A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aula 1 – António Albano Baptista Moreira EMPREENDEDORISMO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aula 1 – António Albano Baptista Moreira EMPREENDEDORISMO."— Transcrição da apresentação:

1 Aula 1 – António Albano Baptista Moreira EMPREENDEDORISMO

2 Aula 1 – 08/08/2012 Apresentação pessoal A disciplina Organização Expectativas Calendário Filmes Quais os desafios ? OBJETIVOS

3 Apresentação Formado em Administração e Pós graduado em Gestão Estratégica; Executivo Sênior em Multinacionais de classe mundial, na área de TI; Instrutor do Sebrae para os cursos Aprender a Empreender e Soldado Cidadão; Coordenador dos Cursos Gestão Estratégica de PMEs, Finanças e Tributária - CET OPET; Professor de Empreendedorismo e Gestão – CET OPET, FAEL; Palestrante de Motivação, Criatividade e Gestão; Consultor para pequenas e médias empresas em Gestão, BI e TI;

4 Dados do professor António Albano Baptista Moreira antonioabmoreira aabmoreira

5 Contrato Turmas TGE 102 A TGE 111 A Objetivos comuns, quais? Organização Integração Participação Crescimento Resultados a atingir? Faltas Horários

6 Metodologia Aulas expositivas com apoio de slides e quadro, filmes, estudo de casos, trabalhos individuais, filmes e debates.

7 Material de apoio Cópias de apostilas, indicação de capítulos de livros, sites, etc. Uso do site, htp://opetempreendedorismo.pbworks.com Login e senha Como usar

8 Ao final o que levaremos ? APRESENTAÇÕES VISÃO DA DISCIPLINA FUNCIONAMENTO EMPREENDEDORISMO INFORMAÇÕES DA TURMA

9 De que se trata... Nesta disciplina o aluno irá entender a importância do empreededorismo para um país e/ou organização. Para tal, verificará que o perfil e competências de um empreendedor podem ser desenvolvidos. Conhecerá os motivos de sucesso e de fracassos dos novos negócios, bem como, a importância de um Plano de Negócio. Saberá identificar novas oportunidades e tendências de mercado.

10 Competências NºDescriçãoNível 01 Entender o conceito de empreendedorismo, sua tipologia, bem como, importância econômica para um país e inovadora para as empresas. F 02 Conhecer as bases do pensamento empreendedor e suas fundações. N 03 Identificar as características comportamentais e atitudinais do empreendedor e intra-empreendedor. F 04 Identificar barreiras e estímulos organizacionais ao comportamento intra-empreendedor. I 05 Entender o ciclo de vida organizacional, bem como, saber diferenciar uma oportunidade de uma idéia. N 06 Entender a importância da análise ambiental, bem como, saber como identificar e avaliar a concorrência. N

11 Competências NºDescriçãoNível 07 Saber como analisar o mercado, bem como, seu ciclo de vida e variáveis ambientais. N 08 Entender os principais motivos para a falência prematura de novos empreendimentos. I 09 Entender a importância de um Plano de Negócios, sua estrutura e principais motivos para a sua concepção e controle. F 10 Verificar as possibilidades de negócios por meio de franquias, incubadoras, associações e arranjos produtivos locais. I

12 Apoio bibliográfico Bibliografia Básica DORNELAS, José Carlos Assis. Empreendedorismo: transformando ideias em negócios. 2. ed., rev. e atual. Rio de Janeiro: Editora Campus, MALHEIROS, Rita de Cássia da Costa; FERLA, Luiz Alberto; CUNHA, Cristiano J. C. de Almeida (organizadores). Viagem ao mundo do empreendedorismo. 2 ed. Florianópolis: IEA – Instituto de Estudos Avançados, 2005.

13 Apoio bibliográfico Bibliografia Complementar Referência AIDAR, Marcelo Marinho. Empreendedorismo. São Paulo: Thomson, BERNARDI, Luiz Antonio. Manual de empreendedorismo gestão: fundamentos, estratégias e dinâmicas. São Paulo: Atlas, 2010.

