A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1) Um astrônomo, ao estudar a estrela dupla E1 e E2, observou que ambas executavam um movimento circular uniforme em torno do ponto P, como se estivessem.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1) Um astrônomo, ao estudar a estrela dupla E1 e E2, observou que ambas executavam um movimento circular uniforme em torno do ponto P, como se estivessem."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 1) Um astrônomo, ao estudar a estrela dupla E1 e E2, observou que ambas executavam um movimento circular uniforme em torno do ponto P, como se estivessem ligadas por uma barra imaginária. Ele mediu o período dos movimentos das estrelas obtendo T = 12 dias. r1r2 Observou ainda que o raio r1 da trajetória de E1 era três vezes menor do que o raio r2 da trajetória E2. Se, em uma dada observação, as estrelas ocupavam as posições indicadas na figura e se movem no sentido indicado pelas setas, assinale a alternativa na qual estão corretamente indicadas as posições das estrelas 15 dias depois P E2 E1 E2 a) b) c) d) E1 E2 e) P P P P P P X

4 2) Em uma estrada, dois carros A e B entram simultaneamente em curvas paralelas com raios rA e rB. O velocímetro de ambos os carros indicam, ao longo de todo o trecho curvo, valores constante vA e vB. Se os carros saem das curvas ao mesmo tempo, a relação entre VA e VB é : A B rB rA A = B VA = A. rA A = VA rA VB = B. rB B = VB rB A = B VA rA VB rB = VA VB rA rB = a)VA = vB b)vA / vB = rA / rB c)Va / vB = (rA / rB)² d)vA / vB = rB / rA e)vA / vB = (rB / rA)² X

5 3) Considere que a Lua descreve uma órbita circular uniforme em torno da Terra. Assim sendo, assinale a opção em que estão representadas a resultante (Fr) sobre o satélite e a sua velocidade (v) a) b)c)d)e) Fr = 0 Fr VVVVV A Força Resultante tem a mesma direção e o mesmo sentido que a aceleração centrípeta. A aceleração centrípeta é perpendicular à velocidade e tem o sentido para o centro da trajetória. X

6 4) Os princípios básicos da mecânica foram estabelecidos por Newton e publicados em 1686, sob o título Princípios Matemáticos da Filosofia Natural. Com base nestes princípios, é correto afirmar: A)A aceleração de um corpo em queda livre depende da massa desse corpo. B)As forças de ação e reação são forças de mesma intensidade e estão aplicadas em um mesmo corpo. C)A massa de um corpo é uma propriedade desse corpo e do local onde se encontra. D)Quanto maior for a massa de um corpo, maior será a sua inércia. E)A lei da inércia, que é uma síntese das idéias de Galileu sobre a inércia, afirma que, para manter um corpo em movimento retilíneo uniforme, é necessária a ação de uma força Quanto maior for a massa de um corpo, maior será a sua inércia. X

7 5) Um motorista é obrigado a frear um veículo de massa M que se movimenta sobre uma estrada retilínea e horizontal com velocidade 20 m/s (72 km/h). Admitindo-se que o processo de retardamento se deva exclusivamente a ação do atrito, que tem intensidade igual a 50% da componente normal da força de contato, a distância necessária para o carro parar é, em metros: (adote g = 10 m/s²) A)20 B)30 C)40 D)50 E)60 P N A P = m. g P = m. 10 P = 10m Vo=20m/sV=0 S = ? P = N Fr = A N = 10m A = 50% N A = 50/ m A = 5 m Fr = m. a 5m = m. a a = 5m m a = 5 m/s² V² = Vo² + 2. a. S 0² = 20² + 2.(- 5). S 0 = S 10 S = 400 S = 400 / 10 S = 40 m pára x

8 6) Um corpo de massa 10 kg está em repouso sobre um plano horizontal com o qual o atrito é desprezível. Determinar a intensidade da força horizontal (F) constante que se deve aplicar ao corpo para que ele desloque 40 m em 4 s. m = 10 kg Vo = 0 F = FR S = 40 m t = 4 s S = Vo. t + a/2. t² 40 = a/2. 4² 40 = 0 + a/ = 8.a 40 = a 8 a = 5 m/s² FR = m. a FR = FR = 50 N a)25 N b)50 N c)75 N d)100 N e)125 N x

