A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

N OVA O RTOGRAFIA Professoras: Celia Della Méa, Eliane Rangel, Nilsa Barin e Valeria Iensen Bortoluzzi.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "N OVA O RTOGRAFIA Professoras: Celia Della Méa, Eliane Rangel, Nilsa Barin e Valeria Iensen Bortoluzzi."— Transcrição da apresentação:

1 N OVA O RTOGRAFIA Professoras: Celia Della Méa, Eliane Rangel, Nilsa Barin e Valeria Iensen Bortoluzzi

2 REFLEXÕES SOBRE O NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO DA LÍNGUA PORTUGUESA A língua é viva, pulsante. Palavras e expressões, em voga num período, caem em desuso em outro. Não há academias que possam deter a dinâmica histórica de uma língua. Não há consenso sobre a forma de falar, mas é possível um acordo sobre como escrever? O mais adequado seria facto ou fato? Pequeno-almoço ou café-da-manhã? Banda desenhada ou histórias em quadrinhos? O novo Acordo Ortográfico busca um consenso, ele não mexe na nossa forma de falar, mas procura padronizar a escrita da língua portuguesa dos oito países signatários (Brasil, Portugal, Timor Leste, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe), facilitando o mercado editorial entre os países. A ortografia ( horto = correto; grafia = escrita) é um dos aspectos mais importantes das línguas escritas, mas é também um dos mais polêmicos, pois já foi motivo de acirrados embates linguísticos ao longo dos tempos (presente desde o século XVI nas primeiras gramáticas de nosso idioma).

3 O novo Acordo Ortográfico, de 1986/1990, mais recente tentativa de unificação do português entre os países que o têm como idioma oficial, é, portanto, um documento que institui a vigência de novas regras ortográficas às nações que compõem a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (aprovação de um vocabulário comum e de regras ortográficas). O Português é falado, aproximadamente, por 240 milhões de pessoas (mais de 180 milhões no Brasil), é a sexta língua mais falada no mundo. Por isso, uma reforma não é algo simples e sem consequências. Embora não ultrapasse 2% do vocabulário global do idioma, trata-se de um projeto amplo cujas consequências deverão aparecer no meio editorial, nas escolas, na imprensa, enfim, em todo âmbito social em que a escrita é um elemento indispensável (1,6% do universo lexical português será afetado e 0,5% do Brasil). Com a unificação da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa(CPLP), o Português pode se tornar um dos idiomas oficiais da ONU.

4 CRONOLOGICAMENTE CRONOLOGICAMENTE: 1986 – ano da idealização do acordo (1º encontro da CPLP, no Rio de Janeiro) – assinatura oficial em Lisboa, mas o acordo não obteve as ratificações necessárias para que as regras fossem válidas. O Brasil o ratificou apenas em – foi assinado um protocolo modificativo que extinguia a cláusula do acordo que definia o ano de 1994 como limite para sua entrada em vigor – foi assinado outro protocolo modificativo que determinava a necessidade de ratificação de apenas três países para fazer vigorar o acordo; nesse ano houve a inclusão do Timor Leste entre os países participantes do acordo (Brasil, 2004; São Tomé e Príncipe e Cabo Verde, 2006) – ano da ratificação do Acordo por Portugal ( definindo que as mudanças em sua ortografia só passariam a valer dentro de seis anos). No Brasil, porém, a transição acontecerá até dezembro de 2012, período em que as duas formas coexistirão.

5 MUDANÇAS NO ALFABETO O alfabeto passa a ter 26 letras. Foram reintroduzidas as letras k, w e y. O alfabeto completo passa a ser: A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z As letras k, w e y, que na verdade não tinham desaparecido da maioria dos dicionários da nossa língua, são usadas em várias situações. Por exemplo: a)na escrita de símbolos de unidades de medida: km (quilômetro), kg (quilograma), W (watt); b)na escrita de palavras e nomes estrangeiros (e seus derivados): show, playboy, playground, windsurf, kungfu, William, kaiser, Kafka, kafkiano.

