A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

As actividades, a cadeia e a função Logística Felipe Tatsch Inês Sá Ivo Dias Miguel Silva Logística 2006/07.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "As actividades, a cadeia e a função Logística Felipe Tatsch Inês Sá Ivo Dias Miguel Silva Logística 2006/07."— Transcrição da apresentação:

1 As actividades, a cadeia e a função Logística Felipe Tatsch Inês Sá Ivo Dias Miguel Silva Logística 2006/07

2 As actividades, a cadeia e a função Logística Introdução 2/28 Logística Actividade que planeia, implementa e controla de forma eficaz e eficiente, o fluxo de bens e armazenamento, serviços e informação, do ponto de origem ao ponto de consumo.

3 As actividades, a cadeia e a função Logística3/28 Marcos Históricos Alexandre O Grande…Logístico ! Factores Chave para o seu sucesso: Inclusão da logística no planeamento estratégico Conhecimento detalhado das tropas da oposição, o terreno circundante e calendários de colheita Incorporação inovadora de nova tecnologia de armas Gestão a partir de um único ponto de controle

4 As actividades, a cadeia e a função Logística4/28 Marcos Históricos Alexandre O Grande…Logístico !

5 Marcos Históricos As actividades, a cadeia e a função Logística5/28 Segunda Guerra Mundial – A Guerra da Logística Never before in any war, have supply lines been so long. Never before has so much been supplied over such distances I am confident that logistics experts a few years ago would have said that the execution of the supply operations you have accomplished in the last four years was impossible. I am equally confident that historians in the years to come will write of your supply achievements as one of the miracles of this war denominada guerra de produção e de máquinas planeamento logístico detalhado foi crucial para criar meios de suporte e abastecimento das forças em todo o mundo, incluindo o próprio exército resolução de problemas nada menos que colossais

6 Actividades da Logística As actividades, a cadeia e a função Logística6/28 Podem ser identificados cinco grupos genéricos de actividades logísticas Gestão das infra-estruturas da empresa Constituição e gestão de stocks Comunicação e informação (e os sistemas logísticos relacionados) Movimentação de materiais/produtos Transporte

7 Gestão das Infra-estruturas da empresa Localização Alguns factores que influenciam a localização Fácil Acesso aos Clientes Capacidade de Expansão Localização dos Concorrentes Mão de obra (barata e/ou qualificada) Manutenção Sempre ter peças de reposição básicas Trocar periodicamente maquinas que não podem falhar Actividades da Logística As actividades, a cadeia e a função Logística7/28

8 Gestão das Infra-estruturas da empresa Depósitos (stock) versus Capacidade de Produção Maior stock quando se tem um mercado consumidor desequilibrado Subcontratação versus Incorporação de Serviços Actividades da Logística As actividades, a cadeia e a função Logística8/28

9 As actividades, a cadeia e a função Logística Actividades da Logística 9/28 Constituição e Gestão de Stocks Gestão de Stocks Controlo de Inventários Gestão de Inventários Compra Serviço de Apoio Administrativo custo dos materiais no custo final do produto representam 20-50% do activo de uma empresa rondam 90% do capital circulante ligação entre as actividades de controle de produção e compra previsão do inventário Constituição e Gestão de Stocks Um stock é uma reserva de materiais cujo objectivo é facilitar a produção ou satisfazer a procura dos clientes.

10 As actividades, a cadeia e a função Logística Actividades da Logística 10/28 Necessidade de existência de inventários: Protecção contra as incertezas (procura aleatória, imprevistos) - Stocks de segurança Produção e encomendas de acordo com critérios económicos - Lotes de fabrico e lotes de encomenda (descontos de quantidade) Cobrir antecipadamente flutuações da procura ou do fornecimento (sazonais) Cobrir necessidades de trânsito dos produtos - Produtos em vias de fabrico (entre postos de trabalho) Os inventários incluem: Matérias-primas e componentes Produtos em vias de fabrico Produtos finais

11 As actividades, a cadeia e a função Logística11/28 Informação Planos alternativos Subcontratação de serviços Mercado futuro Informações em real time Gestão de stock e capacidade de produção (Infra-Estrutura) Actividades da Logística

12 As actividades, a cadeia e a função Logística12/28 Comunicação Gestão de ordens e encomendas Produção, armazenagem e transporte Escolha do meio de comunicação Actividades da Logística