9 7) Um corpo de massa 3 kg percorre uma trajetória retilínea sobre uma superfície plana horizontal. O gráfico da velocidade em função do tempo de seu movimento é o indicado na figura. 20 V (m/s) t (s) 4 Sabendo-se que uma força F horizontal constante de intensidade 6,0 N age sobre o corpo apenas no intervalo 0 a 4 s e que, durante todo o movimento a intensidade do atrito é constante, o instante (tp) em que o corpo pára vale: m = 3 kg Vo = 20 m/s FR = 6 N tp = ? V = 0 (pára) FR = m. a 6 = 3. a6 /3 = a a = 2 m/s² V = Vo + a. t 0 = t 2. t = 20 t = 20 / 2 t = 10 s a)4 s b)5 s c)9 s d)12 s e)14 s t = 10 s tp=14 X

10 8) A figura 1 a seguir representa uma esfera de massa m, em repouso, suspensa por um fio inextensível de massa desprezível. A figura 2 representa o mesmo conjunto oscilando como um pêndulo, no instante em que a esfera passa pelo ponto mais baixo de sua trajetória. Figura 1Figura 2 A respeito da força de tração no fio e do peso da esfera respectivamente, no caso da Figura 1 (T1 e P1) e no caso da Figura 2 (T2 e P2), podemos dizer que: a)T1 = T2 e P1 = P2 b)T1 > T2 e P1 = P2 c)T1 = T2 e P1 < P2 d)T1 P2 e)T1 < T2 e P1 = P2 P1 P2 T1 T2FR P1 = T1 FR = T2 – P2 T2 > T1 X P1 = P2

11 9) Um pêndulo cônico é constituído por uma esfera de pequenas dimensões presa por meio de um fio a um ponto fixo e que é posta para girar em uma trajetória plana, circular e horizontal. Observe que não existe superfície de apoio para a esfera da figura. Desprezando a resistência do ar, assinalar a alternativa na qual estão corretamente assinaladas as forças que agem na esfera a)b) c)d) e) P T X

12 10) Uma espaçonave desloca-se com velocidade constante de 10³ m/s. Acionando-se seu sistema de aceleração durante 10 s, sua velocidade aumenta uniformemente para 10 4 m/s mantendo-se em trajetória retilínea. O deslocamento escalar da espaçonave nesse intervalo de tempo é: a)5, m b)10 4 m c)5,5. 10³ m d)3,5. 10³ m e)10³m Dados: Vo = 10³ m/s V = 10 4 m/s t = 10 s S = ? V² = Vo² + 2. a. S (10 4 )² = (10³)² + 2. (9.10²). S a = V t a = – a = 10 4 – 10³ 10 a = a = 900 m/s² 10 8 = ². S = 18.10². S = 18.10². S = 18.10². S ² S = S = 5, m X a = 9.10² m/s²

13 11) Uma polia gira em torno de um eixo em movimento de rotação uniforme. 5 cm = 0,05 m Se a velocidade do ponto A, que está a 5 cm do eixo de rotação, é 3,14 m/s, podemos afirmar que: ( = 3,14) a)A freqüência do movimento de rotação da polia é 600 rpm b)A freqüência do movimento de rotação da polia é 600 HZ c)A velocidade angular do movimento de rotação da polia é 600 rad/s d)Todos os pontos da polia apresentam velocidade escalar = 3,14 m/s e)A freqüência do movimento de rotação da polia é 10 rpm Dados: r=0,05m V=3,14m/s V =. r 3,14 =. 0,05 = 3,14 / 0,05 = 62,8 rad/s = 2.f 62,8 = 2. 3,14.f 62,8 = 6,28.f 62,8 / 6,28 = f f = 10 Hzf=600 rpm X é igual em todos os pontos (x60)

