A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ARTE BARROCA SÉCULO XVII. FeudalismoMercantilismoCrise da sociedade renascentista e Contra- Reforma Arte Medieval Teocentrismo Valorização da vida espiritual.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ARTE BARROCA SÉCULO XVII. FeudalismoMercantilismoCrise da sociedade renascentista e Contra- Reforma Arte Medieval Teocentrismo Valorização da vida espiritual."— Transcrição da apresentação:

1 ARTE BARROCA SÉCULO XVII

2 FeudalismoMercantilismoCrise da sociedade renascentista e Contra- Reforma Arte Medieval Teocentrismo Valorização da vida espiritual Renascimento Humanismo Valorização da vida corpórea Barroco Volta à religiosidade Dilaceramentos: alma x corpo vida x morte claro x escuro céu x terra, etc.

3

4 O Barroco surgiu na Itália, deve-se a uma série de mudanças econômicas, religiosas e sociais ocorridas na época. O grande império cristão começou a fragmentar- se. Contra-Reforma (Companhia de Jesus – ordem religiosa que objetivava no trabalho dos padres jesuítas difundir a fé católica).

5 Barroco: tipo de pérola de formato irregular. Vista como exagerada, arbitrária, ilógica, extravagante, absurda e disforme. Eram essas qualificações que os críticos do séc. XVIII julgaram pertinentes ao estilo.

6 CARACTERÍSTICAS Dramatismo Movimento Luxo Teatralidade Dinamismo Contraste de claro e escuro Predominância da emoção e não da razão

7 Igreja de São Francisco de Assis – Minas Gerais

8

9 ARQUITETURA BARROCA A arquitetura passou a ser encarada como uma grande escultura, o que importava era o efeito do conjunto, o movimento e a riqueza dos detalhes.

10 Praça de São Pedro - Itália

11 IGREJA BARROCA Na igreja barroca é comum a predominância de cúpulas altas e imponentes, usando vários elementos clássicos,como os grecos-romanos, os frontões, arcos e pilares. Seu interior é ricamente decorado, capelas, altares com figuras de santos e anjos para incentivar os fiéis à devoção a Deus.

12 Igreja de São Nicolau - Praga

13 Igreja – Rio de Janeiro

14 Esculturas de santos e padres

15 Afresco

16 O afresco era empregado nos tetos das igrejas, dando a impressão que estávamos a ter a visão paradisíaca do céu. A idéia era fazer com que o espectador esquecesse que havia um teto de madeira sobre sua cabeça e imaginasse que o céu celestial havia rasgado o telhado.

17 Forro da nave da igreja de São Francisco de Assis – Minas Gerais

18 ESCULTURA BARROCA A escultura barroca não decorou somente fachadas, portadas e interiores de igrejas e palácios. Ela também esteve presente nas construções e restaurações de fontes.

19

20

21 CARACTERISTICAS O equilíbrio entre a razão e a emoção, da escultura renascentista, desapareceu, que escolheu a dramaticidade das expressões e o dinamismo dos movimentos.. Predominância de linhas curvas, excesso de dobras nas vestes e a utilização do dourado.

22 Gean Lorenzo Bernini Foi o mais importante escultor barroco, nasceu em Florença, Itália. Arquiteto, urbanista e pintor, tornou-se o principal artista da corte papal e de Roma. A obra-prima de Bernini é O Êxtase de Santa Teresa, na qual o artista mostra a santa desfalecida sobre uma nuvem, expressando prazer e dor.

23 David – mostra grande movimento e vigor

24 PINTURA BARROCA Diferente do Renascimento em que as figuras são apresentadas estáticas como se estivessem posando para um retrato, no Barroco elas passam a ser representadas de forma teatral, jogos de luz dão intensidade dramática à cena, destacando os elementos os elementos mais importantes. O artista busca retratar temas religiosos, mitológicos e do cotidiano. Através de um colorido intenso e de contraste de claro e escuro.

25 Caravaggio Italiano, suas obras possuem um realismo nunca visto anteriormente. Os temas sagrados são retratados como um acontecimento contemporâneo.

26 Sepultura de Cristo

27 Narciso

28 A ceia de Emaus

29 BARROCO ITALIANO ÊNFASE CARACTERÍSTICAS DA PINTURA SIGNIFICADO SÓCIO- CULTURAL PRINCIPAIS ARTISTAS Obras sacras -drama - intensidade - movimento Triunfo da Igreja da Contra- Reforma Pintura - Caravaggio - Carraci Arquitetura e escultura - Bernini - Borromini

30 ( ) CARRACCI ( ) (); Inspirado no estilo renascentista (humanismo); O estilo do Palácio Farnese partiu das melhores fontes do Renascimento – Michelangelo e Rafael; O estilo do Palácio Farnese partiu das melhores fontes do Renascimento – Michelangelo e Rafael; Fundou Accademia degli Incamminati, onde o ensino era baseado no estudo dos mestres renascentistas, da anatomia e do modelo vivo. Fundou Accademia degli Incamminati, onde o ensino era baseado no estudo dos mestres renascentistas, da anatomia e do modelo vivo. LINHA CLASSICISTA

31 Afresco do teto Palácio Farnese, Roma Carraci

32 (1) Caravaggio ( ) - Temas sagrados tratados como acontecimento contemporâneo entre gente humilde; - Fundo escuro e iluminação na diagonal ( teatral ) ; - Impressão pessimista do destino humano; - LINHA NATURALISTA

33 A vocação de S. Mateus Caravaggio

34 Judite e Holofernes – Caravaggio

35 () BERNINI ( ) Maior arquiteto-escultor da Basílica de São Pedro; ( ); Colunata – Bernini (delineada em 1657) – braços maternais da Igreja. OBS: Nave e fachada Carlo Maderno ( ); Colunata – Bernini (delineada em 1657) – braços maternais da Igreja. Obra-prima: O Êxtase de Santa Tereza

36 Colunata São Pedro

37 Baldaquino – Basílica de S. Pedro Bernini

38 O êxtase de Santa Teresa - Bernini

39 Rapto da Proserpina Bernini

40 Detalhe

41 Davi Bernini

42 BARROCO ESPANHOL ÊNFASE CARACTERÍS- TICAS DA PINTURA SIGNIFICADO SÓCIO- CULTURAL PRINCIPAIS ARTISTAS - Obras sacras; - Obras palacianas - Naturezas- mortas - dignidadeReafirma- ção dos valores da nobreza Pintura Velázquez

43 () Diego da Silva y Velázquez ( ) - Pintor oficial da corte de Felipe IV, cria um estilo fluido, cheio de nuances, no qual, sob influência de Rubens, a cor ganhará mais riqueza na repetição dos tons claros e escuros; - Embora se distinga com os retratos da corte, Velázquez também é um admirável pintor da história - A rendição de Breda,1635 – e de composições religiosas ou de nus –Vênus no Espelho.

44 As meninas Velázquez

45 O Papa Inocêncio X Velázquez

46 As fiandeiras – Velázquez

47 Barroco Brasileiro

48


Carregar ppt "ARTE BARROCA SÉCULO XVII. FeudalismoMercantilismoCrise da sociedade renascentista e Contra- Reforma Arte Medieval Teocentrismo Valorização da vida espiritual."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google