A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Profetas no Exílio José Adelson de Noronha

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Profetas no Exílio José Adelson de Noronha"— Transcrição da apresentação:

1 Profetas no Exílio José Adelson de Noronha

2 Recapitulação Deus sempre levantava, dentre seu povo, homens tementes a Ele e sensíveis à Sua voz, que tinham a incumbência de exortar o povo ao arrependimento, a voltarem-se para Deus, deixando a idolatria e os maus costumes.

3 É comum entre eles os seguintes avisos: - dispersão – cativeiro; - retorno à terra, mediante arrependimento; - a vinda do Messias e - o reino do Messias sobre a terra

4 LIVROS PROFÉTICOS São dezessete livros proféticos, divididos segundo dois critérios: 1) Segundo o tamanho do texto bíblico publicado; 2) Segundo a cronologia de escrita

5 Segundo o tamanho do texto Os livros são classificados em: Profetas Maiores e Profetas Menores.

6 Profetas maiores são 5: Isaías, Jeremias, Lamentações de Jeremias, Ezequiel e Daniel Profetas menores são 12: Oséias, Joel, Amós, Obadias, Jonas, Miquéias, Naum, Habacuque, Sofonias, Ageu, Zacarias e Malaquias. Talvez os "menores" tenham pregado tanto quanto os "maiores". Só não escreveram tanto quanto eles.

7 Segundo a Cronologia de Escrita São classificados em: Antes do Exílio na Babilônia; Durante o Exílio e Pós exílio na Babilônia.

8 Para facilitar, podemos memorizar da seguinte forma: 3 profetas após o exílio: Ageu, Zacarias e Malaquias 2 profetas durante o exílio: Daniel e Ezequiel Todos os demais profetas são antes do exílio

9 A Ordem de estudo no curso está sendo segundo a cronologia na história de Israel: Antes do Exílio: 1) Jonas 2) Amós 3) Oséias 4) Isaías 5) Miquéias 6) Joel 7) Obadias 8) Naum 9) Sofonias 10) Habacuque 11) Jeremias 12) Lamentações

10 No Exílio: 13) Daniel 14) Ezequiel Pós Exílio: 15) Ageu 16) Zacarias 17) Malaquias

11 Profetas no Exílio Daniel Ezequiel

12 DANIELDANIEL

13 Tema do livro: A Soberania de Deus sobre todas as nações (2:47; 4:37; 6:26) Tempo: cerca de 70 anos (606 a 534 a.C.) O Autor: Nome significa "Deus é Meu Juiz Daniel serviu a seis governadores babilônicos e a dois persas durante o período de setenta anos; Sua maior distinção em cargos governamentais, na qualidade de primeiro-ministro, se deu durante os reinados de Nabucodonosor, Balsazar e Dario I

14 Daniel e José do Egito A pessoa de Daniel pode ser comparada à pessoa de José, filho de Jacó: Cativos quando Jovens Servidores nos palácios dos Reis Injustiçados. Depois Deus os levou para a honra Vidas puras no meio de corrupção Morreram em terra estranha

15 O Livro: Escrito por volta do ano 535 a. C. Um livro de revelações, assim como o livro de Apocalipse Foi escrito no cativeiro de Judá, em Babilônia, assim como Apocalipse foi escrito no cativeiro, na ilha de Patmos, na Grécia. Caps. 1 a 6 - Seis conflitos morais envolvendo Daniel e seus três companheiros; Caps. 7 a 12 - A mão de Deus controlando o decorrer da história

16 Caps. 1 a 6 - Seis conflitos morais envolvendo Daniel e seus três companheiros: 1. Não contaminação com as iguarias que o rei lhes ofereceu; 2. Glorificando ao Senhor no sonho de Nabucodonosor, um rei mau e que não sabia ouvir um não; 3. Fidelidade ao Senhor, mesmo sob ameaça de serem queimados vivos; 4. Falando a verdade a a Nabucodonosor, um rei soberbo; 5. Recusando glória de Belsazar, um rei corrupto e mau; 6. Adoração só a Deus, mesmo sob ameaça de ser lançado vivo aos leões pelos ministros invejosos