6 TREMA Como era Agüentar Argüir Bilíngüe Cinqüenta Delinqüente Eloqüente Ensangüentado Freqüente Lingüiça Seqüência Seqüestro Tranqüilo Como fica Aguentar Arguir Bilíngue Cinquenta Delinquente Eloquente Ensanguentado Frequente Linguiça Sequência Sequestro Tranquilo Não se usa mais o trema (¨), sinal colocado sobre a letra u para indicar que ela deve ser pronunciada nos grupos gue, gui, que, qui. São exceções os nomes próprios e seus derivados: Müller - mülleriano

7 MUDANÇAS NAS REGRAS DE ACENTUAÇÃO Como era Andróide Apóia (verbo apoiar) Apóio (verbo apoiar) Asteróide Bóia Colméia Estréia Estréio (verbo estrear) Geléia Heróico Idéia Jibóia Jóia Odisséia Paranóia Platéia Como fica Androide Apoia (verbo apoiar) Apoio (verbo apoiar) Asteroide Boia Colmeia Estreia Estreio (verbo estrear) Geleia Heroico Ideia Jiboia Joia Odisseia Paranoia Plateia 1.Não se usa mais o acento dos ditongos abertos éi e ói das palavras paroxítonas (palavras que têm acento tônico na penúltima sílaba).

8 Atenção: essa regra é válida somente para palavras paroxítonas. Assim, continuam a ser acentuadas as palavra oxítonas terminadas em éis, éu, éus, ói, óis. Exemplos: pap éis, her ói, her óis, trof éu, trof éus. Obs.:Em março saiu uma NOTA EXPLICATIVA da ABL informando que em palavras paroxítonas terminadas em R, acentua-se o ei, ói como em Méier, destróier e blêizer. Como era Baiúca Bocaiúva Feiúra Como fica Baiuca Bocaiuva Feiura Atenção : se a palavra for oxítona e o i ou o u estiverem em posição final (ou seguidos de s), o acento permanece. Exemplos: tuiui ú, tuiui ús, Piau í. 2.Nas palavras paroxítonas, não se usa mais o acento no i e no u tônicos quando vierem depois de um ditongo.

9 3.Não se usa mais o acento das palavras terminadas em eem e oo(s). Como era Abençôo Crêem (verbo crer) Dêem (verbo dar) Dôo (verbo doar) Enjôo Lêem (verbo ler) Perdôo (verbo perdoar) Povôo (verbo povoar) Vêem (verbo ver) Vôos Como fica Abençoo Creem (verbo crer) Deem (verbo dar) Doo (verbo doar) Enjoo Leem (verbo ler) Perdoo (verbo perdoar) Povoo (verbo povoar) Veem (verbo ver) Voos

10 Como era Ele pára o carro. Ele foi ao pólo Norte. Ele gosta de jogar pólo. Esse gato tem pêlos brancos. Comi uma pêra. Como era Ele para o carro. Ele foi ao polo Norte. Ele gosta de jogar polo. Esse gato tem pelos brancos. Comi uma pera. 4.Não se usa mais o acento que diferenciava os pares: pára/para péla(s)/ pela(s) pêlo(s)/pelo(s) pólo(s)/polo(s) e pêra/pera.

11 ATENÇÃO: Permanece o acento diferencial em pôde (3a pessoa do singular pretérito perfeito do indicativo) e pode (3a pessoa do singular presente do indicativo). Exemplo: Ontem, ele não pôde sair mais cedo, mas hoje ele pode. Permanece o acento diferencial em pôr/por. Pôr é verbo. Por é preposição. Exemplo: Vou pôr o livro na estante que foi feita por mim. Permanecem os acentos que diferenciam o singular do plural dos verbos ter e vir. Exemplos: Ele tem dois carros. / Eles têm dois carros. Ele vem de Sorocaba. / Eles vêm de Sorocaba. Ele mantém a palavra. / Eles mantêm a palavra. Ele convém aos estudantes. / Eles convêm aos estudantes. Ele detém o poder. / Eles detêm o poder. Ele intervém em todas as aulas. / Eles intervêm em todas as aulas.

