A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Assembly Language for Intel-Based Computers, 5 th Edition Capítulo 4: Transferência de Dados, Endereçamento, e Aritmética (c) Pearson Education, 2006-2007.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Assembly Language for Intel-Based Computers, 5 th Edition Capítulo 4: Transferência de Dados, Endereçamento, e Aritmética (c) Pearson Education, 2006-2007."— Transcrição da apresentação:

1 Assembly Language for Intel-Based Computers, 5 th Edition Capítulo 4: Transferência de Dados, Endereçamento, e Aritmética (c) Pearson Education, All rights reserved. You may modify and copy this slide show for your personal use, or for use in the classroom, as long as this copyright statement, the author's name, and the title are not changed. Slides prepared by the author Revision date: June 4, 2006 Kip Irvine

2 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Índice Instrução de Transferência de Dados Adição e Subtração Operadores e Diretivas relacionados a Dados Endereçamento Indireto Instruções JMP e LOOP

3 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instrução de Transferência de Dados Tipos de Operandos Notação de Operandos de Instrução Operandos de Memória por endereçamento Direto Instrução MOV Extensão de Zero & Sign Instrução XCHG Operandos com Deslocamento Direto (Direct- Offset)

4 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Tipos de Operandos Três tipos básicos de operandos: Imediato – uma constante inteira (8, 16, ou 32 bits) Valor é codificado dentro da instrução Registrador – nome de um register O nome do registrador é codificado dentro da instrução Memória – referência a uma posição na memória O endereço da memória é codificado dentro da instrução, ou um registrador contem o endereço de uma posição de memória

5 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Notação de Operandos de Instrução

6 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operandos de Memória por endereçamento direto Um operando de memória por endereçamento direto é uma referência à memória por nome A referência (label) é automaticamente reconhecida pelo assembler.data var1 BYTE 10h.code mov al,var1; AL = 10h mov al,[var1]; AL = 10h alternativa Lembrar de mov al, (2000H) da aula-02.

7 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instrução MOV.data count BYTE 100 wVal WORD 2.code mov bl,count mov ax,wVal mov count,al mov al,wVal; error mov ax,count; error mov eax,count; error Move da fonte para o destino. Sintaxe: MOV destino, fonte É permitido apenas um operando de memória CS, EIP, e IP não podem ser destino Não existe mov imediato para registrador de segmento

8 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez....data bVal BYTE 100 bVal2 BYTE ? wVal WORD 2 dVal DWORD 5.code mov ds,45 mov esi,wVal mov eip,dVal mov 25,bVal mov bVal2,bVal Explicar por que as instruções MOV seguintes são inválidas: Move imediato para DS não permitido Tamanho incompatível EIP não pode ser destino Valor imediato não pode ser destino Move memória-a-memória não permitido

9 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Extensão com Zeros mov bl, b movzx ax,bl; zero-extension Quando se copia um valor menor para um destino maior, a instrução MOVZX estende a parte mais significativa do destino com zeros. O destino deve ser um registrador.

10 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Extensão com Sinal mov bl, b movsx ax,bl; sign extension A instrução MOVSX preenche a parte mais significativa do destino com uma cópia do bit de sinal do operando fonte. O destino deve ser um registrador.

11 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instrução XCHG.data var1 WORD 1000h var2 WORD 2000h.code xchg ax,bx; exchange 16-bit regs xchg ah,al; exchange 8-bit regs xchg var1,bx; exchange mem, reg xchg eax,ebx; exchange 32-bit regs xchg var1,var2; error: two memory operands XCHG troca os valores de dois operandos. Pelo menos um operando deve ser um registrador. Nenhum operando imediato é permitido.

12 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operandos com deslocamento direto (Direct-Offset).data arrayB BYTE 10h,20h,30h,40h.code mov al,arrayB+1; AL = 20h mov al,[arrayB+1]; alternative notation Um deslocamento é adicionado a um label para produzir um endereço efetivo (EA). O endereço é calculado pelo Assembler. Por que arrayB+1 não resulta em 11h?