14 Apoio bibliográfico Bibliografia Complementar Referência BERNHOEFT, Renato. Como tornar-se um empreendedor (em qualquer idade). São Paulo: Nobel, CHAGAS, Fernando Celso Dolabela. O segredo de Luísa: uma idéia, uma paixão e um plano de negócios: como nasce o empreendedor e se cria uma empresa. Rio de Janeiro: Cultura, CHAGAS, Fernando Celso Dolabela. Oficina do empreendedor: a metodologia de ensino que ajuda a transformar conhecimento em riqueza. São Paulo: Cultura, CHIAVENATO, Idalberto. Empreendedorismo: dando asas ao espírito empreendedor: empreendedorismo e viabilização de novas empresas: uma guia eficiente para iniciar e tocar seu próprio negócio. 3 ed. São Paulo: Saraiva, 2008.

15 Apoio bibliográfico Bibliografia Complementar Referência DRUCKER, Peter Ferdinand. Inovação e espírito empreendedor: entrepreneurship - prática e princípios. São Paulo: Editora Pioneira, FERNANDES, Bruno H. Rocha; BERTON, Luiz Hamilton. Administração estratégica: da competência empreendedora à avaliação de desempenho. São Paulo: Saraiva, MENDES, Jerônimo. Manual do empreendedor: como construir um empreendimento de sucesso. São Paulo: Atlas, SALIM, Cesar Simões; [et al.]. Construindo planos de negócios: todos os passos necessários para planejar e desenvolver negócios de sucesso. 3. ed., rev. e atual. Rio de Janeiro: Editora Campus, 2005.

16 Apoio bibliográfico - Livros de trabalho TÍTULOAUTOR/EDITORA Empreender, fazendo a diferençaMichael F. Gerber Editora Fundamento Como elaborar um plano de negocio Sebrae Fernando Dolabella: Oficina do empreendedor O segredo de Luiza

17 Nossos encontros DATABASES TECNOLÓGICAS TRABALHADASNºs COMPETÊNCIAS ENVOLVIDAS OBSERVAÇÕES 08/08 Apresentação, formas de avaliação. Empreendedorismo: conceito, tipos e importância; Fundações do comportamento empreendedor e destruição criativa na Economia Austríaca de Joseph Alois Schumpeter; Dimensões ou fatores do construto comportamento empreendedor e intra-empreendedor; Características comportamentais e atitudinais do empreendedor e intra-empreendedor. TODAS DE FORMA GERAL COMPETÊNCIA 1 APRESENTAÇÃO GERALD A DISCILINA DO QUE VAI SER TRATADO, DA METODOLOGIA E DAS AVALIAÇÕES 15/08 Empreendedorismo: conceito, tipos e importância; Fundações do comportamento empreendedor e destruição criativa na Economia Austríaca de Joseph Alois Schumpeter; Dimensões ou fatores do construto comportamento empreendedor e intra-empreendedor; Características comportamentais e atitudinais do empreendedor e intra-empreendedor. COMPETÊNCIA 1 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE 22/08 Empreendedorismo: conceito, tipos e importância; Fundações do comportamento empreendedor e destruição criativa na Economia Austríaca de Joseph Alois Schumpeter; Dimensões ou fatores do construto comportamento empreendedor e intra-empreendedor; Características comportamentais e atitudinais do empreendedor e intra-empreendedor. COMPETÊNCIA 2 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE 29/08 Empreendedorismo: conceito, tipos e importância; Fundações do comportamento empreendedor e destruição criativa na Economia Austríaca de Joseph Alois Schumpeter; Dimensões ou fatores do construto comportamento empreendedor e intra-empreendedor; Características comportamentais e atitudinais do empreendedor e intra-empreendedor. COMPETÊNCIA 2 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE

