A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Canção do exílio. Minha terra tem palmeiras, Onde canta o Sabiá; As aves, que aqui gorjeiam, Não gorjeiam como lá.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Canção do exílio. Minha terra tem palmeiras, Onde canta o Sabiá; As aves, que aqui gorjeiam, Não gorjeiam como lá."— Transcrição da apresentação:

1 Canção do exílio

2 Minha terra tem palmeiras, Onde canta o Sabiá; As aves, que aqui gorjeiam, Não gorjeiam como lá.

3 Nosso céu tem mais estrelas, Nossas várzeas têm mais flores, Nossos bosques têm mais vida, Nossa vida mais amores.

4 Em cismar, sozinho, à noite, Mais prazer eu encontro lá; Minha terra tem palmeiras, Onde canta o Sabiá.

5 Não permita Deus que eu morra, Sem que eu volte para lá; Sem que disfrute os primores Que não encontro por cá; Sem qu'inda aviste as palmeiras, Onde canta o Sabiá.

6 Minha terra tem primores, Que tais não encontro eu cá; Em cismar –sozinho, à noite– Mais prazer eu encontro lá; Minha terra tem palmeiras, Onde canta o Sabiá.

7 Slides elaborado pela Professora: MARIA APARECIDA BERETTA. Orientação:Professora Marta Roque CBIV (Curso Básico de Informática Vipi) Ivinhema – MS - Brasil 29/05/2009.


Carregar ppt "Canção do exílio. Minha terra tem palmeiras, Onde canta o Sabiá; As aves, que aqui gorjeiam, Não gorjeiam como lá."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google