12 5.Não se usa mais o acento agudo no u tônico das formas (tu) arguis, (ele) argui, (eles) arguem, do presente do indicativo dos verbos arguir e redarguir. 6.Há uma variação na pronúncia dos verbos terminados em guar, quar e quir, como aguar, averiguar, apaziguar, desaguar, enxaguar, obliquar, delinquir, etc. Veja: a)se forem pronunciadas com a ou i tônicos, essas formas devem ser acentuadas. verbo enxaguar: enx á guo, enx á guas, enx á gua, enx á guam; enx á gue, enx á gues, enx á guem. verbo delinquir: del í nquo, del í nques, del í nque, del í nquem; del í nqua, del í nquas, del í nquam. b)se forem pronunciadas com u tônico, essas formas deixam de ser acentuadas. verbo enxaguar: enxaguo, enxaguas, enxagua, enxaguam; enxague, enxagues, enxaguem. verbo delinquir: delinquo, delinques, delinque, delinquem; delinqua, delinquas, delinquam.

13 EXERCÍCIOS

14 Assembleias, ideias, Müller, estreia, Bocaiuva, plateia, apoio, heróis, troféus

15 estreia, voo, Parnaíba, Piauí, leem, Müller, creem, assembleias, pôde, país, têm, convém

16 Prefixo terminado por VOGAL + VOGAL IGUAL (usa-se hífen) anti-inflamatório contra-ataque micro-ondas semi-integral auto-observação Prefixo terminado porVOGAL + VOGAL DIFERENTE (não se usa hífen) Prefixo terminado por VOGAL + VOGAL DIFERENTE (não se usa hífen) autoestrada extraoficial infraestrutura semianalfabeto coautor hidroelétrico plurianual reinvenção

17 Prefixo terminado por VOGAL + R OU S (não se usa hífen e duplica-se a consoante) antirracismo antissemita contrassenha semirreta suprarrenal antirrugas neorrealismo ultrarromântico Qualquer prefixo + H (usa-se hífen) anti-higiênico super-homem extra-horário mini-hotel ultra-humano supra-humano

18 PrefixosHIPER,INTEReSUPER+ R, TRANS + S (usa-se hífen) Prefixos HIPER, INTER e SUPER + R, TRANS + S (usa-se hífen) hiper-requintado inter-racial super-romântico trans-social Prefixo CIRCUM, PAN + V OGAL, M, N (usa-se hífen) pan-americano circum-adjacente circum-navegação

19 PrefixosPRO,PRE,REeCO(em qualquer situação, não se usa hífen) Prefixos PRO, PRE, RE e CO (em qualquer situação, não se usa hífen) Propor Coabitar Reabastecer Preencher Reidratar Reumanizar Reaver Reabilitar Prefixos CARBO e ZOO (admite-se a escritura com ou sem hífen) carboidrato e carbo-hidrato zooematita e zoo-hematita PrefixosAB,OB, SOB, SUBeAD+B, H ou R(usa-se hífen) Prefixos AB, OB, SOB, SUB e AD + B, H ou R (usa-se hífen) Ad-renal ( Ab-rogar (adotar) Sub-humano

20 Pseudoprefixos:,,,,,,,,, (usa-se hífen) Pseudoprefixos: ALÉM, AQUÉM, RECÉM, SEM, EX, VICE, PRÉ, PRÓ, PÓS, GRÃ, GRÃO (usa-se hífen) recém-nascido além-mar sem-terra pós-graduação pré-vestibular ex-senador vice-governador O HÍFEN é abolido quando não se tem a noção de que a palavra é composta. mandachuva paraquedas girassol pontapé

21 Usa-se HÍFEN para ligar encadeamentos vocabulares Ponte Rio-Niterói Eixo Rio-São Paulo Não se usa mais o HÍFEN para ligar os advérbios NÃO e QUASE a um substantivo, quando eles funciona como verdadeiro prefixo (=in-) Não comparecimento Não pagamento Quase contrato

22 Advérbios BEM e MAL + VOGAL ou H (usa-se hífen) Bem-estar/mal-estar Bem-humorado/mal-humorado Bem-aventurado/mal-aventurado Bem-criado/malcriado Bem-mandado/malmandado Bem-nascido/malnascido Obs.: o advérbio BEM pode não se aglutinar com palavras começadas por consoantes Exceções:,,, (quer BEMtenha ou não vida à parte). Exceções: benfazejo, benfeito, benfeitor, benquerença (quer BEM tenha ou não vida à parte).