18 05/09 Empreendedorismo: conceito, tipos e importância; Fundações do comportamento empreendedor e destruição criativa na Economia Austríaca de Joseph Alois Schumpeter; Dimensões ou fatores do construto comportamento empreendedor e intra- empreendedor; Características comportamentais e atitudinais do empreendedor e intra-empreendedor. COMPETÊNCIA 3 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE 12/09 Empreendedorismo: conceito, tipos e importância; Fundações do comportamento empreendedor e destruição criativa na Economia Austríaca de Joseph Alois Schumpeter; Dimensões ou fatores do construto comportamento empreendedor e intra- empreendedor; Características comportamentais e atitudinais do empreendedor e intra-empreendedor. COMPETÊNCIA 3 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE 19/08 Barreiras e estímulos organizacionais ao comportamento intra-empreendedor; Características políticas e de gestão de organizações efetivamente empreendedoras; Características estruturais das organizações empreendedoras; Características culturais das organizações empreendedoras; Influência das redes sociais inter e intra- organizacionais sobre o comportamento empreendedor e intra-empreendedor. COMPETÊNCIA 4 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE 22/09REVISÃO - SABADO LETIVOCOMPETÊNCIAS DE 1 A 4 26/09AVALIAÇÃO ESCRITA INDIVIDUALCOMPETÊNCIA 1 A 4

19 03/10 Ciclo de Vida das Organizações; Inovação e Competitividade; Inovação e Criatividade; Identificação e aproveitamento de oportunidades; Diferenciação entre idéias e oportunidades e processos de identificação de oportunidades. COMPETÊNCIA 5 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE 10/10 Análise da concorrência; Tamanho e potencial de mercado; Ciclo de vida do setor: expansão Oferta e demanda; Variáveis ambientais: demográfica, geográfica, tecnológica, ambiental, política/legal, sociocultural; Sazonalidade. COMPETÊNCIA 6 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE 17/10 Análise da concorrência; Tamanho e potencial de mercado; Ciclo de vida do setor: expansão Oferta e demanda; Variáveis ambientais: demográfica, geográfica, tecnológica, ambiental, política/legal, sociocultural; Sazonalidade. COMPETÊNCIA 7 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE

20 24/10 Planejamento estratégico; Planejamento financeiro; Endividamento; Fonte de recursos; Capital de giro. COMPETÊNCIA 8 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE 31/10 Plano de Negócios: conceito, importância e estrutura. COMPETÊNCIA 9 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE 07/11 Plano de Negócios: conceito, importância e estrutura. COMPETÊNCIA 9 AULA EXPOSITIVA DIALOGADDA COM APOIO AUDIOVISUAL E TRABALHOS EM EQUIPE

21 14/11 Franquias; Associações Produtivas Locais (APL´s) Incubadoras. COMPETÊNCIA 10 APRESENTAÇ ÕES ORAIS E ESCRITAS DAS EQUIPES 21/11 APRESENTAÇÕES DOS TRABALHOS TODAS COMPETÊNCIAS APRESENTAÇ ÕES ORAIS E ESCRITAS DAS EQUIPES 24/11 REVISÃO – SÁBADO LETIVO TODAS COMPETÊNCIAS APRESENTAÇ ÕES ORAIS E ESCRITAS DAS EQUIPES 28/11 AVALIAÇÃO ESCRITA INDIVIDUAL COMPETÊNCIA 5 A 10 05/12 TODAS DE FORMA GERAL TODAS AS COMPETÊNCIAS RECONSTRU ÇÃO