17

18 Capítulos 7 a 12 A Mão de Deus controlando a história

19 OS GRANDES IMPÉRIOS (Ap 17:9,10 e Dn 7) Egípcio Assírio Que conquistaram Jerusalém: 1.Babilônico (Cabeça de ouro) 2.Medo-Persa (Peito de prata) 3.Grego ou Helênico (Corpo de bronze) 4.Romano (Pernas de ferro) * Tempo dos gentios ou Dispensação da Graça 5. Anticristo (Pés de ferro e barro)

20 A Mão de Deus controlando a história 1) Egípcio 2) Assírio Parte do Iraque/Turquia/Armênia. Capital: Nínive Conquistaram o Reino do Norte/Samaria. Formação dos samaritanos Rei mais conhecido: Senaqueribe

21 A Mão de Deus controlando a história 3) Babilônico (Leão com asas de águia) Parte do Iraque. Capital: Babilônia (grande esplendor) Conquistaram todo o império Assírio e também o Reino do Sul/Jerusalém. Levaram cativos os judeus (Daniel/Ezequiel/reis,...) – 70 anos Rei mais conhecido: Nabucodonosor Tempo de Daniel, Ezequiel, Parte de Jeremias e Lamentações Benefícios: Purificação da idolatria - caiu a ficha: idolatria = derrota Advento das sinagogas: local de adoração e estudo das escrituras; Reconhecim. da onipotência, onipresença, onisciência de Deus; Maior interesse pelas Escrituras, pelas profecias e pelo Messias.

22 A Mão de Deus controlando a história 4) Medo-Persa (Urso) Parte do Irã. Capital Babilônia Após os 70 anos de cativeiro. Permitiram o retorno dos judeus a Jerusalém: Zorobabel, Esdras, Neemias Reconstrução do Templo e dos muros da cidade Benefícios: Os sacrifícios/festas são feitos com mais entendimento e ardor Dispersão dos judeus por outras nações (Diáspora), com mais sinagogas e expansão da Doutrina de um Deus único Personagens principais: Ciro, Dario, Assuero, Ester, Zorobabel, Esdras, Neemias, Profetas Ageu, Zacarias e Malaquias.

23 A Mão de Deus controlando a história 5) Grego ou Macedônio (Leopardo com asas) Grécia, Macedônia, Turquia, Bulgária, Albânia Período de silêncio profético. Personagens principais: Alexandre, o Grande. Benefícios: Uma língua (grego popular) e uma cultura universal, facilitando a expansão do Evangelho.

24 A Mão de Deus controlando a história 6) Romano (animal terrível com dez chifres) Roma. Dividia seus territórios em províncias Dividiu-se em dois impérios: do oriente e do ocidente Personagens: Césares, Pilatos, Herodes Plenitude dos Tempos (Gl4:4): Jesus e a salvação do homem Livros e personagens do Novo Testamento Benefícios: Construção de excelentes estradas Proteção militar e paz nos territórios Liberdade de comércio, transporte e locomoção Nova diáspora com excel. condições p/a expansão do evangelho: sinagogas, língua universal, estradas, segurança Dispensação da Graça. Tempo dos gentios

25 A Mão de Deus controlando a história 7) Renascimento do Império Romano (Escatologia) Roma em aliança com Jerusalém. Divisão em dez províncias Última semana de Daniel Personagens: o anticristo e o falso profeta, as duas testemunhas A Tribulação e a Grande Tribulação: 7 anos Benefícios: Jesus e o arrebatamento da Igreja Salvação de milhões de almas em pouquíssimo tempo

26 O Tempo do Fim Muitos dos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para a vida eterna, e outros para vergonha e horror eterno. Os que forem sábios, pois, resplandecerão como o fulgor do firmamento; e os que a muitos conduzirem à justiça, como estrelas, sempre e eternamente. Tu, porém, Daniel, encerra as palavras e sela o livro, até ao tempo do fim; muitos o esquadrinharão, e o saber se multiplicará (Dn 12:2-4).

27 Download disponível no site:

28 GRAÇAS A DEUS POR JESUS CRISTO, a Rocha de Deus!


Carregar ppt "Profetas no Exílio José Adelson de Noronha"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google