23 E XERCÍCIOS 2.O hífen será sempre usado entre prefixos e palavras iniciadas pela letra: a)( ) r como ultra-risível b)( ) h como anti-higiênico c)( ) p como mini-pires d)( ) t como sobre-tudo 3. O hífen deixará de ser usado quando o prefixo terminar em vogal e o segundo elemento começar por consoante diferente de r ou s. Qual é a exceção? a)( ) O prefixo vice, que levará sempre o hífen. b)( ) A palavra auto-escola. c)( ) Termos econômicos, como agro-industrial. d)( ) O prefixo mini, que passará a levar hífen.

24 4.Se o prefixo terminar em consoante, quando não se usa o hífen? a)( ) Quando o segundo elemento começar por vogal, como em hiperativo. b)( ) Quando o prefixo terminar em m, como em semterra. c)( ) Quando a segunda palavra iniciar com r, como em interregional. d)( ) Apenas na expressão hiperativo. 5.Qual dos grupos abaixo contém um prefixo que NÃO exigirá sempre o uso do hífen? a)( ) ex, sem, além b)( ) aquém, recém, pós c)( ) pré, pró, ultra d)( ) sem, ex, pré 6.Em qual dos exemplos abaixo o hífen está empregado da forma errada? a)( ) ex-diretor b)( ) vice-presidente c)( ) super-econômico d)( ) inter-racial

25 7.Em relação ao uso do hífen, para cada palavra, assinale a alternativa correta, de acordo com o novo acordo ortográfico: a)( ) bem criado b)( ) extra-oficial c)( ) ultra-som d)( ) infraestrutura e)( ) contra-regra f)( ) interregional g)( ) micro-ondas h)( ) antiinflamatório i)( ) coocupante j)( ) para-lama k)( ) recém casados l)( ) des-humano m)( ) vice-campeão n)( ) panamericano o)( ) superomem ( ) bem-criado ( ) extraoficial ( ) ultrassom ( ) infra-estrutura ( ) contrarregra ( ) inter-regional ( ) microondas ( ) anti-inflamatório ( ) co-ocupante ( ) paralama ( ) recém-casados ( ) desumano ( ) vicecampeão ( ) pan-americano ( ) super-homem

26 9.Leia o texto abaixo e indique quais das palavras sublinhadas estão incorretas pelo novo acordo ortográfico: Vindos do Piauí, Andréia e Ataíde, heróis semi-indolentes de muitos atos heróicos, resolvem praticar mais um heroísmo, desta vez imbuídos de auto-suficiência ainda maior. Aparentando total tranqüilidade, vão assistir a uma peça de teatro. Antes de pegarem o ingresso, argúem sobre a qualidade do ato, ao que o responsável redargúi tratar-se de um espetáculo ímpar. Sem demonstrar qualquer tipo de paranormalidade e sem pôr seus pêlos de pé nem demonstrar enjôo, mas, cruéis como sempre, entram na sala aos gritos e atiram, assustando a platéia e provocando um escarcéu nunca visto. O feiúme é tão grande que atores e platéia, depois de se entreolharem, sem tempo para sobreerguerem os braços e, não esperando contra-ordem, saem do recinto na rapidez do ultra-som e deslocam-se em direção ao microônibus. Apesar de anti-religiosos, desta vez rezam até mesmo macroorações destinadas a deuses e semideuses. Enquanto isso, os heróis desta microistória se livram dos disfarces, sobem até o telhado e, suavemente, descem de pára-quedas sem serem percebidos. Vindos do Piauí, Andreia e Ataíde, heróis semi-indolentes de muitos atos heroicos, resolvem praticar mais um heroísmo, desta vez imbuídos de autossuficiência ainda maior. Aparentando total tranquilidade, vão assistir a uma peça de teatro. Antes de pegarem o ingresso, arguem sobre a qualidade do ato, ao que o responsável redargui tratar-se de um espetáculo ímpar. Sem demonstrar qualquer tipo de paranormalidade e sem pôr seus pelos de pé nem demonstrar enjoo, mas, cruéis como sempre, entram na sala aos gritos e atiram, assustando a plateia e provocando um escarcéu nunca visto. O feiume é tão grande que atores e plateia, depois de se entreolharem, sem tempo para sobre-erguerem os braços e, não esperando contraordem, saem do recinto na rapidez do ultrassom e deslocam-se em direção ao micro-ônibus. Apesar de antirreligiosos, desta vez rezam até mesmo macro-orações destinadas a deuses e semideuses. Enquanto isso, os heróis desta micro-história se livram dos disfarces, sobem até o telhado e, suavemente, descem de paraquedas sem serem percebidos.