13 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operandos com deslocamento direto (Direct-Offset) (cont).data arrayW WORD 1000h,2000h,3000h arrayD DWORD 1,2,3,4.code mov ax,[arrayW+2]; AX = 2000h mov ax,[arrayW+4]; AX = 3000h mov eax,[arrayD+4]; EAX = h ; As seguintes instruções são corretas? mov ax,[arrayW-2]; ?? mov eax,[arrayD+16]; ?? O que acontece quando são executadas?

14 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez... Escrever um programa que rearranja os valores de 3 doublewords no seguinte vetor: 3, 1, 2..data arrayD DWORD 1,2,3 passo 2: trocar EAX com o terceiro valor e copiar o valor em EAX para a primeira posição. passo1: copiar o primeiro valor em EAX e trocar com o valor na segunda posição. mov eax,arrayD xchg eax,[arrayD+4] xchg eax,[arrayD+8] mov arrayD,eax

15 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Avaliar... Queremos escrever um programa que soma os 3 bytes seguintes:.data myBytes BYTE 80h,66h,0A5h Qual a avaliação para o seguinte código? mov al,myBytes add al,[myBytes+1] add al,[myBytes+2] Qual a avaliação para o seguinte código ? mov ax,myBytes add ax,[myBytes+1] add ax,[myBytes+2] Alguma outra possibilidade?

16 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Avaliar... (cont).data myBytes BYTE 80h,66h,0A5h Falta algo no código seguinte? movzx ax,myBytes mov bl,[myBytes+1] add ax,bx mov bl,[myBytes+2] add ax,bx; AX = sum Sim: Mover zero a BX antes da instrução MOVZX.

17 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Próxima seção Instrução de Transferência de Dados Adição e Subtração Operadores e Diretivas relacionados a Dados Endereçamento Indireto Instruções JMP e LOOP

18 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Adição e Subtração Instruções INC e DEC Instruções ADD e SUB Instrução NEG Implementando Expressões Aritméticas Flags afetados pela Aritmética Zero Sign Carry Overflow

19 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instruções INC e DEC soma 1, subtrai 1 do operando destino Operando pode ser registrador ou memória INC destino Lógica: destino destino + 1 DEC destino Lógica: destino destino – 1

20 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Exemplos de INC e DEC.data myWord WORD 1000h myDword DWORD h.code inc myWord ; 1001h dec myWord; 1000h inc myDword; h mov ax,00FFh inc ax; AX = 0100h mov ax,00FFh inc al; AX = 0000h

21 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez... Mostrar o valor do operando destino depois que cada instrução é executada:.data myByte BYTE 0FFh, 0.code mov al,myByte; AL = mov ah,[myByte+1]; AH = dec ah; AH = inc al; AL = dec ax; AX = FFh 00h FFh 00h FEFFh

22 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instruções ADD e SUB ADD destino, fonte Lógica: destino destino + fonte SUB destino, fonte Lógica: destino destino – fonte Mesmas regras de operando que a instrução MOV

23 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Exemplos de ADD e SUB.data var1 DWORD 10000h var2 DWORD 20000h.code; ---EAX--- mov eax,var1; h add eax,var2 ; h add ax,0FFFFh; 0003FFFFh add eax,1; h sub ax,1; 0004FFFFh

24 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instrução NEG (negar).data valB BYTE -1 valW WORD code mov al,valB; AL = -1 neg al; AL = +1 neg valW; valW = Nega um operando. O operando pode ser de registrador ou memória. Supondo que AX contenha –32,768, aplicar NEG. O resultado é válido?

25 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instrução NEG e Flags.data valB BYTE 1,0 valC SBYTE -128.code neg valB; CF = 1, OF = 0 neg [valB + 1]; CF = 0, OF = 0 neg valC; CF = 1, OF = 1 O processador implementa NEG usando a seguinte operação interna: zero menos operando (0 – operando) Qualquer operando não zero faz com que o Carry flag seja acionado.

26 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Implementando Expressões Aritméticas Rval DWORD ? Xval DWORD 26 Yval DWORD 30 Zval DWORD 40.code mov eax,Xval neg eax ; EAX = -26 mov ebx,Yval sub ebx,Zval ; EBX = -10 add eax,ebx mov Rval,eax ; -36 Compiladores traduzem expressões matemáticas em linguagem Assembly. Fazer isso manualmente. Por exemplo: Rval = -Xval + (Yval – Zval)

27 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez... mov ebx,Yval neg ebx add ebx,Zval mov eax,Xval sub eax,ebx mov Rval,eax Traduzir a seguinte expressão em linguagem Assembly. Não modificar Xval, Yval, e Zval : Rval = Xval - (-Yval + Zval) Assumir que todos os valores são doublewords com sinal.