14 P T X 12) Um corpo de pequenas dimensões está preso por meio de um fio ideal a um ponto fixo. O corpo é colocado para se movimentar em trajetória circular, horizontal. Sabendo-se que a velocidade escalar do movimento é constante e que a resistência do ar é desprezível nas condições da experiência, está correto afirmar que: a)O corpo está submetido a ação de duas forças e a resultante delas é nula. b)O corpo está submetido a ação de três forças e a resultante delas é nula. c)O corpo está submetido a ação de três forças e a resultante delas é diferente de zero. d)O corpo está submetido a ação de uma única força. e)O corpo está submetido a ação de duas forças e a resultante delas é diferente de zero.

15 13) Na figura está indicado o gráfico da velocidade em função do tempo de um corpo de massa 3 kg em trajetória retilínea. A intensidade da resultante das forças que agem sobre ele é : a)36 N b)24 N c)12 N d)6 N e)2 N V(m/s) t (s) FR = m. a Dados : m = 3 kg Vo = 8 m/s V = 12 m/s t = 2 s a = V t a = a = 4 2 a = 2 m/s² FR = 3. 2 FR = 6 N X

16 14) Com relação a um corpo em repouso apoiado sobre uma mesa plana horizontal, são feitas quatro afirmações: I.Peso e Normal não constituem par ação e reação. II.A reação do Peso está no centro da Terra. III.Normal e Peso não apresentam necessariamente a mesma intensidade. IV.A força que o corpo aplica no apoio é o seu Peso. Assinale a alternativa correta: a)Nenhuma afirmação está correta b)Apenas uma afirmação é correta c)Há apenas duas afirmações corretas d)Há apenas três afirmações corretas e)Todas afirmações estão corretas. certo errado A força que o corpo aplica no apoio é a Normal. X

17 15) Um corpo de massa 100g desliza sobre um plano horizontal sem atrito em MCU preso por meio de um fio de comprimento 20 cm a um ponto fixo. r = 0,20m Se a freqüência do movimento é 600 rpm, a intensidade da força de tração no fio vale aproximadamente: ( ² = 10) a)800 N b)80 N c)40 N d)20 N e)10 N Dados: m = 100 g (:1000) = 0,1 kg r = 0,20 m f = 600 rpm (:60) = 10 Hz P N T P = NFR = T T = m. ac = 2.f = 2.10 = 20 rad/s ac = ². r ac = (20 )². 0,2 ac = 800 m/s² T = 0, T = 80 N FR = m. ac X ac = 4000 ². 0,2

18 16) Num local onde g = 10 N/kg um corpo de massa 20 kg apoia-se sobre o piso de um elevador que desce em movimento retardado com aceleração |a | = 3 m/s². A intensidade da força que o corpo troca com o piso vale: a)20 N b)140 N c)200 N d)260 N e)600 N elevador P N desce retardado V a FR N > P FR = m. | a | N - P = m. | a | P = m. g P = P = 200 N N = N = 60 N = N = 260 N A força que o corpo troca com o apoio é a Normal X

19 17) Um corpo se desloca em uma trajetória retilínea e horizontal.No instante t = 0 seu movimento é para a direita. Sua velocidade pode ser calculada em cada instante pela expressão V = 12 – 4. t (SI). Assinalar a alternativa na qual estão descritas as características da velocidade vetorial desse corpo no instante 5 s. a)Intensidade 8 m/s; direção horizontal; sentido para a esquerda. b)Intensidade 8 m/s; direção horizontal; sentido para a direita. c)Intensidade – 8 m/s; direção horizontal; sentido para a esquerda. d)Intensidade – 8 m/s; direção horizontal; sentido para a direita. e)Intensidade 8 m/s; direção para a esquerda; sentido horizontal. V = 12 – 4. tV = 12 – 4. 5 V = 12 – 20 V = - 8 m/s Em t = 0 a V = 12 m/s (Vo = 12 m/s) positiva e movimentando-se para a direita. Portanto se a velocidade passa a ser negativa é porque está se movimentando em sentido contrário: para a esquerda. X

