A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O primeiro traço da espiritualidade é nunca esquecer que somos chamados, para a missão. Quem nos chamou e enviou foi o próprio Deus: para o serviço do.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O primeiro traço da espiritualidade é nunca esquecer que somos chamados, para a missão. Quem nos chamou e enviou foi o próprio Deus: para o serviço do."— Transcrição da apresentação:

1

2 O primeiro traço da espiritualidade é nunca esquecer que somos chamados, para a missão. Quem nos chamou e enviou foi o próprio Deus: para o serviço do Reino.

3 A espiritualidad e de quem evangeliza repete a experiência de despojament o de João Batista: "é preciso que Ele cresça e eu diminua (Jo 3,30).

4 O cristão (a) vive a intimidade com Deus. Entrega-se a Ele em confiança...

5 O discípulo missionário é chamado a fazer a união entre a ação e a contemplaç ão, entre o encontro com Deus e o encontro com o irmão.

6 O outro traço importante da espiritualidade do evangelizador é a alegria com que presta seu serviço. O Novo Testamento está cheio dessa palavra, relacionada com a vida cristã e com a missão do evangelizador. (Jo 16,20; 17,13). (Mt 13,44). A vida do apóstolo é alegria (Fl 1,4). A vida cristã é permanente motivo de alegria (Fl 4,4) (Rm 12,6-8; 2Cor 9,7)

7 A perseverança está presente na espiritualidade do evangelizador, "bem- aventurados os teimosos, porque deles é o Reino de Deus ".

8 Um bom missionário, uma boa missionária, em qualquer tipo de missão, tem que ser um pouco poeta e um pouco profeta, tem que gostar das flores, da música, da festa. Não se pode viver a missão de cara fechada, como se fosse uma guerra, sem espaço para a doçura.

9 Ler, meditar e transformar em oração: Is 55, 1 -6 e Mc 9,33-37

10 Cap55 1. Todos vós, que estais sedentos, vinde à nascente das águas; vinde comer, vós que não tendes alimento. Vinde comprar trigo sem dinheiro, vinho e leite sem pagar! 2. Por que despender vosso dinheiro naquilo que não alimenta, e o produto de vosso trabalho naquilo que não sacia? Se me ouvis, comereis excelentes manjares, uma suculenta comida fará vossas delícias. 3. Prestai-me atenção, e vinde a mim; escutai, e vossa alma viverá: quero concluir convosco uma eterna aliança. 4. Farei de ti um testemunho para os povos, um condutor soberano das nações; 5. conclamarás povos que nunca conheceste, e nações que te ignoravam acorrerão a ti, por causa do Senhor teu Deus, e do Santo de Israel que fará tua glória. 6. Buscai o Senhor, já que ele se deixa encontrar; invocai-o, já que está perto.

11 Mc 9, Mas eles calaram- se, porque pelo caminho haviam discutido entre si qual deles seria o maior. 35. Sentando-se, chamou os Doze e disse-lhes: Se alguém quer ser o primeiro, seja o último de todos e o servo de todos.

12 DECÁLOGO da Espiritualidade

13 1. Escut ar

14 2. Acolher

15 3. Solidarizar - se O missionário não vive à margem dos problemas do seu povo. Leva na sua formação uma grande sensibilidade humana e social com um forte sentido de justiça e verdade.

16 4. Resistir Consciente da situação em que vive, o cristão sabe "agüentar"os momentos difíceis sem desistir.

17 5. Esperar A paciência é uma das virtudes mais missionárias. Caminhar com um grupo e colocar-se no ritmo de sua história, implica saber esperar com paciência o que vai acontecer.

18 6. Crer no Deus da Vida A fé em Deus e o amor profundo e pessoal a Cristo sustentam o missionário. Se não houver fé, não há missão nem vida de Espiritualidade.

19 7. Amar sem condições Encontramos Cristo nos pobres e nos que sofrem, já que eles são os preferidos de Deus.

20 A oração alimenta cada dia a fé do discípulo missionário. 8. Orar sem desanimar

21 9. Assumir a Cruz Missão, cruz e missionário formam um trio inseparável, como a vida de Jesus. Não há outro caminho possível para percorrer. Dizia Daniel Comboni que a "missão nasce e cresce aos pés da cruz"..

22 10. Ser coerente A credibilidade do discípulo missionário apoia-se no testemunho de vida, até as últimas conseqüências.

23 1.Escutar 2.Acolher 3.Solidarizar 4.Resistir 5.Esperar 6.Crer no Deus da Vida 7. Amar sem condições 8.Rezar sem desanimar 9. Assumir a Cruz 10. Ser coerente

24 Que o discípulo missionário possa mergulhar, de modo cada vez mais profundo, nas Escrituras, na liturgia, na teologia, na evangelização e no compromisso pastoral, fruto da experiência do "partir o pão".

25 Isto é viver a espiritualidade a cada dia: é viver o tempo da Graça (o kairós)


Carregar ppt "O primeiro traço da espiritualidade é nunca esquecer que somos chamados, para a missão. Quem nos chamou e enviou foi o próprio Deus: para o serviço do."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google