28 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Flags afetados pela aritmética A ALU tem um número de flags que refletem o resultado da aritmética e operações com bits Baseado no conteúdo do operando destino Flags essenciais: Zero flag – aciona quando o destino é zero Sign flag – aciona quando o destino é negativo Carry flag – aciona quando um valor sem sinal cair fora do intervalo Overflow flag – aciona quando um valor com sinal cair fora do intervalo A instrução MOV não afeta flags.

29 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Diagrama ilustrativo status flags ALU conditional jumps branching logic arithmetic & bitwise operations part of used by provide attached to affect CPU Pode-se usar diagramas como esse para expressar as relações entre os conceitos da linguagem assembly. executes

30 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Flag Zero (ZF) mov cx,1 sub cx,1 ; CX = 0, ZF = 1 mov ax,0FFFFh inc ax ; AX = 0, ZF = 1 inc ax ; AX = 1, ZF = 0 O flag Zero é acionado quando o resultado de uma operação produz zero no operando destino. Lembrar... Acionar flag é torná-lo igual a 1. Zerar flag é torná-lo igual a 0.

31 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Flag Sign (SF) mov cx,0 sub cx,1 ; CX = -1, SF = 1 add cx,2 ; CX = 1, SF = 0 O flag Sign é acionado quando o operando destino é negativo. O flag é zerado quando o operando destino é positivo. O sign flag é uma cópia do bit de sinal do operando destino mov al,0 sub al,1 ; AL = b, SF = 1 add al,2 ; AL = b, SF = 0

32 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Inteiros com sinal e sem sinal Ponto de vista do Hardware Todas as instruções operam exatamente da mesma forma em inteiros com sinal e sem sinal A CPU não faz distinção entre números inteiros com sinal e sem sinal O programador é o único responsável pelo uso correto dos tipos de dados para cada instrução Added Slide. Gerald Cahill, Antelope Valley College

33 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Flags de Overflow e Carry Ponto de vista do Hardware Como a instrução ADD modifica OF e CF: OF = (carry out do MSB) xor (carry in para MSB) CF = (carry out of the MSB) Como a instrução SUB modifica OF e CF: Nega (NEG) o fonte e soma (ADD) ao destino OF = (carry out do MSB) xor (carry in para MSB) CF = INVERT (carry out do MSB) Added Slide. Gerald Cahill, Antelope Valley College MSB = Most Significant Bit (high-order bit) XOR = eXclusive-OR operation NEG = Negate (same as SUB 0,operand )

34 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Flag Carry (CF) O flag Carry é acionado quando o resultado de uma operação gera um valor valor sem sinal que é fora do intervalo (muito grande ou muito pequeno para o operando destino). mov al,0FFh add al,1; CF = 1, AL = 00 ; Try to go below zero: mov al,0 sub al,1; CF = 1, AL = FF

35 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez … mov ax,00FFh add ax,1; AX= SF= ZF= CF= sub ax,1; AX= SF= ZF= CF= add al,1; AL= SF= ZF= CF= mov bh,6Ch add bh,95h; BH= SF= ZF= CF= mov al,2 sub al,3; AL= SF= ZF= CF= Para cada uma das instruções aritméticas seguintes, mostrar os valores do operando destino e os flags de Sign, Zero e Carry : 0100h FFh h h FFh 1 0 1

36 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Flag Overflow (OF) O flag Overflow é acionado quando o resultado com sinal de uma operação é inválido ou fora do intervalo. ; Example 1 mov al,+127 add al,1; OF = 1, AL = ?? ; Example 2 mov al,7Fh; OF = 1, AL = 80h add al,1 Os dois exemplos são idênticos no binário pois 7Fh é igual a Para determinar o valor do operando destino, é geralmente mais fácil em hexadecimal.