22 DATANºs COMPETÊNCIAS AVALIADASINSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO TODAS AULAS DURANTE AS AULAS DE CADA COMPETÊNCIA TRABALHOS INDIVIDUAIS E EM EQUIPE REALIZADOS EM SALA 26/09COMPETÊNCIAS 1, 2, 3, 4INDIVIDUAL ESCRTIA 21/11TODAS AS COMPETÊNCIAS APRESENTAÇÃO ORAL E ESCRITA DE UM PLANO DE NEGÓCIOS 28/11COMPETÊNCIAS 5, 6, 7, 8, 9 E 10INDIVIDUAL ESCRTIA 05/12 TODAS AS COMPETÊNCIAS/RECONSTRUÇÃO INDIVIDUAL ESCRTIA 29/08CHTAE 3 hrsENTREGA TRABALHO INDIVIDUAL 26/09CHTAE 3 HrsENTREGA TRABALHO INDIVIDUAL 24/11CHTAE 4 hrsENTREGA TRABALHO INDIVIDUAL 28/12CHTAE 4 hrsENTREGA TRABALHO INDIVIDUAL

23 Conteúdo Programático Competência 1 a 3: Empreendedorismo: conceito, tipos e importância; Fundações do comportamento empreendedor e destruição criativa na Economia Austríaca de Joseph Alois Schumpeter; Dimensões ou fatores do construto comportamento empreendedor e intra-empreendedor; Características comportamentais e atitudinais do empreendedor e intra- empreendedor. Competência 4: Barreiras e estímulos organizacionais ao comportamento intra- empreendedor; Características políticas e de gestão de organizações efetivamente empreendedoras; Características estruturais das organizações empreendedoras; Características culturais das organizações empreendedoras; Influência das redes sociais inter e intra-organizacionais sobre o comportamento empreendedor e intra-empreendedor. Competência 5: Ciclo de Vida das Organizações; Inovação e Competitividade; Inovação e Criatividade; Identificação e aproveitamento de oportunidades; Diferenciação entre idéias e oportunidades e processos de identificação de oportunidades.

24 Conteúdo Programático Competência 6 e 7: Análise da concorrência; Tamanho e potencial de mercado; Ciclo de vida do setor: expansão Oferta e demanda; Variáveis ambientais: demográfica, geográfica, tecnológica, ambiental, política/legal, sociocultural; Sazonalidade. Competência 8: Planejamento estratégico; Planejamento financeiro; Endividamento; Fonte de recursos; Capital de giro. Competência 9: Plano de Negócios: conceito, importância e estrutura. Competência 10: Franquias; Associações Produtivas Locais (APL´s) Incubadoras.

25 Material adicional Livros digitalizados Modelo de Plano de negócios

26 Na internet... Links de páginas, blogs, etc

27 Retomando... Serão retomados assuntos vistos na aula anterior

28 O que responder O que é empreendedorismo? Importância do empreendedorismo? Se nasce empreendedor? Um boa idéia é um bom negócio? Processo de empreender? Abrir empresa? Terceiro setor? Atitude?

29 O que responder O que é Empreendedorismo O Empreendedor – importância, características Identificar e auto avaliação empreendedora O que move o empreendedor Oportunidades, identificação, caminho até um negócio Plano de vida Inovação, criatividade, tomada de decisão Plano de negócios

30 Sessão pipoca... Deixa a vida me levar

31 Sessão pipoca... William Kamkwamba

32 Vamos ao conteúdo EMPREENDEDORISMO

33 Lembrar Mitos e definições; A importância do Empreendedorismo; Contextualizar o empreendedorismo; Intra empreendedorismo Algumas recomendações; Como fazer?

34 TEMAS A DISCUTIR Introdução / Objetivos. Qual a situação que vivemos hoje ? O perfil do profissional atual. Realidade das MPE´s. Importância das MPE´s. O que fazer ? Empreendedorismo, o que vem a ser isto?

