seus rituais, geralmente estático e tem por objetivo interagir com as forças divinas presentes na natureza, com seus ancestrais. O texto sagrado é oral, porque contar e ouvir uma história sagrada exercita a memória e grava o texto no coração de cada um.

45

46 GUARANIS

47 O termo Guaranis refere-se a uma das mais representativas etnias indígenas das Américas. A figura primária na maioria das lendas guaranis da criação é Iamandu (ou Nhanderu ou Tupã), o deus Sol e realizador de toda a criação.

48 REFERÊNCIAS

49 GAARDER, Jostein. O livro das religiões – São Paulo: Companhia das Letras, 2005 JUNQUEIRA, Sérgio. O sagrado: fundamentos do ensino religioso - Curitiba: Ibpex, 2009 PARANÁ, Secretaria de Estado da Educação. Diretrizes Curriculares de Ensino Religioso para o Ensino Fundamental. Curitiba: SEED, 2008

50 Sites:


Carregar ppt "DIVERSIDADE RELIGIOSA BRASILEIRA. O Brasil é um país religiosamente diverso, porém com tendência à intolerância religiosa, para tanto foi criado o Dia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google