37 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Uma regra simples (Rule of Thumb) Ao somar dois inteiros, lembrar que o flag Overflow é apenas acionado quando... Dois operandos positivos são somados e a sua soma é negativa Dois operandos negativos são somados e sua soma é positiva Qual é o valor do flag Overflow? mov al,80h add al,92h; OF = mov al,-2 add al,+127; OF = 1010

38 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez... mov al,-128 neg al; CF = OF = mov ax,8000h add ax,2; CF =OF = mov ax,0 sub ax,2; CF =OF = mov al,-5 sub al,+125; OF = Quais seriam os valores dos flags para cada operação?

39 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Próxima seção Instrução de Transferência de Dados Adição e Subtração Operadores e Diretivas relacionados a Dados Endereçamento Indireto Instruções JMP e LOOP

40 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operadores e diretivas relacionados a dados Operador OFFSET Operador PTR Operador TYPE Operador LENGTHOF Operador SIZEOF Diretiva LABEL

41 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operador OFFSET OFFSET retorna a distância em bytes, de um label, do início do segmento Modo Protegido: 32 bits Modo Real: 16 bits Os programas em modo protegido tem apenas um segmento ( usando o modelo de memória flat).

42 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Exemplos de OFFSET.data bVal BYTE ? wVal WORD ? dVal DWORD ? dVal2 DWORD ?.code mov esi,OFFSET bVal ; ESI = h mov esi,OFFSET wVal ; ESI = h mov esi,OFFSET dVal ; ESI = h mov esi,OFFSET dVal2; ESI = h Assumindo que o segmento de dados começa em h:

43 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Relacionando a C/C++ ; C++ version: char array[1000]; char * p = array; O valor retornado pelo OFFSET é um ponteiro. Comparar o seguinte código escrito em C++ e linguagem assembly:.data array BYTE 1000 DUP(?).code mov esi,OFFSET array; ESI is p

44 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operador PTR.data myDouble DWORD h.code mov ax,myDouble ; error – why? mov ax,WORD PTR myDouble; loads 5678h mov WORD PTR myDouble,4321h; saves 4321h Sobrepõe o tipo default de um label (variável). Provê a flexibilidade de acesso à parte de uma variável. Lembrar a ordem de armazenamento little endian.

45 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Ordenamento Little Endian O ordenamento Little endian refere-se a forma com que IA-32 guarda dados na memória. Por exemplo, o doubleword h é guardado na forma: Quando os inteiros são carregados da memória para registradores, os bytes são automaticamente reordenados nas posições corretas.

46 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Exemplo de operador PTR.data myDouble DWORD h mov al,BYTE PTR myDouble; AL = 78h mov al,BYTE PTR [myDouble+1]; AL = 56h mov al,BYTE PTR [myDouble+2]; AL = 34h mov ax,WORD PTR myDouble; AX = 5678h mov ax,WORD PTR [myDouble+2]; AX = 1234h

47 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operador PTR (cont).data myBytes BYTE 12h,34h,56h,78h.code mov ax,WORD PTR [myBytes]; AX = 3412h mov ax,WORD PTR [myBytes+2]; AX = 7856h mov eax,DWORD PTR myBytes; EAX = h PTR pode também ser usado para combinar elementos de um tipo de dados menor, movendo-o a um operando maior. O CPU reverte automaticamente os bytes.

48 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez....data varB BYTE 65h,31h,02h,05h varW WORD 6543h,1202h varD DWORD h.code mov ax,WORD PTR [varB+2]; a. mov bl,BYTE PTR varD; b. mov bl,BYTE PTR [varW+2]; c. mov ax,WORD PTR [varD+2]; d. mov eax,DWORD PTR varW; e. Escrever o valor de cada operando destino: 0502h 78h 02h 1234h h

49 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operador TYPE O operador TYPE retorna o tamanho em bytes de um único elemento de uma declaração de dados..data var1 BYTE ? var2 WORD ? var3 DWORD ? var4 QWORD ?.code mov eax,TYPE var1; 1 mov eax,TYPE var2; 2 mov eax,TYPE var3; 4 mov eax,TYPE var4; 8

50 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operador LENGTHOF.data LENGTHOF byte1 BYTE 10,20,30; 3 array1 WORD 30 DUP(?),0,0; 32 array2 WORD 5 DUP(3 DUP(?)); 15 array3 DWORD 1,2,3,4; 4 digitStr BYTE " ",0; 9.code mov ecx,LENGTHOF array1; 32 O operador LENGTHOF conta o número de elementos numa declaração única de dado.