35 Transição DESCOMPASSO VELOCIDADE MUDANÇAS DO AMBIENTE VELOCIDADE MUDANÇAS INTERNAS

36 4 REVOLUÇÕES TECNOLOGIAGLOBALIZAÇÃO GESTÃO DAS EMPRESASNATUREZA HUMANA

37 Redução de 44 % JUN JAN Tecnologia Nº DE BANCÁRIOS NO BRASIL Automação Fonte: Dieese - Linha Bancários

38 Média ponderada do PIB regional e do crescimento do emprego EMPREGOS PIB Crescimento econômico sem crescimento do emprego

39

40 BIOLÓGICOMECANICISTA times de trabalhoorganograma empowermentcontrole lídergerente cérebro de obramão-de-obra Capital HumanoCapital Financeiro Gestão das Empresas Mudança de Paradigmas PARADE

41 A rapidez do Pequeno

42 Mensagem O mundo não está dividido entre grandes e pequenos, mas sim entre rápidos e lentos e somente os rápidos sobreviverão Peter Drucker

43 A revolução da natureza humana PODERÉPOCAS Nas Cavernas Alimento Agricultura Território Mercantilista Rei Industrial Capitalista Conhecimento Pessoas

44 Nova economia X Velha economia ? Nova empresa X Velha empresa ? Nova gestão X Velha gestão ? Novo consumidor X Velho consumidor ? Novo administrador X Velho administrador ? OS NOVOS DESAFIOS

45 Revista Época Negócios, março 2007, pág. 170

46 Mundo dos negócios atual Globalização dos negócios com crise Complexidade e volume das variáveis em jogo Grande volume de dados Disponibilidades de inúmeras informações Decisões rápidas Inconstância dos mercados Complexidade das organizações O cliente é mutante e infiel Crescimento dos concorrentes Análise complexa – questões impossíveis de se prever.

47 Humm......

48 O profissional ? Criatividade Adaptabilidade Resiliência Conhecimento e voltado para prática Foco em metas Resolução de problemas Tomada de decisão Espírito de equipe Busca de oportunidades

49 A revolução da natureza humana Empregabilidade Como você esta se preparando para os Novos tempos?

50 Acabou o amadorismo: Conhecimento e informação são essenciais:

51 A IMPORTÂNCIA DAS MPE´S De a as firmas até 100 funcionários criaram 96% dos novos empregos – 1,9 milhão. Enquanto as firmas médias e grandes (mais de 100 funcionários) criaram empregos. O crescimento de empregos nas MPE foi de 19,2% e nas MGE de 0,6%. O crescimento das novas MPE´s foi cerca de 98,7% em Após os 4 primeiros anos apenas 50% das firmas de pequeno porte sobrevivem. Grandes – 83%.

52 Dados da importância das PMEs 6,5 milhões de PMEs no País; 50 mil Médias; 60% de todos os empregos com carteira; 19,6 milhões de trabalhadores

53 A IMPORTÂNICA DAS MPE´S Total Func Milhões 9,3%17,1%19,4%20,4%33.8% Dados de fonte - RAIS Em número de Funcionários Total Emp %22,8%5,8%1,2%0,2% Em número de Empresas

54

55 A situação hoje Criatividade Adaptabilidade Resiliência Conhecimento e voltado para prática Foco em metas Resolução de problemas Tomada de decisão Espírito de equipe Busca de oportunidades O perfil profissional exigido RESULTADO

56 Na vida pessoal Angústias e depressões; Agitação, sensação de impotência e falta de controle; Relações humanas desgastadas; Falta de controle da vida pessoal; Desemprego / falta de emprego.

57 A situação hoje Globalização dos negócios Complexidade e volume das variáveis em jogo, grande volume de dados Vida pessoal agitada. Disponibilidades de inúmeras informações Decisões rápidas Inconstância dos mercados Complexidade das organizações O cliente é mutante e infiel Crescimento dos concorrentes Análise complexa – questões impossíveis de se prever. RESULTADO

58 Dados de a 61% morrem no primeiro ano; 40 a 68% no segundo ano; 55 a 73% no terceiro ano.

59 O Ambiente nas PMEs Sobrevivência e Mortalidade das Empresas Paulistas de 1 a 5 anos : Falta de Capital de Giro; Falta de crédito; Problemas Financeiros; Maus pagadores; Falta de Clientes; Concorrência muito forte; Instalações inadequadas; Ponto inadequado; Carga tributária elevada; Fala de mão-de-obra qualificada; Falta de conhecimentos gerenciais; Recessão econômica no país.

