A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Projecto ROSEA. Rede de Observação Sísmica nas Escolas dos Açores ROSEA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Projecto ROSEA. Rede de Observação Sísmica nas Escolas dos Açores ROSEA."— Transcrição da apresentação:

1 Projecto ROSEA

2 Rede de Observação Sísmica nas Escolas dos Açores ROSEA

3 Projecto - PIII-430

4 Entidade proponente: ICTE - Instituto das Ciências da Terra e do Espaço Coordenador: Prof. Doutor Luís Matias

5 Colaboradores: F Instituto Geofísico do Infante D. Luís F Instituto de Meteorologia F Dep. de Geofísica da Univ. de Évora F Dep. de Geociências da Univ. dos Açores F SIVISA

6 Escolas envolvidas: F Escola EB2,3 Rui Galvão Carvalho (Rabo de Peixe) F Escola B/S Dr. Manuel de Arriaga (Horta) F Escola Básica Integrada da Calheta (Calheta) F Escola SGB das Laranjeiras (Ponta Delgada) F Escola SGB da Ribeira Grande (Ribeira Grande) F Escola EB2,3 Rui Galvão Carvalho (Rabo de Peixe) F Escola Cardeal Costa Nunes (Madalena)

7 Estações sísmicas nos Açores F Redes oficiais –Nacional –Mundial F Estações do Projecto ROSEA - futura Rede? –PRCN - Estação da Escola Cardeal Costa Nunes

8 Objectivos - 1ª fase: F Instalação de uma rede de 6 estações sísmicas digitais nas Escolas dos Açores F Operação, manutenção e exploração dos dados obtidos F Desenvolvimento de actividades experimentais nas área das Ciências Naturais (Geologia) e Física relacionadas com a Sismologia e a Vulcanologia

9 F Participação das Escolas nas actividades de investigação científica a realizar no Arquipélago dos Açores com equipamento idêntico ao usado pelos Institutos de investigação F Cooperação das Escolas nas tarefas de vigilância sísmica realizadas pelo SIVISA em caso de emergência Objectivos - 2ª fase:

10 Porquê nos Açores?

11 Pelo seu enquadramento geodinâmico na vizinhança de 3 placas tectónicas

12 Os Açores têm sofrido desde sempre os efeitos destruidores de sismos e vulcões

13 Na ausência de uma previsão sísmica viável, a prevenção sísmica começa pelo estudo correcto destes fenómenos naturais a partir da Escola

14 REde Sismológica INter-Escolar RESINE F IGM - Instituto Geológico e Mineiro

15 REde Sismológica INter-Escolar RESINE F Sismómetro de LEHMAN

16 ROSEA Estação sísmica digital Hathor Aparelho de registo - Antena GPS - Fonte de alimentação - Sensor sísmico

17 Actividades do ROSEA na Escola

18 Recolha dos dados registados pela estação sísmica Sismo sentido no Faial e Pico 30. Dezembro Tratamento e análise dos dados - Comparação com os dados obtidos por outras estações do ROSEA e da rede oficial (SIVISA) - Divulgação dos dados à Escola

19 Integrar actividades desenvolvidas nas aulas das disciplinas em que a Sismologia e a Vulcanologia são alvo de estudo Construir modelos experimentais

20 Investigar o modo de propagação das ondas sísmicas

21

22 Pesquisar informação para conhecer melhor os Açores do ponto de vista geológico

23 Pesquisar informação na Internet sobre Sismologia e Vulcanologia

24 Actividades do ROSEA na Escola Quartas-feiras à tarde das às Contacta os professores: António Barreto e Paulo Ascensão

25 PARTICIPA!


Carregar ppt "Projecto ROSEA. Rede de Observação Sísmica nas Escolas dos Açores ROSEA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google