13 As actividades, a cadeia e a função Logística Actividades da Logística 13/28 Movimentação de Materiais/Produtos Reformulação de layouts Melhoria da produtividade diminuição do lead time diminuição do em curso Os materiais devem chegar na hora e quantidade certas aos processos produtivos através de planos e das rotas padronizadas

14 As actividades, a cadeia e a função Logística Actividades da Logística 14/28 Movimentação de Materiais/Produtos Embalagem de materiais/produtos Protecção da mercadoria, durante as actividades de logística Exposição ao consumidor, como meio de aumentar as vendas A interacção da embalagem com as operações logísticas Redução da variabilidade de embalagens Proporciona uma padronização de métodos, equipamentos, movimentação e de armazenamento

15 As actividades, a cadeia e a função Logística Actividades da Logística 15/28 Transporte Terrestre Rodoviário Ferroviário Pipeline Marítimo Aéreo

16 As actividades, a cadeia e a função Logística Actividades da Logística 16/28 Rodoviário Capaz de providênciar serviços porta-a-porta Existência de boas infra-estruturas Maior concorrência; Mas Maior dificuldade em cumprir horários Características do transporte

17 As actividades, a cadeia e a função Logística Actividades da Logística 17/28 Ferroviário Grande capacidade de carga Custos relativamente modestos Boa rapidez de deslocamento Tende a manter-se dentro do horário Rentável para distâncias superiores a 800Km Mas Necessidade de linhas ferroviárias distribuídas Susceptível a atrasos no início e no fim do transporte Características do transporte

18 As actividades, a cadeia e a função Logística Actividades da Logística 18/28 Marítimo Meio mais economicamente eficaz de transportar grandes quantidades Capaz de transportar virtualmente qualquer carga Relativamente barato Mas Não apresenta flexibilidade de rotas e terminais Susceptível a atrasos no início e no fim do transporte Características do transporte

19 As actividades, a cadeia e a função Logística Actividades da Logística 19/28 Aéreo Meio mais rápido de mover bens através de grandes distâncias Pouco susceptível a atrasos Capacidade limitada (quer em termos de volume como de peso) Tipo de transporte Belly Cargo Carriers All-Cargo Carriers Mas Mais caro, comparativamente Características do transporte

20 As actividades, a cadeia e a função Logística Cadeia Logística 20/28 Uma cadeia logística é uma rede de distribuidores, retalhistas, transportes, instalações de armazenamento e fornecedores que participam na produção, venda e entrega de um determinado produto

21 As actividades, a cadeia e a função Logística Cadeia Logística 21/28 Principais elementos constituintes da cadeia logística C Como assegurou Alexandre III uma cadeia logística aberta?

22 As actividades, a cadeia e a função Logística Cadeia Logística 22/28 Evolução da cadeia logística

23 As actividades, a cadeia e a função Logística Cadeia Logística 23/28 Decisões da Cadeia Logística

24 As actividades, a cadeia e a função Logística Cadeia Logística 24/28 Importância/Impacto da logística nas Empresas Maior maturidade/ excelência logística Melhor performance Maior competitividade

25 As actividades, a cadeia e a função Logística Função Logística Configuração da Logística => obtenção \ gestão \ distribuição 25/28 Materiais importados Componentes Material em bruto Processo de produção Sub assemblagem Empacotamento Produtos acabados Armazenamento Centros de distribuição Clientes Fluxo de material versus fluxo de informação

26 As actividades, a cadeia e a função Logística Função Logística Objectivo de fornecer os meios para que seja possível executar diferentes actividades alocando recursos: no local certo na hora certa na quantidade certa com a qualidade certa ao preço certo com a linguagem certa 26/28 ( Instituto de Logística e Transporte UK, 1998 )

27 As actividades, a cadeia e a função Logística Conclusão 27/28 Teste 1 Amadores falam em táctica, profissionais falam em logística! A logística que cada empresa adopta é o que define o seu rumo no mercado!

28 As actividades, a cadeia e a função Logística Bibliografia 28/28 The Handbook of Logistics and Distribution Management Logistics and the Out-bound Supply Chain: An Introduction for Engineers By John Meredith Smith Wood, Donald F. International Logistics (2nd Edition) Simchi-Levi, David. Managing the Supply Chain


Carregar ppt "As actividades, a cadeia e a função Logística Felipe Tatsch Inês Sá Ivo Dias Miguel Silva Logística 2006/07."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google