60 Causas da mortalidade... 1º Falta de Capital de Giro- 42 % 2º Falta de Clientes - 25 % 3º Problemas financeiros- 21 % 4º Maus Pagadores- 16% 5º Falta de Crédito- 14% Fatores condicionantes e taxa de mortalidade de empresas no Brasil Sebrae - Relatório de Pesquisa Brasília Agosto 2004

61 Razões da Mortalidade das Empresas 1Escassez de recursos financeiros21,9 % 2Instabilidade econômica7,7 3Mercado Limitado7,7 4Concorrência7,3 5Problemas pessoais6,8 6Planos econômicos6,8 7Localização3,4 8Inflação3,4 9Elevados encargos financeiros3,0 10Falta de organização e administração3,0 FONTE : SEBRAE – PROGRAMA GERAÇÃO EMPRESA

62 Razões da Sobrevivência das Empresas 1Perseverança / Persistência20,3 % 2Boa administração14,2 3Dedicação do empresário13,6 4Boa estratégia de vendas5,7 5Capital próprio5,5 6Experiência no ramo4,7 7Mercado favorável4,3 8Reinvestir na empresa4,1 9Qualidade do produto3,3 10Única fonte de renda do empresário3,2 FONTE : SEBRAE – PROGRAMA GERAÇÃO EMPRESA

63 E AGORA JOSÉ ?

64 O QUE FAZER ENTÃO ? Inovação; Rapidez; Atendimento; Associativismo. Incubação; Cooperativismo; Empreendedorismo; Empregabilidade; Vantagens, diferenciais competitivos.

65 DE DONO A EMPREENDEDOR DONO DE EMPRESA : Visão D/D - de dentro para dentro da empresa. EFICIÊNCIA – Fazer as coisas bem feitas. EMPRESÁRIO : Visão D/F ou - de dentro para fora da empresa ou inverso. F/DConcorrente, Fornecedor, Cliente. EFICÁCIA – Fazer bem feito só o que precisa ser feito. EMPREENDEDOR : Visão F/F -de fora da empresa para fora da empresa. EFETIVIDADE – Manutenção da Eficácia no tempo. NECESSIDADE – Mudança de perfil conforme a evolução.

66 Fatores de sucesso da Micro Empresa Ambiente favorável (Mercado incluído) Gestão (Planejamento Inicial e continuidade) Conhecimento do ramo Empreendedorismo

67 As 3 funções do empresário Gestor / Administrador Técnico Empreendedor

68 A Gestão Objetivos: Estratégia; Diferencial; Planejamento; Controle; Padrões; Informações / Apoio; Melhoria contínua.

69 A Técnica Inovação; Qualidade; Padrões; Continuidade e melhoria.

70 PORQUÊ O EMPREENDEDORISMO ? Importância das Micro e Pequenas Empresas na geração de renda e empregos. Desenvolvimento e mudança social e econômica. Só os empreendedores triunfarão. Auto-realização pessoal. Empregabilidade.

71 MITOS / VERDADES Se nasce empreendedor; Empreendedorismo é montar empresa; Empreendedorismo é sorte; Empreendedorismo pode ser desenvolvido; Só os empreendedores triunfarão.

72 Empreendedorismo - definições 1. Conceito habitual; 2. Conceito geral; 3. Conceito restrito; 4. Como atitude de vida.

73 O EMPREENDEDOR EMPREENDEDORES, EMPREENDEDORES, SÃO PESSOAS QUE FAZEM ACONTECER. A arte de dar o 1º passo. Grandes objetivos sempre claros, com foco. Apetite para fazer tudo com seriedade. Energia alocada ao fazer acontecer. A arte refinada da comunicação. A arte do relacionamento. A arte de amarrar pontas. A arte da criatividade pela visão. A arte do ser pra frente.