51 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operador SIZEOF.data SIZEOF byte1 BYTE 10,20,30; 3 array1 WORD 30 DUP(?),0,0; 64 array2 WORD 5 DUP(3 DUP(?)); 30 array3 DWORD 1,2,3,4; 16 digitStr BYTE " ",0; 9.code mov ecx,SIZEOF array1; 64 O operador SIZEOF retorna um valor que é equivalente a multiplicar LENGTHOF por TYPE.

52 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Usando Múltiplas Linhas (1 de 2).data array WORD 10,20, 30,40, 50,60.code mov eax,LENGTHOF array; 6 mov ebx,SIZEOF array; 12 Uma declaração de dados usa múltiplas linhas se cada linha (exceto a última) termina com vírgula. Os operadores LENGTHOF e SIZEOF incluem todas as linhas pertencentes à declaração:

53 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Usando Múltiplas Linhas (2 de 2).data arrayWORD 10,20 WORD 30,40 WORD 50,60.code mov eax,LENGTHOF array; 2 mov ebx,SIZEOF array; 4 No exemplo seguinte, array identifica somente a primeira declaração de WORD. Comparar os valores que retornam pelo LENGTHOF e SIZEOF com o slide anterior:

54 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Diretiva LABEL Atribui um nome e tipo de label alternativo a uma posição existente LABEL não aloca nenhum dado a si próprio Remove a necessidade do operador PTR.data dwList LABEL DWORD wordList LABEL WORD intList BYTE 00h,10h,00h,20h.code mov eax,dwList; h mov cx,wordList; 1000h mov dl,intList; 00h

55 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Próxima seção Instrução de Transferência de Dados Adição e Subtração Operadores e Diretivas relacionados a Dados Endereçamento Indireto Instruções JMP e LOOP

56 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Endereçamento Indireto Operandos Indiretos Exemplo de soma de vetor Operandos Indexados Ponteiros

57 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operandos indiretos (1 de 2).data val1 BYTE 10h,20h,30h.code mov esi,OFFSET val1 mov al,[esi]; dereference ESI (AL = 10h) inc esi mov al,[esi]; AL = 20h inc esi mov al,[esi]; AL = 30h Um operando indireto refere-se ao endereço, geralmente, de um vetor ou cadeia. Funciona com um ponteiro.

58 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operandos indiretos (2 de 2).data myCount WORD 0.code mov esi,OFFSET myCount inc [esi]; error: ambiguous inc WORD PTR [esi]; ok Usar PTR para determinar o tamanho de um operando de memória. PTR seria usado aqui? add [esi],20 Sim, porque [esi] pode apontar para um byte, word, ou doubleword

59 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Exemplo de soma de vetor.data arrayW WORD 1000h,2000h,3000h.code mov esi,OFFSET arrayW mov ax,[esi] add esi,2; or: add esi,TYPE arrayW add ax,[esi] add esi,2 add ax,[esi]; AX = sum of the array Operandos indiretos são ideais para vetores. Note que o registrador entre colchetes deve ser incrementado por um valor que coincide com o tipo do vetor. Modificar este exemplo para um vetor de doublewords.

60 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Operandos indexados.data arrayW WORD 1000h,2000h,3000h.code mov esi,0 mov ax,[arrayW + esi] ; AX = 1000h mov ax,arrayW[esi]; alternate format add esi,2 add ax,[arrayW + esi] etc. Um operando indexado soma uma constante a um registrador para gerar um endereço efetivo. Existem duas formas de notação: [label + reg]label[reg] Modificar o exemplo para um vetor de doublewords.

61 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Índice com escala.data arrayB BYTE 0,1,2,3,4,5 arrayW WORD 0,1,2,3,4,5 arrayD DWORD 0,1,2,3,4,5.code mov esi,4 mov al,arrayB[esi*TYPE arrayB]; 04 mov bx,arrayW[esi*TYPE arrayW]; 0004 mov edx,arrayD[esi*TYPE arrayD]; Pode-se usar um fator de escala (tipo do vetor) ao endereço de um operando indireto ou indexado.