20 18) Motoristas que dirigem de modo prudente sabem da necessidade de manter uma certa distância do veículo da frente para evitar colisões. Sabem também que a distância adequada depende principalmente da velocidade do veículo, do estado dos pneus, do tipo e do estado do pavimento. Preocupado com esse problema, um motorista resolve realizar algumas medidas em uma pista retilínea e horizontal. Descobre que precisa de 40 m para parar o seu carro quando esse se movimenta a 72 km/h (20 m/s). Supondo que a causa de retardamento do veículo seja exclusivamente ao atrito, ele pode concluir que: (g=10m/s²) a)O resultado encontrado vale para qualquer pista. b)Seriam necessários 20m para parar o mesmo veículo na mesma pista, se ele se movimentasse a 36 km/h (10 m/s). c)Nas mesmas condições do problema, a intensidade do atrito é a metade da intensidade da Normal. d)Nas condições do problema, o atrito tem a mesma intensidade da Normal e)A distância necessária para parar um veículo em uma determinada pista é diretamente proporcional à sua velocidade. X

21 Resolução do exercício 18 Dados: S = 40 m Vo = 20 m/s g = 10 m/s² FR = Atrito V² = Vo² + 2. a. S 0² = 20² + 2. a = a 80 a = a = a = 5 m/s² P = m. g P = m. 10 P = 10 m FR = A FR = m. | a | A = m. | 5 | A = 5 m O Atrito tem a metade da intensidade da Normal A pista é retilínea e horizontal P = N N= 10m

22 19)Uma resultante de 20 N age sobre um corpo de massa 4,0 kg durante 2,0 s. Se o corpo parte do repouso, seu deslocamento no intervalo de tempo em que a força atuou é : a)20 m b)10 m c)5 m d)2,5 m e)2,0 m Dados: FR = 20 N m = 4 kg t = 2 s Vo = 0 S = ? FR = m. | a | 20 = 4. a a = 20 / 4 a = 5 m/s² S = Vo. t + a/2. t² S = /2. 2² S = 5/2. 4 S = 10 m X

23 20) Durante uma brincadeira, Bárbara arremessa uma bola de vôlei verticalmente para cima, como mostrado na figura. Assinale a alternativa cujo diagrama melhor representa a(s) força(s) que atua(m) na bola no ponto mais alto de sua trajetória. a)b) c) d)e) Nenhuma força atua sobre a bola nesse ponto X

24 21) Um fio de comprimento L prende um corpo de peso P e dimensões desprezíveis ao teto. Deslocado lateralmente o corpo recebe um impulso horizontal e passa a descrever um movimento circular uniforme num plano horizontal, de acordo com a figura a seguir. A resultante das forças que agem sobre o corpo tem intensidade: P T a) T b) P c) T - P d) Pcos e) Ptg P T FR sen = FR T FR = Tsen cos = P T tg = FR P FR = Ptg X

25 22) É comum as embalagens de mercadorias apresentarem a expressão Peso líquido. O termo líquido sugere que o valor indicado na embalagem corresponde apenas ao conteúdo. Em umpote de mel pode- se ter a frase: peso líquido 500g. Nesse sentido, analise quantoà coerência com os sistemas de unidades adotados na Física, se as afirmativas a seguir são falsas ou verdadeiras, na medida em que a frase indicada na embalagem. I)A inscrição está certa, pois o peso é uma força e,portanto pode ser expresso em gramas. II)A inscrição estaria certa se fosse massa líquida 500 g. III)A inscrição está certa porque g é o campo gravitacional e P = m.g IV)A inscrição está errada,porque o peso não pode ser expresso em gramas. A combinação correta é: a)I e II verdadeiras, III e IV falsas b)I e III falsas, II e IV verdadeiras c)I e IV falsas, II e III verdadeiras d)I e II e III falsas, IV verdadeira e)I e III e IV verdadeiras, II falsa X F V F V