74 SER EMPREENDEDOR 1- CONJUNTO DE REALIZAÇÃO Busca de oportunidades e iniciativa. Correr riscos calculados. Persistência. Exigência de qualidade e eficiência. Comprometimento. CARACTERÍSTICAS EMPREENDEDORAS CARACTERÍSTICAS EMPREENDEDORAS SEGUNDO DAVID McCLELLAND

75 SER EMPREENDEDOR 2- CONJUNTO DE PLANEJAMENTO Busca de informações. Estabelecimento de metas. Planejamento e monitoramento sistemáticos. CARACTERÍSTICAS EMPREENDEDORAS CARACTERÍSTICAS EMPREENDEDORAS SEGUNDO DAVID McCLELLAND

76 SER EMPREENDEDOR 3- CONJUNTO DE PODER Independência e autoconfiança. Persuasão e rede de contatos. CARACTERÍSTICAS EMPREENDEDORAS CARACTERÍSTICAS EMPREENDEDORAS SEGUNDO DAVID McCLELLAND

77 Fazendo acontecer... Amplie sua visão de mundo Descubra no que você é bom,...MESMO! Busque as informações necessárias Saiba onde elas estão Quem poderá ajudá-lo ? Que recursos você precisa ?

78 Empreendedor: Atitudes Se acomodar Fazer acontecer

79 Manuais Intelectuais Emocionais Esportivas Comunicação Quais são suas competências/habilidades

80 Fazendo acontecer... EMPREENDEDOR Talento Criatividade Competência + +

81 O que é Empregabilidade ? Competência profissional Adequação profissional Idoneidade Reserva financeira e fontes alternativas Relacionamentos Saúde física e mental Objetivos claros Plano de vida

82 ESTRATÉGIA PESSOAL Valores / Crenças / Princípios Sonhos / Visão Razão da Existência / Missão

83 Sugestão de Plano Pessoal Talento Competência Essencial Metas Visão / Missão Sonho Plano Ação Avaliação Valores / Princípios Modelos Empreen- dedorismo / Disciplina

84 Agora que já sabe... Descubra seus talentos; Desenvolva-os em pontos fortes; Alinhar os Objetivos e Propósitos; Desenvolvimento pessoal; Plano de Negócios; Atitudes Empreendedoras; Alinhar as Estratégias;

85 E principalmente... É preciso dar sentido a tudo isto. Achar um motivo.

86 O Serviço de Apoio à Pequena Empresa no Paraná

87 OBSERVAÇÕES Não há desemprego. O que está desaparecendo é o emprego propriamente dito. William Bridges Fonte: IBGE Somente 50% dos empregos no Brasil são formalizados com 'carteira assinada'. Entre 1980 e 1994, o trabalho por 'conta própria cresceu 37,38%.

88 Processo aprendizagem Mapas mentais / resumos / esquemas 5W3H Perguntas: Definição? O que é? Para que serve? Porquê? Qual a causa? Como surgiu? Quais conseqüências? Pontos +, vantagens? Pontos -, desvantagens? Contribuições, aplicações práticas? Como faz? Mensuração? Como posso uso pessoalmente? Fechar os conceitos

89

90 Eu sou o único responsável pelo meu futuro...

91 Foque seu Objetivo:

92 SUCE$$ !! SÓ OS EMPREENDEDORES TRIUNFARÃO !!! Deus dá a todos uma estrela, Uns fazem da estrela um Sol, Outros nem conseguem vê-la! Helena Kolody

93 Fechar os conceitos Qual o seu sonho? Vale a pena empreender? Baixar o livro

94 Para a próxima aula... Pesquisar sobre Mapa mental e 5W3H. Decidir (prof.): Material de apoio Bibliografia selecionada Disponibilizar

95

96 Obrigado

97 BOA NOITE OBRIGADO !!!!


Carregar ppt "Aula 1 – António Albano Baptista Moreira EMPREENDEDORISMO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google