62 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, ponteiros.data arrayW WORD 1000h,2000h,3000h ptrW DWORD arrayW.code mov esi,ptrW mov ax,[esi]; AX = 1000h Pode-se declarar uma variável ponteiro que contem o offset de uma outra variável. Formato alternativo: ptrW DWORD OFFSET arrayW

63 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Próxima seção Instrução de Transferência de Dados Adição e Subtração Operadores e Diretivas relacionados a Dados Endereçamento Indireto Instruções JMP e LOOP

64 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instruções JMP e LOOP Instrução JMP Instrução LOOP Exemplo de LOOP Somando um vetor de inteiros Copiando uma cadeia (String)

65 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instrução JMP top:. jmp top JMP é um saldo incondicional a um label que é usualmente dentro de um mesmo procedimento. Sintaxe: JMP target Lógica: EIP target Exemplo: Um jump para fora do procedimento deve ser um tipo especial de label chamado de label global.

66 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Instrução LOOP A instrução LOOP cria um loop com contador Sintaxe: LOOP target Lógica: ECX ECX – 1 se ECX != 0, salta para target Implementação: O assembler calcula a distância, em bytes, entre o offset da instrução seguinte e o offset do target, chamada offset relativo. O offset relativo é somado ao EIP.

67 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Exemplo de LOOP B8 0000mov ax, B mov ecx, C1L1:add ax,cx C E2 FBloop L E O loop seguinte calcula a soma dos inteiros : Quando LOOP é executado, a posição corrente = E (offset da instrução seguinte) é somado com –5 (FBh) causando um salto para a posição : E + FB offsetmachine codesource code

68 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez... Se o offset relativo é codificado num byte com sinal, (a) qual é o maior jump retroativo possível? (b) qual é o maior jump progressivo possível? (a) 128 (b) +127

69 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez... Qual o valor final de AX? mov ax,6 mov ecx,4 L1: inc ax loop L1 Quantas vezes o loop executa? mov ecx,0 X2: inc ax loop X2 10 4,294,967,296

70 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Loop aninhado Se necessitamos codificar um loop dentro de um loop, deve-se salvar o valor do contador do loop externo ECX. No exemplo seguinte, o loop externo executa 100 vezes e o loop interno 20 vezes..data count DWORD ?.code mov ecx,100; set outer loop count L1: mov count,ecx; save outer loop count mov ecx,20; set inner loop count L2:.. loop L2; repeat the inner loop mov ecx,count; restore outer loop count loop L1; repeat the outer loop

71 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Somando um vetor de inteiros.data intarray WORD 100h,200h,300h,400h.code mov edi,OFFSET intarray; address of intarray mov ecx,LENGTHOF intarray; loop counter mov ax,0; zero the accumulator L1: add ax,[edi]; add an integer add edi,TYPE intarray; point to next integer loop L1; repeat until ECX = 0 O seguinte código calcula a soma de um vetor de inteiros de 16 bits

72 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez... Que mudança voce faria ao programa anterior se fosse somar um vetor de doublewords?

73 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Copiando uma cadeia.data source BYTE "This is the source string",0 target BYTE SIZEOF source DUP(0).code mov esi,0; index register mov ecx,SIZEOF source; loop counter L1: mov al,source[esi]; get char from source mov target[esi],al; store it in the target inc esi; move to next character loop L1; repeat for entire string good use of SIZEOF O seguinte código copia uma cadeia de fonte para destino:

74 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sua vez... Reescrever o programa anterior usando endereçamento indireto ao invés de endereçamento indexado.

75 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, Sumário Transferência de dados MOV – data transfer from source to destination MOVSX, MOVZX, XCHG Tipos de operandos direct, direct-offset, indirect, indexed Aritmética INC, DEC, ADD, SUB, NEG Sign, Carry, Zero, Overflow flags Operadores OFFSET, PTR, TYPE, LENGTHOF, SIZEOF, TYPEDEF JMP e LOOP – branching instructions

76 Web siteWeb site ExamplesExamples Irvine, Kip R. Assembly Language for Intel-Based Computers 5/e, The End


Carregar ppt "Assembly Language for Intel-Based Computers, 5 th Edition Capítulo 4: Transferência de Dados, Endereçamento, e Aritmética (c) Pearson Education, 2006-2007."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google