26 23) Uma partícula de massa igual a 10 kg é submetida a ação de duas forças perpendiculares entre si de 3N e 4N. Pode se afirmar que o módulo de sua aceleração é: a)5,0 m/s² b)50 m/s² c)0,5 m/s² d)7,0 m/s² e)0,7 m/s² FR FR² = F1² + F2² FR² = 3² + 4² FR² = FR² = 25 FR = 5 N FR = m. a 5 = 10. a a = 5 / 10 a = 0,5 m/s² X

27 24) O elevador de passageiros começou a ser utilizado em meados do sec XIX, favorecendo o redesenho arquitetônico das grandes cidades e modificando os hábitos de moradia. Suponha que o elevador de um prédio sobe com aceleração constante de 2 m/s², transportando passageiros cuja massa total é de 5,0x10² kg. Durante esse movimento de subida, o piso do elevador fica submetido à força de: dado: aceleração da gravidade = 10 m/s² a)5,0x10² N b)1,5x10³ N c)4,0x10³ N d)5,0x10³ N e)6,0x10³ N Elevador sobe acelerado V aFR P NN > P FR = m. a N – P = m. a P = m. g P = P = 5000 N N – 5000 = N – 5000 = 1000 N = N = 6000 N X

28 25) Considere um ventilador com hélice girando. Em relação aos pontos da hélice, é correto afirmar que: a)Os pontos mais afastados do eixo de rotação tem maior velocidade linear (escalar). b)Todos têm a mesma aceleração centrípeta. c)Os pontos mais afastados do eixo de rotação têm maior velocidade angular. d)Os pontos mais afastados do eixo de rotação têm menor aceleração centrípeta. e)Todos têm a mesma velocidade linear (escalar). X V =. r Quanto maior o raio maior a velocidade V

29 26) Um motoboy muito apressado,deslocando-se a 30 m/s, freou para não colidir com um automóvel a sua frente. Durante a frenagem, sua moto percorreu 30 m de distância em linha reta, tendo sua velocidade uniformemente reduzida até parar, sem bater no automóvel. O módulo da aceleração média da moto, em m/s², enquanto percorrida a distância de 30 m, foi de : a)10 b)15 c)30 d)45 e)108 Dados: Vo = 30 m/s V = 0 S = 30 m V² = Vo² + 2. a. S 0² = 30² + 2. a = a 60 a = a = / 60 a = - 15 m/s² em módulo a = 15 m/s² X

30 27) A velocidade de um móvel aumenta, de maneira uniforme, 2,4 m/s a cada 3,0 s. Em certo instante, a velocidade do móvelé de 12 m/s. A partir desse instante, nos próximos 5,0 s a distância percorrida pelo móvel, em metros é: a)10 b)30 c)60 d)70 e)90 a = V t a = 2,4 3 a = 0,8 m/s² Dados: v = 2,4 m/s Vo = 12 m/s S = ? t =3 s t = 5 s V = Vo + a. t V = ,8. 5 V = V = 16 m/s V² = Vo² + 2. a. S 16² = 12² ,8. S 256 = ,6. S 1,6. S = ,6. S = 142 S = 142/ 1,6 S = 70 m X

31 28) Um carro está viajando numa estrada retilínea com a velocidade de 72 km/h. vendo adiante um congestionamento no trânsito, o motorista aplica os freios durante 2,5s e reduz a velocidade para 54 km/h. Supondo que a aceleração é constante durante o período de aplicação dos freios, calcule o seu módulo, em m/s². a)2,0 b)2,5 c)5,0 d)7,2 e)18 Dados: Vo = 72 km/h (:3,6 ) = 20 m/s V = 54 km/h (:3,6) = 15 m/s t = 2,5 s a =? V = Vo + a. t 20 = 15 + a. 2, = a. 2,5 5 = a. 2,5 a = 5 / 2,5 a = 2 m/s² X


Carregar ppt "1) Um astrônomo, ao estudar a estrela dupla E1 e E2, observou que ambas executavam um movimento circular uniforme em torno do ponto P, como se estivessem."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google