27 10.Avalie se as palavras sublinhadas nas sentenças abaixo estão corretas, segundo as novas regras ortográficas que entraram em vigor em 2009, marcando Certo ou Errado. Palavra sublinhada Cert o Errad o A crise financeira dos EUA pode trazer conseqüências para o Brasil. Quando ele para para pensar, desiste. Livro de auto-ajuda permanece no topo da lista dos mais vendidos. A sonda Phoenix realizou um pouso histórico no pólo Norte de Marte. O consumo frequente de álcool durante a juventude causa danos ao cérebro. A idéia do presidente é que todos os países se unam contra o aquecimento. O empresário deve cumprir pena por roubo em regime semiaberto. Avião permitirá que passageiros fumem durante o vôo. O síndico marcou uma assembleia para decidir sobre a reforma do prédio. Pesquisa revela que 97% dos brasileiros crêem em Deus. Palavra sublinhadaCert o Errad o A crise financeira dos EUA pode trazer conseqüências para o Brasil. X Quando ele para para pensar, desiste. X Livro de auto-ajuda permanece no topo da lista dos mais vendidos. X A sonda Phoenix realizou um pouso histórico no pólo Norte de Marte. X O consumo frequente de álcool durante a juventude causa danos ao cérebro. X A idéia do presidente é que todos os países se unam contra o aquecimento. X O empresário deve cumprir pena por roubo em regime semiaberto. X Avião permitirá que passageiros fumem durante o vôo. X O síndico marcou uma assembleia para decidir sobre a reforma do prédio. X Pesquisa revela que 97% dos brasileiros crêem em Deus. X

28 Palavra sublinhada Cert o Errad o A estréia de Katie Holmes foi marcada por protestos. O coautor do estudo explicou que a descoberta ajuda no tratamento do câncer. Os homens mais vaidosos já encontram no mercado tipos de creme antirrugas. Ela perdeu tudo que estava dentro da caixa de joias. Cerca de 5% da população mundial têm comportamento anti-social. O ex-vereador participou da reunião extraoficial durante a madrugada. No momento decisivo, ele recuou e desistiu de saltar de pára-quedas. Eu apoio qualquer acordo entre os países. Ele achou a nova estátua uma feiúra. Ela é a coherdeira da indústria da soja. Palavra sublinhadaCert o Errad o A estréia de Katie Holmes foi marcada por protestos. X O coautor do estudo explicou que a descoberta ajuda no tratamento do câncer. X Os homens mais vaidosos já encontram no mercado tipos de creme antirrugas. X Ela perdeu tudo que estava dentro da caixa de joias. X Cerca de 5% da população mundial têm comportamento anti-social. X O ex-vereador participou da reunião extraoficial durante a madrugada. X No momento decisivo, ele recuou e desistiu de saltar de pára-quedas. X Eu apoio qualquer acordo entre os países. X Ele achou a nova estátua uma feiúra. X Ela é a coherdeira da indústria da soja. X

29 BIBLIOGRAFIA SACCONI, Luiz Antonio. Nossa gramática completa Sacconi : teoria e prática. São Paulo: Nova Geração, TERRA EDUCAÇÃO. Quiz. Disponível em, acessado em 04/01/2009, às 20h32min. CENTRO DE FORMAÇÃO, TREINAMENTO E APERFEIÇOAMENTO (CEFOR). Reforma ortográfica : tutorial. Disponível em, acessado em 04/01/2009, às 21h07min.


Carregar ppt "N OVA O RTOGRAFIA Professoras: Celia Della Méa, Eliane Rangel, Nilsa Barin e Valeria Iensen Bortoluzzi."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google